Tópico Lendas

31 Respostas

~Christie

Usuário: ~Christie
I am gay
Se voc?onhece alguma lenda urbana (n?um fato que aconteceu com voc?poste j?--33;

N?esque?de usar as simp?cas regrinhas de portugu?evitando as chatinhas abrevia?s de internautas (aqui n??SN). Entitule e assute.

------
Querido Di?o

Essa lenda conta a hist? de um menino chamado Alex que tinha um sonho de ganhar uma guitarra no dia de seu anivers?o, mas em vez da guitarra ele ganhou uma escrivanhia antiga.
Ele n?gostou. Abriu uma gaveta e l?stava um di?o. Ele leu e estava escrito : "Hije o meu amigo quebrou a perna na aula de educa? fisica." Ele parou de ler, pois estava cansado.
No dia seguinte o que ele leu aconteceu, e isso continou. O que ele lia acontecia. Ele percebeu a gravidade do problema. Ent? resolveu trancar o di?o em um arm?o, s?ando Alex ia guard?o ele se distraiu e sua amiga o pegou. S?e n?conseguiu ler, pois Alex havia sido mais r?do e tirou o di?o de suas m?.
Ele n?sabia se ela havia lido o di?o ou n? por isso tinha que ler a ?ma p?na que dizia : "Eu morri".
Nesse dia, ele tinha um show a fazer e quando foi ligar a guitarra, ele morreu !!!!


----
Pois ?inha gente. Essa lenda urbana norte-americana foi retirada da internet, e parece mesmo com Deaht Note, n? Mas isso ?s avesas, porque no Deaht Note quem tinha o nome escrito morria de ataque-cardia, no "querido di?o de Alex" quem l? que est?scrito morre, ou fica sabendo o que vai acontecer quando l?
Enfim, eu n?acredito nisso. ?muito superficial, n?se sabe se o dono do di?o era seguidor do ocultismo ou Wicca. Quem sabe ?

----
Tem uma lenda, conhece alguma (que fuja de sua pr?a experi?ia sobrenatural assustadora), poste j?#33;!

~Mihh-chan

Usuário: ~Mihh-chan
Simplesmente eu
Katrin
Na cidade de Canavieiro-BA, em 1911 aconteceu um fato muito sinistro. Havia uma garotinha de 11 anos, chamada Katrin, que morava com seus pais que a amavam muito. Ela era uma crian?muito quieta e n?tinha amigos. Ela brincava com alguns animais do sitio de seu pai. A cidade estava se desenvolvendo e o sitio ficava cada vez menor e a situa? financeira deles era critica. Certo dia o pai de Katrin resolveu vender um de seus cavalos, armas e p?ra. Como estava perto de seu aniversario, Katrin pediu ao seu pai que trouxesse da cidade um boneca que ela tanto queria. Seu pai partiu pela manh?ela aguardava ansiosamente a volta de seu pai trazendo sua boneca. Por volta das 05h45min da tarde, seu pai voltava pela estrada, acompanhado de uma tempestade e com a desejada boneca de Katrin, quando de repente um raio atingiu sua carro?e algumas fa?as de fogo atingiram a p?ra, que causou uma grande explos? arremessando alguns objetos para fora da carro? Katrin e sua m?ao ver o acontecimento, correu desesperadamente em dire? aos destro? e vendo seu pai sendo carbonizado entrou em desespero, pois n?podia fazer nada. Mas tarde com a ajuda da vizinhan?o fogo foi apagado e Katrin achou a boneca t?desejada, intacta e sem arranh? Como era o ultimo presente de seu pai, ficou muito apegada a ele. Algumas semana depois, a m?de katrin recebeu uma proposta para vender o sitio, pois queriam o lugar para construir um hospital no lugar. Proposta que n?foi recusada, pois a situa? financeira era muito complicada. Logo se mudaram para um vilarejo por perto. J?avia um ano sua apar?ia era p?da e s?stia roupas pretas. Acontecimentos estranhos come?am a perturbar a m?de katrin. Certa manh?o abrir a porta de sua casa, deparou-se com um cachorro morto com um buraco no peito e sem seu cora?. Ao subir para ver sua filha v? boneca suja de sangue, mas n?deu muita import?ia. Com muito medo decidiu chamar sua irm? a filha dela para passar um tempo com elas, pois se sentiria melhor. Apos a chegada de sua irm?s acontecimentos cessaram. Katrin e Malina sua prima n?conversavam muito. Malina queria muito brincar com a boneca de Katrin, s?e ela n?permitia, mas tarde quando katrin saiu, Malina pegou a boneca Katrin e come? a brincar, quando ela chegou e viu a sua boneca com sua prima ficou muito nervosa, e disse: - Voc?ai pagar por isso&--33; Naquela noite o acontecimentos voltaram mas dessa vez quem gritava muito era Malina, assustada a m?de Katrin decide ir v?as, e quando abriu a porta do quarto deparou-se com Malina morta com um buraco no peito e Katrin coberta de sangue olhado fixamente para ela. Sua m?desconfiou de Katrin, pois ela era uma garota muito perturbada. Sua m?decidiu deixa-la amarrada na cama por dois meses ate que o hospital inaugura-se. Apos a inaugura? sua m?decidiu intern?a e a boneca foi tirada de katrin, mas ela s?orou. A m?dela decidiu devolver a boneca e ficar um tempo a s?om katrin, os m?cos estranharam a demora e foram ver o que acontecia, quando abriram ?orta viram a m?dela morta, com um buraco no peito, e Katrin devorando seu cora? como se fosse um delicioso doce.

