Tópico Vocaloid series- Coletâneas de musicas e seus mistérios

3 Respostas

~Shiori001

Usuário: ~Shiori001
A ditadora inerte
Criei esse tópico para a discussão das séries mais conhecidas. Dentre elas até mesmo as BENZENE E A NIGHT, que falando nisso...
ALGUÉM ME AJUDA!
Mano, agora que eu parei para pensar sobre essas séries...
E se é que alguém ainda está aqui, me expliquem uma coisa:

Qual que é a das Séries Night?

Tem Bad End Night, Crazy Night e Twilight Night.
Em cada uma das musicas, ocorre quase a mesma coisa mas com um aspecto diferente. Já vi teoria de que são três histórias diferentes. Uma termina em Bad End, por exemplo. Outra um final maluco e assim vai.
Sinceramente, eu não entendi nada disso. Só sei que em todas a Miku se perde na floresta, pede abrigo aos donos da mandão e o povo acolhe, a partir disso eles começam a seguir o roteiro lá e tal enquanto a Miku tenta achar a face verdadeira deles e uma forma de sair do lugar. Pq afinal, ninguém quer ficar numa mansao assombrada.
E parece que nos finais, a Miku morre falando "Mitsuketa" (achei!) com a ponta do relógio no coração se matando.
Tô falando sério, depois que ouvi essa teoria minha cabeça deu um nó. EU ACHAVA QUE ERA TUDO A MESMA HISOTIRA CARAMBA! E OS CAIXÕES? E POR QUE É QUE DIABOS A MIKU TÁ COM A ÚLTIMA PÁGINA EM UMA MÚSICA E NA OUTRA FALA QUE ESSA NÃO ERA A PÁGINA QUE ELES QUERIAM? SENHOR, UMA HORA ELA DESCE PARA O PORÃO, EM OUTRA NÃO COMENTA NADA DISSO... BUUU~

KENIDNEIENSJENEJWNAKWJOANWIENEK
PARADICLHORONOBENZENE...

Parei.
Se alguém quiser falar algo sobre essa teoria dessa música quase sem sentido, me ajuda.
É sério, qual é a verdade do mistério da série Night?
E, se desejarem,peçam ajuda para desvendar outras séries e para tirar suas dúvidas. De musicas tbem.
Fiquem a vontade.

~Setsuna-san

Usuário: ~Setsuna-san
Tornado de felicidade! <3
Olha... Se eu falar que tinha feito um super textão sobre a Benzene, só que eu acabei fechando sem querer (sem salvar), você acredita? xD Benzene fica pra outro dia.

A Night eu tbm não entendi u_u

Mas eu queria ajuda com umas coisinhas nas Crônicas de Evillious:

Gente, que história é essa de boneca? Que carambas é Clockwork Lullaby? E quem é Elluka Clockworker? Que carambas é esse lado da história? xD

Valeu desde já ^^

~Diabolical-Chan

Usuário: ~Diabolical-Chan
LOL
Escreveu @Setsuna-san

Olha... Se eu falar que tinha feito um super textão sobre a Benzene, só que eu acabei fechando sem querer (sem salvar), você acredita? xD Benzene fica pra outro dia.

A Night eu tbm não entendi u_u

Mas eu queria ajuda com umas coisinhas nas Crônicas de Evillious:

Gente, que história é essa de boneca? Que carambas é Clockwork Lullaby? E quem é Elluka Clockworker? Que carambas é esse lado da história? xD

Valeu desde já ^^

É sinceramente essa é uma das crônicas mais complicadas de VOCALOID que eu já vi(pelo menos eu acho)
Por milagre consegui achar todas as respostas pra suas perguntas(bom eu espero que ajude)
Prepare-se pra ler muito pq é coisa de mais, principalmente sobre Elluka!
P.S: Desculpa pelo jeito que tá escrito tudo aqui se tá meio errado ou difícil pra entender, é que eu coloquei os textos pra traduzir e o Google Tradutor não traduz corretamente as vezes... ... Mas eu acho que dá pra entender...

Sobre a Boneca Clockworker's
A boneca de Clockworker foi um dos navios do pecado, habitada pelo "Demônio da preguiça". Margarita Blankenheim estava entre seus proprietários mais proeminentes, causando infame para os Assassínios em série Toragay.História
Criação Editar
Em março de CE 136, o mago IR trabalhada boneca do Clockworker em Gine Workshop em Lasaland, Asmodean no Império Beelzenian. Depois, o mago deu a boneca para Mikulia Greeonio como um brinquedo e do "Demônio da preguiça" a residir nela, [1] Eve enluarada, mudou-se para a boneca como seu novo navio logo depois. [2] Mais tarde naquele ano, IR recolhido a boneca e partiu com ele. [3]

Flor do Planalto
Algum tempo depois da morte de Mikulia, de Boneca do Clockworker hipnose foi ativado, hipnotizando Eve em acreditar que ela era persona de seu ex-navio. O falso Mikulia mais tarde se estabeleceu em Calgaround, Elphegort no CE 141. [4] Depois, o florista populares casou com Earl Gilbert Calgaround no CE 147, matando quaisquer ligações ao seu passado, ela encontrou, antes de envenenar o marido com presente no CE 151. [5 ] Algum tempo depois, Eve despertou de seu sono ea hipnose terminou. A boneca foi mais tarde voltou à posse do IR. [6]

Mal Food Eater Conchita
Em algum momento durante os 300s CE primeiros, a hipnose da Boneca foi ativado novamente, hipnotizante Eve em acreditar que ela era a filha da família Calgaround. [7] Após a menina fugiu de casa, ela ficou sob a tutela de um ladrão de idade e tornou-se o infame "Fantasma Thief platônica". Enquanto empregado por AB-CIR para recuperar vasos de pecado no CE 325, platônico acabou capturado por Elluka Clockworker por algum tempo antes de escapar e voltar para casa para Calgaround em agosto do mesmo ano. [8] Eventualmente, Eve despertou de seu sono e do hipnose terminou. A boneca foi posteriormente readquiridas pela AB-CIR. [9]

História do Mal
Na CE 482, Abyss IR deu a boneca à rainha Prim como parte de sua aliança em Marlon. Na CE 505, Prim trouxe a boneca para Castelo Hedgehog. Durante a batalha com o rei de Kyle exércitos, Prim manteve o navio com ela em Pulsação Clocktower, acariciando sua cabeça. Mais tarde, ela invocou o demônio do poder de preguiça de ter um dos navios de mão espelhos da Pride que possuía o controle do demônio da luxúria e tê-lo reaver Kyle.

Prim foi morto por sua filha, Ney, imediatamente depois, deixando cair a boneca e travar o seu poder invocado. Depois, Kyle trouxe o vidro para Lioness Castelo e foi posteriormente selado por Elluka Clockworker e Gumillia. Logo depois, Abyss IR pegou o copo junto com os outros navios do pecado montados no castelo e removido seus selos. [10]

Toragay Assassínios em série
Na CE 593, Julia Abelardo substituiu o cadáver natimorto de Margarita Felix com a boneca, hipnotizante Eve em acreditar que ela era a criança. [11] Crescendo como um membro da família de Felix em Toragay, Margarita depois se casou com Marquis Kaspar Blankenheim, em junho, CE 608. Aprendizagem de mulherengo descarado de seu marido e hábitos de consumo saudosos, Margarita caiu em uma depressão. [12] Depois de ingressar Père Noël como Terceiro Princesa do sono, [13] Margarita foi experimentado com presente ao testar a sua "medicina do sono" do marido e pai. [14]

Uma vez que ela finalmente desenvolveu o transportado por via aérea Sexto presente, Margarita liberou o veneno em cima de sua cidade natal. [15] O sofrimento das memórias ressuscitador de encarnações passadas de Eva, Margarita desenvolveu um presente sétimo no Mayor de Julia Abelardo mansão em Calgaround. Quando confrontado por Elluka Clockworker e Gumillia, Margarita ingerido sua mistura e, abrindo suas memórias, morreu. [16]

Depois de consciência da Eve despertou, a boneca viajou para o Millennium Tree Forest e confrontou Elluka sob o disfarce de Margarita, convidando-a para uma conversa particular em sua casa há muito abandonada. Os dois então conversou sobre sua verdadeira identidade antes Elluka agarrado a boneca por seu pescoço e interrogado Eve sobre seus motivos. Depois, Elluka invocou a Técnica de Swap, tirando a alma de Eva do boneca em sua própria como os dois lutaram em silêncio durante quinze minutos. [17]

Awakening
Em algum momento, uma caixa preta contendo irregular foi colocado dentro do boneco. [18] Cerca de 980 CE, Boneca do Clockworker foi recolhido por Gallerian Marlon e armazenados dentro de sua casa. Acredita-se ser sua filha real, Michelle, o juiz falou com "ela", como tal, enquanto limitando a boneca para um quarto em sua mansão. [19] Durante a Guerra Civil Leviantan em agosto de CE 983, Gallerian confortou a boneca até sua morte ; [20] como a mansão queimada em torno deles, a boneca ficou gravemente queimado.

Logo depois, Ma recolhidos a boneca das ruínas e instalou-a no Pulsação Clocktower de Teatro de Evil para sustentá-la. [21] Algum tempo depois, Boneca do Clockworker despertou e começou a cantar a Clockwork Lullaby. [22] Após a torre do relógio quebrou para baixo e engrenagem transferiu o de Marlon Colher poder para a boneca no CE 990, que ela apelidou-se o "Master of the Court" e dirigido aos habitantes de teatro para encontrar a Chave de Ouro, enquanto condenação intrusos à morte através de seus "ensaios". [23] Em CE 998, Irregular estourar fora do abdome da boneca. [24]

Fim do Mundo
Após a destruição do Terceiro Período final daquele ano, Michaela convocou todos os sete navios juntos por Allen Avadonia. [25] Eve Moonlit deixou sua embarcação algum tempo depois e Michaela mais tarde deu o navio a Hänsel para selar a princesa do sono. Hänsel mais tarde dirigiu com a boneca para Toragay antes de vir através Allen e Clarith, mostrando a boneca e os danos que tinha sofrido com o menino. Uma vez ele chegou a Toragay, Hänsel selado Eva e seu presente Oitavo na boneca. [26]

Hänsel mais tarde trouxe a boneca com ele para Enbizaka, Jakoku e lançou alguns dos Presente selado dentro para colocar o advogado de defesa na USE tribunal Dark Star Bureau para dormir. Ele, então, discretamente apoiado a boneca na mesa defesa ao jogar sua voz como "Michelle" para enganar Gallerian Marlon. [27] Depois de o Mestre do Hellish Quintal caiu Hänsel e Allen na jarda grave, o menino levou o boneco através tecnológico cemitério, até que me deparei com Irregular, forçando-o a manter a boneca fora de alcance. [28]

Mecânica
Semelhante a outros navios do pecado, a boneca servido um recipiente para a alma do enluarada Eva e lhe permitiu influenciar o seu proprietário, alimentando sua desesperança e desespero. No entanto, porque era habitada por um humano alma ao invés de um demônio real, o navio foi incapaz de possuir seu proprietário. Independentemente disso, devido aos poderes hipnóticos do navio, a boneca poderia influenciar a identidade Eve assumiu.

Boneca do Clockworker foi capaz de projetar um poderoso hipnose em torno de si, permitindo que qualquer pessoa observando-a acreditar que era uma garota humana com cara de Eve enluarada. A hipnose era forte o suficiente para passar desapercebido por magos até mesmo qualificados. Da mesma forma, também afetou Eve, forçando-a em um sono enquanto uma nova auto-consciente desenvolvido em seu lugar. A boneca também parecia ser capaz de permitir a consciência para reter todas as memórias da pessoa que se baseava em, assumindo tais memórias existiu.

A hipnose tinha a capacidade de simular gestos humanos básicos, tais como comer, tocar, mover e falar para todos os indivíduos afetados. No entanto, ele não foi capaz de fazer com que a consciência de se sentir cansado ou sono e, portanto, não foi capaz de ser desligado pelo usuário desconhece. No entanto, a consciência poderia recuperar as memórias subconscientes de encarnações passadas; um catalisador de desbloqueio disse memórias, como o presente sétimo lugar, também tinha o potencial para despertar Eve. [29]

A própria boneca tem um compartimento escondido em torno de sua área do estômago, permitindo-lhe armazenar e transportar pequenos objetos com segurança. [30] Embora em grande parte feito de resistente madeira Nechuha, as pernas da boneca foram feitas de material mais macio e, portanto, mais propensos a ser danificado. Ele também tinha uma aparência um pouco a vida-como, apesar de ser apenas cerca de 70 centímetros de altura. [31] Ao contrário do resto dos vasos do pecado, Boneca do Clockworker foi incapaz de matar um demônio contratante devido ao "Demônio da de preguiça" true natureza. A boneca também foi capaz de "despertar", manifestando-se em uma forma humana. [32]

Ao contrário dos Demons of Sin, Eve foi incapaz de habitar seu navio naturalmente, facilitando isso com a técnica de troca. [33] Não obstante, ela foi a fonte tanto de seu próprio poder mágico e que da preguiça. [34] A fim de suprimir Eve ., que tinha ser selado em sua embarcação originais [35] fixados em sua própria aparência, [36] Eve influenciado o aparecimento de qualquer um de seus vasos humanos que ela habitava a partilhar o seu rosto; Da mesma forma, ela escolheu Boneca do Clockworker como seu navio preferido devido a ser trabalhada em sua imagem. [37]

Eve podia falar diretamente com outras pessoas através de telepatia e também deu a capacidade de seus vasos humanos para compreender seres mágicos. [38] Apesar disso, Eve mostrou pouca inclinação para agir sobre ou fazer "contratos" com os anfitriões, [39] em parte devido à sua própria incapacidade. Em vez disso, ela preferiu ir passivamente através de sua eternidade, assumindo periodicamente outras identidades quando seu navio foi invocada e, ocasionalmente causado calamidades com sua influência subconsciente sutil. [40]

Usuários
Irina Clockworker
Marlon Prim
Hänsel
Trivia
Conceituação e Origem
Pecado representante do navio é derivado da preguiça dos sete pecados mortais.
O sobrenome de Hatsune Miku, a partilha semelhança da boneca Vocaloid, soa quase idêntica à palavra japonesa??(Hatsumei) que significa "invenção"; este jogo de palavras possivelmente se conecta a origem artificial do Clockworker boneca e Belphegor, o demônio patrono da preguiça.
O material a boneca é feita a partir, Nechuha, é provavelmente uma referência para Hachune Miku; quando revertida, soletrar os personagens de Nechuha????(Hachune).
Da mesma forma, as origens da boneca como uma Gine Doll é provavelmente uma referência ao item personagem de Hachune Miku, uma cebola verde; quando revertida, os personagens de Gine soletrar??(negi), significando "cebola verde".
Curiosidades
Ironicamente, Margarita se compara ao de uma boneca, usado como uma decoração por toda a sua volta, e tornou-se obcecado em provar sua humanidade independente

Clockwork's Lullaby:
A Série Lullaby Clockwork [1] é uma série de músicas de Vocaloid conceituados e desenvolvidos por Akuno-P. Ela pertence a maiores mothy de Crônicas Evillious. Incluindo algumas de suas primeiras canções, é uma das séries mais antiga do produtor musical e desde então tem desenvolvido como uma ponte entre outras séries de mothy, bem como elaborar sobre o evento depois de na sua história. Tal como o seu nome, ela é reconhecida por incorporar o "Clockwork Lullaby" em cada canção.A série se passa em Bolganio, um continente fictício na série mundo, com todos os seus principais ações que ocorrem na sua região ocidental, Evillious. A maior parte do enredo conhecido ocorre ao longo das décadas finais das CE 900s. No entanto, várias partes da história ocorrer durante uma localização desconhecida e actualmente tempo.

