Tópico Worth Woodsea

37 Respostas

~Teller-

Usuário: ~Teller-

Administrador do Grupo


É uma grande floresta de Fiore que abriga a Guilda Hawk Watcher e, uma vez que não há outras construções por perto além da Guilda, eles cuidam de manter os estoques de comida abastecidos, mas mesmo assim ainda há resquícios da cidade antiga que uma vez existiu e uma caverna que é conhecida pelos seus ecos assombrosos. A seguir suas principais localizações:

Guilda Hawk Watcher

Cidade Antiga

Caverna


OBS. para postar aqui siga o modelo:
Imagem 480x400
Local em que se encontra no momento

Conteúdo

~Grazzin

Usuário: ~Grazzin
Cure Up! Ra-Pa-Pa!

Guilda Hawk Watcher


Hoje era o dia! Na verdade, não era exatamente hoje, nem ontem nem amanhã, fazia já um tempo que Tsuki completou 14 anos, mas esse foi o único momento que conseguiu achar para falar com o mestre da guilda que sempre quis fazer parte, em outras palavras, esse foi o dia que ela finalmente tomou coragem para tal. E mesmo na frente da porta do mestre que já conhecia havia um tempo, não conseguia tomar a coragem que há 8 anos dizia tanto ter; era muito mais difícil do que parecia.

Inspirou o máximo que pôde -- Mestre, estou pronta para finalmente entrar na guilda! -- e quando ia bater na porta dele, parou na posição em que se encontrava, a mão parada no meio do ar e um sorriso nervoso enorme na cara. Não importava como, não conseguia simplesmente bater naquela porta! Mas Tsuki tinha falado com uma certa altura no tom de voz, quem sabe o mestre da guilda teria a escutado e abrisse a porta para ela sem que ela ter que entrar? Mesmo que fizesse isso, o que ela falaria?!

Se chegasse alguém e olhasse bem de pertinho sua testa, veria um brilho estranho de gotas de suor se formando em sua testa.

Realmente, Tsuki não estava nem um pouco bem.

~Teller-

Usuário: ~Teller-

Administrador do Grupo
Um falcão piou alto e pousou cuidadosamente sobre um ombro de Tsuki, para não machucá-la com suas garras. O animal virou a cabeça de um lado para o outro e depois focou dela, curioso. Parecia ser um falcão novo e, se comparado com a vida de um ser humano, deveria ter a mesma idade da garota, além disso também parecia ter alguma intimidade com ela, como se já estivesse habituado a fazer-lhe companhia.

A porta diante da garota não se abriu e se ela prestasse atenção seria capaz de ouvir o som do lápis no papel, provavelmente Makro escrevendo em sua mesa, sinal de que ele estava ali.

~Grazzin

Usuário: ~Grazzin
Cure Up! Ra-Pa-Pa!

Guilda Hawk Watcher


Ela estava com os olhos marejados quando o falcão resolveu pousar em seu ombro. -- Mofurun, me dê forças para ter coragem... -- Tsuki estava quase derretendo de desespero, mas precisava fazer isso, realmente precisava! Novamente inspirou o ar que precisava.

Com uma força que sabia que não tinha, abriu a porta com um estrondo brutal e adentrou a sala. Pelo menos até perceber o que tinha feito e a cara ficar com uma cor rubra com o sangue que subiu. Seus olhos resolveram marejar ainda mais que o normal. "Todos precisam passar por isso... Não é mesmo...?" Tsuki pensou. -- Me-Mestre... Eu fi-finalmente tenho i-da-dade para virar um membro o... ficial da guilda...! -- Foi estranho a maneira que ela escutou suas palavras, pareciam estar tão bem formada na sua cabeça... totalmente diferente de como ela falou.

-- De-Desculpa, mestre! É-É a emoção do momento! É! É a emoção! -- Arrumou a fala com uma desculpa tão esfarrapada, se não percebessem, a cara totalmente vermelha denunciaria. "Mas... talvez não seja um problema, eu posso fazer ele simplesmente esquecer, não...?" Tentou arrumar conforto, mesmo que em vão.

~Teller-

Usuário: ~Teller-

Administrador do Grupo

Quando ela entrou logo viu Makro, o mestre da guilda, sentado em sua cadeira. Ele parou de fazer o que estivera fazendo e olhou surpreso para ela, por fim um pequeno sorriso brotou no seu rosto e ele se levantou, dando a volta na mesa e quando enfim estava de frente para ela pousou suas mãos nos ombros da menina, sorrindo.

Makro: Tem razão, Tsuki, e já não era sem tempo. Acredito que depois de todos esses anos você esteja preparada.

Ele notou o falcão no ombro dela e acenou com a cabeça. Começou a guiar a menina para fora da sala e a levou para o andar debaixo, onde a maior parte da guilda ficava, várias sentadas em rodas conversando e comendo e outros próximos do quadro de missões.

Makro parou próximo do bar onde se pediam bebidas e chamou a atenção de todos quando ergueu uma mão.

Makro: É chegada a hora de darmos as boas vindas a mais um membro da guilda, Tsuki Star, você realmente deseja fazer parte oficial do Hawk Watcher?

Ele perguntou em tom solene. Todos os falcões também voltaram sua atenção para garota. O silêncio se fez no recinto.

~Grazzin

Usuário: ~Grazzin
Cure Up! Ra-Pa-Pa!

