Tópico Wonderland

38 Respostas

~Cheung - Clan Sídhe

Usuário: ~Cheung
Slut for gay porn


—W.O.N.D.E.R.L.A.N.D—

É um parque de diversões sombrio, abandonado e comandado por ratos, baratas e outros bichos peçonhentos. A entrada é proibida e a terra está no nome de uma mulher conhecida como Número 5. Abaixo do solo, há um lugar tecnologicamente avançado onde são construídas máquinas gigantes e de poder destrutivo, principalmente os Judas, robôs de 30m de altura, que foram projetados e construídos por Vladislav Egil, o Número 12. É muito bem protegido e a entrada é dita como impossível. É um formigueiro tecnológico das maravilhas.

~Cheung - Clan Sídhe

Usuário: ~Cheung
Slut for gay porn
[
Vladislav Egil
17y | Kansou Tecnológico


A viagem não durou mais de vinte minutos, mas o moreno sentiu como se fossem cinco, trêmulo de medo é inundado de más memórias. Quando chegaram no parque abandonado, a albina apertou um botão e uma passagem secreta abaixo do carrossel enferrujando se mostrou. Dentro, um lugar inteiramente feito de aço e fios, com ciborgues e criaturas artificiais se locomovendo centradas em diversas tarefas.

Todas abriram caminho para o veículo atravessar e ficaram encarando com olhos vazios o acobreado ser puxado pelos cabelos e empurrado até um lugar sujo e empoeirado, com dificuldade para andar pelas pernas fracas e posição. Quando. Chegaram na sala minúscula, arrancaram suas pernas artificiais e o ligaram em fios para que não pudesse falar. Papéis e canetas foram atiradas na sua direção, e ele entendeu bem o que queria dizer: trabalhe.

Ele começou a criar as suas famosas armas que um dia foram significado de muito status e riqueza, tão invejada pela Número 5. Infelizmente, sua mente estava muito ocupada pensando em formas de sair de lá e voltar para os braços de sua futura namorada e amigos, mas com o passar dos dias, tudo parecia um sonho mais distante.

Não lhe davam comida, água, luz do sol, e ele ficava cada vez mais fraco e moribundo. Não conseguia pensar e oitenta por cento dos seus projetos estavam falhando. O que recebia? Punições e mais trabalho.

Existem coisas piores que a morte.

Pensou enquanto desenhava os cabelos azuis de Miyuki em um papel. A tinta da caneta foi manchada por suas lágrimas de uma angústia que ele não merece sofrer.

~Cheung - Clan Sídhe

Usuário: ~Cheung
Slut for gay porn


Akira Raijin | 16y



Depois de andarem quilômetros dentro de um deserto de lixo, árvores mortas e coisas pútridas, chegaram em uma placa que um dia indicava a entrada de um parque de diversões maravilhoso. Bem-vidos à Wonderland. Ele olhou para as que o seguiam — a partir de agora, devem ocultar qualquer traço de magia, voz, som. Vamos subir nas árvores e pularemos nos galhos mais grossos, procurem não sacudir as folhas — e saltou, pulando de galho em galho com uma facilidade assustadora. Era tão silencioso que nem parecia estar lá

~BlueLittleStar - Clan Dragon Slayer

Usuário: ~BlueLittleStar
Anjinho da Preguiça


Miyuki Nakayama




Sem qualquer traço de magia, voz ou som... Seria uma tarefa um pouco complicada, mas tentaria o meu melhor. Afinal, era para ajudar Vladislav-san. Hana desfez sua magia que a transformava na forma humana e ficou em sua forma exceed novamente. A bolsa ficou menor, e ficou amarrada em suas costas, e observei que a mesma subia e pulava em galho em galho, como se fosse um gato normal bem silencioso. Subi na árvore e fui nos mesmos galhos que Hana, já que a mesma parecia saber quais eram os galhos firmes e quais não eram. Sinto que ela escolheu de propósito...

Enquanto saltávamos, pude perceber que ficávamos cada vez mais perto dos brinquedos do antigo parque de diversões, e observava o quão antigo eles eram por sua aparência: Vários animais de rua, o ar de abandono por todo o local, alguns brinquedos que pareciam que iriam desabar com uma brisa, e por fim, alguns enfeites do parque totalmente gastos e/ou rasgados. Eu nunca iria suspeitar que haveria um lugar como esse perto da escola, e menos ainda de que Vladislav-san pudesse estar lá dentro... Tenho realmente que agradecer Akira-san depois disso tudo...

~Cheung - Clan Sídhe

Usuário: ~Cheung
Slut for gay porn


Akira Raijin | 16y



Ele ficou parado por longos momentos, apenas esperando o tempo certo. Depois de alguns minutos, um automóvel curioso se aproximou. Com um gesto de cabeça, chamou os outros. Ele entrou lá dentro com facilidade, e os que dirigiam o local foram tirados de dentro sem vida. Ele chamou as garotas com a mão.