Terminologia
Clockwork Lullaby
Um feitiço canção que pode ser aprendido por aqueles com uma afinidade para magia e voz para cantar. Um praticante que canta o distintivo, melodia calmante ("Lu Li La" ou um arranjo do padrão) é capaz de espalhar sua voz em uma grande área. O período pode ser usado como um tipo de exploração mágica, tais como detectar e localizar os vasos de pecado. [2]

Os navios Despertos de Pecado
Os vasos do pecado depois de "despertar", [3] assumir formas humanas com novos nomes para si próprios. Alguns dos navios despertos se assemelham um dos seus proprietários anteriores com algumas partilha de alguns dos seus personalidade também. Depois de despertar, as entidades continuam a exercer os poderes de sua embarcação; [4], mesmo que o seu poder é drenado, eles continuam a manter sua forma humana. [5]

Músicas
Com o lançamento de sua última música, a série teve oito músicas rotulados como "Clockwork Lullaby" de "Zero" para "7". [6] Apesar de não alcançar a mesma quantidade de popularidade como algumas de suas outras séries, a Clockwork Lullaby canções tornou-se importante para os fãs de de Akuno-P maiores Chronicles Evillious devido a suas ligações com os personagens ou acontecimentos de sua outra série. Enquanto os anos progrediram, uma série de álbuns que caracterizam os personagens de algumas das canções mais tarde foram libertados. Os livretos incluídos com esses álbuns desenvolveu a história e muitos dos personagens existentes neles.

Canção Listing
Jogo de palavras
Clockwork Lullaby
Miniature menina Garden
Re_birthday
Batimentos cardíacos Clocktower
Chrono História
Capriccio Farce
Sete Crimes e das Penas
Clockwork Lullaby 8
Clockwork Lullaby 9
Clockwork Lullaby 10
Clockwork Lullaby 11
Livros
Como parte das Sete Crimes e das Penas álbum, a prosa de 150 páginas foi escrito por Akuno-P e incluída na versão de edição limitada do álbum. Como os pecados mortais do Mal e A Filha do Mal luz novela série anterior, a história expandiu os personagens personagens apresentados ou mencionados no PV canção original, bem como a adição de novos personagens e detalhes da trama. A história foi ilustrada por Ichika.Trivia
Conceituação e Origem
Um mecanismo de relógio é um dispositivo mecânico, que utiliza uma complexa série de engrenagens para efectuar a sua função; nos Evillious Chronicles, prepara muitas vezes representam o destino, destino, ea passagem do tempo.
Uma canção de ninar é uma melodia suave, geralmente usado para o propósito de colocar uma criança para dormir, refletindo a natureza do feitiço calmante.
Curiosidades
No final de Chrono Story, uma engrenagem de ouro é mostrado com um numeral romano em cada dente, a partir de 1 a 12.

Elluka Clockworker:
"Eu não me importo, desde que ele me mantém entretido."
-Elluka Clockworker [src]
Elluka Clockworker, considerado como o Mago do Tempo e Mago of Eternity, era uma poderosa feiticeira. Despertando de Sin, na sequência da catástrofe Levianta, o imortal aceite uma missão de Held para recolher os vasos do pecado por capricho. Mais tarde, ela se envolveu em numerosos incidentes e conflitos causados ??pelas embarcações pecado ao longo dos séculos. Ela é uma das Levia e Behemo das reencarnações.História Editar
Início da vida Editar
Depois que os gêmeos deuses Levia e Behemo encarnado em de Elluka Chirclatia corpo e Levia tornou-se a consciência para a nova reencarnação, "Elluka" acordou de Sin no Magic Kingdom Levianta na CE 013. Recordando seu amado Kiril Clockworker usando a arca proibido e Clockwork Segredo Art ressuscitar ela, libertando o dragão Levia-Behemo e destruir o Magic Kingdom, Elluka deixou o terreno baldio Leviantan e desapareceu da vista do público. [1] Em algum momento, ela tomou sobre o sobrenome "Clockworker" em memória de seu noivado com Kiril.

CSEllukaHeld
Elluka é encarregado de recolher os vasos do pecado
Lembrando-lhe para ser seu velho amigo, Elluka visitou o deus Held e disse a ele sobre seu assassinato, ressurreição e o que aconteceu durante a catástrofe Leviantan. O deus da terra, em seguida, relatou que Adam enluarada e Eva Zvezda tinha sido secretamente vivendo em uma cabana na floresta e foram aumentando a 'Ma' Project candidatos Hansel e Gretel depois de matar sua mãe, Meta Salmhofer.
Ele então descreveu como fragmentos do Levia-Behemo fundido com os gêmeos, tornando-se deteriorando cópias do dragão; Ele então explicou como Adão e Eva abandonou os gêmeos na floresta devido à fome causada pela catástrofe Levianta antes que eles voltaram e mataram seus pais falsos.

Uma vez que o deus da terra explicou que eles se separaram de Eva Pecado Original em sete vasos de pecado que foram espalhados por todo o mundo, [2] ele encarregado Elluka com a coleta do demônio - possuído objetos antes que eles causaram calamidades para os seres humanos. [3] sentindo entediado e parcialmente culpado pela situação, Elluka colocou a mão ao queixo e zombou. A feiticeira, em seguida, afirmou que ela não se importava de fazê-lo, desde que a procura manteve-la entretida, anotando seu tempo era ilimitada de qualquer maneira antes de sair. [4]

Venomania Evento Editar
Chara img6
Durante sua busca, Elluka flertou na missão, viajando por toda a Evillious e dar ajuda para os necessitados ao invés de focar na investigação de potenciais clientes em potencial. Na CE 126, Elluka veio a Mystica no Asmodean região do Império Beelzenian para visitar conde Ferdinand e foi recebido como seu convidado. Enquanto estava lá, ela encontrou uma criança, Lukana Octo, e ouviu a sua história sobre como ela sonhou que uma seca cairia sobre a cidade.

Intrigado com aparente da menina mágico poder, ela acreditava Lukana e imediatamente à esquerda. Adquirir um Tiama ziz, ela voltou para Mystica vários meses mais tarde, com o polvo, confrontados com a seca anunciada. A feiticeira, em seguida, subiu a serra próxima e rezou no altar nas ruínas Leviantan lá, sacrificando o Tiama ziz para conjurar uma tempestade que durou dias. Tendo cumprido seu dever, Elluka deixou o país para continuar sua jornada. [5]

Na CE 131, ela ajudou a acabar com uma rebelião em Retasan fortaleza, ganhando a gratidão do Império Beelzenian e Princesa Aprilis. Cinco anos depois, ela começou a seguir os desaparecimentos de Yufina Marlon e Maylis Beelzenia a mando de tanto o Reino de Marlon e Beelzenia, suspeitando os vasos do pecado estavam envolvidos. Durante este tempo ela conheceu Karchess Crim, que também estava investigando os desaparecimentos de mulheres na região Asmodean; Ao encontrá-lo, o mago notou que ele se parecia com Adam enluarada. Aprender que ele carregava a Chave de Ouro, ela começou a colaborar com ele na tentativa de adquiri-lo. Por volta de 137 EC, ela veio em cima da mansão de Duke Sateriasis Venomania em seus planos para resgatar as mulheres.

No entanto, Karchess desviado do plano e matou o duque com a embarcação antes de decolar. Não é possível adquirir a Chave de Ouro, Elluka assistida com o rescaldo do incidente, mas não conseguiu encontrar a Espada Venom. [6] Deduzir o fugitivo Karchess estaria em Elphegort, situado entre Marlon e Beelzenia, a feiticeira viajou para a capital, Aceid e sentiu prazer no Vera Tavern em seu distrito do sul.

Depois de refletir sobre suas falhas recentes, Elluka pago por suas bebidas e saiu da taberna. Caso não consiga encontrar Karchess, Elluka finalmente decidiu ajudar o Império na resolução do caso com Venomania. Durante sua investigação, ela aprendeu que Mikulia Greeonio, Princesa Maylis, e Lukana Octo tinha desejado filhos de Venomania e os perseguiu. Aprender que Mikulia tinha fugido de casa com seu filho, Elluka descobriu-la em um bordel em Lasaland no final CE 137. [7]

Elluka se encontrou com ela logo depois e percebeu que ela compartilhou aparência de Eva Zvezda, apesar de não sentir qualquer Demon of Sin dentro dela. [8] Vendo que ela estava aparentemente feliz com sua vida como prostituta e que seu filho não mostrou quaisquer sinais de HER, Elluka esquerda. Enquanto investiga Maylis, ela aprendeu sobre a família imperial encobrimento da sua gravidez e Maylis desistir da criança ao Barão Toy Conchita. Uma vez que ela confirmou que a criança não mostrou quaisquer sinais de HER, a feiticeira esquerda.

Depois disso, ela prosseguido Lukana e, aprendendo eles começaram uma nova vida na região oriental, perseguiu-os lá. Encontro com Lukana novamente no CE 138, Elluka aprendemos mais sobre o que havia acontecido durante o incidente e como Lukana estava sendo perseguido pelo mago IR, para que ela pudesse roubar seu corpo e seu poder único sonho profético. Elluka então se ofereceu para trocar de corpo com a mulher, explicando que privaria IR de seu motivo para persegui-la e deixá-Lukana viver uma vida normal. Lukana aceitou então a oferta e Elluka realizada a troca. Depois de ver Lukana reconectar com sua criança confusa, a feiticeira não encontrou sinais de o bebê ter HER e esquerda.

Na CE 139, Elluka se reuniu com Gumina Glassred e, confundido com Lukana, decidiu não explicar a situação e ir junto com o ato. Durante a conversa, Elluka aprendeu o que tinha acontecido com Gumina após o incidente e convenceu-a a explicar sua ligação com Duke Venomania. O mago então aprendeu o que aconteceu entre ela e Querubins. Depois, Elluka observou como seu servo, Carol Shields, questionou Gumina sobre se a tentativa do ex-destruir seu noivado com o real Sateriasis era porque ela amava Cherubim. Pouco depois Gumina deu nenhuma resposta, exceto por um sorriso solitário, Elluka esquerda.

Logo depois, ela aprendeu que Karchess tinha começado um movimento com Yufina para derrubar Marlon e estabelecer um "legítimo" governo Marlon vez. Ela, então, escreveu um relato do que havia aprendido nos últimos dois anos e seus planos de deixar Elphegort em busca de Karchess. [9] Algum tempo depois de não conseguir adquirir a Chave de Ouro do Marlon Família Real, Elluka relatou tudo o que ela tinha aprendido a . realizada [10] Mais tarde, ela visitou Mikulia Greeonio uma segunda vez no bordel; Enquanto estava lá, ela viu a menina entrar em trabalho de seu segundo filho e passar de complicações com o parto. Audição sobre a condessa Mikulia casada com o senhor de Calgaround em anos posteriores, o mago assumiu que ela era uma pessoa diferente. [11]

Mal Food Eater Conchita Editar
"Recentemente eu contratei um servo. Sem pagar-la."
-Elluka Sobre platônica [src]
Chara img5CNa CE 325, Elluka recebeu o gêmeo Blades of Levianta do Levin igreja no Lucifenia região de Beelzenia, mas mais tarde descobriu o suposto navio de Envy era falso. Depois de ter um sonho profético de um ladrão tentando roubar sua embarcação, a feiticeira estava preparado para o encontro e não sabia para beber o chá drogado o bandido tinha preparado e fingiu adormecer em seu quarto.
Uma vez platônica proclamou sua vitória, Elluka disse o Phantom Thief que não era o caso. Pegando-a desprevenida, e mago capturou com sucesso a menina. Com "platônico" no reboque, Elluka obrigou o ladrão a trabalhar para ela e manteve obrigado a impedir sua fuga. [12] Vendo que ela, como Mikulia, parecia o Sinner Original, Elluka tentou várias vezes para ensinar seus feitiços simples, mas o treinamento não a cada vez. O mago decidiu abrir os recentes acontecimentos com Held e, depois de colocar um feitiço de captura sobre o ladrão, deixou a sua residência em rota para de Held Forest.

Elluka reuniu-se com a árvore e explicou o que tinha acontecido com as Twin Blades, queixando-se de como ela não conseguiu recolher até mesmo um navio, não importa quantas dificuldades que ela passou. Bater o deus entre os olhos, Held disse a ela como isso era inútil, uma vez que ele não podia sentir dor e Elluka respondida é por isso que ela fez isso. Quando retidas desconsiderou seu infortúnio, ela notou como ele agiu como se fosse problema de outra pessoa e salientou que ela era um voluntário procurando os vasos originalmente nascidos em sua floresta. O deus respondeu que ela compartilhou a culpa também em libertar os Demônios e, irritado, o mago admitiu ela destruiu o Magic Kingdom, perfuração Realizada no rosto de novo.

Quando o deus mencionado que o reino "mal" tinha sido reconstruída, Elluka disse que não havia necessidade de se preocupar, uma vez que não parece herdar qualquer de seu legado passado, limpando os temores de Detidos deles recuperação antiga relíquia de seu período. Michaela em seguida, por onde passaram e cumprimentou Elluka, mas a feiticeira disse que iria jogar depois que ela terminou seu e importante conversa do deus. Uma vez que o espírito saiu, ela perguntou como muitos espíritos, que serviam ao deus. Depois de Held respondeu que não se lembrava, Elluka castigado como irresponsável ele era.

Trazido de volta ao assunto, ela mencionou como ela também estava preocupado com outra coisa, mencionando ela recentemente "contratado" servo e como ela não conseguiu lhe ensinar magia. Quando Realizada perguntou por que ela viajou com o estranho, ela lembrou sua conversa anterior sobre Mikulia Greeonio e como platônico parecia ser seu descendente, também partilha o rosto do Sinner Original. Contando como Eva era suposto ter sido um fracasso e não deve ter nenhum descendentes, Elluka questionou por que tantos compartilhou seu rosto. Realizada escovado-lo como algo que às vezes acontecia em sua época, bem como, embora mais pronunciada no mundo atual, e Elluka questionou por que isso aconteceu.

Quando o deus disse a ela para pedir Levia-Behemo, não ele, Elluka perguntou onde poderia encontrá-los, mas o deus se recusou a responder. Depois Elluka confirmou que nem Mikulia ou platônica parecia ter a presença do demônio dentro deles, Held mencionou que o ladrão não estava com ela e Elluka elaborado como ela capturou sua para impedir sua fuga. Uma vez que o deus perguntou se ela deixou qualquer alimento, Elluka percebeu que tinha esquecido ficou preocupado que ela estaria acamada devido à desnutrição. Quando ela saiu, Michaela perseguiu-a, ainda querer que eles jogar juntos. [13]

Em julho do mesmo ano, Elluka trouxe platônica perante o tribunal Beelzenian, apresentando-a a Imperatriz Juno. Desde que ela era investigar os rumores em torno Banica Conchita, o Empress solicitou a assistência do Elluka para descobrir a verdade sobre suposto canibalismo de Banica. [14] Mais uma vez suspeitar do envolvimento de um navio do pecado, Elluka concordou em ajudar a investigar; vendo uso do platônica, Elluka trocado por sua exoneração em troca de ajudar sua investigação.

Em agosto, chegaram a uma cidade em Grabia onde soldados mortos-vivos estavam atacando a região. Elluka e platônico foram trazidos por seu prefeito a um soldado morto-vivo que tinha sido capturado e enjaulado. Depois platônica confirmou que era o mesmo tipo de criatura que atacou, Elluka teve o prefeito abrir a gaiola. Colocando a mão em sua testa, ela invocou um feitiço e mandado falar. Como o soldado se tornou skeletonized por sua magia, ele falou livremente e se revelou como camareiro da família Conchita, Ron Grapple, explicando como um demónio do Pecado possuir um copo de vinho tinto foi a causa de Banica reanimado exército.

Depois de implorar Elluka para ajudar a salvar Banica destruindo o vidro, Ron completamente desmoronou. Depois, a feiticeira determinou que eles necessários para investigar a mansão. Depois de chegar ao Gasto, o par entrou na taberna e aprendi com Xenos Jaakko que os soldados mortos tinham desaparecido completamente. Surpreso com a revelação, Elluka escutou enquanto o menestrel estrangeira relacionada a sua visita à mansão para confirmar os rumores de que ele ouviu falar sobre Banica em Levianta.

Uma vez Xenos confirmou que ele não podia ver ninguém no interior das paredes da mansão e voltou depois para fora do medo de ser pego, Elluka começaram a sair, ignorando a oferta do homem a tocar uma música como um pedido de desculpas. O cansado platônica insistiu que esperar um dia e Elluka, recusando-se a deixar que um navio do pecado escapar de seu alcance novamente, arrastou o ladrão junto com ela.

