História Triângulo Amoroso - 1 & 2 Temporada. - Capítulo 12


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Derek, Ema, Jhon, Sexo, Triangulo
Exibições 24
Palavras 609
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Drama (Tragédia), Escolar, Esporte, Famí­lia, Fantasia, Luta, Orange, Poesias, Romance e Novela, Saga, Shoujo (Romântico), Suspense, Terror e Horror, Violência, Yaoi, Yuri
Avisos: Álcool, Drogas, Estupro, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Oi gente, não vai da pra mim postar sexta, pois vai ter casamento da minha tia (sexta q vem), e agora vai ter algumas preparações então eu posto alguns cap hoje para recompensar as semanas (que talvez sexta n tenha por causa do casamento).
Obrigado por ler, e boa leitura!

Capítulo 12 - Minha Melhor Amiga Virtual


Foi quando minha mãe revistou meu quarto e saiu, lembrei que Derek estava aqui, bom.

Eu pensei seriamente nesse assunto do Derek falar que gosta de mim, nunca na minha vida acreditaria, ele mais me machucou do que me fez sorrir, e eu também não sei o que é amor.. Não mais.

 Domingo - 12:13

Me levantei e fui almoçar, como meu pai estava lá a mesa era um silêncio. 

Pai: E aí filha... Como vai a escola? 

Ema: Bem. 

Mãe: Fez amigas?

Ema: Fiz. 

Minha mãe deu um sorriso e eu fiquei quieta, vi que o clima não estava bom e fui para o corredor. Ouvi que eles iriam falar de mim. 

Pai: O que você fez com a mente da minha filha? Ela me ignora completamente. 

Mãe: Se você fosse um bom pai, ela não te ignoraria.

Pai: O que eu fiz de errado Marilenne? 

Mãe: Quer que eu faça uma lista? Quantas vezes vi você com outra.

Pai: M-más eu amo vocês.. 

Mãe: Ah! Ama? Faça-me o favor, nos machucou mais do que nos fez feliz.- foi essa frase que eu pensava sobre o Derek.. 

Refleti um pouco. 

Pai: Ah Marilenne, tchau! -ouvi passos. 

Mãe: Vai transar com outra, vai?

Pai: Volto de noite. - a porta se bateu e pude ouvir choro de minha mãe, e-ela não poderia saber que eu escutei, fiquei quietinha, e fui para o meu quarto. Sempre a mesma coisa, quando tudo está bem, sempre piora, mais desta vez a culpa foi minha. Comecei a chorar, por tudo, sou frágil, e-eu não sei o que está acontecendo, e-eu era tão forte... Não chorei só pelo meu pai e minha mãe, chorei pelo Derek, por ele ter me machucado, por ele ter me feito feliz, pela minha culpa de existir, pelo meu passado. Eu queria tanto gritar ou pular por esta janela, mais eu não posso.. Imaginei que anoite pioraria.. Então fiquei trancada por um tempo, e uma nova solicitação tinha chegado naquela minha conta. 

Luy Fity, era o nome da garota, vi suas fotos, tinha bastante amigos, e a aceitei. Logo minha mãe bateu na porta, com isso fechei o computador e desliguei. Vi minha cara, estava um pouco inchada, então abri a porta. 

 Jhon: Oi! 

Ema: Jhon? O que você tá fazendo aqui? 

Jhon: Eu vim andar de bicicleta com você. 

Ema: Ah.. Eu não posso, agora.

Jhon: Porque?!- logo sua voz mudou totalmente, ficou mais brava e rouca. 

Ema: Jhon, eu não posso.

 Ele respirou fundo e apenas foi embora. Fui no quarto de hóspedes ler um livro, depois vi que era chato e entrei no computador, indo para o meu quarto tranquei a porta, janelas e fui para o closet, que também o tranquei deixando apenas a luz do computador e um ventilador. Logo, a garota de antes me chamou no chat. 

 Mensagem On

  Luy: Oie! 

Ema: Oi. 

Luy: Qual seu nome, é Ema, mesmo? 

Ema: É Ema, sim!

Luy: Ah, sou a Luy. Mais meu nome é Lucy. 

Ema: Nome bonito! Sabia que tem um filme assim? Com o seu nome! 

Luy: Eu sei, não é um máximo? Eu amo esse filme. 

Ema On 

E assim, eu e Luy passamos horas conversando, atrás do meu melhor amigo computador, tinha a minha melhor amiga virtual, Luy. Passei várias horas conversando com Luy, quando fui ver o horário, era 10:00Pm.

Ema: Luy, vou ter que sair! 

Luy: Não! Por favor! Ema..

Ema: Luy, olha a hora! Eu não posso.- enviei. 

Luy: Ema...  

Ema: Eu volto, Luy. 

Luy: Promete? 

Ema: Prometo. - foi quando eu desliguei o computador deixando-o jogado no closet. 

Abri a porta do meu quarto destrancando-a.. Quando vi uma coisa que me gelou da cabeça aos pés.     


Notas Finais


Pode me ajudar favoritando e comentando ^^


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...