Grupo Dromus



Grupo Dromus
Administrado por @ArlleW, +ghoustd
Criado
Tipo Privado
Conteúdo visivel para Apenas membros
EM CONSTRUÇÃO




Não existe Terra como dos dias de hoje. O único local que manteve-se acima do nível do mar agora chama-se Dromus. É assim que o lugar fora batizado após a quarta guerra mundial. As coisas mudaram desde então. Tudo voltou à estaca zero quando as grandes nações, junto de suas armas mais letais, conseguiram trazer o caos e a destruição para os continentes. No fim disso, apenas um único local permaneceu inteiro, o que antes localizava-se a África, agora é a morada de todos os sobreviventes da catastrófica guerra. Com isso, reiniciou-se o calendário.

1856 anos se passaram desde então. Tudo estava em paz, os líderes prezavam pela tranquilidade do continente. A pessoas viviam em pleno acordo e de forma pacífica. Os desordeiros que resistiam, eram trazidos à tona, condenados e cumpriam seu castigo conforme o nível de seus atos.

Aparentemente era isso.

Por trás disso, um grupo de indivíduos começou a se destacar. Um antigo artefato encontrado naquelas terras mostrou-se ser não apenas uma velha relíquia. Aqueles que entraram em contato com ele, apenas com um simples toque perceberam que podiam fazer coisas que um ser humano normal jamais conseguiria.

Entre eles, um dos arqueólogos que descobriram a tal relíquia, viu a possibilidade de ter muito mais do que um dia imaginou. Poder era a palavra que o moveu a partir de então. Decidido a tomar a relíquia para si, ele partiu de volta para o local em que ela fora encontrada, para descobrir que ela havia desaparecido.

Iniciou-se então uma caçada por aquele que a roubara do seu local. Foi quando ele descobriu que haviam outros seres que tinham conhecimento daquele artefato e que o protegiam de seres gananciosos como ele.

E com os poderes que ele conquistou ao tocar na velha taça – o artefato encontrado –, juntamente com aqueles que o seguiam em busca do mesmo desejo que ele, partiu pra cima dos que protegiam a antiguidade, conseguindo então roubá-la e tomar seus poderes para si.

Lucius, como era chamado o arqueólogo, por um breve momento, denominou-se o novo líder absoluto do local. O que não durou mais do que alguns minutos, pois o principal guardião da taça surgira, combatendo-o e tomando-o de volta.

Mas algo errado aconteceu.

O poder, ao invés de retornar para a taça, foi partido em cinco. Atingindo o guardião e mais quatro seres humanos por Dromus. O Guardião, como fora chamado, já que ninguém sabia o nome dele, baniu Lucius, mandando-o para uma outra dimensão. E então escondeu mais uma vez a taça, sabendo que somente ela poderia reunir o poder dividido.

A partir deste momento, os seres humanos que ganharam estes poderes, foram denominados reis. Cada um tomou seu lugar, pegando uma região de Dromus para controlar, tirando do poder os líderes que outrora guardavam o continente.

O Guardião da taça desaparecera, não deixando rastro de sua localização. Alguns diziam que ele acabou morrendo quando mandou Lucius para outro local. Mas não havia um novo rei em seu lugar, o que só aumentavam as lendas na volta da real história.

500 anos se passaram. E Lucius de alguma forma conseguiu retornar.

Com ele, também veio o Oráculo, criado a partir do poder da taça. Ele alertou os demais reis de que a busca deles finalmente estava chegando ao fim.

Lucius precisava do poder dos cinco reis e mais a taça para poder uni-los novamente. E ele sabia que somente o primeiro rei tinha conhecimento da sua localização. Então partiu para o local em que sentia a fraca presença do mesmo. Pois fora o local em que ele havia lutado contra o Guardião.

Assim como ele, os reis também foram.

O Internato de Dromus. A maior e melhor escola interna de todo o continente. Local em que quinhentos anos atrás fora palco da batalha na qual ele ganhou e também perdeu seus poderes. E ele sabia que seria ali que ele encontraria o Primeiro rei e também a sua taça.


Mensagens