Fanfics de Delírio

A bulimia da mente e a anorexia do medo. escrita por ~Meillierdepreto

Fanfic / Fanfiction A bulimia da mente e a anorexia do medo.
Terminada
Capítulos 1
Palavras 174
Atualizada
Idioma Português
Categorias Delírio
Gêneros Drama (Tragédia)
Especialmente para mulheres que tenham anorexia ou bulimia. Sejam fortes.

ANOREXIA- Distúrbio alimentar que leva o indivíduo à obsessão pelo seu peso e por aquilo que come.

BULIMIA-
Grave distúrbio alimentar caracterizado pela compulsão por comer, seguida de métodos para evitar o ganho de peso.
  • 5
  • 1

Darkness escrita por ~lh_carrillo

Fanfic / Fanfiction Darkness
Em andamento
Capítulos 43
Palavras 48.710
Atualizada
Idioma Português
Categorias 30 Dias de Noite, 50 Tons de Cinza, A 5ª Onda, A Cabana, A Cidade das Sombras, A Colina Escarlate, A Culpa É Das Estrelas, A Experiência, A Garota da Capa Vermelha, A Hora do Pesadelo, A Hospedeira, A Morte do Demônio (Evil Dead), A Orfã, A Rainha dos Condenados, Agora e para Sempre, Alice no País das Maravilhas (Alice in Wonderland), American Horror Story, Amizade Colorida, Anjos da Noite (Underworld), Anjos e Demônios, Azul é a Cor Mais Quente, Christine, Cidades de Papel (Paper Towns), Como Eu Era Antes de Você, Como viver para sempre, Coração de Tinta, Coraline, Delírio, Divergente, Ecos da Morte, Fallen, Garota Exemplar, Gossip Girl, João e Maria, Jogos Vorazes (The Hunger Games), Once Upon a Time, Orange Is the New Black, Saga Beautiful Creatures, Saga Crepúsculo, Salt, Se Eu Ficar, Silent Hill, Sombras da Noite
Gêneros Aventura, Crossover, Famí­lia, Ficção, Mistério, Misticismo, Orange, Romance e Novela, Sobrenatural, Suspense, Terror e Horror, Violência
"Como posso fugir da escuridão se ao fechar meus olhos é com ela que me encontro?".

Ana viu sua vida virar de ponta-cabeça após a morte de seus pais, tudo mudou. A noite chegou e ela não conseguia mais dormir em paz, tudo o que via a puxava para as trevas, até conhecer Matt, um garoto diferente que chamou sua atenção.
Mas Matt desapareceu sem deixar rastros e agora Ana precisa encontrá-lo, precisa da luz que Matt exala, não existem pesadelos quando estão juntos, nem medo.
Será Matt a salvação para a escuridão que persegue Ana?
Ana encontrará Matt?
É possível viver apenas na luz?
"Todos temos trevas em nós".
Fechar os olhos não é uma opção.
  • 94
  • 81

Amor imperfeito escrita por ~Reneesme18

Fanfic / Fanfiction Amor imperfeito
Em andamento
Capítulos 1
Palavras 92
Atualizada
Idioma Português
Categorias Delírio
Gêneros Colegial, Drama (Tragédia), Escolar, Esporte, Festa, Poesias
Você era minha melhor amiga, e secretamente apaixonada por mim. Me desculpe, é que como você mesma dizia: sou tapado e não percebo as coisas.
  • 0
  • 0

Historias de um gay que ama: Vamos falar serio? escrita por ~David_L

Fanfic / Fanfiction Historias de um gay que ama: Vamos falar serio?
Em andamento
Capítulos 2
Palavras 717
Atualizada
Idioma Português
Categorias Delírio
Gêneros Ação, Aventura, Colegial, Comédia, Escolar, Famí­lia, Lírica, Romance e Novela, Violência
Bem vindo ao meu maravilhoso mundo. Quase desmoronando. Contudo, conheci, finalmente, alguém com tamanha reciprocidade.
  • 3
  • 1

Your Notepad love / Psycho escrita por ~Erika_Natally

Fanfic / Fanfiction Your Notepad love / Psycho
Em andamento
Capítulos 1
Palavras 155
Atualizada
Idioma Português
Categorias A Culpa É Das Estrelas, Delírio
Gêneros Festa, Poesias, Romance e Novela, Terror e Horror
Aqui você ira encontrar breves relatos de uma garota desconhecida, falando um pouco sobre o que ela pensa, sente e vai dizer a você, palavras bonitas. Mas também, coisas ruins, afinal, a vida não é só felicidade.

