Tópico Ficha de Personagem (OBRIGATÓRIO)

12 Respostas

~BielS

Usuário: ~BielS
Hipster
Administrador do Grupo
Aqui vocês digitaram as características de seu respectivo personagem.
Exemplo:

Nome:

Idade:

Aparência: Use o Código [img]LINK [/img] ou descreva o seu personagem

Apelido:(opicional)

Arma:

História:

~BielS

Usuário: ~BielS
Hipster
Administrador do Grupo
Nome: Derek Curth
Idade:19
Aparência:

Apelido: Sorcerer of Deck
Arma: Deck de cartas
Historia:
Era um dia belo, calmo e sereno. Eu havia saído para brincar na cidade, mas antes que pudesse chegar a praça de Rubrun a cidade foi atacada pelo império de Milites. Naves começaram a entrar na cidade e destruir tudo o que havia em Rubrun.
Logo atrás, minha mãe corria gritando pelo meu nome e ordenando que eu fosse para casa. Ela me pegou pelo braço e me arrastou até em casa me escondendo no nosso porão. Logo após isso soldados de Milites invadiram minha casa e mataram a minha mãe, deixando-a naquele chão frio e gélido.
Dias se passaram até os soldados de Milites cessarem os ataques, eu saí do porão e fui em direção ao corpo de minha mãe. Agachei ao lado do corpo e comecei a chorar. Foi quando ouvi estrondos pela casa. Passei a mão na faca e apontei para o homem que havia na porta, ele tinha um sorriso simpático. Adotou-me como filho, me levando ate sua casa.
Anos se passaram e eu atingi a adolescência, o meu “pai” me matriculou na escola de Suzaku para que eu aprendesse a dominar a magia e me tornar soldado de Rubrun.

~NyahNeko - Clan Kaizokudan

Usuário: ~NyahNeko
Hellou peoples!
Nome: Louis Vincent

Idade: 17

Aparência:



Apelido: Dragon yellow

Arma: raramente usa mas deixa guardado em seus aposentos um báculo que sua mãe deixou com seu suposto tio e o mesmo lhe entregou antes de ir para a escola. fora isso usa um chicote, embora necessite magia para torna-lo mais forte.

História: Nascido em Concordia sua mãe e seu pai sentiam que seu lugar de origem estava cada vez mais perigoso. Com ajuda de alguns amigos e outros documentos os pais de Louis o levaram até Rubrum na esperança de uma vida melhor. É claro que como o mundo dá voltas foi iniciada as invasões. E a familia recém chegada sofreu um desequilibrio e seu pai teve que voltar a Concordia junto a sua mãe já que por mais incrível que parecesse ambos servia de corpo e alma a nação. Acabou por ficar com seu "tio" que na verdade era um parente extremamente distante de sua mãe. Acabou por querer logo que aquele pesadelo acabasse e mesmo contra a vontade de seu "tio" e sua esposa, pediu para entrar na Escola Suzaku. Achou que se estivesse lá. Algo poderia mudar.

~Kaneki-kun - Clan Wasahira

Usuário: ~Kaneki-kun
Geminiano Bipolar
Nome: Luke Millicent

Idade: 19 anos

Aparência:




Apelido: Musician Wizard

Arma: Flauta mágica. A Flauta quando tocada por Luke tem vibrações sobrenaturais causando enormes dores nos tímpanos do inimigo. Tem também a habilidade de causar confusão mental, fazendo o inimigo ver ilusões. Tapar os ouvidos ou estourar os tímpanos é inútil, as ondas de som penetrar diretamente no cérebro causando uma enorme dor de cabeça. No caso de sua flauta ser neutralizada, Luke tem uma arma reserva, que é uma pistola de dardos venenosos que causam paralisias, locais ou gerais, outra com venenos q demoram de 15 à 20 minutos para fazer efeito deixando o inimigo inconsciente.

História: Filho de uma família nobre de Rubrun, Luke sempre fora mimado pelos pais. Porém os mesmos sempre foram severos em questão aos estudos. Prezando em continuar com a tradicional família onde todos tinham nomes conhecidos, os pais de Luke o matricularam em Suzaku. Lá ele treinou suas habilidades com sua Flauta mágica onde desenvolveu diversas técnicas. Além disso começou a aprender sobre tipos de venenos, tanto para usar em inimigos, quanto para aliados. Então desenvolveu um revólver especial para dardos de venenos, sendo alguns desses criados por ele mesmo. Sempre bem arrumado e com expressão séria, Luke é muito empenhado. Porém também é simpático, basta tentar conhecê-lo melhor. Seu maior objetivo é ser reconhecido por toda Rubrun por seu esforço.