Guilda Hawk Watcher


A atenção ajudava na excitação que borbulhava no peito dela, claro, agora mais do que nunca poderia se render à vergonha, já tinha treinado essa fala por vários anos e praticamente a maioria das pessoas da guilda conheciam Tsuki, mas era algo muito mais além no momento.

-- Eu, Tsuki Star, juro solene... -- Não, o mestre não pediu por um discurso para fazer parte, era simplesmente uma pergunta de sim ou não; novamente o rosto dela começou a se rechear com a cor escarlate, era muito mais difícil falar do que pensar.

-- Eu, Tsuki Star, acho que estou pronta para fazer parte da guilda! -- Mesmo com vergonha, ela conseguiu manter seu tom de voz alto a ponto de talvez conseguir chamar o máximo de atenção para ela. Ergueu a mão para o peito, como se estivesse fazendo um código de juramento e manteve a expressão parada numa maneira de demonstrar respeito. -- É essa a hora que eu escolho onde boto a minha marca e finalmente posso ir numa missão? -- Falou baixinho, apenas para o mestre escutar, mas talvez alguém tenho escutado algo a mais, a garota não conseguia ter noção do tom de voz por causa da animação.

Além da cabeça dela estar em outro lugar, escolhendo onde botaria a marca. Se ficasse na bochecha, quem sabe? O símbolo era bonito e poderia realmente parecer uma estrela! Ela poderia pedir para deixar pequenininho para combinar com a estatura pequena dela...

~Teller-

Usuário: ~Teller-

Administrador do Grupo

Makro riu diante da pergunta dela e esticou um braço, pegando o carimbo que faria a marca a guilda no corpo da garota.

Makro: Exatamente, pode escolher onde desejar que seja.

Um garoto de estatura relativamente baixa saiu da multidão e assobiou para ela, com um sorriso animado no rosto e acabou contagiando os outros com suas palavras:


Jill: Viva Tsuki! A mais nova integrante da guilda!

E os outros gritavam e os falcões piavam alto em comemoração a formalização da garota na guilda. Makro sorriu ainda mais do que já sorria e esperou que ela lhe indicasse onde aplicar a marca.

~Grazzin

Usuário: ~Grazzin
Cure Up! Ra-Pa-Pa!

Guilda Hawk Watcher


-- Você acha que ficaria legal se fosse uma bem pequenininha na bochecha? Não pareceria algo fofo como uma maquiagem? Principalmente se ela fosse um rosa-amarelado! Seria tão legal! -- Foi então que percebeu o quão estranho era o que estava falando ou o que ficaria, além do quão alto e quantas pessoas ouviram. -- Seria bem legal se fosse na nuca perto das costas, haha...

Esse era realmente o grade dia! --Mestre!, mestre! Quando vou poder sair numa missão? Pode ser ainda hoje?! -- Não demorou muito para ela sorrir às pessoas e aplaudir dela mesmo junto à elas.

~Teller-

Usuário: ~Teller-

Administrador do Grupo

Makro: Então lá vai.

Ele riu e carimbou o local indicado por ela, na nuca. Tudo que a garota sentiu foi um calor que passou rapidamente, os outros membros da guilda continuaram aplaudindo, até que a porta da guilda foi aberta com violência e uma garota loira ofegante entrou, tinha uma expressão assustada no rosto.

Jill se enfiou mais uma vez entre as pessoas e saiu do outro lado, chegando logo em frente a garota.


Jill: Emily, o que aconteceu?


Emily: O... O caixão! O caixão que ficava na caverna foi aberto!

A expressão de Makro foi da água para o vinho e ele rapidamente atravessou a multidão, estando em questão de minutos ao lado da garota.

Makro: Quem a abriu, Emily?

Emily: E-Eu não sei, mestre, mas... Mas estava vazio.

A expressão de Makro se tornou ainda mais sombria e ele atravessou mais uma vez a multidão para chegar até as escadas e subir mais uma vez para sua sala. Jill continuou próximo de Emily, que parecia aos prantos.

O caixão que ficava na caverna fora aberto, Tsuki sabia, pelas lendas que contavam, que um mago poderoso foi aprisionado lá e se ele havia sido aberto e não havia nada dentro só poderia significar alguma coisa ruim.

~Grazzin

Usuário: ~Grazzin
Cure Up! Ra-Pa-Pa!

Guilda Hawk Watcher


Ver como todos se importavam era mais do que o suficiente para Tsuki ficar feliz com eles.

Foi então que a expressão de Tsuki mudou para medo. A caverna nunca foi o lugar mais feliz, seus pais, como antigos integrantes da guilda, sabiam da caverna e contaram para ela, Tsuki até mesmo tinha mapas mentais inventados em sua cabeça do que os pais a contavam -- muitas vezes eles usavam o local para amedrontar a garota e falar que era proibido 'explorar' perto dela, pouco depois ela realmente aprendeu que as lendas eram reais.

-- Ma-Mas a caixa não pode ter sido simplesmente aberta... não é, mestre? I-Isso é impossível, não? -- ele poderia não responder, mas talvez ele não responderia, só queria achar algum consolo com aquilo tudo, nem que fosse com ela mesma.

Mas também não podia se deixar levar! Hoje era o dia! Sorriu meio torto e nervoso. -- De qualquer jeito, isso dá pra se resolver! -- Falou nervosa, não podia ser um pequeno detalhe que mudaria toda sua vida.