Fique a vontade, e aproveite meus versos de terror e romance, que entrarão em sua vida.
  • 1
  • 1

Delírio escrita por ~neganswife

Fanfic / Fanfiction Delírio
Em andamento
Capítulos 3
Palavras 4.932
Atualizada
Idioma Português
Categorias Delírio, Norman Reedus
Gêneros Crossover, Drama (Tragédia), Romance e Novela
Muito tempo atrás, não se sabia que o amor era a pior de todas as doenças. Uma vez instalado na corrente sanguínea, não há como contê-lo. Agora a realidade é outra. A ciência já é capaz de erradicá-lo, e o governo obriga que todos os cidadãos sejam curados ao completar dezoito anos. Lauren está entre os jovens que aguardam esse dia. Viver sem a doença é viver sem dor: sem arrebatamento, sem euforia, com tranqüilidade e segurança. Depois de curada, ela será encaminhada pelo governo para sua nova vida e um marido lhe será designado. Lauren tem plena confiança de que as imposições das autoridades, como a intervenção cirúrgica, o toque de recolher e as patrulhas-surpresa pela cidade, existem para proteger as pessoas. Mas após a intervenção cirúrgica que tiraria completamente a doença de sua vida algo acontece: Ela percebe algo de errado. Os sintomas são bastante conhecidos, não há como se enganar — Lauren tem algo a esconder.
  • 57
  • 47

Ive been... escrita por ~littlebich

Fanfic / Fanfiction Ive been...
Terminada
Capítulos 7
Palavras 5.429
Atualizada
Idioma Português
Categorias A 5ª Onda, A Hospedeira, Delírio
Gêneros Comédia, Fantasia, Ficção, Ficção Científica, Mistério, Romance e Novela, Sci-Fi, Shoujo (Romântico), Shoujo-Ai, Universo Alternativo
Há 1700 anos trás eu e minha tripulação fomos mandados para Terra,com a missão de observar os humanos e garantir que nunca descubram a existência de meu povo do planeta CSC.A missão principal era apenas observar-e coletar dados,porem com o passar dos anos surgiram os híbridos (metade cork metade humano) que acabaram expondo o nosso povo demais.Porem essa missão esta mais dificil que as outras pois acho que estou apaixonada...
  • 13
  • 13

Delirium Obscure escrita por ~FallenB

Fanfic / Fanfiction Delirium Obscure
Em andamento
Capítulos 2
Palavras 2.741
Atualizada
Idioma Português
Categorias Austin & Ally, Delírio
Gêneros Ação, Aventura, Colegial, Drama (Tragédia), Escolar, Fantasia, Romance e Novela, Suspense, Violência
Muito tempo atrás, não se sabia que o amor é a pior de todas as doenças.
Uma vez instalado na corrente sanguínea, não há como contê-lo.

Agora a realidade é outra. A ciência já é capaz de erradicá-lo, e o governo obriga todos os cidadãos a serem curados quando completam dezoito anos. As pessoas também enfrentam outras duras imposições das autoridades, como toque de recolher, fiscalização sobre as artes e intensivo controle através de escutas telefônicas e agentes nas ruas, sempre atentos a qualquer atividade suspeita.

Allycia Dawson acredita que todas essas regras são para o bem da população e aguarda ansiosamente o dia de sua intervenção.

Essa é a coisa certa e esperada a se fazer.

Mas tudo que ela conhecia e em que acreditava desmorona no momento em que Ally se apaixona por Austin.

Faltando apenas noventa e cinco dias para sua intervenção, será que Ally ainda escolherá a cura ou não terá escolhas?


*cópia do livro Delírio*
  • 10
  • 9

Dissidentes escrita por ~police

Fanfic / Fanfiction Dissidentes
Em andamento
Capítulos 11
Palavras 54.027
Atualizada
Idioma Português
Categorias Delírio, Justin Bieber
Gêneros Ação, Aventura, Crossover, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência
Enquanto o gosto de fumaça predomina em minha boca e o som ensurdecedor de bombas explode sobre meus ouvidos, a primeira coisa me vem à cabeça é seu nome. As tropas do governo ditador abrem fogo sobre nós, seus canhões ressoam e retumbam de forma esmagadora sobre e tudo e todos, ainda sim o único rosto que consigo pensar é o seu. Antes, meu espírito era dominado pelo medo que pulsava e me assombrava como fantasmas assustam as crianças e hoje, localizada na linha de frente dessa batalha, me dou conta de que o medo está apenas em nossas mentes. Pegue uma arma e escolha um lado. A revolução começou.
  • 394
  • 233

Só nós dois.... escrita por ~foisoumsonho

Fanfic / Fanfiction Só nós dois....
Terminada
Capítulos 1
Palavras 0
Atualizada
Idioma Português
Categorias Delírio
Gêneros Poesias
Era meio difícil sair debaixo dele... Por causa da força com que ele segurava meus pulsos.
Estávamos ofegantes devido às risadas e a força que aplicavamos um no outro pra saber quem ganhava quem naquela briga.
Eu perdi.
E ele continuava em cima de mim. Seu quadril pressionado contra o meu, seu rosto vermelho a centímetros de mim e seu olhar fixo na minha boca.
Percebi que ele estava soltando devagar os meus pulsos e segurou de leve minhas mãos.
O silêncio tomava conta daquele lugar e eu não sei explicar como eu estava me sentindo: uma mistura de excitação e medo, alegria e curiosidade pq pela primeira vez ele mostrava pra mim o homem que ele realmente era.
Seu olhar saiu da minha boca para os meus olhos de uma maneira intensa, e eu percebi que não importa se eu sabia ou não o que estava sentindo e sim o que estava acontecendo ali. Então eu me permiti pela primeira vez na vida me entregar verdadeiramente a uma pessoa. Sem medo ou reservas do que poderia vir a acontecer depois, afinal, éramos só nós dois ali.
E aconteceu.
E foi a melhor sensação do mundo...
  • 0
  • 0