~bahamut100

Usuário: ~bahamut100
Bahamut
Moderador do Grupo
Nome: Petyr Baelish

Idade: 26

Aparência: Use o Código

Apelido:(opicional)

Arma: bladed lance

História: Eu era o comandante das tropas Milites, e meus superiores me mandaram atacar a cidade de Rubrun.
Eu pergunte os motivos, mais eles disseram que era confidencial. Então mandei as naves atacarem a cidade. Mas em meio a destruição vi uma mulher gritando o nome de seu filho e o mandado correr para casa. Fiquei comovido com a cena e fui seguindo aquela mulher e seu filho ate em casa. E então os meus soldados invadiram a casa daquela mulher, matando toda a sua família.
Continuei com o ataque depois vários dias e retirei minhas tropas da cidade. Mas os meus superiores me traíram e eu sai do comando das tropas Milites.
Fiquei morando na rua durante um tempo. Mas depois conheci o diretor da escola Suzaku. E ele me levou a sua escola ignorando meu passado e me ensinando magia.
Alguns anos depois ele morreu e me passou o cargo de diretor da escola.
Assim era uma chance de me redimir com as pessoas na cidade de Rubrun, pelo que fiz anos atrás.
[/quote]

~Axl-Roses - Clan Kaizokudan

Usuário: ~Axl-Roses
~ Love Guns
Administrador do Grupo
Nome:Sarah Willians

Idade:17

Aparência:

Apelido: Small Pitcher

Arma: facas

Historia:
Quando era criança a cidade de Rubrun foi atacada, e meus pais foram mortos por soldados de Milites.
Por muito tempo vivi nas ruas de Rubrun como uma criança órfão. Até que um dia encontrei um circo. Minha curiosidade era tanta que entrei para ver o espetáculo.
Enquanto assistia o show, um dos guardas do circo me viu escondida atrás das arquibancadas. Ele não estava tão satisfeito com a minha presença, mas quando ele iria me expulsar do circo o dono do circo o impediu-o de me botar para fora, perguntando se queria que eu lhe fizesse companhia.
Mais tarde aprendi a manusear facas fazendo shows no circo.
E assim vivi ate que um dia me matriculei na escola de Suzaku.

~Lockwood- - Clan Kaizokudan

Usuário: ~Lockwood-
O azul esta chegando
Moderador do Grupo
Nome: Bastianna, antiga Migene.

Idade: 35 anos.

Aparência:

Apelido:

Arma: O Grimório que a bruxa carrega com tanto cuidado e atenção é a maior arma dela. Apesar de ter decorado a maioria dos feitiços que estão lá, ela o carrega para todo lado. E seus muitos tecidos escondem vários amuletos, ervas e talismãs.

História: Desde que, quando criança, descobrira sua paixão por feitiços e histórias assustadoras sobre bruxas os pais de Migene faziam questão de lembrá-la que não deveria chamar seu gato de Satanás. E tentavam afastá-la de seu avô, que tinha grande amor pelas bruxas. Sempre fora alguém que lutava calada e sofria quieta naquela quarto obscuro e isolado. E então quando a vida deu a primeira oportunidade aos seus dezessete anos.. Então decidiu ser Bastianna. Aquela que ditaria qual seria a ordem natural. Aquela na qual faria a justiça que não pudera quando menor... Iria purificar muitas pessoas com sua punição.

~Lymeraiton

Usuário: ~Lymeraiton
Espírito DZeísta não morreu!
Nome:Kouein Takayanagi

Idade:21

Aparência:

Apelido:Spark of Dawn

Arma:Espada

História:Seu passado é muito misterioso,o mesmo se recorda vagamente dele.Tudo que se lembra é que fora instruído por seu pai na maestria com a espada.

~fandangos35 - Clan Kaizokudan

Usuário: ~fandangos35

Nome: Trendy Barbosa

Idade: 41

Aparência:

Apelido: Raven

Arma: Usa dual sword feitas de um material super resistente desenvolvido por ele mesmo, além de uma pistola carregada com explosivo, nada conveniente para um cientista.