Nesse mesmo dia, os dois se infiltrado na propriedade Conchita [15] e descobriu-a vazia e em perfeita ordem. [16] Ao entrar na sala de jantar, eles viram um bebê deitado em uma placa ao lado do copo de vinho e tomou tanto eles como eles deixou. No caminho de volta, Elluka perdeu de vista platônico eo ladrão conseguiu roubar o copo de vinho longe como ela escapou. [17]

Determinando que Banica aparentemente tinha fugido, o Império terminou a investigação de Elluka; [18]. Depois que ela encontrou um servo para Imperatriz Juno dispostos a adotar o bebê, Elluka deu o recém-nascido para o plebeu [19] Por volta da virada do século 5 CE, [ 20] Elluka conheceu Will Jaakko; [21]. por sua pesquisa, ela discorreu sobre o que ela sabia de Banica, o vidro, e os Sete Pecados Capitais [22]

Três heróis Editar
"Mariam, o tempo que passei aqui com você e Leonhart ... fez-me extremamente feliz."
-Elluka [Src]
Durante Beelzenia da guerra com o Reino de Lucifenia, Elluka servido o imperador como um oficial de pessoal, [23] tornando-se conhecido como "A Bruxa de Beelzenia" durante o conflito. Em algum momento, Elluka conheceu Prim Rogzé. Sentindo sua grande potencial mágico, o mago começou a instruir a Rainha fascinado em artes mágicas básicas, embora o nobre partiu para Marlon antes de sua formação estava completa. [24]

Por volta de 478 EC, Elluka contratado Gast Venom para atuar como seu acompanhante enquanto ela viajou. Durante o seu mandato em conjunto, Elluka disse o mercenário sobre os Sete Pecados Capitais, incluindo a Espada Venom. [25] Cerca de 480 CE, o filho do Imperador Beelzenian tentou buscar um relacionamento com Elluka e ela categoricamente rejeitou. Logo depois, ela e Gast confrontado Rei Arth no campo de batalha e duelaram ele. Elluka sobreviveu ao encontro. [26]

SanosunArthElluka
Arth e Elluka concordar com o Juramento Sanosun Ponte
Logo depois, ela se reuniu com o rei Lucifenian na Ponte Sanosun e ele a convidou para se juntar a ele e servir ao seu lado. Pressionado de namoro do Beelzenian Prince, Elluka concordou com o negócio e prometeu sua lealdade para com o Lucifenian King, desertar para Lucifenia. [27] Depois, ela lutou contra seu ex-camarada, Gast, e ambos acabaram sobrevivendo a troca. [28]
Tornando-se envolvido em numerosos conflitos como parte da expansão militar da Lucifenia, a feiticeira se tornaram amigos íntimos com o Rei Arth, sua esposa, a rainha Anne, e seus camaradas, Leonhart Avadonia e Mariam Futapie. [29] Em torno deste tempo, ela conheceu o local de ferreiro da família Langley e foi visitá-lo sempre que ela precisava de suas armas reparado. [30] Por CE 490, que foram considerados como os três heróis devido a suas façanhas do tempo de guerra juntos. [31]

Twiright Prank Editar
"Ei, você, o que é isso no seu corpo?" "Hahahahahaha! É o que você tem sempre, nos últimos quinhentos anos, sempre sido procurando, Elluka Clockworker!" "Um demónio do Pecado!"

-Elluka E Ministro Presi [src]
Img Cha3 (1)Na CE 491, não muito tempo depois da morte do Rei Arth, Queen Anne foi para Elluka para aconselhamento sobre o estranho comportamento de sua filha, Riliane, temendo que ela foi afetada pela magia ou um demônio. Aprender sobre seu pobre comportamento e súbito interesse em se tornar o herdeiro, o mago suspeita ministro Presi estava tramando alguma coisa, daí a sua alegação de que Riliane foi o sucessor real na vontade de Arth. Anne afirmou que ela teria Mariam investigar e Elluka aguardava resultados de sua amiga.
Depois de uma fracassada tentativa de assassinato na Prince Alexiel, o mago tribunal correram para o primeiro-ministro do Genesia trimestres, certo Presi estava envolvido. Quando ela chegou, ela ouviu barulhos vindos de dentro e observou que Presi foi provavelmente tomando medidas decisivas em resposta a seus movimentos. Entrando ao chamar ao primeiro-ministro, ela descobriu o cadáver sem vida de Genesia e notou que ela era tarde demais e que era triste o ministro tinha morrido, apesar de ser pervertida e desagradável.

Ouvindo Presi no quarto, viu que Elluka ministro e Riliane sentados juntos e exigiu saber por que a princesa estava lá. Depois de ver a carne que estava comendo, Elluka ficaram com medo e pediu que a princesa tinha. Riliane respondeu que era carne de lebre e Presi ridicularizado como a feiticeira pensou que ela estava comendo Genesia. Elluka então Presi de matar Genesia, que o ministro admitiu que, dizendo ele envenenado ele. Surpreso que ele realmente passou com o crime, o mago declarado que era mais para ele.

Como ele riu loucamente, Elluka deduziu que ele tinha enlouquecido, e Presi disse que não iria ser mais se ele a matou, Leonhart, Mariam, e Alexiel. Quando ela começou a responder, ela notou uma mudança no poder mágico previamente inexistente do Presi. Ao ouvir o ministro dizer Riliane ele era "empréstimo" algo de dentro dela, o mago perguntou o que ele estava a desviar o poder dentro de seu corpo. Presi riu e disse a ela que era o que ela tinha tentado encontrar durante os últimos quinhentos anos, e Elluka percebi que era um demónio do Pecado.

Como ele riu de novo, ostentando seu próprio poder, Elluka perguntou-lhe sobre o que sua irmã, Prim, pensaria se o visse assim, mas o ministro ficou completamente possuída pelo demônio. A feiticeira, então, preparado para lutar com ele, o cajado na mão. Logo depois, Elluka foi esmagada por seu poder demoníaco durante a luta. Antes que ele pudesse dar o golpe final, Mariam chegou e salvou. Lutando juntos, os dois derrotado e morto Presi eo mago tribunal selou o demônio dentro do espelho de mão veio, involuntariamente remover memórias de Riliane de seu irmão gêmeo como um efeito colateral. [32]

Mais tarde, Elluka ler um livro enquanto seus companheiros falou sobre as crianças cada um deles tinha adoptado, com o príncipe Alexiel sendo adotada por Leonhart e mudando seu nome para Allen. Mariam, então, pediu Elluka se ela nunca iria treinar um aprendiz, uma vez que a feiticeira era improvável de se casar. Elluka sem rodeios disse a ela, "Nunca", sem desviar o olhar de seu livro. [33] Enquanto o número de guerras durante o governo de Queen Anne diminuiu, Elluka continuou a trabalhar para a rainha. [34]

Fatídico Dia Editar
"Anywho, eu não posso dar ao luxo de repetir minhas falhas ... como nos últimos incidentes com Venomania e Conchita. Desta vez, eu vou impedi-lo antes que ele mesmo acontece."
-Elluka Sobre a Riliane possuía [src]
Ellukaassembly
Elluka na assembléia
Após a morte da rainha Anne no CE 499, Elluka foram ao seu amigo e funeral do governante junto com Mariam eo choro Princesa Riliane. Em algum momento, a feiticeira chorou em privado sobre a morte de seu amigo. Mais tarde, Elluka participou de uma reunião de ministros ea Princesa no Hall of Sounds. Quando Riliane estava na reunião e proclamou que era seu direito de primogenitura para governar a nação, o mago percebeu que ela estava mais uma vez possuído por um demônio do Pecado, mais profundamente enraizada do que antes, e ficou surpreso.
Uma vez que a conferência terminou, Elluka se reuniu com Mariam e Leonhart e comentou quão determinado discurso de Riliane era. Quando Leonhart expressou seu descontentamento com a jovem princesa governando a nação, apesar de não haver outros herdeiros apropriados, Elluka observou que ainda havia Príncipe Alexiel, questionando se ele não foi chamado de "Allen" agora. O guerreiro então respondeu que isso seria uma repetição do incidente de sete anos anteriores. Leonhart, em seguida, acrescentou que Riliane ainda não se lembraria dele e que não deve adicionar à sua confusão sobre a morte de Anne. Elluka então expressa a possibilidade de sua memória a ser acionado se ela o conheceu de novo e, quando questionado sobre a possibilidade, admitiu que era uma piada.

EllukaMariamLeonhart2
Os três heróis discutir coroação de Riliane
O mago então elaborado que ela era improvável que se lembre e questionou Leonhart sobre seus planos para reuni-los. O guerreiro admitiu seu plano de alistá-lo como um servo, afirmando que o próprio garoto também tinha concordado. Elluka seguida, observou-o e lembrou aos outros que seu plano original era para reunir os gêmeos como adultos e decidir o governante, esclarecendo que ainda iria servir o palácio não importa quem o governante era. Quando criticado por Leonhart, Elluka lembrou-lhes que os três heróis não eram valorizados por sua habilidade política.
Após um longo silêncio, Mariam disse que ela estava bem com ter Riliane como um governante em vez de nenhum e Elluka adicionado como quando havia um problema as pessoas olhavam para ela, salientando que a única outra pessoa ciente da verdadeira identidade de Allen foi o incompetente Primeiro-Ministro Minis. Uma vez Mariam e Leonhart decidiu trazer Allen em como servo, este último docemente falou sobre o desajeitado Chartette Langley; quando o Maid à esquerda, Elluka jocosamente referido Chartette como a filha de um assassino.

EllukaLeonhartFace
Leonhart provocando Elluka
Depois, o mago disse que iria retirar-se para seu quarto desde que ela precisava de mais do seu sono de beleza, mortificado pela piada de Leonhart sobre ela ter olhos visivelmente inchados. Quando o guerreiro expressou seu alívio já que ela raramente mostrou seus verdadeiros sentimentos, Elluka respondeu apenas que ela tinha vivido mais tempo do que qualquer um neste país e que era muito tarde para aqueles que tinham morrido. O guerreiro então sem rodeios respondeu que era natural de luto pela morte de alguém, perguntando se sua longa vida tirou seu direito de chorar.
O mago imediatamente chutou na perna, chamando-o de um idiota antes de sair. Enquanto que coloca em sua cama em seu quarto mais tarde, Elluka considerado como ela pensou que ela já não podia chorar depois de viver por tanto tempo, recordando as lágrimas que derramou por seus amigos. Ela então derivou para o sono enquanto notando que ela estava melhor sozinha. Receber um sonho profético da princesa que está sendo executado, o palácio real assaltado, Elphegort invadido, e Mariam morto no Quintal Celestial, Elluka acordou, sobressaltado. Considerando tanto Arth e mortes de Anne, o mago disse a si mesma que era natural que as pessoas morrem e resolveu continuar sua missão original para os vasos do pecado. [35]

Falso Assassino
"O que você está planejando, Elluka?" "Weeell, uma vez que Anne também morto agora, eu pensei que era sobre o tempo que deixei Lucifenia. Então, antes disso, eu preciso apagar todas as pessoas que me conhecem." "Facas de brinquedo pode ' t matar pessoas. "

-Mariam E Elluka [src]
Mariamkicking
Elluka rapidamente desarmado por Mariam
No dia seguinte, convocou Elluka Mariam ao Hall of Mirrors. Uma vez que o Chefe de Maids entrou, o mago tentou esfaqueá-la na enquanto ela estava olhando para artwork do Hall. O ex-assassino, então, rapidamente desarmou-a com um pontapé, derrubando a arma de sua mão. Elluka elogiou Mariam por sua reação e provocativamente reclamou sobre seu "hábito chutando".
Ela brincou com Mariam isso porque ela estava se preparando para deixar Lucifenia, ela precisava matar a todos que a conheciam. Mariam apontou que facas brinquedo não podia matar pessoas, demonstrando a sua adaga retrátil. Quando a empregada observou a sofisticação, Elluka apontou que ela tinha planejado para usá-lo em sua antes que ela se esquivou.

O curioso Mariam perguntou por que e Elluka disse que ela não tinha mais a obrigação de permanecer no país, agora que ambos Arth e Anne tinha morrido, tendo cumprido o seu contrato com eles. Mariam lhe disse que ela não se alterou e os dois brincou sobre o poder mágico de Elluka e sua juventude aparentemente eterna. Perguntando se a empregada estava interessado em saber o seu segredo, ela rejeitou totalmente a noção e Elluka comentou quão frio suas palavras poderiam ser, exibindo sua personalidade infantil.

Elluka então insistiu que ela deixar Lucifenia apesar implora de Mariam, afirmando seus vinte anos de serviço era suficiente. Para responder às preocupações de Mariam, Elluka disse que ela iria treinar um novo mago tribunal para dominar a magia para o Reino, dizendo que isso só levaria dois ou três anos, se eles tinham o talento. Quando Mariam questionou se ela já encontrou alguém, o mago brincou que ela estava de repente expansível se ela tinha sucessores.

Antes de Mariam podia interromper, ela notou alguém entrar e Elluka olhou para ver Ney atrás dela. Elluka ouviu a filha de Mariam retransmitir a mensagem de Leonhart para a empregada cabeça para olhar para o novo menino servo. [36] Mariam voltou a faca, afirmando que iria continuar a sua conversa outro dia e saiu com seu filho adotivo. [37] Apesar de curioso para ver a aparição de Allen, ela percebeu que era melhor que ela deixou. [38] Como ela fez sua saída, brincando com sua faca de brinquedo, ela questionou se dois a três anos era tempo suficiente e se ela realmente ser simplesmente deixar o país depois de tudo . [39]

Só então, o primeiro-ministro Minis viu e perguntou se ela estava saindo. Ela lhe disse que ela estava indo para Elphegort para receber um aprendiz e negou oferta de envio de um dos guardas do palácio de fazê-lo por seu Minis '. Depois de perguntar-lhe se ele ainda preferia rapazes, referindo-se a Allen, o Minis insultado lembrou-lhe para manter a identidade do príncipe em segredo; o mago responder que ela estava consciente e, desinteressado em ouvir Minis passeio, ela deixou. [40]

Pesquise um Aprendiz Editar
"Hmm, espíritos encarnados como seres humanos e, em seguida, treiná-los como magos, eh ... E como de costume, as coisas que você pensa se ??são caprichosas. Mas não seria impossível, já que as artes de reencarnação são sua especialidade ..." "Isso é direita. Nooow, apresse-se e enviar-me dois ou três dos seus parentes. "
-Held E Elluka [src]
HeldtreeElluka
Elluka reúne-se com Realizada em relação Riliane e os vasos de pecado
Encontro com Realizada no Millennium floresta da árvore, ela lhe perguntou se ela poderia encarnar um de seus espíritos como um ser humano para ajudá-la a evitar a destruição de Lucifenia. Quando a árvore do Millennium tornou-se desviado, ela repreendeu-o e pressionou seu velho amigo para lhe dar uma resposta. A divindade terra estava em descrença de que um país tão grande poderia ser destruído, e Elluka respondeu que era devido para os Demônios do pecado.
A feiticeira, em seguida, descreveu a reintegração de posse da Riliane, expressando que a magia de purificação geral era inútil. Depois de explicar que ela necessário um aprendiz para ajudar a lançar o segredo Art Clockwork, Held lembrou como ela destruiu seu próprio país última vez, mas Elluka assegurou a divindade duvidoso que ela não iria falhar novamente. Ela, então, expressou confusão sobre Riliane ainda estar sob possessão demoníaca enquanto olha para o espelho, ela selado.

Realizada sugeriu que era possível que o vaso de pecado que selou era apenas uma peça, e que o navio original foi se separaram. Escovando-o de lado, Elluka criticou-se por não ter impedido os desastres por Venomania e Conchita e estava determinado a evitar a destruição de Lucifenia. Quando perguntado por Held os detalhes de seus sonhos, Elluka descreveu as quatro imagens que tinha visto e esclareceu que a invasão de Lucifenia estava roxo e não poderia ser evitado.

EllukaMad
Elluka tira sua raiva sobre o deus
A divindade terra perguntou o que o mago faria se seu plano falhou e ela respondeu que ela iria fugir e evitar ser apanhado na confusão. Quando Realizada respondeu que ela queria deixar, porque ela não queria ver seus entes queridos morrer e repita a catástrofe Levianta, Elluka socou a divindade árvore na "cara" para desabafar sua raiva, dizendo-lhe para calar a boca.
Depois de ferir a mão, a pronta Realizada disse a ela que não era o seu lugar para servir à justiça, uma vez que pode ou não ser melhor para Lucifenia para ser destruído. Ela, então, disse seu velho amigo que sabia, mas que desde que esta foi causada pelos navios do pecado, que era seu dever para parar o problema antes que ele mesmo ocorreu. Como Realizada começou a dormir antes de realmente responder a sua pergunta sobre seu aprendiz, ela gritou com ele para acordar, então com raiva chutou suas raízes.

