História × All Night × 2° Temporada - Capítulo 16


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bianca Tatto Marques (BIBI), Christian Figueiredo, Depois das Onze, Flavia Pavanelli, Lucas "Luba" Feuerschütte, Lucas "T3ddy" Olioti, Maria Júlia Trindade, Mauro Nakada, Natalia "Nah" Cardoso
Personagens BIBI Tatto, Christian Figueiredo, Flavia Pavanelli, Gabie Fernandes, Lucas "LubaTV", Lucas Olioti, Maria Júlia Trindade, Mauro Nakada, Nah Cardoso, Personagens Originais, Thalita Meneghim
Tags Amor, Brasil, Brazil, Love, Maju, Namoro, Otp, Shipp, T3ddy, T3ju, The Vamps, Youtuber
Visualizações 108
Palavras 1.076
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Hentai, Mistério, Musical (Songfic), Romance e Novela
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 16 - Cap 16


Abri os olhos, eu não conseguia acreditar, finalmente algo de bom na minha vida, mas nem vou me empolgar tanto, sei que logo logo algo vai vir estragar tudo, não que eu seja pessimista mas, sei lá.

- Mas, eu acho que hoje o nosso foco deve ser outro. Eu não sei se estou pronta, eu não… - Ela diz confusa

- Ei! Eu te amo, você me ama, por favor, vamos dar ouvido ao nosso coração, eu não aguento mais! - Digo pegando em suas mãos.

Olho para seus lábios, e logo depois encaro seus olhos aguardando uma reação, ela consente com a cabeça e dá me entrega um sorriso fraco, retribui e fiquei ali, a encarando, a analisando, percebendo coisas que eu nunca havia reparado.

(…)

- Estou tão cansada! - Maju diz se jogando no sofá de minha casa.

Eu sorrio pelo fato dela se sentir confortável ao meu lado e me jogo ao sofá também, ficando deitada ao seu lado, jogo meus braços em volta dos seus e a abraço, como uma bela conchinha que encontramos no mar e guardamos para nós.

Ela se vira e tira meu cabelo do rosto, com sua suave mão, o colocando no lugar e se deixando se levar pela aproximação, aperto mais sua cintura, a trazendo mais para perto.

Inclino minha cabeça, fazendo nossas testas se encostarem, e ali do jeito que sempre queríamos estar, ela inclina seu rosto e me dá um beijo de esquimó, com um sorriso lindo no seu rosto.

Sorrio de volta e tomo a iniciativa do beijo, trazendo seu corpo para mais perto ainda.

Enquanto nos beijávamos lentamente, como em uma cena de filme, acredito que melhor, aquele beijo era alucinante, como uma droga que você não consegue largar.

Hoje eu vou te levar pro melhor lugar,

Perto das estrelas de frente pro mar,

Tenho pouco a dizer,

Eu prefiro fazer.

Quando dei por mim estávamos em meu quarto, fechando as cortinas e as portas, tirando nossas roupas, com o desejo a flor da pele, sem estarmos influenciados por nada, simplesmente pelo amor que nos conectava.

Já nus a coloquei na cama e com um toque delicado, abaixei minhas mãos até sua intimidade, a massageando suavemente, a fazendo respirar lentamente, fazendo seu corpo mudar o compasso.

Me aproximo de seus lábios, ainda a tocando e a beijo, aquele beijo era como o céu, um céu estrelado de um campo distante da cidade.

Enquanto as outras somente me traziam o desejo sexual, você me traz muito mais que isso, você consegue tocar o fundo do meu coração e remexer nele, me fazendo estar as suas ordens, aliás meu coração é todo seu, não que eu tenha parado de me amar, mas eu sei que sou feliz com você, então, ele é todo seu, faça dele o que bem entender.

Ela inspirou profundamente e logo depois de um fraco gemido ela soltou o ar, chegando ao seu ápice.

Ela sorri para mim e me puxa novamente para o beijo, enquanto ela tentava se acalmar e arrumar a bagunça.

A coloco "embaixo" de mim e fico de joelhos, dando para ela o último olhar, antes de começar.

Encaixo perfeitamente meu corpo com o dela e concluo com o movimento de "vai e vem", que a fazia gemer baixinho.

Ela apertava o travesseiro com força, me lançava olhares de prazer, como alguém que deseja cada vez mais.

Dou a última estocada, também gozando em seguida, pelo dia corrido me sinto cansado e me deito em seu lado, beijando na sua testa antes de dormir, ela se vira para mim e diz: - eu te amo -.

Logo em seguida ela, virada para mim, se encolhe, como quem se aquecia, como se eu fosse o fogo da sua vida, ou talvez um "protetor", não sei, com ela eu não consigo pensar direito, é impossível pensar tendo você aqui encolhida em minha frente, pedindo para eu a cobrir com os braços debaixo do edredom.

Sem enrolar muito, a envolvi com meus braços, encaixando nossos corpos como um quebra cabeça, olho para baixo, onde seu rosto estava junto ao meu peito e observo seu sorriso bobo, que por algum motivo me afetou, me fazendo sorrir também.

Na verdade, me diz o que que tenha Maju Trindade que não me afete.

Fecho meus olhos, e deixo só as melhores memórias me colocarem para dormir, como uma mãe que põe o bebê para ninar.

E mesmo com toda turbulência do mundo, quando estou com você, a pior queda vira um começo de uma nova história. Pois com você nada tem fim, tudo é eterno, tudo é possível, tudo é perfeito.

Pois quando estamos bem, não há maldade que nos faça mal, pois eu determino que a partir de hoje, é só você bebê, pois eu amo tudo que tem você e sempre que eu fecho os olhos você invade minha imaginação, como um ladrão que chega de forma inesperada, se bem que com você é diferente, eu penso tanto em você que sempre que me toco, lá estou eu novamente lembrando do quanto você é perfeita, mesmo com seus defeitos.

Quando eu te vejo bem, não há defeito que possa embasar seu sorriso, eu preciso de você Maju, não só hoje, mas para sempre, e olha que eu nunca imaginei pensar isso quanto a uma garota, talvez nosso amor venha de outras vidas, eu não compreendo o motivo dele ser tão… Maravilhoso.

(...)

- Lucas… bom dia! - ela diz manhosa ainda na cama.

- Bom dia! - correspondo me espreguiçando.

- É tão bom acordar, olhar para o lado e encontrar você - ela diz sorrindo.

Tento esconder meu sorriso bobo, porém ela, percebe e sorri mais ainda, se debruçando para cima de mim, distribuindo beijos ao longo do meu rosto e pescoço. E mesmo que eu tenha tentado me controlar, meu corpo todo se arrepiou.

Realmente é muito foda acordar e encontrar isso ao seu lado, mais essa não é a única "conquista", maior do que qualquer garota que um cara pode pegar, eu conquistei seu coração, na verdade eu acho que foi ela que roubou o meu, roubou tudo, me deixou sem nada, só sobrando o meu amor por ela, e não reclamo, um dia eu tinha que descobrir o quanto é lindo acordar do lado de alguém que eu ame.

Ao contrário das outras, você faz tudo parecer estar bem, os problemas acabam ao seu lado, eu sinto como se nunca fosse enjoar de ter você por perto. Saio do compasso, passo apuros, mas sempre estarei aqui, por você, pois por você eu faria loucuras, muito maiores do que você imagina.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...