História -Ash and Misty- Can I love you? - Capítulo 3


Escrita por: ~ e ~Lucondessa15

Postado
Categorias Pokémon
Personagens Ash Ketchum, Dawn Hikari, Delia Ketchum, Drew, Gary Carvalho, May, Misty, Pikachu, Serena
Tags Ash, Ash And Misty, Ash X Misty, Love, Misty, Pikachu, Pokémon, Pokeshipping
Exibições 63
Palavras 4.124
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 12 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Escolar, Famí­lia, Festa, Policial, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)

Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Aki estou com +1 capitulo!!!
Espero que gostem!!
~Boa leitura~
Quem está escrevendo é a: _L0V3_

Capítulo 3 - Golpe baixo!


Fanfic / Fanfiction -Ash and Misty- Can I love you? - Capítulo 3 - Golpe baixo!

▬▬▬▬▬▬▬▬ஜ۩۞۩ஜ▬▬▬▬▬▬▬▬

Cenas do capitulo anterior...

​"Deitei em minha cama, já de banho tomado e o mesmo pijama da noite anterior. Consegui adormecer uma hora da manhã pensando no que seria de Ash e de mim com Serena...

'O que Serena pode fazer contra mim? O que ela é capaz de fazer com Ash? O que será de mim e de Ash com ela no caminho?' "

▬▬▬▬▬▬▬▬ஜ۩۞۩ஜ▬▬▬▬▬▬▬▬

P.O.V  Ash

Acordei com algo se mexendo ao meu lado. Olho para o lado, e vejo que era apenas Pikachu.

"Que susto! Pensei que era... era... Calma! Ela não seria capaz..."

​Me levanto da cama e vou até a janela olhar a vista. O jardim estava vazio, apenas se via passarinhos voando pelas árvores. Olho para o lado e vejo Misty, dormindo que nem um anjo.

"Bem que ela poderia fazer o mesmo cafuné que ela tinha feito em mim e cantar a mesma música que tinha cantado para mim..."

​De repente, ouço a voz da mesma falando comigo:

-Tem algo na minha cara para você estar me olhando?

-Na-na-não tem na-na-nada!

-Então por quê você estava me olhando e por quê você está corado?

Viro de costas para ela para não mostrar mais que estava corado e a respondo:

-Na-na-nada!

E vou correndo para o banheiro tomar um banho.

"Por quê estou ficando corado quando converso com Misty? Aff! Isso é horrível!"

Durante o banho apenas pensava em como seria minha vida a partir de agora.

"Será que Serena irá continuar a me atormentar? Será que que minha amizade com Misty irá desaparecer por causa da noite de ontem? Será que Gary irá conseguir conquistar Misty? Eu realmente estou gostando de Misty? O que Serena pode fazer com Misty por minha causa?"

​Sai do banho, me sequei e vesti uma blusa polo cinza escura, um jeans claro e o mesmo tênis branco de antes. Sai do banheiro e vi Misty fazendo carinho em Pikachu vestida com uma regata branca com babados, uma legging de fundo preto com estampa de flores e um tênis branco de cano curto. Ela estava com um rabo de cavalo alto e com duas mexas soltas na frente de seu rosto.

​​Cheguei do lado ao contrário do dela e comecei a fazer carinho em Pikachu também. Comecei a encostar minha mão de propósito na mão dela, fazendo com que ela ficasse corada. Até que coloquei minha mão inteira na dela, fazendo com que parássemos de fazer carinho.

Misty tirou rapidamente a mão debaixo da minha e de Pikachu e se levantou indo em direção da porta do quarto.

-Vamos tomar o café-da-manhã?

Falou ela ainda tímida. Apenas fiz um sinal de sim com a cabeça e levantei da cama dela, deixando Pikachu sozinho no quarto. Fechei a porta e fomos em uma distancia de um metro separados.

"Será que aquilo que tinha feito tinha sido tão ousado para ela ficar assim? Ou será que ela é tímida com essas coisas mesmo? Aff! Eu não gosto disso! Quero ficar perto dela, não distante! Hump!"

▬▬▬▬▬▬▬▬ஜ۩۞۩ஜ▬▬▬▬▬▬▬▬

P.O.V  Misty

"O que deu na cabeça dele para pegar minha mão?! Tá, tá! Vou ter  que ser sincera... eu gostei daquilo! Mas... poxa...na hora em que eu estava fazendo carinho em Pikachu?! Que safado! Bom, agora eu estou assim! Tímida, corada e sem jeito!"

​Chegamos no refeitório, nos servimos e nos assentamos em uma mesa que estava vazia no meu do lugar. Uns cinco minutos depois de estarmos comendo, chega Serena e Gary já se assentando na mesa.

Gary, assentou do meu lado, já Serena, no lado de Ash!

"Que saco! Eles não irão nos deixar em paz, não?!"

