Fanfics de Série Não Se Apega, Não

O Lado Bom da Vida escrita por ~Susan08

Fanfic / Fanfiction O Lado Bom da Vida
Em andamento
Capítulos 23
Palavras 47.357
Atualizada
Idioma Português
Categorias Naruto, Orgulho e Preconceito, Série Não Se Apega, Não, Um Príncipe em Minha Vida
Gêneros Ação, Aventura, Colegial, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Escolar, Esporte, Festa, Hentai, Romance e Novela, Saga, Universo Alternativo, Violência
Seis jovens, três casais, vão descobrir na universidade que o amor à primeira vista existe sim e que ele pode se manifestar de muitas formas. Ele também pode ser construído e fortalecido com o tempo, com a convivência do dia a dia, pois o amor chega sem avisar, entra sem bater na porta e nem pedir licença, mas que ele também nos lança a beira do precipício e nos seduz até que nos jogamos de todo o coração sem medo da escuridão que se torna o nosso futuro apenas acreditando que existe uma luz que nos guiará para o paraíso.
Esses jovens vão enfrentar obstáculos e descobrir o quão forte pode ser uma ligação de amor, amizade e fraternidade. Se apoiaram uns nos outros e construíram uma amizade forte e duradoura, pois, como diria William Shakespeare, amigos são a família que nos permitiram escolher.
Muitas aventuras, brigas, ciúmes, alegrias e felicidades esperam por você nessa fanfic. A vida acontece e esses adolescentes não iram permitir que ela passe despercebida. Juntos, construíram seus próprios destinos e lutaram Pelo o quê acreditam ser o certo. Eles descobriram que a vida pode ser sim um conto de fadas daqueles que o final é apenas o começo.



PS: Os personagens não me pertencem, eles são criações de Masashi Kishimoto, mas a estória é de minha autoria.
  • 102
  • 47

Opostos escrita por ~Nay_Tomnlinson

Fanfic / Fanfiction Opostos
Em andamento
Capítulos 3
Palavras 1.810
Atualizada
Idioma Português
Categorias A Bela e a Fera, A Culpa É Das Estrelas, After, O Patinho Feio, Querido John, Série Não Se Apega, Não
Gêneros Comédia, Festa, Ficção, Romance e Novela
Estou aqui, mais uma vez chorando por causa daquele idiota. Já basta! Quero que isso acabe logo, estou farta.
Ouço alguém subir as escadas, estou em meu esconderijo, ninguém conhece, apenas eu, é na laje da escola, tem um quarto que decorei ao meu gosto. Percebo que essa pessoa está caminhando em minha direção, quem será? Ah não, qualquer um menos ele, logo esse idiota.
Ele para na minha frente e se abaixa, estou com medo, o que será que ele vai fazer?
Ele coloca uma mão na minha coxa, alisando com carinho, me escondo entre minhas pernas. Ele leva sua mão até minhas pernas e levanta minha calça de moletom, começa a alisar e massagear os hematomas que cobrem minha perna branca.

Gusta - Dói? Está doendo?
Ele fala com carinho, estou confusa, meu estomago se embrulha e fico assustada, levanto meu rosto mas evito olhar para ele, mantendo meu olhar um pouco baixo. Ele percebe minha reação e parece que está se preocupando comigo.

Gusta - Eu te machuquei muito? - fala pondo sua mão em meu queixo e levantando meu rosto, enquanto a outra está caminhando dos meus pés até as minhas coxas.

Gusta - Por favor, me perdoa?
Quê? Como é que ele quer que o perdoe, com tudo que ele fez comigo desde o dia em que entrei nessa escola?

Derrepente nossos rostos estão mais próximos e estamo só entre nossa respiração. Fico com frio na barriga e medo.
Ele cola a boca dele na minha e começa a me beijar, um beijo calmo e doce, meu primeiro beijo. Retribuo o beijo e sinto lágrimas no rosto dele, todo medo que senti se transformou em algo que não reconheci, estou confusa e começo a chorar. Coloco minhas mãos em volta do pescoço dele e ele abraça pela cintura, encosto minhas costas no chão e desdobro as pernas e ele se deita em cima de mim. Ele para o beijo.

Gusta - Eu te amo! - Uau, eu não esperava por essa, ele parece estar sendo verdadeiro. Por que isso tinha que acontecer logo na última semana de aula? Ele me abraça mais forte e sussurra milhões de sinto muito.
  • 2
  • 2