Depois de ser atingido por um pomóideas para a parte de trás de sua cabeça, Elluka virei para encontrar Michaela e Gumillia, em suas formas espirituais dos animais, responsável por lançar a fruta para ela, e o mago respondeu a Michaela que ela não foi o bullying Held. Quando repreendido por Gumillia para usar a violência, Elluka apontou sua hipocrisia por jogar a fruta para ela. Vendo Held ainda estava dormindo, ela saiu dizendo que ela iria voltar. Quando Michaela voou para o ombro de Elluka e os dois brevemente falou sobre o conhecimento do espírito de seres humanos e como Realizada se recusou a deixá-la sair da floresta.

Quando ela saiu, Elluka pensava que seu aprendiz deve ser um deles. No seu caminho de volta, ela viu uma menina, colhendo frutas e decidiu para espioná-la. Assistindo por trás de alguns arbustos, Elluka notou que ela era do Netsuma Clã e que ela tinha hematomas. Como a menina saiu, ela ouviu desculpas por estar vivo e, embora perturbado, decidiu ignorá-lo. Lembrou das palavras de Detidos, ela considerou que ele estava certo de que ela preferiu fugir de problemas. Uma vez que a menina tinha ido embora, ela voltou para o palácio antes de escurecer, por medo de ser repreendido por Mariam. [41]

Um mortal Jogo
"Você tem a minha simpatia."
-Elluka Para Mariam [src]
EllukaMariamBanter
Elluka e Mariam trocando brincadeiras
Enquanto caminhava pelos corredores, Mariam encontrou o mago e observou sua jornada para Elphegort. Elluka provocativamente questionou se ela estava preocupada e o assassino limpou noção, curioso para saber se ela encontrou um discípulo. Elluka admitiu que não tinha ainda a empregada e ela lecionou para evitar revelar sua identidade para evitar faíscas qualquer conflito. Elluka então notou que ela já era conhecido, apenas para Mariam para observação ela estava consciente.
Elluka então lembrou interrupção anterior de Ney e perguntou o que era como Allen. Como Mariam descrito natureza educado e humilde do rapaz, confiante de que ele e Riliane seria juntos para sempre, os dois ouviram a princesa ameaçam decapitar o menino e Elluka viu o servo fugir se abordado por seu irmão gêmeo. Assistindo Mariam supor a situação, Elluka viu "ganha" do Riliane mais de Allen com os pedaços de cabelo ela colocou sobre ele, surpreso quando Mariam, de repente, fixa-se as curvas de fraca qualidade. Com graves, olhos atentos, o mago testemunhou a Princesa maliciosamente negar o apelo de Mariam a não ameaçar a execução tão caprichosamente antes de sair.

Ellukawatching
Elluka observando os resultados de posse de Riliane
Depois de dar seu amigo suas simpatias, Elluka ouviu Mariam justificar que a princesa iria mudar como ela tornou-se mais auto-conscientes. Sugerindo que pode ser assim, o mago mudou o tópico para o fato de dois pareciam tão iguais, notando diversões aparente de Riliane com ele. Quando Mariam expressou sua preocupação de que os outros ministros notaria semelhança dos gêmeos a uma outra, Elluka afirmou ela convencê-los de outra forma.
Reuniu-se com a descrença de Mariam, Elluka assegurou-lhe muitos no mundo pareciam iguais e por isso seria uma coincidência crível, acrescentando que seus traços eram típicos entre Lucifenians. De repente, lembrou da Netsuma ela viu, o mago perguntou se algum da raça de cabelos brancos ainda estavam sendo perseguidos em Elphegort. Uma vez Mariam relacionados que a discriminação não era tão ruim, mas ainda está lá, ela disse-lhe para não se preocupar sobre o que ela viu. Elluka refletiu que ela simplesmente tinha visto uma garota desajeitada que a lembrou de Riliane e, em seguida, perguntou por que a empregada fixa o arco de Allen. O confuso Mariam respondeu que estava confuso e a feiticeira divertido brincou sobre a fofura de sua ação. [42]

Encarnando o espírito
"Então, como seria? Você pensou sobre a nossa última conversa?" "Bem, agora, o que foi essa conversa?" "Não evitar a pergunta, velho! Nossa conversa sobre o giro de seus espíritos em seres humanos e os meus discípulos!"

-Elluka Eo amnésico Held [src]
Cerca de duas semanas depois, Elluka voltou para o Millennium floresta da árvore e chegou a ouvir palestra realizada Michaela sobre como espíritos, e até mesmo deuses, não deve interagir com os humanos. Ela interrompeu dizendo que ela nunca teria esperado para dizer isso e perguntou por que ele fez mandá-la em sua missão se isso fosse verdade. Após o espírito justificou que era por causa de ser o "pecado" que ele enviou um ser humano para reuni-los em vez de interferir si mesmo, a feiticeira perguntou se ele havia tomado sua decisão. Percebendo Árvore do Milênio não se lembrava mais a conversa, ela com raiva fervia na divindade terra.

Uma vez que ela se acalmou, ela olhou para o céu nordeste e disse que ela sentiu os pecados respirar e acreditava Held estava correta sobre o espelho que está sendo dividido em fragmentos, sentindo-se um vaso de pecado em Elphegort. Held concordou, depois de um longo momento de silêncio, para dar seus dois espíritos: um para treinar como seu aprendiz e outro para procurar o fragmento pecado em Elphegort. Surpreendido pela sua resposta rápida, Elluka ouviu como a divindade explicou como o pecado que se originou a partir de sua floresta era sua responsabilidade e isso porque ele tinha empurrado que a responsabilidade sobre Elluka, ele queria ajudar da melhor maneira possível, antes que ele se afastava do mundo.

Estabelecendo-se para tomar Gumillia e Michaela, e concordando em devolvê-los às suas formas espirituais depois de três anos, Elluka levou os dois espíritos oeste para encontrar um local mais adequado para seu ritual astronômico. Ao longo do caminho, Elluka disse Michaela para seguir sua própria vontade e que Realizada provavelmente queria que ela entender os seres humanos, enviando-a nesta viagem com a feiticeira. Eles chegaram ao seu destino e, depois de desenhar um símbolo no chão, Elluka começou a cerimônia, pedindo-lhes para imaginar os rostos de mulheres bonitas Elphegort. Quando Michaela perguntou por que as mulheres, Elluka disse a ela porque ela queria que eles e terminou seus preparativos e encarnou-los nas formas que eles imaginaram. [43]

Mago Formação Editar
"Como é que é, Michaela? Você pode ouvir alguma coisa?"
-Elluka Instruindo seu discípulo [src]
Fanbook10
Elluka ensina seus discípulos
Após o ritual estava completo, Elluka estava confuso para ver Michaela escolher a aparência de Eva Zvezda. Elluka encontrou uma casa abandonada na floresta de perplexidade e abrigado os três lá para praticar a sua magia e aprender os conceitos básicos sobre o ser humano. Ela treinou os dois e, ocasionalmente, voltou ao palácio antes de voltar.
Um dia, o mago foi acordado por Michaela como ela bateu duas panelas juntos. Ela comentou como ela acordou cedo como de costume e disse que ela estava se levantando, irritado com o som do espírito encarnado estava fazendo. Olhando fixamente para seu rosto, ela disse Michaela como charme de uma mulher estava em seus olhos e que ela deve se lembrar de lavar o rosto de vez em quando. Depois de três meses treinando os antigos espíritos, Elluka observou como Michaela praticado cantando o "Lu Li La" feitiço para detectar a localização dos vasos do pecado e lhe disse que ela só precisava de prática, e para dominar o básico que ela lhe ensinou.

Durante a sua última ceia juntos, no mesmo dia, Elluka comentou que o navio do pecado era provável nas mãos de qualquer um Rei espinhoso Elphen, Duke Parkage Meld, ou Keel Freezis, em Aceid. Vendo Michaela olhar pálido, perguntou se o espírito estava doente e avisou das doenças que ela era vulnerável a como um ser humano. Ela deu-lhe algumas ervas medicinais e mandou-a para a cama.

No dia seguinte, acordou Elluka Michaela depois que ela e Gumillia embalado sua bagagem e perguntou se ela estava se sentindo melhor. Uma vez Gumillia e Michaela se despediram sinceros, Elluka disse-lhes que tinha três anos para realizar seu objetivo e estava ansioso para ver os três juntos novamente. Depois disso, ela deixou com Gumillia para Lucifenia. [44]

EllukaGumilliaHerReason
Elluka avalia a condição do Gumillia
Durante sua jornada através da floresta, Elluka notou que seu aprendiz parecia preocupado com seu entorno. Quando ela perguntou o que estava errado, Gumillia begrudging admitiu seus olhos eram ruins. Examiná-la, a feiticeira perguntou por quanto tempo eo aprendiz de cabelo verde esclareceu que foi desde a sua encarnação humana. Chocada, Elluka ponderou como ela não se lembrava de ter cometido um erro no ritual.
Ela, então, perguntou o quão longe seu aprendiz podia ver. Quando Gumillia apontou um pássaro Rollam empoleirado em uma árvore distante, dizendo que ela poderia ver a sua cor dos olhos, Elluka disse que era mais do que suficiente. Depois de comentar como fingindo ser um humano enquanto não fingindo não ver que agora seria ruim, Gumillia explicou como ela simplesmente não podia ver coisas próximas a ela muito bem, observando o inconveniente.

Confuso, Gumillia esclarecidas para que ela pudesse ver que perto de antemão, daí o inconveniente. Percebendo o que estava errado, Elluka explicou que esquilos e os humanos tinham diferentes gamas de visão, de modo que sua visão era bom para um ser humano. Depois de um breve silêncio, Gumillia reiterou que era inconveniente e a feiticeira respondeu que não podia ser ajudado. Vendo seu olhar fora silenciosamente no pensamento, Elluka relutantemente conjurou um par de óculos e os colocou sobre ela, perguntando se ela seria finalmente satisfeito.

GumilliaElluka
Elluka meditando sobre os óculos de Gumillia
Enquanto Gumillia olhou espantado com a sua visão melhorada, Elluka comentou que seu campo de visão antiga era provavelmente mais perto. Admitindo que ele estava bem, a feiticeira disse que iria dar-lhes a Gumillia. Ela rapidamente acrescentou que a sua magia estava forçando seu campo de visão para ampliar. Como ela avisou a corrente ela iria ficar tonto, Elluka suavely pego Gumillia como ela desabou a partir do referido tontura.
A feiticeira, em seguida, removido os óculos, dizendo que ela precisava de mais prática em primeiro lugar. Pedindo-lhe para usá-los apenas quando eles estavam à procura de coisas, o mago explicou como seria mais fácil a busca se sua visão era mais largo. Como seu aprendiz argumentou que eles estavam procurando os vasos do pecado ao tentar obter os óculos de volta, Elluka os manteve fora de seu alcance.

O mago então disse que ela era a única pessoa procurando por eles enquanto Gumillia era apenas seu apoio. Olhando para eles, a feiticeira pensou como se ela já foram descobertos com os óculos, ele não iria causar nenhum problema. Ela então disse que seu aprendiz não poderia usá-los em sua presença a menos que eles realmente estavam procurando alguma coisa. Quando perguntado por que Gumillia, Elluka colocar os óculos, descrevendo como ela não gostava deles, porque eles arruinou a imagem da mulher procurou depois. Após uma longa pausa, Gumillia disse que era exatamente como ela e Elluka agradeceu o elogio aparente antes que continuou em sua jornada para Lucifenia. [45]

Reign of Evil Editar
"Lucifenia perecerá em breve."
A profecia de -Elluka [src]
Admitindo seu aprendiz para o palácio, Elluka começou a treinar seu talento mágico em preparação para o ensino da menina do Segredo Art Clockwork; [46]. Durante esse tempo, a feiticeira disse Gumillia o que tinha aprendido sobre o vidro de Conchita e seus poderes [47 ] Em algum momento, ela ouviu vários dos ministros do Riliane discutir e Allen semelhança. Puxando sua influência como um sábio profeta, o mago disse-lhes que sempre havia três pessoas no mundo que pareciam iguais, daí a sua semelhança com o outro. [48] Ao mesmo tempo, ela começou a dar Allen pomada que ela fez de cura. [49]

Na CE 500, que compareceram ao funeral de Leonhart depois que ele foi assassinado. Aproximando-se sua lápide, ela o chamou de idiota antes de sair com Gumillia. [50] cerca de nove meses desde a formação deles, Elluka recebeu o sinal de Michaela que ela localizou uma embarcação do pecado. [51] Uma vez que Allen estava indo para Elphegort, ela ordenou Gumillia para dar o servo do Green Onion muito surpreendente para dar a Michaela. Depois Gumillia fez, Elluka chamado para seu aprendiz e da antiga espírito obedecido. [52]

Mais tarde naquela noite, a feiticeira contactado Michaela através do Green Onion muito surpreendente. Ouvindo o relatório de Michaela, Elluka soube que ela tinha encontrado Keel Freezis na posse da Espada Venom enquanto ela estava trabalhando para ele e que Gast Venom estava conspirando para obtê-lo. Elluka determinou que o navio de Lust não era a fonte do problema devido a Riliane ser arrogante e não lascivo.

Ela, então, disse Michaela para ver o navio, em caso ela poderia causar problemas no futuro e notou a nostalgia em ouvir o nome de Gast. Questionado por Michaela, ela explicou como ele era seu ex-companheiro e agora seu inimigo, sabendo o propósito de Gast para procurar a espada. Quando perguntado sobre Michaela Gumillia, o mago tribunal disse que ela estava bem e que ela seria capaz de usar o Segredo Art Clockwork dentro dos próximos seis meses, elogiando sua habilidade. Como seu sinal começou a desvanecer-se, Elluka lembrou a ela discípulo de contatá-la se algo grave ocorreu e aí permanecer e relaxar. [53]

No dia seguinte, Elluka participaram da conferência no Salão do palácio de sons sobre as missões diplomáticas acreditadas junto Marlon e Elphegort. Como as discussões do ministro do relatório de Allen começou a arrastar, Elluka resumiu que eles precisavam para assistir cuidadosamente Keel Freezis e não baixar a guarda, parabenizando Allen por seu trabalho. Quando Minis trouxe o presente de rainha viúva Prim mais tarde, Elluka ficou impressionado com a visão de um bebê Tiama ziz e identificou-o como um "polvo muito surpreendente" para os curiosos Allen, respondendo que tudo sobre ele foi incrível.

A mando do Riliane nojo, Elluka pegou o presente e segurou-a em seu recipiente de vidro. Depois de ouvir Minis revelar que o rei Kyle retirou seu noivado com Riliane em favor de uma menina de cabelo verde que ele conheceu, a feiticeira perguntou, incrédulo se a mãe de Kyle, na verdade, concordou com a decisão. Minis respondeu que a rainha viúva decidiu respeitar a decisão de seu filho sem lhe dar opinião pessoal. [54]

Vários dias depois, Elluka estava no quarto de Riliane quando Mariam voltar de Elphegort para relatar quaisquer descobertas sobre a identidade do amante secreto de Kyle. Ouvindo que Mariam não suspeitaram de nada, Elluka acrescentou que eles soubessem que ela era uma "menina de cabelo verde" e que todos na Elphegort combinava esse perfil. Em seguida, ela observou como Riliane jogou uma birra antes de encomendar Minis para invadir Elphegort e matar sua população de mulheres de cabelos verdes.

EllukaMariamFanbook
Elluka discute com Mariam sobre sua saída
Quando Riliane ordenou que o primeiro-ministro para queimar a floresta de perplexidade para a invasão, Elluka interrompido e com raiva tentou argumentar com a princesa, explicando que a queima da floresta por inveja provocaria um desastre pelo deus que ali vivem. Como ela justificou que, quando matando as pessoas e países para a captura de seus pais, que eles fizeram para proteger os outros de guerra, Riliane ordenou a morte de Elluka.
O mago tribunal furioso imediatamente renunciou, desafiando a princesa para enviar alguém atrás dela se ela pretendia matá-la. Quando ela saiu, Mariam perseguiu ela. Em resposta aos apelos de sua amiga para não deixar, a feiticeira respondeu que com Arth e Anne mortos, suas tarefas em Lucifenia tinha terminado e que ela queria sair com Gumillia para protegê-la do genocídio de Riliane. Depois de Mariam perguntou o que ela faria a seguir, Elluka disse que ela iria descansar e depois viajar.

