Tópico Informações necessárias [Leitura aconselhável - Atualizado 13/09/2016]

0 Respostas

~Shui

Usuário: ~Shui
The Fallen
Administrador do Grupo

Aqui irão constar algumas informações necessárias, principalmente na hora de construir a ficha, no caso dos Garou. Tópico sujeito a alterações; conforme for lembrando ou então considerando algo como necessário para o andamento do RPG, este tópico será atualizado.

Garous

A raça lupina, esta que teve suas origens a partir dos lobos que uma vez viveram junto aos humanos. São seres com a capacidade de assumir ambas a forma humana e sua forma original, como lobo, sendo superiores aos humanos em praticamente todos os aspectos físicos, tais como força, velocidade e agilidade, além de uma capacidade de cura e regeneração invejável.

São fortemente ligados à família e, geralmente, vivem em alcateias – ou clãs – que carregam gerações de existência.

Dominância
Lobos são animais que possuem uma hierarquia bem definida no grupo, onde um comanda, o Alfa, e os demais o obedecem. Os mais aptos a se tornar Alfas são os mais fortes e espertos, pois são aqueles capazes de garantir a refeição mesmo em épocas difíceis. Quanto mais forte e inteligente for um lobo, mais dominante ele será. Lobos mais fracos são capazes de perceber pela aparência, cheiro e outros fatores quando alguém é mais forte, portanto normalmente obedecerão e evitarão conflitos. Na forma humana, essa dominância é expressa, principalmente, pelo olhar; quanto mais intenso for, maior a dominância e, consequentemente, lobos mais fracos vão evitar encará-los a todo custo.
Um fator determinante na hora de definir a dominância de um lobo é, inevitavelmente, sua árvore genealógica; um lobo que venha de uma longa geração de Alfas muito provavelmente se desenvolverá como um, embora não seja impossível que alguém que descenda de betas, ou mesmo de ômegas, torne-se em um Alfa ao crescer.

Alfas, Betas e Ômegas
É, basicamente, a denominação hierárquica dada a um lobo baseada em sua dominância.
Alfas: São os lobos mais fortes do grupo, designados a liderar e a cuidar de seus companheiros para que nada lhes falte. São considerados a elite e, em geral, mantém um controle rígido de treinamento para garantir que irão desenvolver todo o potencial para, assim, garantir a proteção do resto do clã. Comparativamente falando, o número de Alfas é extremamente baixo o que, de certa forma, é o que mantém o equilíbrio no mundo Garou; Um grupo com muitos Alfas terminaria extinguindo a si mesmo;
Betas: Constituem a maior parte da população lupina, sendo basicamente os "civis" dentro do clã. Enquanto que os Alfas em geral envolvem-se com a política e trabalham a influência de seu bando, os Betas normalmente estão responsáveis por tarefas como a vigília do território, caça e manutenção das necessidades básicas do grupo.
Ômegas: São assim chamados os lobos mais fracos, sendo em geral os mais jovens do grupo ou aqueles ainda em treinamento. Não é incomum que sejam intimidados pelos demais como forma de "diversão", embora todos os protejam em situações de risco.

Transformações
No que diz respeito às transformações de um Garou, estas se dividem em cinco:
Lupino (100% lobo): Sua forma verdadeira e aquela com a qual geralmente possuem mais afinidade. É exatamente igual a um lobo comum podendo, por vezes, mostrar-se ligeiramente maiores ou mais pesados. Apresenta grande inteligência e agilidade, além de, normalmente, ser considerada sua forma mais pacífica.
Hispo (75% lobo 25% humano): Um lobo pré-histórico poderoso, possuindo um balanço entre a força e a agilidade de suas formas Crinos e Lupina. Nesta forma seus instintos e seu lado animal tomam o controle, tornando-o mais agressivo e possuindo pouquíssimo controle de suas ações. Não é surpresa caso não consigam lembrar do que fizeram após assumir tal forma, considerando que sua consciência é mínima.
Crinos (50% lobo 50% humano): Esta é a forma em que o Garou está em seu ápice de poder; todas as suas habilidades sofrem um aumento drástico, assim como seu tamanho. Torna-se no famoso homem-lobo, ultrapassando os dois metros de altura e duzentos e cinquenta quilos de massa muscular. É sua forma mais poderosa e aquela onde sua sede de sangue mais se faz presente, tornando-os verdadeiras máquinas de matar.
Glabro(25% lobo 75% humano): Semelhante a sua forma hominídea, embora um pouco mais alta, musculosa e peluda, possuindo dentes afiados e garras. Nesta forma sua força aumenta significativamente e seus cinco sentidos melhoram, embora não tanto quanto em suas formas Crinos, Hispo e Lupina.
Hominídea (100% humano): Sua forma humana, a qual usam, em geral, para conviverem entre os seres humanos sem haver conflitos. Praticamente não possui suas habilidades lupinas nesta forma, embora Garous mais experientes sejam capazes de aguçar seus sentidos e até mesmo aumentar um pouco sua força e velocidade. É sua forma mais fraca e aquela onde se encontra mais vulnerável.