-Bom dia, flor do dia! Dormiu bem?

Fala Gary para mim. Eu o respondo:

-Bom dia. Dormi bem sim, e você? Também?

-Claro! Pelo simples fato de ter sonhado que nós dois estávamos namorando sozinhos em uma ilha!

Acabei me arrepiando só de pensar.

"Ele precisava de falar com que tinha sonhado? Assim eu perco até o meu apetite!"

​Gary acabou indo se servir. Comecei novamente a comer enquanto escutava a conversa de Serena com Ash.

-Bom dia, gatinho! Sabe com o que eu sonhei hoje? Com você e eu, em nossa lua de mel, em um resort cinco estrelas, em um quarto de casal, em cima da cama dormindo juntos! E você, sonhou comigo também?

Ash começou a se engasgar. Acabei dando pequenas batidas em suas costas para ver se conseguia ajuda-lo.Ele me agradeceu e a respondeu

-Eu, felizmente, não sonhei com você está noite. E sim, com uma sereia ruiva de olhos verdes que sabe fazer o melhor cafuné de todos e sabe cantar docemente! E... só de curiosidade... como nós estávamos na cama em seu sonho?

-Nós dois estávamos juntinhos nu~

Quando ela ia falar essa palavrinha, eu é que acabei me engasgando! 

"Que garota louca!"

Ash começou a se engasgar também. Acabei o ajudando de novo e ele me ajudou. Nos agradecemos e ele falou para Serena:

-Tá tá! Não precisa falar mais nada! Já entendi!

A maluca deu um sorriso para ele e, antes de ir se servir, perguntou a ele:

-Ash, fofinho, por acado, quem é a tal sereia do seu sonho?

Ash olhou para baixo e a respondeu calmamente:

-Uma garota muito especial... Uma garota que está fazendo minha vida ficar de cabeça para baixo....

Ele deu uma olhadinha rápida para mim e voltou a olhar para baixo.

"Não estou acreditando que ele disse isso! Eu entendi muito bem o que aquela olhadinha significava! Tá, eu tenho que admitir, estou muito feliz de ser uma garota especial para ele, mas... mas... precisava irritar Serena?! Assim ele tá querendo arranjar confusão! É fofinho e lindo ele dar umas dicas é de mim que ele está falando, mas Serena, por ser neta da diretora, pode fazer qualquer coisa contra nós dois!"

Enquanto pensava, acabei corando um pouco. Percebi que Ash estava me olhando. Olhei para ele de volta e falei:

-Que-que-que foi-foi-foi?!

-Eu que lhe pergunto que foi! Por quê você está corada?

-É sério?! Eu entendi muito bem aquela olhadinh~

Fui interrompida com algo encostando em minha bochecha. Percebi logo que era um beijo.

"Mas um beijo de quem?"

Olhei para o lado de onde tinha vindo o beijo e vi Gary com um sorriso no rosto. 

"Agora sim, perdi totalmente meu apetite! Já basta o que Serena tinha dito a Ash, agora esse beijo na minha bochecha!"

Arrastei meu prato um pouco para frente na mesa e disse:

-Estou satisfeita! Vou indo!

E sai do refeitório indo para meu quarto.

▬▬▬▬▬▬▬▬ஜ۩۞۩ஜ▬▬▬▬▬▬▬▬

P.O.V  Ash

Ver Gary dando um beijo na bochecha de Misty me ferveu por inteiro. Quando ela saiu do refeitório, Gary chegou bem perto do meu ouvido e sussurrou:

-Eu não irei deixar você vencer dessa vez!

-Você pode até não deixar, mas eu irei vencer! E o que você fez é golpe baixo!

-Qualquer coisa vale no amor, Ash... qualquer coisa....

Ele deu uma risada e foi comer. 

"Eu não irei deixar ele fazer mais nada com Misty! Não vou deixar mesmo! Quem ele tá pensando que é?!"

Uns dois minutos depois chega Serena com seu café-da-manhã. Por sorte, já tinha terminado, então sai do refeitório indo para o quarto.

Entrei no dormitório e apenas vi Pikachu lá. Comecei a achar estranho só estra ele no lugar.

"Onde foi Misty?"

Meu amiguinho subiu em meu ombro e me entregou um bilhete.

~Bilhete ON~

Oi Ash,

Pedi para Pikachu te entregar esse bilhetinho só para você saber onde estou e não me fazer cocegas igual á ontem.... rsrs....

Bom, eu estou dando uma voltinha no jardim da faculdade...

Até mais tarde!

Beijinhos,

Misty! (Ou a sereia de seu sonho.... rsrs)

~Bilhete OFF~

"Ela realmente tinha intendido o por quê de eu ter olhado para ela logo em que tinha falado quem era a tal sereia..."

Me joguei na cama e comecei a olhar para o teto. Uns dez minutinhos depois, adormeci.