Como ela disse que pode até mesmo deixar para os países do Oriente, ela notou Allen estava assistindo eles e amaldiçoada. Sorrindo, o mago tribunal pediu ao servo se ele estava planejando detê-la ou matá-la em ordens de sua irmã. Ela, então, revelou sua previsão da inevitável morte de Lucifenia e que nem ela nem Mariam poderia ter evitado a morte de Leonhart. Elluka se perguntou se suas palavras convenceu-o a fugir como ela, e ficou surpreso ao ouvi-lo decidir permanecer ao lado de Riliane e proteger sua nação.

Ela, então, rebateu o assunto e disse-lhe para cuidar bem de sua irmã. Voltando-se para a Mariam com lágrimas nos olhos, Elluka descreveu como o tempo que passava com ela e Leonhart fez feliz e que ela iria ficar mais tempo se Allen não estivesse presente. Dizendo sua amiga para aproveitar aqueles que ainda não matou antes de dizer seu adeus, Elluka esquerda. [55]

Verde Caça
"Aaaaaagggh, o suficiente! Você está sempre tão estúpido! Você, Riliane, o Rei de Marlon, Allen, Leonhart, Mariam, todos vocês, cada um de vocês é um estúpido, idiota estúpido!"
-Elluka Para Michaela [src]
Coletando Gumillia e deixar o palácio, Elluka indo para a Floresta da Confusão. Com a ajuda de seu aprendiz, Elluka usou o polvo muito surpreendente que ela recebeu para conjurar uma tempestade para apagar as fogueiras queimando a floresta de perplexidade. Os dois deixaram depois de ver os soldados Lucifenian recuar de volta ao palácio e se dirigiu mais profundamente na floresta. Exausto, sentaram-se e Elluka lamentou o desperdício de um polvo tão rara. Elogiando Gumillia novamente, ela observou como sua magia melhorada.

A feiticeira disse a ela que ela era aprendiz feliz que eles foram capazes de controlar o fogo antes que a árvore do Millennium foi queimado quando Germaine Avadonia de repente se aproximou dela. A filha de Leonhart ofereceu os dois abrigo em sua casa, mas o mago maliciosamente lhe disse que era um gesto amável e se recusou, acreditando que iria causar problemas desde que foram sendo caçado pelo exército Lucifenian. Com isso, Elluka levantou-se com seu aprendiz e desapareceu nas profundezas da floresta. [56]

A feiticeira então contactado Michaela através de muito surpreendente Cebola verde do espírito. Frantic, Elluka disse a ela que ela precisava para escapar do Elphegort e explicou como seus sonhos "Purple" estavam se tornando realidade. Depois de explicar a situação, o mago entrou em pânico disse Michaela estavam diminuindo a taxa de mortalidade e que o amante de Kyle estava lhe dando uma dor de cabeça. Michaela pediu desculpas e explicou como ela tinha sido amante de Kyle e disse-lhe as circunstâncias. Ansioso, Elluka disse que ela precisava escapar, sendo alvo de Riliane, e explicou que Gumillia era seguro com ela.

Quando Michaela mostrou preocupação com os civis inocentes que seriam mortos na caça verde, Elluka disse que tinha amigos no palácio de Elphegort e tentaria reduzir as baixas até Lucifenia deve cair de sua revolução previsto. Querendo garantir a segurança de Michaela, a feiticeira ordenou-lhe a cabeça do Norte da cidade de Aceid, para um lugar onde ela poderia usar a magia para lançar um feitiço reencarnação voltar à sua forma de espírito da floresta. Uma vez que Michaela interrompeu e disse que ela queria permanecer um ser humano e não deixar aqueles que importava, Elluka chorou.

Após um longo silêncio, o mago ranted como ela, Riliane, Kyle, Allen, e Leonhart eram todos tolos e que todo mundo era um idiota. Elluka depois gritou em choque depois que ela ouviu dizer Gumillia Michaela ela também não queria retornar à sua forma de espírito. Uma vez que ela finalmente se recompôs, o mago observou que Held seria decepcionado com eles. Depois de aprender sobre o esconderijo de Michaela em um poço no Millennium Tree Forest, Elluka reconhecido o local e disse-lhe que iria encontrá-la lá uma vez que tudo se acalmou, dizendo-lhe para não morrer antes de terminar a transmissão. [57]

Ela e Gumillia foi para a mansão Keel Freezis 'apenas para descobrir que ardeu. Eles se infiltraram nas proximidades do quartel para recuperar a Espada Venom, mas descobriu o navio do pecado estava faltando e recolheu o resto de sua propriedade em vez disso. Após um breve descanso, eles se dirigiram ao esconderijo de Michaela. No entanto, eles chegaram para encontrar Kyle segurando o cadáver de Michaela, chorando. Durante a tentativa de forçar o Rei de seu corpo, os dois magos tratados Kyle chutando e gritando. [58]

Naquela época, Elluka notado Kyle tinha sido possuída pelo Demônio da Lust. [59] Depois que o rei deixou, eles recolheram o corpo de Michaela e depois testemunhou que tornou mudas de árvores. Espantado, eles visitaram Held e confrontou-o sobre o assunto. Eles, então, aprendi que Michaela foi escolhido pelo deus da terra para sucedê-lo como Árvore do Milênio. Irritado, a feiticeira discutiu com ele antes da divindade falou com Gumillia e voltou para o seu sono. [60]

Refuge Editar
"Eu estou acostumado com isso."
-Elluka Sobre seus recentes fracassos [src]
Durante a Revolução Lucifenian, os dois viajaram para o Freezis Mansion em Marlon para explicar o que tinha ocorrido a Keel. O comerciante, surpreso com a revelação sobre Michaela, disse-lhes para dar o rebento para Clarith. As duas mulheres revelou que conseguiu recuperar a propriedade de quilha de sua mansão incendiada e, depois de alguma negociação, devolveu a ele. Grato, o comerciante respeitado o pedido do Elluka escondê-los de Lucifenia e dar-lhe a Espada Venom. Enquanto estava lá, Elluka selou a Espada Venom, observando a sua magia se sentia fraco, e ficou surpreso ao ver a esposa de Keel, Mikina, não.

Depois de se esconder por algum tempo durante CE 501, os dois voltaram para Lucifenia uma vez A Filha do Mal foi executado e viajou para o Mosteiro Realizada em Elphegort em busca de amigo humano estimado de Michaela. [61] Ao encontrá-la no mosteiro, Elluka aproximou-se do menina de cabelos brancos e se apresentou e Gumillia antes de oferecer o rebento de seu Michaela, dizendo-lhe que era seu "amigo precioso". Vendo a expressão confusa de Clarith, Elluka pediu para ser servido chá enquanto ela explicou a história.

Uma vez que ela estava embriagada tinha um pouco de seu chá preto, Elluka começou relativa a verdade para ela. Quando ela revelou Michaela era um espírito, ela foi surpreendida pela falta de surpresa de Clarith mas percebeu que suas razões e continuou. Em seguida, ela descreveu como eles encontraram o corpo de Michaela e comentou que ela acreditava Kyle também contribuiu para sua morte e explicou como ela foi escolhida como o próximo guardião do mundo por Held, amargamente admitir que foi enganado pelo "homem velho".

Após o chá foi reabastecido, ela agradeceu Clarith e disse-lhe o que Keel disse a eles e que Gumillia estava relutante em entregá-la para a garota de cabelos brancos. Depois de um breve silêncio entre o mestre e aprendiz, Elluka disseram que iriam deixar Michaela decidir, e acenou Gumillia para conjurar uma manifestação da forma humana de Michaela do rebento para Clarith e ela ver. Elluka petulância perguntou quem "ganhou" e, depois, foi decidido, deixou Michaela na posse de Clarith antes de partir com Gumillia. [62]

Cerca de uma semana depois, voltou com Gumillia Elluka para verificar Clarith. Eles secretamente espionado ela e observou que Riliane estava com ela. A feiticeira decidiu deixar a situação sozinho, concluindo que Riliane já não deve ser afetada pela demônio do orgulho. Apesar de não ter impedido a revolução, aprender por que Riliane foi mais uma vez possuído por um demônio, e saiba por que o mesmo demônio havia desaparecido, ela não agiu incomodados por ele e disse Gumillia ela estava acostumada. Elluka, orgulha-se de ter adquirido o navio de Lust, decidimos ir para o Oriente com seu aprendiz em busca dos vasos de pecado e os dois pararam em uma hospedaria em Asmodean.

Enquanto estava lá, ela examinou a espada e percebeu o Demônio de Lust estava ausente da arma. Enfurecido, ela gritou e arrancou o selo antes de arremessar a lâmina, explicando a Gumillia sua revelação. Em sua frustração, ela veio para outra revelação e tirou o espelho da Lucifenia ela selou a partir de sua bagagem, e rasgou o seu selo. Vendo que o demônio do orgulho estava ausente de seu navio, bem, ela caiu no chão, perturbada e dizendo a ela aprendiz que o demônio tinha desaparecido, embora ela estava certa de que era dentro do espelho quando ela selou.

Gumillia perguntou se era possível para os demônios a desaparecer a partir de seus navios e Elluka negou, dizendo que seus corpos originais permaneceram no navio mesmo que eles possuíam os seres humanos. Após a feiticeira chocada ficou imóvel por um curto tempo, ela se levantou, começou a guardar sua bagagem, e disse Gumillia sua viagem para o Oriente foi cancelada até que descobri o que aconteceu com os demônios. [63]

Witch Hunt
"O que aconteceu depois que você e Gumillia deixou esta casa há cinco anos." "É uma longa história."
-Yukina E Elluka [src]
Gumillia e Elluka voltou a Lucifenia e começou a espionar para informação. Como parte de sua pesquisa, Elluka tinha-lhes prosseguir Rei Kyle desde que ele tinha sido possuído pelo demônio da luxúria durante a sua última reunião. Com o Rei anexando Lucifenia como parte de Marlon, Elluka e Gumillia infiltraram no palácio real, onde ele residia e aprendeu o Demon of Lust tinha ido embora e ele desde que tinha sido possuído pelo demônio do orgulho. [64]

Uma vez que eles descobriram que Kyle possuía outro dos espelhos de mão para o navio, eles tentaram roubá-lo naquela noite de seu quarto. No meio de seu roubo, o rei acordou e descobriu suas ações. Forçado a fugir, os dois perderam a posse da Espada Venom durante sua fuga; [65]. Que mais tarde foram adicionados ao "Witch Hunt" decretado pelo rei Kyle [66] Suspeito que duas posses consecutivos de Kyle não eram simplesmente uma coincidência, Elluka decidiu investigar rainha viúva Prim.

Na CE 502, os dois viajaram para o Marlon como parte de sua investigação. Ao tentar encontrar Prim em Marlon Castelo, eles foram emboscados em vez pela Task Force Espionagem ea feiticeira Abyss IR Não esperam que haja outros magos poderosos esquerda, Elluka não estava preparado e foi rapidamente derrotado por Abyss na batalha. Como seu corpo foi levado pela feiticeira, Elluka utilizada a técnica de Swap para colocar sua alma no corpo de Gumillia enquanto fugia. [67]

Reunido com o Aprendiz
"Então, seu corpo tinha sido sequestrado por Abyss ..."
-King Kyle [src]
Na CE 505, quando Abyss IR tentou tirar o corpo de Gumillia assim, o espírito de Elluka chamou e lutou controle de seu corpo da feiticeira, o envio de ambas as mulheres que voam no ar. Germaine, em seguida, tentou matar o Elluka incapacitado mas Gumillia deteve. Ela então explicou a seu aprendiz, Germaine, e Yukina por que ela tinha desaparecido.

Depois Gumillia desmaiou de exaustão, Elluka seguido Germaine como ela tomou o aprendiz para o seu quarto. Uma vez lá, quando Yukina perguntou a feiticeira se era realmente ela, Elluka comentou que era bom estar de volta em seu antigo corpo. Um servo, em seguida, entrou no quarto e ofereceu leite para ela; em resposta, Elluka olhou e comentou que o leite não era uma bebida, dizendo-lhe para trazê-la de chá em vez e acrescentando que ela iria tomar chá de limão. Ela então se sentou na cadeira em frente Yukina e Germaine como o servo à esquerda.

Depois Yukina perguntei a ela o que tinha acontecido há cinco anos, quando ela e Gumillia deixou a mansão último, Elluka notou que era uma longa história e disse que iria dizer a versão curta. Ela então explicou como o Demon of Lust estava desaparecido desde o Espada Venom, parando para perguntar se ela precisava explicar os Demons of Sin. Depois Yukina afirmou que sabia, a feiticeira continuou sua narração. Elluka então adicionado como ela tinha ido para o Lucifenian Palácio Real de encontrar o demónio do Lust in Kyle.

Como Yukina questionado se a transformação do rei tinha sido devido ao demônio da luxúria, ela esclareceu que era o demônio do orgulho, o demônio da luxúria tendo deixado por esse ponto. Depois Yukina refletiu no aumento do desejo sexual sendo um dos efeitos do Demônio da luxúria, Elluka respondeu que a paixão de Kyle para Michaela foi provavelmente devido ao demônio, embora ele provavelmente não sabia disso. Ela continuou a explicar como Kyle foi então possuído pelo demônio do orgulho e tinha escolhido brigas com outros países devido à sua confiança.

Quando Yukina comentou que o rei foi enganado pelo demônio, Elluka concordou, mas disse que alguém deve ter sido a causa, acrescentando que seria impossível para Kyle ser possuído pelos demônios, de tal maneira. De lá Elluka explicou como ela e Gumillia tinha ido para Marlon para investigar Prim, apenas para que ela fosse capturada por Abyss IR e da Task Force Espionagem e escapar usando a técnica de swap na Gumillia. Quando, na sequência de sua explicação, Yukina perguntou quem era Abyss IR Elluka afirmou que ela não sabia, depois de ter destruído sua alma.

O mago então murmurou que Abyss poderia ter sido um dos Mas de há 500 anos desde que ela também parecia ter a técnica de swap; [68], enquanto perdido em pensamentos, Elluka considerou suas dúvidas de que o mago poderia usar tal magia de alto nível . [69] Quando Yukina perguntado sobre o que ela disse, Elluka pediu desculpas e disse que não lhes dizem respeito. Ela, então, parou, vendo o gato vermelho da batalha a pé para o quarto. Após perguntando em voz alta se ele estava procurando por seu proprietário perdido e concluir que não poderia ser ajudado, Elluka ouviu a sugestão de Yukina que ela levantar o gato.

Ela, então, imediatamente recusou, alegando que ela odiava e pedindo a garota para mantê-lo. Enquanto os três debatido, a feiticeira viu Mikina Freezis entrar depois que o gato e avistar a feiticeira. Mikina comentou sobre como tinha sido um longo tempo desde que vê-la e Elluka confirmou que ela havia retornado, observando sua ligação com o gato vermelho. Depois Mikina anunciou que estava adotando o gato, Elluka permaneceu na mansão com os outros, por enquanto, ficar no quarto de Gumillia. [70]

Petição para a Ajuda
"Eu recusar. Honestamente, nós estamos completamente enfraquecido desde a luta com Abyss IR Gumillia e eu não vou ser capaz de usar muita magia, pelo menos até a próxima lua cheia."
A resposta de -Elluka ao apelo de Kyle para a ajuda [src]
Enquanto bebia chá preto com Gumillia em seu quarto, Germaine entrou com Kyle Marlon ea feiticeira acenou para ele, apresentando-se. Depois bebericando seu chá em seu assento, ela explicou o que tinha acontecido com ela ao rei. Quando Kyle disse que estava feliz que ela estava de volta à sua forma original, ela virou-se e disse que não podia ser, dada a forma como ele perseguiu-a e Gumillia anteriormente como "bruxas". Kyle insistiu que não era ele mesmo na época e que ela não deveria ter escapado para o palácio em primeiro lugar. Elluka respondeu que, como o Palácio Lucifenian era sua morada original, ela não tem que pedir permissão.

Quando Kyle tentou escovar os conflitos do passado de lado, Elluka repreendeu que ele não deveria pedir desculpas para ela, mas para Gumillia. Depois, Kyle explicou como os soldados mortos foram avistados no norte e que Prim e Ney ambos pareciam estar em Castelo Hedgehog, daí por que ele planejava marchar logo seus exércitos sobre o castelo. Uma vez ele perguntou se eles ajudá-lo a subjugar os soldados mortos-vivos, Elluka recusou imediatamente. Ela passou a se queixar de que ela e Gumillia foram muito enfraquecida a partir da luta com Abyss IR e que não seria capaz de usar muita magia até a próxima lua cheia.