Quando entraram, ele colocou um tipo de equipamento no braço de cada um, e elas puderam ouvir as ordens. Eram simples. O plano estava dando certo. Já haviam conseguido entrar e se misturaram aos operários. Akira olhava para algum lugar onde pudesse entrar, e encontrou um duto de ar em um caminho cego para as câmeras. Ele apontou para a entrada com o queixo

~BlueLittleStar - Clan Dragon Slayer

Usuário: ~BlueLittleStar
Anjinho da Preguiça


Miyuki Nakayama




Akira-san ficou parado, e eu e Hana ficamos quietas também. Não entendi o que ele estava planejando até um automóvel curioso passar por perto, fazendo com que ele mandasse um sinal. Ele entrou, fazendo com que alguns corpos fossem jogados para fora, e assim que terminou fez outro sinal, no qual eu prontamente me aproximei, percebendo como os corpos estavam. Sem vida alguma.

Olhei para Hana enquanto entravamos no local e Akira-san colocava alguns equipamentos. Logo comecei a ouvir informações, e parece que os outros também começaram a escutar... E parece que nos disfarçamos muito bem, já que ninguém suspeito de nenhum de nós. Até que vi outro sinal, apontando para um duto de ar. Esperei que ninguém estivesse olhando ou andando por perto e abri ele, deixando Hana passar primeiro, e depois eu.

- E agora Akira-san? - Sussurrei enquanto andava para frente, ouvindo curtos e pequenos estalos do duto de ar metálico.

~Lord_Ackerman

Usuário: ~Lord_Ackerman
Seita "Tudo por Levi"


Elizabeth Camperbell Fiore


Estava seguindo o albino, fazendo de acordo como deveria. Pular de galho para galho sem fazer som algum ou usar magia era fácil, ocultar sua presença não era dificuldade alguma com sua magia. Fui até Akira que havia nos chamados, ele havia conseguido entrar lá. Recebeu o equipamento e agora a loira e Souma estavam parecendo operários normais da fábrica.
Viu que o mesmo indicara o duto de ventilação e notou um caminho onde poderiam chegar lá sem as câmeras filmarem, la dentro seria um local bom para deixar Souma e Miyuki invisíveis.

Yui estava escondida, não havia exceeds naquele local, então a mesma ficara escondida por baixo da capa da loira.
Elina olhou Miyuki e Hana entrarem, mandou Souma entrar e entrou depois dele no local.

(Desculpa a demora em postar aqui)

~Cheung - Clan Sídhe

Usuário: ~Cheung
Slut for gay porn


Akira Raijin | 16y



"Vamos em frente. Apenas me sigam. " a voz não saiu de seus lábios, mas dos dedos em sinais. Não poderiam falar de forma alguma. Se arrastaram um bocado, e pararam quando ouviu um grito estridente de uma mulher estressada — Inútil! Me traga algo para me refrescar! Está um calor dos infernos. — ela estava em um dos quartos. Ele virou e continuou engatinhando, até parar em uma entrada e espiar por ela, havia uma mancha púrpura no meio do branco e a voz vinha dali. Encontraram. Ele deu um sinal para Miyuki para que se aproximasse, mas quando ela o fez, a entrada rangeu e caiu. Miyuki teria ido também se não tivesse sido segurada...mas não havia mais jeito. Antes que ela pudesse dar um comando, Akira atirou um raio em seu dispositivo e deu passagem para os outros.

Número Cinco estava diferente, e naonestava em seus trajes futuristas, mas em um arcaico e completamente branco: um vestido de noiva. Já estava dando os toques finais na bonita maquiagem. Era claro, um casamento. O noivo? Quem mais além de Vladislav. Ela não foi intimidada, e apenas colocou uma mão na testa — vocês sujaram meu vestido! Estão felizes agora?

~BlueLittleStar - Clan Dragon Slayer

Usuário: ~BlueLittleStar
Anjinho da Preguiça


Miyuki Nakayama




Eu infelizmente havia caído, e nem mesmo Hana poderia ter chegado a tempo. Ainda bem que Akira-san me segurou, mas o plano tinha ido por água a baixo. Antes que Número 5 dissesse seus comandos em um dispositivo em seu pulso, Akira-san atirou nele, fazendo com que o equipamento foss inútil. E então eu percebi... Ela estava usando um vestido branco de noiva, o que me deixaria encantada, se não fosse ela a mulher que sequestrou Vladislav-san.

- Eu não estou feliz, nem um pouco... - Sussurrei para mim mesma, como se estivesse respondido a sua pergunta. Ela não se sentia intimidada, o que era bem estranho. Ela estava segura de si, até demais... - Esta na hora de usar a minha magia? - Perguntei para Akira-san, já que ela estava sem equipamentos, talvez fosse uma boa hora para parar o tempo..

~Cheung - Clan Sídhe

Usuário: ~Cheung
Slut for gay porn


Akira Raijin | 16y





Antes que o albino tivesse chance de abrir a boca para responder, a outra já havia o feito — É inútil...não vê esse lugar? Retardar o tempo que já foi tão acelerado. É inútil...tão inútil. Mas você talvez não seja...é...você é bonitinha. Vai ser minha dama de honra e trará as alianças para nós. Sim? Vá se vestir — ela estalou os dedos e dois guardas corpulentos entraram, a pegando pelos ombros.

Nesse meio tempo, ela foi até Akira, e contra seus protestos, ela apertou um botão em sua nuca. Ele começou a salivar e ter fortes espasmos antes de cair no chão. Mais um ciborgues. — E coloquem algum enchimento no busto dela! Para não ficar tão reta!