~ShiryuShunrei

Usuário: ~ShiryuShunrei

Sakura 0906 , essa hist? que voce contou me lembrou uma fic de Naruto que li e a Tenten contou essa hist?.L?ai a minha:

A loira do banheiro

Eu nunca vi um aluno falar que n?conhe?essa hist? , porque todos conhecem.?a hist? de uma garota chamada Veronica* , que era a garota mais bonita do col?o , s?rque ela era loira , bonita e tudo mais, e , por isso , se achava no direito de ficar sem estudar , porque achava que beleza era mais importante que tudo.Um dia ela chamou duas amigas para matar aula no banheiro e elas n?quiseram ir , ent?Veronica foi ao banheiro fazer o que todo mundo faz quando vai a um banheiro(voces sabem o que ?XD&--33;).Quando ela terminou , ela foi at? espelho retocar a maquiagem e deixou o batom cair.E quando Veronica foi apanhar o batom , n?viu o ch?molhado.E o resultado , voces j?abem:ela bateu as botas.Quando ela estava no hospital e viu seu corpo deitado na maca , foi a?ue Veronica se deu conta que estava mortinha.
Desde desse dia que Veronica fdicou conhecida como a ''loira do banheiro'', porque ela matava quem matava aula em banheiros de col?os.E Ela anda toda p?da e com algod?no nariz , que dizerm que ?ara estancar o sangue da queda que a matou , embora nunca ningu?a trenha visto.E para trazer o esp?to da loira do banheiro dizem que ?reciso puxar a descarga do banheiro tres vezes e dizer um palavr? , aqpesar de eu achar que isto n?funcione.
Ent?um dia , uma menina e uma amiga sua foram ao banheiro matar aula(eu acho que era de matem?ca , o mat?a chata.) e ficaram por l?uvindo o discman que a menina tinha levado. Depois as meninas come?am a ouvir barulhos de algu?batendo na porta do box em que uma delas estava. E quando a outra foi ver quem era , n?tinha ningu? batendo na porta.E enquanto a outra esperava , apareceu o esp?to da loira do banheiro(nunca tentem fazer isso , agora se voces quiserem ser mortos paela loira do banheiro...) e matou a menina que estava esperando a amiga no box. E quando a amiga foi l?lhar a outra , deu um berro e quando foiu se virar l?stava o reflexo da loira do banheiro e quando se virou , n?tinha ningu? Quase que a menina desmaiava de susto e saiu correndo dali.

Essa vers?foi a que eu vi no Domingo legal , no quadro''lendas Urbanas'' e * Veronica foi o nome usado pela produ? para contar a hist?.E desde o dia que eu vi a hist? , eu s?u ao banheiro por necessidade mesmo...