Como Kyle começou sugerindo que ele atrasar a invasão, Elluka interrompeu e disse ao rei que, se o fizesse, ele estaria atacando seu oponente quando eles também estavam no seu mais poderoso e que, mesmo que eles ganharam, viria a um grande custo. Percebendo Kyle estava calculando mentalmente o tempo até a próxima lua cheia, Elluka notou que ele teria que esperar cerca de um mês até que ponto e Kyle respondeu que não podia esperar tanto tempo. Então, quando Kyle perguntou sobre o poder soldados mortos Atualmente, Elluka calmamente respondeu que uma lua nova estava se aproximando, quando o seu poder mágico estava em seu mais fraco.

Depois que o rei discutiram o apoio de Germaine, Kyle agradeceu Elluka para o conselho e começou a sair quando Gumillia falou, dizendo que ela iria encantar as armas dos soldados do rei. Vendo os dois compartilham um momento em que ele agradeceu-lhe, o mago puxou os dois separados e brincou que ela não gostaria de continuar a conversa sem seu professor. Como Gumillia lhe disse que era melhor para cooperar com Kyle, Elluka exigiu saber o seu raciocínio eo mago lembrou-a do vidro de Conchita. Admitindo que ela tinha esquecido completamente sobre isso, ela serviu mais chá para ela e sentou-se.

Quando Gumillia trouxe dois do navio de espelhos da Pride, Elluka concordou e acrescentou que Prim ainda pode ter a última peça. Em seguida, ela observou que, a menos que todos os espelhos foram selados, o demônio do orgulho pode ser restaurada, eo mesmo com o demônio da gula. Inclinando-se para trás em sua cadeira enquanto olha para o teto, Elluka pensou um pouco antes de finalmente concordar em cooperar, embora acrescentando que ela e Gumillia não teria um papel muito grande. Ela então viu a espionagem Yukina salto em Kyle e implorar que ele a deixasse acompanhá-lo. Depois, o mago observou enquanto Kyle convenceu a ficar para trás e ser prontamente espancado por um Keel superprotetora. [71]

Marés da Batalha
"Se esta cidade torna-se um campo de batalha, eu serei o primeiro e acima de tudo para fugir."
-Elluka [Src]
Ao longo dos próximos dias, Gumillia e Elluka gravado encantamentos em todas as armas dos soldados para ajudá-los a combater a ameaça sobrenatural. Naquela época, ele aconselhou Elluka atacar durante o dia e que tomar o copo de Conchita de Ney provavelmente encerrar os soldados mortos. Tendo ainda não entregues todas as disposições para as tropas, os dois magos viajou com o exército para Leoa e ajudou a supervisionar a reapportioning das armas na praça principal. Enquanto Kyle supervisionou o evento com ela, Elluka afirmou que ela fugiria imediatamente se a cidade se tornou um campo de batalha, explicando que ela era como qualquer garota fraca sem magia.

O mago então notou o dispositivo estranho pendurado bainha de Kyle e questionou o que era. Como Kyle explicou que era luva foguete de Chartette, a feiticeira ouviu atentamente, tendo a ferramenta propelidas por foguete e inscrevendo um mais potente encantamento para ele com uma faca. Satisfeito com sua modificação, ela voltou a arma para Kyle e afirmou que ela simplesmente adicionado um feitiço para isso, certo de que ele saberia quando usá-lo. Durante a batalha do outro lado da Piscina Região de Sangue, os magos manteve-se em Castelo Lioness para evitar os soldados mortos-vivos, enquanto em seu estado debilitado.

Reunião em Lioness
"Assumindo que não há outros espelhos, então há a espada, o vidro, a boneca ... isso faz com que quatro dos vasos do pecado que foram recolhidos. Após os três restantes ... Woohoo, este se sente muito bem."
-Elluka Enquanto registrando os vasos recolhidos [origem]
Após a batalha, Elluka reuniu-se com Kyle, Keel, Yukina, Germaine, e Gumillia em um dos quartos do castelo, enquanto o Marlon Rei explicou o que havia acontecido com a rainha viúva Prim e Ney. Depois, Kyle apresentou os espelhos de vidro, mão, boneca e ele tinha. Intrigado com a boneca que assemelha-se Eve Zvezda, Elluka questionou se isso era realmente uma embarcação do pecado. Enquanto Kyle explicou como sua mãe havia dito que foi modelado após o "Sinner Original" e foi, provavelmente, um dos navios, Elluka minuciosamente examinadas, e acordou com a sua avaliação.

Ela então disse Gumillia para tirar os navios de que ela tinha. Uma vez que a Espada Venom e dois espelhos Gumillia tinha foram colocados ao lado das outras embarcações no gabinete de Kyle, Elluka admirava contente; ela observou então que eles tinham quatro navios, assumindo que havia apenas quatro espelhos para o navio de orgulho, e torceram por sua realização. Sua expressão mudou rapidamente para a solidão, expressando seu desapontamento que Kyle parecia não ouvir sobre o que aconteceu com o demônio da Espada Venom de Prim.

Quando Keel, em seguida, tentou perguntar se ela gostaria de voltar a Espada Venom ele, o mago recusaram firmemente. Desapontado, Keel questionou o que aconteceria se os demônios apenas saltou para fora dos vasos. O mago respondeu que ela já colocou um feitiço de vedação simples sobre eles. Germaine, em seguida, interrompeu e disse-lhes para ter a conversa mais tarde, notando que ainda tinha que decidir o que fazer com Ney. Elluka e os outros, em seguida, olhou em silêncio para o Ney inconsciente através do quarto deles.

Quando Yukina expressou sua crença de que eles devem dizer a verdade Ney, Elluka fez um pequeno suspiro e observou como, com base no depoimento de Kyle, ninguém poderia garantir para o assassino. Yukina, em seguida, olhou para ela, respondendo que o demônio tinha quebrado o espírito de Ney. Perguntei se ela tinha certeza de que ela não poderia curá-la, Elluka retorquiu que a magia não era onipotente e que era improvável ter sucesso, mesmo se eles tentaram.

Gumillia seguida, falou, dizendo que eles ainda deve tentar, expressando seu desejo de ouvir o assassino admitir que ela mataria Michaela e pedir desculpas. Depois de algum tempo imerso em seus pensamentos enquanto acariciava a cabeça de Ney inconsciente e amarrado, Elluka concordou em fazê-lo, lamentando como foi um esforço demorado. Uma vez que determinou o que fazer com ela, Elluka explicou que eles precisam voltar para Bariti e preparar primeiro, comandando Gumillia para recolher os recipientes.

O grupo, então, ouviu um ruído fora do quarto. Keel oferecido para verificá-la, afirmando ser o único sem ferimentos de alguma forma, e ouviram-no falar com alguém de fora da sala antes de ser rapidamente interrompida por um som surdo. Quando a porta se abriu ea sala estava cheia com um flash de luz azul, [72] Elluka viu uma mulher mascarada na porta antes de ser inconsciente. [73]

Uma vez que ela e os outros acordou, eles descobriram os vasos do pecado faltando, Keel gravemente ferido, e Ney mortos. Elluka foi então levado para um outro quarto para verificar se ela precisava de tratamento. [74] Furious que os navios do pecado escorregou de suas mãos novamente, a feiticeira de cabelos rosa lembrou o que ela viu, percebendo Abyss IR realmente tinha sido o gato vermelho que ela sempre teve com ela e que ela tinha tomado posse do Mikina faltando para roubar os vasos do pecado. [75]

Procurar por Mikina
"Eu me pergunto, tem Elluka e seu protegido foi à procura Marlon? Então, você foi enviado para Lucifenia como o seguro?"
-Abyss IR para Germaine [src]
Furioso que os navios do pecado escorregou de sua mão novamente, Elluka passou as próximas duas semanas procurando o agressor com Gumillia e Germaine. Durante o período, ela compartilhou o que ela concluiu com seus dois compatriotas. Elluka então determinado o mago fugitivo teria provavelmente fugiram para o Lucifenia nas proximidades, dado embargo de Marlon em Elphegort e ampla distância da outra nação da nação.

Elluka pediu então Germaine procurar o território Lucifenia para Abyss eo espadachim concordou. Enquanto o envio Gumillia para procurar por ela em Levianta, Elluka continuou sua pesquisa em Marlon. Depois de Germaine derrotou Abyss IR e libertou Mikina, Gumillia e Elluka recolhidas e selou o vidro de Conchita e Marlon colher em sua posse.

Voyage Oriente e Ocidente
"Sim, o Mago do Tempo, Elluka Clockworker. Mas ela ... eles ainda não voltou do Oriente."
-Yukina [Src]
Na CE 508, ambos Elluka e seu discípulo se envolveu no New Four Horsemen Incidente causado por Neo Apocalypse e Abyss IR [76] Em torno desse tempo, Elluka perdeu o copo de Conchita para a feiticeira vilão. [77] Algum tempo depois CE 531, Elluka se reuniu com Shaw Freezis e ele concordou que Elluka foi autorizado a utilizar livremente a riqueza eo poder da Fundação Freezis, forjando um contrato. [78] Em EC 548, [79] Elluka e Gumillia começou sua jornada Oriente em busca do gêmeo Blades of Levianta. [80]

Na CE 549, eles se depararam com uma grande parede bloqueando seu caminho; aproximando o vigia lá, os magos tentaram atravessar quando o vigia parou. [81] Em seguida, ele explicou que o seu rei determinou que ninguém exceto seus próprios pessoas foram autorizadas a passar pelos portões. [82] Não é possível passar, Elluka e Gumillia esquerda e colorido então seu cabelo preto para disfarçar-se como corrida do guarda. [83] Voltando ao portão, os dois foram parou novamente e disse pelo vigia que nenhum de seus povos tiveram tal uma cor de pele clara. [84]

Os dois magos deixou a parede de novo e colorido então sua pele escura como a raça do sentinela. [85] Uma vez que eles voltaram para a parede, o guarda-los impedido por uma terceira vez, afirmando que nenhum de seus povos tiveram essas cores do olho estranho. [ 86] À medida que o guarda se gabou de que ele ea parede eram necessárias para proteger o seu grande país e que os dois não devem pensar mal deles, [87] Elluka ficou furioso. Evocando um poderoso vento, a feiticeira soprou o vigia de distância e abriu as portas com Gumillia. [88]

Quando os dois não viu nenhuma grande cidade além deles, os dois questionou o que o vigia tinha sido guarda e continuou em sua jornada. [89] Logo depois, eles se depararam com um vasto oceano. [90] Os dois mais tarde tomou um pequeno barco através do mar para Jakoku. Depois de não conseguir recuperar os Twin Blades de Levianta por anos, Elluka e Gumillia deixou Jakoku no CE 558 e voltou para o Ocidente. [91] Algum tempo depois Clarith e sua ordem monástica, as Irmãs de Clarith, erigido um sistema de exames para proteger a Árvore Novo Milênio, Clarith deu Gumillia e Elluka autorização para entrar livremente no Millennium floresta da árvore. [92]

Jornalista investigativo
Em algum momento, Elluka foi abordado por Shaw. Aterrorizados com a perspectiva de envelhecer e morrer, Shaw pediu a feiticeira para dar-lhe o segredo da imortalidade. Não é possível ensinar seu segredo para Shaw, Elluka recusou. Mais tarde, ela descobriu que Michaela tinha usado seu poder para estender o tempo de Shaw em violação das regras de Detidos para não interferir com os seres humanos; como resultado, ela brigou com o deus. [93]

Durante o final do século VI CE, Elluka decidiu desaparecem dos olhos do público devido ao seu estatuto lendário tornando-se mais de um problema. Aproximando-Shaw, o mago perguntou se ela e seu aprendiz poderia mascarar como seus falecidos bisnetas, Hanne e Heidemarie Lorre, para ajudar com sua busca para os vasos do pecado. Shaw concordou com o arranjo, permitindo Elluka para se tornar "Hanne" e Gumillia para se tornar "Heidemarie".

O empresário, em seguida, Hanne permitido usar todos os recursos e poder da fundação, sempre que ela queria para ajudar na sua busca para recolher as embarcações. A fim de manter o seu disfarce, Elluka tingido regularmente seu cabelo verde e usou um feitiço para mudar a cor do olho para combinar. Com a influência de Shaw, Hanne assumiu uma posição no jornal Shuburke em Aceid, Elphegort, e tornou-se um jornalista de investigação para o papel. Suspendendo o contato com sua "irmã" por períodos prolongados de tempo, Hanne continuou a perseguir leads nos navios de pecado, enquanto trabalhava como repórter. [94]

Ao longo do tempo, Shaw e Hanne constantemente brigavam um com o outro, fazendo eventualmente até mais tarde em cada tempo. [95] Durante este tempo, ela também se familiarizou com o neto de Shaw, Dashaw, e os dois se tornaram bons amigos. [96] Como Dashaw a cobriu com sua afeição infinita, Hanne compreendeu que o homem tinha sentimentos por ela. [97] Ao mesmo tempo, Hanne se familiarizou com o assessor de Shaw de Bruno Marlon e constantemente o irritava com suas palhaçadas. Ao longo de seu trabalho jornal, Hanne conheceu e se tornou amigo íntimo de Constable Ayn Anchor, dizendo-lhe histórias de heróis lendários, como Leonhart Avadonia.

Na CE 597, Hanne participou de uma reunião de negócios com Dashaw na cidade de leoa. Durante o evento, a cidade foi varrida de repente em chamas. Alheio aos incêndios que se aproximam ao seu redor, Hanne foi empurrado para fora do caminho por Dashaw. Vendo seu sorriso quando viu que ela estava segura, o repórter observou como seu amigo queimados vivos. [98] Aprender o autor foi alegadamente o famoso "Elluka Clockworker", Elluka preso a sua persona Hanne enquanto ela e Shaw procurou seu imitador aleatoriamente causando problemas. Na CE 608, Hanne visitou seu falso bisavô por um tempo antes de voltar para Elphegort. [99]

Journey to the Plateau
"O que você sabe sobre o" Flor do Planalto "?"
-Mayor Julia Abelard para Hanne [src]
Por volta de 609 EC, Hanne descobriu as memórias de Yukina Freezis e ler através de suas entradas. Durante a leitura de contas de visitar Calgaround enquanto os magos tinham sido viajando do leste do yukina, ela se fixou em em sua menção da flor do Planalto e sua importância para Elluka. Depois de descobrir o manuscrito original de "de Yukina Flor do Planalto" conto de fadas estava faltando, Hanne decidiu continuar a investigar sob o pretexto de escrever um artigo sobre o conto para o papel Shuburke.

Posteriormente, o repórter marcou um encontro com o prefeito de Calgaround, Julia Abelardo, em 31 de agosto do mesmo ano. No dia marcado, Hanne chamou um carro para levá-la para a cidade. Como ele se afastou da estação de verificação, ela viu a paisagem fora de sua janela na chuva e os trabalhadores nas plantações como o carro passou. Eventualmente, o cocheiro anunciaram que em breve estaria em Merrigod Plateau. Hanne então perguntou-lhe quanto tempo que seria necessário.

Ele então disse que seria vinte a trinta minutos antes da chegada. Depois, o cocheiro informou a ela que não demoraria muito para que ela viu os edifícios da cidade. Pouco depois, Hanne avistou edifícios vermelhos brilhantes do Calgaround quando se aproximaram dele; chocado, ela nota a cor e, quando perguntado pelo cocheiro, admitiu ela pensou que era de mau gosto. Em seguida, ela ouviu do cocheiro que todos os edifícios foram como este, embora sem saber se era tradicional ou uma ocorrência recente. [100]

Entrevistar o prefeito
Depois de entrar na cidade, Hanne rapidamente localizado Julia Abelardo e entrou em sua casa. Depois de cumprimentá-la e explicando a finalidade da sua visita, Hanne sentou-se com o prefeito e aceitou uma xícara de chá preto dela. Questionado sobre sua primeira impressão da cidade, Hanne pensou por um breve momento antes de finalmente perguntar por que todos os edifícios foram pintados de vermelho. Quando o prefeito explicou que era um, a fim de mostrar reverência à "Virgem Mãe", o repórter questionou quem era e foi convidado a olhar para a pintura na parede do lado direito.

Observando semelhança da pintura de Julia, Hanne questionado se era dela; disse que não era, ela, então, especulou que era Germaine Avadonia, apenas para Julia para corrigi-la e dizer que foi Meta Salmhofer. Entendendo que ela não deveria se intrometer nesta matéria, o repórter colocou o assunto de lado e perguntou sobre a história da cidade. Uma vez que ela percebeu que a maioria do que Julia disse que era uma informação que ela já sabia, ela começou apenas fingindo fazer anotações enquanto ela acenou para que Julia estava dizendo.