História: Um entusiasta por nascença, Trendy Barbosa levou sua busca por conhecimento da magia por todas as escolas que frequentou, nascido em uma família rigorosa de cientistas ele sempre teve uma grande pressão sobre si, mas esse fato parece não surtir efeito em sua personalidade simpática mas um pouco sombria. Depois que a guerra começou procurou Suzaku por ordem do departamento de desenvolvimento cientifico de Rubrum, com um projeto de sua autoria em mãos apelidado de dimension Raven.

~Min-Yu

Usuário: ~Min-Yu
Honey
Nome: Yukki Mirasu

Idade:17

Aparência: http://i42.tinypic.com/2iupdah.jpg

Apelido: Nightmare

Arma: http://1.bp.blogspot.com/-R6Cbu2a7VG4/TcrQrEHjPPI/AAAAAAAAAJ4/VLQhMSOW21U/s1600/foice.jpg

História:

Quando era pequena, sua vida mudou radicalmente a forçando ir para o lugar que mais odiava em sua vida, A casa de seus tios. Ela odiava com toda as suas forças aquele lugar. Pra ela era como se tivessem a mandado para um lugar pior que o inferno, pois achava que até o inferno era melhor que aquele lugar.
Sua tia Mishijanii Mirasu, a tratava mal, ela a forçava a fazer coisas como limpar a casa, fazer a comida e lavar as roupas. Quando desobedecia, a menina era levada para um tipo de quarto que ficava embaixo do porão e a trancava numa gaiola que havia ali. Ela passava dias sem comer e beber, e quando sua tia lhe soltava, tornava a trabalhar como escrava. E isso não era certo. Ela tinha apenas 12 anos quando foi morar nesse lugar que era pior que o inferno. Mas em um dia, sua tia diz que vai viajar e só volta depois de um mês pra resolver algo sobre a herança, a deixando a sós com seu tio e os empregados. É, os empregados. Eles tinham mas faziam questão de que ELA fizesse tudo. Quando estava limpando o corredor, ouviu seu tio a chamar para dentro do quarto. quando entrou, percebeu que ele só estava de cueca e deu um passo pra trás. Ele a chamou e ela ingênua foi até ele que se encontrava sentado na enorme cama de madeira. Assim que ela se aproximou, num movimento rápido, ele a deitou em cima da cama e rasgou sua camisa. ele começou a chupar seus pequenos seios em desenvolvimento fazendo a garota se desesperar. ela queria sair dali. queria se livrar desse "homem" se é que se pode chamá-lo assim. como ele estava prestes a tirar sua saia, ela deu um chute forte bem na parte onde mais doi nos homens, fazendo ele cair no chão de dor. ela desesperadamente saiu correndo do quarto em direção a cozinha que não tinha ninguém. pegou uma faca e subiu novamente as escadas matando todos os empregados que encontrava no caminho. depois, entrou no sótão que era onde sua tia guardava coisas que pertenciam aos pais da garota e encontrou uma linda foice que era da sua mãe. Se perguntou o por quê de sua mãe tê-la mas logo foi tirada de seus pensamentos quando percebeu que o "homem" que supostamente era seu tio estava subindo pelas escadas do sótão cheio de raiva e sabia que ele não iria deixar passar aquele chute que ela havia lhe dado. Ela não se escondeu, somente virou e olhou nos olhos dele e notou que neles só se via fúria e desprezo. então, assim que ela o olhou nos olhos ele correu na direção da garota, que num movimento rápido, cortou-lhe a cabeça. quando viu o corpo de seu quase violentador no chão, foi como se tivesse tirado metade de um grande peso das suas costas. Então ouviu um ruído vindo da sala e desceu para ver do que se tratava. Quando estava no último degrau da escada do sótão, recebeu o olhar de medo de sua tia. ela a olhava como se a garota fosse um demônio. mas a menina não se importava com isso. simplesmente disse

- Agora você vai pagar por tudo que você me fez. Como eles. - falou apontando os corpos espalhados pelo corredor
- Mas... - Mishijanii mal terminou de falar, pois sua cabeça foi cortada. Então, desde esse dia a garota sumiu no mundo, mas logo foi encontrada morta em um matagal mas ela não estava morta, pois é impossível matar a própria morte.
Depois disso, resolveu aprimorar suas habilidades e partiu rumo a Suzaku em Rubrum.

" Em verdade, os estupradores são demônios em forma humana. Eles vinheram para a terra para roubar a inocência de meninos e principalmente meninas." E com certeza vou matar todos eles um dia.