~Christie

Usuário: ~Christie
I am gay
A Dama de Vermelho

Era carnaval, quando um jovem rapaz saia p&--39;r?e divertir, ele encontrou uma mo?muito linda e ela usava um vestido vermelho que o encantou. Terminada a festa, o rapaz oferece-se para lev?a para casa, por?ela n?quis, pois alegou que seu pai n?gostaria. Ent?ela disse ao rapaz para deix?a na metade do caminho, mas, para ela chegar me casa teria que atravessar um c?terio. E assim, eles sairam por v?as noites, at?ue dia o rapaz decidiu segu?a e ao v?a passar, ele descobre que ela entra no c?t?o. Ele se aproxima mais para ver o que est?contecendo e v?ue ela entra em um t?o. O rapaz ent?assuta-se todo e liga para o n?o de telefone que a mo?havia lhe passado. A liga? cai na casa de sua m?que diz que sua filha j?avia morrido h? anos.

-----
Lenda retirada da internet

~Christie

Usuário: ~Christie
I am gay
O Susto

Um grupinho falante conversavam perto de um c?t?o. J?assava das 10 da noite e eles incomodavam vizinhos com suas risadas altas e demasiadas. Havia um c?terio pr?o aos jovens. Um deles sabia que havia uma cova aberta l?Pronto &--33; Eles apostaram : "Vamos entrar l?#33;"
P'r?u? Jovem tem cada id?. Mente vazia, oficina de Satan? ? que dizem por a?E o pior : ?verdade !
Pularam o muro, fizeram um tuor pelas sepulturas e enfim, encontraram a cova aberta.
- D?o que voc?entrem ! - disse um deles.
Todos toparam. Entraram ! Sairam imediatamente, mas, quando o ultimo tentava alca? a superficie, sentiu algo leh puxando a perna. Todos j?stavam fora da cova, menos o desesperado l?entro que gritava :
- Tem algu?me puxando ! Socorro !
Ele chorava, esperniva e lutava contra o que lhe puxava para dentro. Todos se assustaram e n?prezaram a prestar socorro ao menino na cova. Deixaram-no s?Na manh?eguinte, um corpo fora encontrado. Rosto p?do, express?de horror estampada no topo da face, olhos fundos, arregalados e mortos. Cabelos grisalhos, apesar de jovem. Em suas cal?, na perte onde lhe cobria os tornozelos, havia raizes presas que entranharam-se em suas pernas. O corpo era do menino que havia pensado que tinha sido puxado por algu?dentro da cova. Morreu de susto.


-----
Se quiserem comentar as lendas aqui postadas, cliquem em CITAR.

~Christie

Usuário: ~Christie
I am gay
Escreveu "sakura-0906"

Katrin
Na cidade de Canavieiro-BA, em 1911 aconteceu um fato muito sinistro. Havia uma garotinha de 11 anos, chamada Katrin, que morava com seus pais que a amavam muito. Ela era uma crian?muito quieta e n?tinha amigos. Ela brincava com alguns animais do sitio de seu pai. A cidade estava se desenvolvendo e o sitio ficava cada vez menor e a situa? financeira deles era critica. Certo dia o pai de Katrin resolveu vender um de seus cavalos, armas e p?ra. Como estava perto de seu aniversario, Katrin pediu ao seu pai que trouxesse da cidade um boneca que ela tanto queria. Seu pai partiu pela manh?ela aguardava ansiosamente a volta de seu pai trazendo sua boneca. Por volta das 05h45min da tarde, seu pai voltava pela estrada, acompanhado de uma tempestade e com a desejada boneca de Katrin, quando de repente um raio atingiu sua carro?e algumas fa?as de fogo atingiram a p?ra, que causou uma grande explos? arremessando alguns objetos para fora da carro? Katrin e sua m?ao ver o acontecimento, correu desesperadamente em dire? aos destro? e vendo seu pai sendo carbonizado entrou em desespero, pois n?podia fazer nada. Mas tarde com a ajuda da vizinhan?o fogo foi apagado e Katrin achou a boneca t?desejada, intacta e sem arranh? Como era o ultimo presente de seu pai, ficou muito apegada a ele. Algumas semana depois, a m?de katrin recebeu uma proposta para vender o sitio, pois queriam o lugar para construir um hospital no lugar. Proposta que n?foi recusada, pois a situa? financeira era muito complicada. Logo se mudaram para um vilarejo por perto. J?avia um ano sua apar?ia era p?da e s?stia roupas pretas. Acontecimentos estranhos come?am a perturbar a m?de katrin. Certa manh?o abrir a porta de sua casa, deparou-se com um cachorro morto com um buraco no peito e sem seu cora?. Ao subir para ver sua filha v? boneca suja de sangue, mas n?deu muita import?ia. Com muito medo decidiu chamar sua irm? a filha dela para passar um tempo com elas, pois se sentiria melhor. Apos a chegada de sua irm?s acontecimentos cessaram. Katrin e Malina sua prima n?conversavam muito. Malina queria muito brincar com a boneca de Katrin, s?e ela n?permitia, mas tarde quando katrin saiu, Malina pegou a boneca Katrin e come? a brincar, quando ela chegou e viu a sua boneca com sua prima ficou muito nervosa, e disse: - Voc?ai pagar por isso&--33; Naquela noite o acontecimentos voltaram mas dessa vez quem gritava muito era Malina, assustada a m?de Katrin decide ir v?as, e quando abriu a porta do quarto deparou-se com Malina morta com um buraco no peito e Katrin coberta de sangue olhado fixamente para ela. Sua m?desconfiou de Katrin, pois ela era uma garota muito perturbada. Sua m?decidiu deixa-la amarrada na cama por dois meses ate que o hospital inaugura-se. Apos a inaugura? sua m?decidiu intern?a e a boneca foi tirada de katrin, mas ela s?orou. A m?dela decidiu devolver a boneca e ficar um tempo a s?om katrin, os m?cos estranharam a demora e foram ver o que acontecia, quando abriram ?orta viram a m?dela morta, com um buraco no peito, e Katrin devorando seu cora? como se fosse um delicioso doce.