Depois que ela terminou, Hanne então perguntou Julia sobre Mikulia Calgaround eo prefeito achou que ela significou o Flor do Planalto. O repórter explicou como ela continuou a ouvir a anedota transmitida e como Yukina Freezis tinha escrito a história, apenas para o manuscrito a desaparecer. Ela, então, elaborada que seus leitores ficariam felizes em ver se alguma coisa sobre "A Flor do Planalto" poderia ser transferido do prefeito para o artigo do jornal. Como Julia finalmente concordou, Hanne ouviu quando ela meditou sobre o conteúdo escandalosas da história. O prefeito, então, pediu a ela o quanto ela sabia da Flor do Planalto de antemão.

Em resposta, Hanne trouxe sua cópia do diário de Yukina de sua bolsa e relacionado como ela não sabia de nada, mas a descrição contida dentro, virando para a página correta e ler em voz alta os planos de yukina para sair e pesquisar o Flor do Planalto. Lançando a várias outras páginas, Hanne narrou como Yukina e Kyle tanto visitou Calgaround e tornou-se familiarizado com a história, com Yukina tendo aprendido com sua excursão que parecia haver coincidências ou "leis" do mundo. Depois de ler um certo ponto, Hanne fechou o livro e olhou para o prefeito. Ela então explicou como Yukina escrito a história da Flor do Planalto depois e que o manuscrito original foi agora ausente. Hanne esclareceu como ela não sabia o que as leis Yukina referido, mas observou que ela poderia saber se contava a história.

O prefeito convenceu, Hanne viu como ela trouxe de Hermann Bälz conta da história de Calgaround, um registo das suas nobres e suas famílias. Vendo as entradas para Gilbert e Mikulia Calgaround, Hanne pegou o livro de Julia e folheou as páginas, em última análise, não encontrando nada de nota. Uma vez mais, a digitalização sobre o registro dos nobres da cidade e suas famílias, Hanne parou novamente no nome de Gilbert e comentou quão cedo a morte dele foi. Hanne seguida, ouviu como Julia misteriosamente observou como ele foi reivindicado ter sido morto por uma doença, supondo que, por seu tom de voz, o prefeito em vez significava que ele foi assassinado.

Uma vez que sua suspeita foi confirmada, Hanne perguntou se ela queria dizer que o conto da Flor do Planalto foi sobre seu assassinato por Mikulia, apenas para o prefeito para a interrompeu e confirmar esta bem, observando que seria o primeiro. Como Hanne questionou o que ela queria dizer, Julia perguntou se ela deve contar a história do início ao fim e Hanne observou-a realizar ao longo de um vaso de rosas cor de esmeralda, chamado rosas platô greeonian. Julia perguntou o repórter se ela encontrou-los bonitos; perplexos, Hanne respondeu que apareceu assim e ouviu quando o prefeito repassou a Mikulia também foi belo e amado pelo povo, apesar de ser um outsider.

Hanne, então, questionou que a terra não era o seu lugar de origem e ouviu como Julia deu uma resposta ambígua, explicando como ela era um vendedor de flores. Surpreso com a praticidade de tal ocupação em um platô repleto de flores, Hanne questionou ele e Julia admitiu que não sabia todos os detalhes, a única coisa importante é a beleza e popularidade de Mikulia, que rumores sobre ela para surgir. Hanne então perguntou se os rumores de que ela matou Gilbert propagação por essa razão, e ouviram como Julia explicou que ela se referiu mais duas pessoas que vieram e desapareceram, a verdadeira causa dos rumores.

Hanne então aprendi de como dois esqueletos foram encontrados no fundo de um poço em sua mansão, e os rumores de que Mikulia assassinaram os dois indivíduos se espalhar, agravado sobre os rumores de que ela envenenadas Gilbert, e tornou-se a lenda da flor do Planalto. Meditando sobre a história, Hanne perguntou o prefeito como Mikulia pode ter assassinado os homens e Julia relacionados com as qualidades medicinais de raízes das greeonian 'Roses planalto como um medicamento para dormir. Com o medicamento chamado "presente", Hanne questionou o significado do nome e que não foi feito mais.

Questionando o prefeito, Hanne aprendi que presente era muito potente e uma dosagem errada pode matar, observando que o medicamento foi mais de um veneno. Julia concordou e comparou as flores para Mikulia Greeonio devido à sua toxicidade, terminando a história. Depois remoendo o conto, Hanne finalmente pediu Julia que motivo Mikulia teria que matar seu marido. Quando Julia deu uma resposta inconclusiva, Hanne decidiu que tinha o suficiente para ela e ficou artigo, agradecendo ao prefeito para a história dela e prometendo enviar-lhe uma cópia do artigo de jornal.

O prefeito, assustado com a súbita partida, de repente se lembrou de sugerir o repórter ir visitar a biblioteca. Hanne questionou que havia uma biblioteca na cidade e ouviu o prefeito explicar que tinha sido construída há muito tempo e podem conter documentos mais detalhados sobre a história, com Mikulia e retrato de Gilbert pendurado na decoração. Perguntando sobre o retrato, Hanne aprendi que tinha sido pintado pelo visitar Gumina Glassred; expressando interesse, ela concordou em levá-la até sobre a oferta e deixou a mansão, passando a biblioteca da cidade. [101]

Descobrindo o Passado
Caminhando para a biblioteca, Hanne notado ninguém lá na recepção e entrou discretamente por conta própria, coçando a cabeça devido à sujidade do quarto. Depois de pesquisar através do edifício, ela finalmente encontrou um retrato de um jovem homem de bigode e uma mulher sentada ao lado dele, vendo que era o retrato de Gilbert e Mikulia. Assustado pela aparência da jovem, Hanne olhava para a foto até que ela foi saudada por um homem vestindo um pano em volta da cabeça e face.

Pedindo ao homem se ele era um bibliotecário, ele balançou a cabeça e perguntou se ela estava interessada na imagem. Hanne então respondeu timidamente e se apresentou, explicando que ela tinha vindo para a cidade para cobrir a história da Flor do Planalto antes de ser interrompido, o bibliotecário sabendo que seu propósito já a partir do prefeito. Depois ele se ofereceu para deixá-la olhar para as antigas abóbadas para obter mais informações, Hanne aceitou e seguiu o bibliotecário para os cofres. Sendo dito pelo bibliotecário que ele iria ser a limpeza e para chamá-lo, se necessário, Hanne esperou por ele para sair e, em seguida, começou a olhar através das prateleiras.

Após brevemente à procura de livros de quatrocentos anos atrás, Hanne examinou livros do século IV em diante CE e descobriu "Evillious Travels" por Xenos Jaakko. Observando que o livro continha uma grande quantidade de ilustrações, Hanne ler de encontros do menestrel com o Phantom Thief platônica, a filha de um nobre em Calgaround, e observou a descrição do ladrão. Depois inutilmente procurando mais livros sobre platônico, Hanne caminhou até a recepção e ouviu sons vindos do porta atrás do balcão.

Andando atrás da recepção, o repórter viu um livro amarelado sob o balcão. Reconhecendo o manuscrito original de "A Flor do Planalto", Hanne pegou o livro; chutando a porta aberta, ela agarrou o bibliotecário pelo colarinho e exigiu saber por que o livro estava lá. Quando a bibliotecária perguntou o que ela queria dizer, ela virou-se para ele e disse-lhe para não jogar mudo, explicando como livros sobre a lista Perdido da Fundação Freezis tinha de ser entregue à Fundação imediatamente após a descoberta.

Como o bibliotecário insistiu que foi um acidente, Hanne declarou a polícia do mundo não iria tomar isso como uma desculpa e que ela planejou para denunciá-lo, como ela também seria suspeito de uma venda ilegal como um repórter do jornal Shuburke sob a Fundação guarda-chuva. Quando o bibliotecário expressou sua confusão, a confusão, o repórter explicou ainda que sua posse do manuscrito só poderia ser declarada se ele não sabia que era um conto de fadas Freezis ou que ele estava na lista de Lost, uma vez que o manuscrito poderia ter apenas foram adquiridos no mercado negro.

No ceticismo do bibliotecário de seu relato dele, Hanne também apontou que sua irmã trabalhava na polícia e não tomar suas ameaças de ânimo leve. Em resposta, o homem admitiu que teve suas faixas apagadas por Père Noël. Chocado com sua observação, Hanne lançou seu colarinho e disse que iria deixá-lo ir com uma condição, esclarecendo que ele deve confessar-lhe que lhe vendeu o livro. Percebendo que ele continuou a ser relutante, ela reafirmou que ela não iria contar a ninguém e que era ela ou a polícia do mundo. Ela, então, esclareceu que ela iria omitir-lo de seu artigo.

Hanne seguida, ouviu como o bibliotecário finalmente admitiu que comprou o livro de um homem de cabelo azul em Toragay que reivindica ser o líder de Père Noël. Pedindo-lhe seu nome, ela soube que o homem usava uma máscara e assim o bibliotecário não sabia. O repórter ficou contemplando isso antes do bibliotecário correu dela, e ela observou-o escapar pela janela.

Decidindo não persegui-lo, Hanne voltou para o cocheiro e confirmou que ela estava indo embora, explicando que ela planejava passar a noite mas que o negócio urgente veio à tona. Perguntou se ela pretendia voltar para Aceid, o repórter corrigido o cocheiro que ela estava indo para Toragay. [102]

Père Noël Editar
"Eu lhe disse para fugir comigo!"
-Elluka Ao morrer Lemy [src]
EllukaGumilliaToragay
Elluka e Gumillia como eles partem de Toragay
Seguindo as misteriosas Toragay Assassínios em série causadas por Margarita Blankenheim no CE 609, Elluka chegou para avaliar cena do crime durante a pesquisa para o navio de preguiça. Vendo a carnificina, ela comentou sobre como terrível que era. Quando Gumillia chegou, ela agradeceu-lhe pelo seu trabalho e perguntou o que ela aprendeu. Ouvindo a avaliação de seu aprendiz que o navio da preguiça tinha ido embora, e que Julia Abelard estava ligado ao incidente, Elluka decidiram que precisavam investigar mais Père Noël, e saiu com Gumillia para Lucifenia. [103]
Uma vez lá, eles se infiltraram a organização criminosa ea feiticeira adotou o codinome Sétimo Magician. Enquanto trabalhava para a organização no CE 610, Elluka descobriu que, Quinta Pierrot, foi uma reencarnação de Hänsel e se aproximou dele, tentando convencê-lo a fugir com ela de Père Noël. Em vez disso, ele tattled a Primeira Papai Noel sobre a traição de Elluka, ea feiticeira fugiu no dia seguinte sem ele. [104] Admitindo isso, Elluka ordenou Gumillia para matá-lo enquanto ele estava fora em sua próxima missão assassinato. Depois de seu aprendiz fez isso, ela zombou da Pierrot morrendo por não fugir com ela e riu quando ele morreu. [105]

Pouco depois, Elluka recebeu uma carta do criminoso, que revelou sua identidade a ser o de Irina. Desafiando Elluka com a mensagem de que ela estaria esperando em Merrigod Plateau, [106] a feiticeira viajou com Gumillia para as terras altas no CE 611 e lutou "Julia", derrotá-la. [107]

Personalidade e traços
"Mari, você está sempre tão mesquinha!" "Pare de falar como uma garotinha ... Na verdade, você nunca mudam. Nem na aparência nem personalidade." "Eu agora?"

-Elluka E Mariam [src]
Elluka foi muitas vezes descontraído e indiferente com os olhos semi-abertos e uma expressão entediada sensualmente. Ela normalmente escovado comentários ou situações de lado e agiu lúdico ou brincando para com os outros para provocá-los. Apesar desta atitude calma aparente, ela tinha uma tendência a mudança de humor e agiu muito caprichoso e volúvel. Realizada muitas vezes incitado ela e ela normalmente ventilada sua raiva em relação a ele, atacando a divindade terra, ganhando o rótulo de Michaela como um "valentão". Quando confrontados com situações estressantes ou dolorosas, ela tentou escapar em vez de enfrentá-los. [108] Ela também estava preocupada com sua aparência e preferiu ser associado com mulheres bonitas. Como resultado, ela teve um desgosto para óculos e exigiu Gumillia só usá-los quando eles estavam realmente procurando os vasos do pecado. [109]

Elluka lutou com demonstrar afeto aos outros e jogam superficialmente apático, sem corte, e antipático, insultuosa Leonhart em seu funeral antes de sair. [110] Apesar disso, ela cuidou de seus amigos e tentou impedir a morte ou aliviar sua infelicidade da melhor maneira possível . [111] Elluka tinha um estranho fascínio com polvos [112] e chá preto gostava. Ela também odiava gatos, que contrastavam sua irmã-de-lei adoração deles de Irina. [113]

Competências e Habilidades Editar
"Eu sou privilegiada com transbordando poder mágico."
-Elluka, Divulgando suas habilidades [src]
Elluka era uma feiticeira poderosa e foi considerado com respeito por seus colegas. Seu poder como uma bruxa era grande o suficiente para que ela foi selecionada como um candidato para governar o reino mágico, [114] e foi capaz de atingir a posição de corte mago do Lucifenia. [115] habilidade mais notável da feiticeira era a sua juventude inerente e imortalidade . Elluka também exercia técnica de Swap, o que lhe permitiu trocar sua consciência com a dos outros. Ao trocar corpos, todos os seus talentos e habilidades mágicas, como a sua imortalidade, transferidos para o novo corpo. [116]

Depois de adquirir o corpo de Lukana, ela empunhou a capacidade de usar Purple Dream e poderia sonhar dos futuros possíveis. Suas visões mostrou apenas imagens que ela pudesse reconhecer. Em cima disso, a confiabilidade de sua previsão foi baseada na "cor" da imagem. Se o sonho era "purple", então ele estava destinado a ocorrer e não poderia ser alterado. [117] Suas habilidades predizer como tribunal mago do Lucifenia lhe rendeu uma reputação devido à sua precisão impecável. [118] Ela era um mestre das artes reencarnação , capaz de incarnating o espírito de qualquer ser como uma outra entidade, tal como um humano ou um animal, depois de preparar o ritual necessário.

Ela também era poderoso com a limpeza mágica, capaz de remover os Demons of Sin, mesmo quando eles foram propositalmente dificultado para exorcizar. Ela também foi capaz de lançar Clockworker mágica, mas preferiu não lançá-lo devido aos riscos pesados. [119] Elluka também foi hábil em usar um Tiama polvo ziz, capaz de lançar uma poderosa tempestade quando sacrificá-la [120] e capaz de crescer um a um tamanho enorme para fins ofensivos. [121] Elluka também possuía um grau de habilidade na costura, e iria reparar suas próprias roupas danificadas. [122]

Conexões caráter
Realizada: Um amigo de Elluka. Elluka se importava profundamente para Held, indo em sua busca para reunir os pecados em seu nome e se tornar protetora com ele quando o deus estava em perigo. Ela costumava tomar o conselho do-lo ao longo de sua busca; no entanto, ela foi muitas vezes atormentados por sua tendência a apontar suas próprias falhas ou adormecer no meio da conversa, e ficou furioso quando ele sonegado informações dela. Devido à sua incapacidade de sentir dor, Elluka muitas vezes levou-a raiva para fora em forma física de Held.

Kiril Clockworker: o noivo de Elluka. Elluka cuidadas Kiril profundamente, com a intenção de se casar com ele e, posteriormente, mantendo seu nome após sua descida em loucura e morte. Ela experimentou grande pesar para perdê-lo, fugindo ao invés de experimentar a dor de vê-lo morrer.

Irina Clockworker: Elluka da irmã-de-lei. Elluka e Irina viveram em paz durante o empenho da ex para Kiril, querendo protegê-la em 'Ma' Project depois de ouvir sua declaração de apoio. Embora lamentando a sua perda como uma irmã e inconsciente de sua existência continuada depois da catástrofe Levianta, Elluka vieram muitas vezes contra Irina ao longo de sua busca, tanto suspeito de IR e antagônicas em relação a Abyss IR para espalhar o caos no Evillious. Da mesma forma, ela veio para atacar outro pseudônimo de Irina Julia Abelardo diretamente.

Lukana Octo: Um corpo Elluka trocados em. Elluka trocou corpos com a Lukana magicamente-receptivos a manter este último fora das mãos de IR, embora ela também apreciado potencial mágico da mulher. Ela preferia este corpo por várias centenas de anos.