Fraquezas
Como é de se esperar, não importa a criatura ela possuirá suas fraquezas.
Prata: Não há objeto no mundo mais mortal para um Garou do que a prata. Ferimentos causados por este metal demoram a cicatrizar e sempre deixarão cicatrizes, algo que a regeneração acelerada em geral não permite que aconteça. Morrerão facilmente se forem atingidos no coração ou na cabeça por objetos de prata, assim como em outros pontos vitais do corpo. O simples contato com a prata causa queimaduras dolorosas e que levam tempo até cicatrizar;
Ouro: Embora não tão eficaz quanto a prata, o ouro possui efeito semelhante ao de venenos ou produtos tóxicos. Caso não sejam tratados de imediato, poderão agonizar por dias antes de começarem a se recuperar ou, no caso de a quantidade a qual foram expostos for grande, morrerem.

Frenesi
O frenesi é nada além de um momento em que o Garou é completamente dominado pela fúria. Ele perde sua capacidade de raciocínio e seu objetivo se torna unicamente destruir o responsável por desencadear tal reação. Quando entra em frenesi, não reconhece amigos, companheiros ou aliados; irá destruir junto qualquer um que se coloque entre suas garras e seu objetivo.

Humanos

Carecendo de qualquer habilidade anormal ou excepcional, sua maior arma e fonte de progresso consiste em sua inteligência. Possuem tecnologia avançada, o ápice de sua capacidade de criação e inovação, até o momento, sendo a cidade de New Dawn que permanece em constante desenvolvimento.

Governo em crise
Devido ao crescimento do número de baixas causadas pelo encontro indevido de humanos com os Garou e outras criaturas sobrenaturais, rapidamente foi decidido que medidas deveriam ser tomadas. O Governo Mundial então, junto de outros órgãos privados, optou por rapidamente começar a arquitetar uma forma de combater a constante matança. No entanto, uma vez que a informação de que algo extremamente letal e não humano estava à solta fosse levada ao público, definitivamente haveria caos.

Desta forma, almejando manter a paz que fora conquistada com tremenda dificuldade, foi criado um departamento específico que deveria lidar apenas com estes casos. A população sequer sabe de sua existência, seus membros sendo escolhidos a dedo por um grupo seleto de indivíduos que são responsáveis por liderar suas tarefas.

Divisão de Contenção e Investigação
Tal qual o nome sugere, suas principais atividades envolvem, principalmente, investigar situações e crimes que tenham sido causados por qualquer sobrenatural, assim como, preferivelmente, capturá-los e garantir que não voltem a cometer quaisquer delitos. Não se sabe o que fazem ao capturá-los, embora hajam suspeitas de que os infratores sejam utilizados como cobaias de testes.

O departamento é dividido, basicamente, em duas equipes: a primeira responsável apenas pela investigação, sendo estes em sua maioria detetives habilidosos e cientistas renomados, além de médicos e biólogos; a segunda, por sua vez, possui a tarefa de enfrentar os sobrenaturais e capturá-los. Diz-se que seus membros vem de organizações renomadas como FBI ou SWAT, além de passarem por um regime de treino inumano para que possam ser considerados aptos ao trabalho.

Silver Crowns
Dentre aqueles habilitados a fazer parte da equipe de contenção, os que demonstraram habilidades excepcionais são imediatamente convocados a fazer parte de uma Força-Tarefa especial: os Silver Crowns.

Seus deveres se estendem de apenas capturar infratores para perseguir e eliminar aqueles considerados verdadeiros perigos à sociedade humana, de modo que encarar a morte se torna uma tarefa diária. São capazes de enfrentar um sobrenatural de igual para igual, conhecendo as fraquezas de seu oponente e usando-as contra ele mesmo.

Nem mesmo os Garous mais confiantes de suas habilidades devem subestimá-los.