Ei, eu conhe?essa lenda, e confesso : Fiquei com medo. Tremi na base. Tem umas tr?partes na hist? original. Vou ver se eu posto elas aqui (n?prometo nada). As hist?s originais d?mais medo, principalmente a foto de Katrin no corredor. J?iu ?

~ShiryuShunrei

Usuário: ~ShiryuShunrei

E voce j?onhecia a hist? que eu contei , a da&--39;' loira do banheiro''?A maioria que eu conhe?eu vejo naquele quadro do Domingo legal , o ''Lendas urbanas''.

~Christie

Usuário: ~Christie
I am gay
Escreveu "ShiryuShunrei"

E voce j?onhecia a hist? que eu contei , a da&--39;' loira do banheiro''?A maioria que eu conhe?eu vejo naquele quadro do Domingo legal , o ''Lendas urbanas''.



J?conhe?uma infinidade de lendas. hist?s de brinquedo assassinos, hist?s de fantasmas, assassinatos, homissidios e outros casos. Eu s?sto uma lenda de´pois que algum membro aqui postou alguma. E assim o sistema fununcia [espirito de Chiquinha]. Se nigu?postar nada, eu dou um jeito. Mas enfim, continue postando lendas daquele quadro ridiculo do Domingo Legal que n?assusta nem criancinha que tem medo do Chuck. Porque c?ntre n?vamos combinar que o SBT j?eu o que tinha que dar e que o Silvio Santos tem que vender imediatamente aquela jo? j?ue est?aquela situa?. E o Domingo Legal t?pelando para esse novo quadro. Vamos admitir que os atores s?amadores e os efeitos e locu? n?d?medo nenhum. O SBT t?alindo, deve ter algo de sobrenatural para uma empresa de tantos anos de carreira n?acha ?

~ShiryuShunrei

Usuário: ~ShiryuShunrei

A casa do lago

A hist? come?com quatro amigas planejando um final de semana em uma casa de campo em S?Paulo . Ao chegar l? nem desconfiam que a casa ?al-assombrada pela empregada que l?rabalhou anos atr? Chegando l? uma delas coloca as coisas pela casa e depois as garotas v?para a piscina que tinha ali perto.Elas entram na casa , jantam e v?dormir(porque elas tinham passado o dia na piscina).
Quando est?dormindo , uma das meninas acorda assustada com um barulho que tinha ouvido.Ela resolve voltar a dormir.Depois o celular dela toca e quando ela atende n??ingu?Em seguida , ela ouve uma das portas se fechar e quando est?o meio do corredor , ouve passos , mas resolve seguir em frente.Quando ela chega no final do corredor e vai at? final da escada , o fantasma da empregada aparece e mata a garota.As amigas da garota acordam assustadas com o grito da amiga morta e quando uma vai descer at? cozinha , s?que encontra ? suti?a amiga.Ent?,ela se torna a pr?a v?ma da empregada morta.Uma das meninas , assustada , liga para o namorado e ele diz que a casa ?ssombrada pela empregada que morreu h?nos atr?Quando as meninas descem a escada e chegam a um corredor , deparam-se com retrados das v?mas que o fantasma da empregada tinha feito , inclusive o da amiga delas e o da pr?a mulher.Elas saem correndo dali e desde desse dia , que a mulher asombra quem vistita a casa e bagun?por l?or isso eu aconselho :quando voces forem a uma casa de campo ou de praia , nunca baguncem por l? pois nunca se sabe o que lhe aguarda...