Gumillia: aprendiz de Elluka. Elluka encontrado Gumillia ser um aprendiz útil devido ao seu potencial de magia, embora ela sempre ficava irritado por sua natureza certinho e por ela ser superprotetora a uma falha. Ela se importava muito para o bem-estar de Gumillia, como quando levá-la para longe da Caça Verde, e teve o espírito da floresta acompanhá-la ao longo de muitos séculos. Ela confiava nela para lidar com tarefas difíceis, como trabalhar em Père Noël.

Michaela: Um discípulo de Elluka de. Elluka ocasionalmente jogar com Michaela como um espírito; encontrá-la para ser fácil de argumentar com e, mais tarde, úteis para reunir os pecados, apesar de surpreso com a escolha de Michaela de Eva para um corpo. Como amigo, Elluka se importava profundamente com o bem-estar de Michaela, como em ajudá-la durante a Caça Verde e tornar-se irritado quando este optou por permanecer um ser humano durante este tempo, arriscando sua vida.

Mariam Futapie: Um colega dos três heróis. Elluka e Mariam tinha uma profunda amizade cultivada ao longo da Expansão Lucifenian Guerra. Ela ficou impressionada com habilidades de luta de Mariam, embora divertido por sua natureza e hábito grave e superprotetora para chutar, bem como em desacordo com sua tolerância para regime cruel de Riliane. Elluka se passar um tempo com Mariam e foi muito triste por ter que deixá-la, mais tarde lamentando sua morte.

Leonhart Avadonia: Um colega dos três heróis. Elluka e Leonhart tinha uma profunda amizade cultivada ao longo da Guerra Expansão Lucifenian, embora tivesse dificuldade em expressar essa amizade, como em chamá-lo de "idiota" em seu funeral, e foi ocasionalmente perturbado pela sua maneira franca. Ela gostava de passar o tempo com ele e ficou muito triste com sua morte, lamentando-lo junto com Mariam.

Riliane Lucifen d'Autriche: o empregador de Elluka após a morte de Arth e Anne. Elluka foi expressa a preocupação de que ela estava sendo possuída por um demônio do Pecado. Ela tornou-se indignado com caprichos e desrespeito egoístas de Riliane para a vida dos outros como um monarca, acabou deixando o palácio no início da Caça Verde.

Lemy Abelard: Um colega de Père Noël. Elluka viu Lemy como valioso demais para ser deixada com Irina, como uma reencarnação de Hänsel, assim, tentar fazê-lo sair com ela. Por causa de seu valor, quando ele recusou a oferta, ela achou necessário matá-lo em vez disso, encontrar sua eventual morte bem-humorado.

Trivia
Conceituação e Origem
O sobrenome de Elluka, Clockworker, refere-se o funcionamento interno de um relógio e literalmente se refere a alguém que faz ou trabalha com esses dispositivos; é também uma possível alusão à canção de ninar Series Clockwork.
O nome de Elluka é parcialmente inspirado no nome de seu representante Vocaloid, Luka, contendo "luka" no final.
Sua fascinação com polvos é provável uma referência à Tako Luka e representante do Vocaloid Elluka.
Número de código da Elluka em Père Noël podem estar relacionados com a conotação mágica e sorte do número sete nas culturas ocidentais, coincidindo com o codinome de "mágico" e em sua ocupação como um mago; Apropriadamente, o bordel que ela possuía foi localizado no 7º bloco de Laminados.
Curiosidades
Mothy descreve a atitude de Elluka a ser a mesma de quando ele está bêbado.
Ela compartilha o mesmo aniversário presumida (30 de janeiro) com ela Vocaloid. [123]
Quando perguntado sobre seu personagem favorito em A Filha do Mal série, mothy respondeu que gostava de os três heróis. [124]
No épico de Evil: A Filha do Mal fanbook, Elluka foi votado como o quarto personagem mais popular em A Filha do Mal série por fãs japoneses.
O hobby de costura Elluka pode ser uma alusão à sua eventual troca de corpo com Lukana, um alfaiate.
Eu espero ter ajudado! ^ - ^
Aqui um link da crônica inteira caso precise dar umas relembradas na coisa toda!
https://www.youtube.com/playlist?list=PLuwiODMCH92ZSA8of86-pCra4Bi7mVT0p

~Diabolical-Chan

Usuário: ~Diabolical-Chan
LOL
Escreveu @Shiori001

Criei esse tópico para a discussão das séries mais conhecidas. Dentre elas até mesmo as BENZENE E A NIGHT, que falando nisso...
ALGUÉM ME AJUDA!
Mano, agora que eu parei para pensar sobre essas séries...
E se é que alguém ainda está aqui, me expliquem uma coisa:

Qual que é a das Séries Night?

Tem Bad End Night, Crazy Night e Twilight Night.
Em cada uma das musicas, ocorre quase a mesma coisa mas com um aspecto diferente. Já vi teoria de que são três histórias diferentes. Uma termina em Bad End, por exemplo. Outra um final maluco e assim vai.
Sinceramente, eu não entendi nada disso. Só sei que em todas a Miku se perde na floresta, pede abrigo aos donos da mandão e o povo acolhe, a partir disso eles começam a seguir o roteiro lá e tal enquanto a Miku tenta achar a face verdadeira deles e uma forma de sair do lugar. Pq afinal, ninguém quer ficar numa mansao assombrada.
E parece que nos finais, a Miku morre falando "Mitsuketa" (achei!) com a ponta do relógio no coração se matando.
Tô falando sério, depois que ouvi essa teoria minha cabeça deu um nó. EU ACHAVA QUE ERA TUDO A MESMA HISOTIRA CARAMBA! E OS CAIXÕES? E POR QUE É QUE DIABOS A MIKU TÁ COM A ÚLTIMA PÁGINA EM UMA MÚSICA E NA OUTRA FALA QUE ESSA NÃO ERA A PÁGINA QUE ELES QUERIAM? SENHOR, UMA HORA ELA DESCE PARA O PORÃO, EM OUTRA NÃO COMENTA NADA DISSO... BUUU~

KENIDNEIENSJENEJWNAKWJOANWIENEK
PARADICLHORONOBENZENE...

Parei.
Se alguém quiser falar algo sobre essa teoria dessa música quase sem sentido, me ajuda.
É sério, qual é a verdade do mistério da série Night?
E, se desejarem,peçam ajuda para desvendar outras séries e para tirar suas dúvidas. De musicas tbem.
Fiquem a vontade.

Essa série também é bem complexa pra entender... ...
Eu consegui achar algumas explicações dessas músicas, espero que te ajude!
Ah, e desculpa se o que eu escrevi não era o que vc tava procurando, é que eu não entendi direito as suas perguntas sobre essa série.
Na verdade essas músicas são as sequencias uma da outra.
Começando com o básico - Elenco:
-Hatsune Miku como Garota da Aldeia
-Kagamine Rin e Len como Bonecos gemêos
-Megpoid Gumi como Empregada
-Kamui Gakupo como Mordomo
-Kaito como Mestre da mansão
-Meiko como Senhora da mansão
-Megurine Luka como Filha

História de fundo:
A história gira em torno de uma casa que parou no tempo junto com os moradores, uma carta e uma sombra desconhecida. A casa contém sete pessoas e a misteriosa sombra, que parece ser o público do jogo e possivelmente possui um controle um controle de tudo. Juntos os personagens "executam" um jogo que eles chamam de "Crazy 8 Night", embora nenhum deles realmente entendem o que está acontecendo.
Bad End Night:
A primeira música da série. Ele se concentra em Miku e pelo ponto de vista dela.
A canção começa com a Garota da Vila andando no fundo da floresta, segurando uma carta. Ela está perdida, mas logo descobre uma mansão onde todos se reúnem para recebê-la, as reuniões são chamadas de festas. Ela se torna a estrela do show.
A Garota permanece durante a noite, mas quando ela acorda, percebe algo estranho. Em seguida, os bonecos pedem para olhar para o relógio; congelado a 4 minutos até a meia-noite. A Garota fica com medo e tenta se esconder, mas acaba descobrindo um quarto secreto cheio de caixões.
Os membros da casa são surpreendidos, pedindo-lhe para ficar porque ainda é a estrela do show. É quando o script aparece e todos revelam como Miku deve procurar o Happy End, pois é tudo para ela. Os moradores desesperados, procuram a "chave" para a Happy End, o que ela encontra no relógio.
A Garota tem a ideia de que se ela mata-los, então ela poderá se divertir. Os habitantes da casa fogem, esquecendo as linhas do tempo desta cena. Se está tudo destruído, então a noite deve terminar, o elenco e a configuração desaparece e todos eles podem ir para casa juntos, então por que não se divertir nesta festa? Miku chega ao ponto de insanidade e destrói a festa. Será?
No final da música, vemos o quarto com o relógio e da porta secreta. Tudo vazio, com cortinas ao lado, mas depois vê-se as mãos de uma sombra e palmas são ouvidas, um holofote cai na carta desbotada que fica em frente ao relógio.
"Hoje foi um grande show..." a voz canta "pegou a carta, chorando
Outra coisa sobre Bad End Night:
A primeira música na série. Centra-se em ponto de vista (de Miku) da aldeã.
É muito escuro na floresta, e a menina da vila está perdida. Ela finalmente chega a uma mansão, onde seus habitantes recebê-la e uma festa é celebrada para homenagear o novo visitante. Mas, pouco antes da meia-noite o tempo congela. A Aldeã, caindo na loucura, faz com que o início da noite louca. Afinal de contas, é melhor para se divertir, certo?
Crazy Night:
A sequencia de Bad 8 End 8 Night é o ponto de vista dos moradores da mansão.
Começa com uma cena de "flashbacks" do final de Bad 8 End 8 night. Há aplausos de uma platéia invisível e em seguida a cortina sobe para revelar os oito personagens do jogo. "Um, dois, três, vamos começar!" Quando o título é exibido há um subtítulo de "O Livro Perdido" e os ponteiros do relógio são invertidos.
A Garota da Vila anda por um caminho de holofotes, batendo na porta, o mordomo e a empregada cumprimentam-a. Os anfitriões percebem que ela deve ter se perdido e que está tarde lá fora. Os bonecos decidem que até o amanhecer, a mansão deve recebê-la.
Em seguida, as cortinas sobem, é quando a "Crazy Nitgh" (festa) começa. Basta executar tudo como o roteiro e se divertir. "Não é divertido, se as coisas são simples, não é? Então vamos deixá-las ainda mais louca!"
O mordomo e a empregada doméstica percebem algo estranho aconteceu, é uma emergência! O relógio para aos 3 minutos, até meia-noite. Os bonecos a filha recordam que a Garota da Vila não está presente, o vídeo mostra a escada de Bad 8 End 8 Nigth quando a Miku corre em busca do "Happy End". Mas de qualquer forma, "o show tem que continuar!"
De repente, os bonecos percebem que a próxima página foi arrancada do livro da história (-provavelmente é a carta de Miku-). Os habitantes procuram desesperadamente, mas percebem que está longe de ser encontrada. Todos estão procurando a "causa" que mudou o curso da noite, como não há nenhuma maneira de progredir sem a próxima página faltando.
Mas, mesmo com o passar do tempo, eles não encontram a página e preocupam-se mais e mais. Eles começam a pensar que a pagina foi roubada com uma cena indesejada. A página seguinte iria revelar o culpado? Uma página do futuro? Mas, se eles foram capazes de fazer isso... então Miku não é a culpada!
Neste ponto, Miku coincide com uma linha de Bad 8 End 8 Night dizendo: "Eu achei", referindo-se a chave para o Happy End. Então a testemunha da morte dos habitantes para a Crazy Night (jogo). "usar a chave, e deixar a emoção inchar cada vez mais alto!" (A morte da família sendo a "emoção"). A linha nas repetições de desempenho de uma parte anterior da canção "não pense nisso, estará sendo um tolo"
As páginas do jogo são escritas novamente, como Miku destrói tudo de novo, como em Bad 8 End 8 Night, então os moradores revelam que, se ela quer ver o verdadeiro fim, devera tornar as coisas ainda mais agitadas. Miku desesperada, vai atrás da "verdade" pois mesmo que o jogo tenha sido realizado perfeitamente ao script, não é necessário o "True End ". As cortinas descem e os moradores continuam e nada termina, mas o tempo é parado, Miku pode procurar em outra noite como esta. "até os créditos finais perderam sua cor!" a última parte é cantada pela mesma voz desconhecida do final de Bad 8 End 8 Night
Outra coisa sobre Crazy Night:
A sequela de Bad 8End8 Night. É cantado do ponto de vista dos habitantes da mansão.
Os habitantes da casa bem-vinda uma menina da aldeia, que bateu à porta. Como estava escuro lá fora, eles decidem que ela deve ficar para a noite, e celebrar uma festa. Mas logo os problemas começam a vir, e eles suspeitam dela, faltando agora. O relógio de pêndulo parou, poucos minutos antes da meia-noite, e na próxima página foi arrancada do libreto (Crazy 8 Night). O tempo fica congelado sem ela, o que deve fazer todo mundo?
Twilight Night:
A sequencia de de Crazy 8 Night. É contada a partir de terceira pessoa (Miku), aquele que pode testemunhar cada cena e como é jogado fora, a partir de que Miku encontrar os caixões na mansão.
À medida que a música começa, vemos recortes de papelão do elenco acolhendo a Garota da Vila para a mansão, como em Bad 8 End 8 Night.
A musica e a letra desta vez parecem se concentrar em manter todos os eventos da festa exatamente como o script. Na sala do caixão, Miku é então mostrada em ser a única observando os recortes de papelão e como eles agem fora de um jogo anterior, provavelmente é Bad 8 End 8 Night. Após assistir, ela lembra de peças anteriores e depois mostra-se de volta em seu quarto de hóspedes.
Quando a festa termina, Miku encontra os caixões, o resto do elenco revela que a última página do roteiro é o True End (os caixões). A Garota não está presente (de volta para a linha do tempo de Crazy Night) e mais tarde encontra a página seguinte/roubada (junto com a carta do começo de Bad 8 End 8 Night). Quando os habitante da mansão encontram Miku, a carta é aberta e ela está em branco! Desde o começo a carta é a ultima pagina do livro. Miku tinha que levar a carta para colocar um "final" no livro.

Assim que colocaram a página de volta no lugar, o tempo finalmente avança (mas não corretamente), e em seguida a carta é manchada, depois de tudo, uma página em branco vai ficar sem aplausos (sem aplausos significa: sem nenhum tipo de final, a noite vai continuar eternamente, por isso o simbolo do infinito 8). Agora que todos ficaram sem tempo, o jogo termina assim. A sombra diz: "Até a próxima!"
Outra coisa sobre Twilight Night:
A sequela de Crazy 8 Night. É contada a partir de terceira pessoa, quase como do ponto de vista ou ponto de vista de uma audiência. Desta vez, a história se divide em duas: as ações dos habitantes e da Menina Aldeã, fundindo-se no final.
Seguindo o roteiro, os eventos anteriores ocorrem novamente. Enquanto o aldeão desliza para fora da cama e descobre a sala secreta com caixões, os moradores da mansão fazer conjecturas sobre por que alguém iria roubar página do libreto, e incriminar o outro, levando a uma discussão. Mas eles logo descobrem uma carta, a que a aldeã tinha. E eles a abrem ...
EveR LastinG NighT:
Na introdução, é revelado os sete habitantes das mansões são atores, que realizam, mais uma vez, o jogo de Crazy 8 Night. A música em si é dividido em duas metades, sendo a primeira a história de como essas peças recorrentes começou, e o segundo que ocorrem dentro de Crazy 8 Night mundo.
Habitantes da mansão são muito entediados esta noite. A dona da casa percebe uma tempestade que se aproxima, enquanto o seu marido e os bonecos imaginar monstros vindos à casa ", um hóspede não convidado". Logo após a menina Aldeã bate na porta e pede para ficar por apenas uma única noite. Todos decidir entretê-la até o dia chegou e a tempestade lá fora já passou. Enquanto dança, encantado com eles, ela quebra o vidro do relógio.
Sem se lembrar de nada dos seus últimos minutos acordado, a aldeã se encontra em uma mansão. Este é o Crazy 8 Night mundo, e os atores estão "presos" em suas funções, aparentemente sem ter consciência disso. Ela tem a incumbência de salvar todo mundo deste mundo falso, e levá-los para casa ... Será que o jogo vai durar para sempre?
Eu espero ter te ajudado!
De novo eu peço desculpas se isso não era o que vc procurava sobre a série! > . <