Ps:Quem me contou essa hist? foi meu avo , e depois fiquei me borrando de medo de ir para a casa de praia do meu tio...

~CoraL

Usuário: ~CoraL
Hey, Sun, choose me—
olha, n?sei se ?em uma lenda
?ue acabaram me mandando um e-mal por engano &--39;^.^
e acho que ele encaixa aqui com certeza ^.^
---
NEOQEAV


Meus av??stavam casados h?ais de cinq?a anos e continuavam jogando um jogo q haviam iniciado qdo come?am a namorar. A regra do jogo era que um tinha que escrever a palavra "NEOQEAV" num lugar inesperado p/ o outro encontrar e assim quem a encontrasse deveria escrev?a em outro lugar e assim sucessivamente. Eles se revezavam deixando "NEOQEAV" escrita por td a casa, e assim q um a encontrava era sua vez de escond?a em outro local para o outro achar, escreviam c/ os dedos no a?ar dentro do a?areiro ou no pote de farinha p/ q o pr?ue fosse cozinhar a achasse. "NEOQEAV" era escrita no vapor deixado no espelho depois de um banho quente, onde a palavra iria reaparecer depois do pr?o banho.Uma vez, minha av??esenrolou um rolo inteiro de papel higi?co para deixar na ?ma folha e enrolou tudo de novo. N?havia limites para onde "NEOQEAV" pudesse surgir. Pedacinhos de papel c/ rabiscado apareciam grudados no volante do carro que eles dividiam.


Minha av?chichava para mim dizendo o quanto meu av?a bonito,
como ele havia se tornado um velho bonito e charmoso e se gabava de
dizer que sabia como pegar os namorados mais bonitos. Antes de cada
refei? eles davam gra? a Deus e b?? aos presentes por sermos
uma fam?a maravilhosa, para continuarmos sempre unidos e com boa sorte;
mas uma nuvem escura surgiu na vida de meus av?minha av?nha c?er
de mama.

A doen?tinha primeiro aparecido dez anos antes, como sempre, vov?estava com ela a cada momento. Ele a confortava no quarto amarelo deles,
que ele havia pintado dessa cor para que ela ficasse sempre rodeada da luz
do sol, mesmo quando ela n?tivesse for? para sair. O c?er agora
estava de novo atacando seu corpo.

Com a ajuda de uma bengala e a m?firme do meu av?les iam ?greja
toda manh? minha av?i ficando cada vez mais fraca, at?ue,
finalmente, ela n?mais podia sair de casa. Por algum tempo, meu av?resolveu ir ?greja sozinho, orando a Deus para zelar por sua esposa.
Ent? o que todos n?em?os aconteceu.... Vov?rtiu!!!

"NEOQEAV" foi gravada em amarelo nas fitas cor-de-rosa dos buqu?de
flores do funeral da vov?uando os amigos come?am a ir embora,
minhas tias, tios, primos e outras pessoas da fam?a se juntaram e ficaram
ao redor da vov?la ?ma vez. Vov?cou bem junto do caix?da vov?e, num suspiro bem profundo, come? a cantar para ela. Atrav?de suas
l?imas e pesar, a m?a surgiu como uma can? de ninar que vinha bem
de dentro de seu ser.

Me sentindo muito triste, nunca vou me esquecer daquele momento, porque
eu sabia que mesmo sem ainda poder entender completamente a
profundeza daquele amor, eu tinha tido o privil?o de testemunhar a beleza
sem igual que aquilo representava.

Aposto que a esta altura voc?eve estar se perguntando:
- Mas o que NEOQAV significa?... n?est?
- NEOQAV = Nunca Esque?O Quanto Amo Voc?
---

ser?ue ?ma lenda urabana mesmo? o.o?
[CoraL]