▬▬▬▬▬▬▬▬ஜ۩۞۩ஜ▬▬▬▬▬▬▬▬

P.O.V  Misty

​"Para mim, ainda era difícil acreditar que Gary tinha me beijado (felizmente tinha sido na bochecha), que ele tinha sonhado comigo, que Serena tinha falado que tinha sonhado com ela e Ash fazendo... fazendo... nem vou falar! E que Ash tinha sonhado comigo como sereia!"

​Meus pensamentos são interrompidos por uma voz feminina falando:

-Oi, meu nome é May! E o seu, qual é?

Olho para o lado e vejo essa tal May. Ela tem cabelos castanhos claros e olhos azuis. Acabo a respondendo:

-Oi, meu nome é Misty. Prazer em conhece-la.

-O prazer é meu! Desculpa minha curiosidade, mas... em que você estava pensando? É por quê você estava com uma cara de pensativa e um pouco emburrada...​

​-Ah, bom... acho melhor não contar... você não irá intender nada....

-Por favor, Misty! Conte tudo!

-Ok, ok...

E comecei a explicar a ela desde da parte em que tinha reencontrado Ash até o que tinha acontecido mais cedo. May ficava surpresa a cada acontecimento que dizia a ela. Quando terminei ela começou a fitar o céu e me disse:

-Misty, desculpa se for um incomodo, mas... você realmente gosta de Ash?

Eu olhei para ela com os olhos arregalados, não sabia o que responder! Eu nem sabia direito o que estava sentindo ultimamente, como iria conseguir responder ela?! Abaixei minha cabeça a disse baixo:

-Eu não sei... talvez sim, talvez não... acho que ainda está muito sedo para te responder, May...

-Se você acha isso, irei te respeitar! Mas, para mim, já está obvio!

Ela me abraçou e sussurrou em meu ouvido:

-Posso te contar um segredo?

-É claro!

May desfez o abraço, olhou para o céu novamente e disse:

-Sabe, Misty... Desde em que tinha visto meu colega de quarto passar por mim, acabei me apaixonando por ele... Ele é um sonho! Ele é o meu sonho! Ele tem cabelos verdes, mas glamorosos! Ele é decidido, desafiador, inteligente e um sonho!

-Nossa, May! Eu não consigo ver nada de mais nele, pelo o que você falou!

-Isso é por quê seu coração já ganhou um dono! Bom... continuando... o melhor de tudo é que ele é meu colega de quarto!

-Para May! Meu coração é solteiro e pretendo faze-lo solteiro para sempre! Mas, voltando para você, fico feliz por seu amor a primeira vista ser seu colega de quarto! Espero que role algo entre você e ele!

-Obrigada, Mistinha!

May me abraça de novo. Já estou começando a me acostumar com esses abraços de cinco em cinco minutinhos....

Ficamos conversando por uma hora mais ou menos, até sermos interrompidas por uma voz feminina familiar:

-Vejo que fez uma amiga, Misty... pena que ela é idiota e feia que nem você...

-Por quê você sempre é uma estraga prazeres, Serena​? Me explique! Por quê, pelo que sei, May e eu somos mais bonitas e menos mimadas que você!

-Eu não sou estraga prazeres! E vocês nunca serão mais bonitas que eu! E... só para avisar, Ash terá muito prazer comigo! Ao contrário de você com ele!

-O que você irá fazer com ele?!

Me levanto e encaro ela com meu corpo fervendo.

-Eu? Eu apenas irei fazer ele ser feliz comigo... só isso...

-Sua... Sua... Sua...

-Bom, de qualquer jeito, você irá ter uma surpresa mais tarde... só estou te antecipando...

E Serena saiu andando para longe de mim e de May.

"O que ela irá fazer?"

​Eu abaixo minha cabeça e sinto uma mão fazendo cafuné em minha cabeça.

-Não fique assim, Misty... Olhe, vá ficar com Ash agora e, se acontecer algo, irei ajudar você a fazer ele não gostar de Serena! Tenha a minha palavra!

-Obrigada, May... Muito obrigada...

E eu a abraço já com os olhos um pouco encharcados.

Um tempinho depois abraçadas, me levanto, desfazendo o abraço, e digo a ela:

-Vou falar com Ash, May. Obrigada. De verdade!

E saio correndo indo em direção ao dormitório.

​"Não quero que Serena encoste um dedo em Ash!"

Abri a porta do quarto, entrei e a fechei. Olhei para o lado de Ash e o vi adormecido junto de Pikachu com meu bilhete em suas mãos.

"Pelo menos sei que ele leu..."

​Fui chegando perto da cama dele e, sem pensar duas vezes, fiz a loucura de abraça-lo por trás.​ ​Ash começou a se remexer e começou a resmungar:

-Só mais cinco minutinhos, mãe! Só mais cinco minutinhos!

Desfiz o abraço, me assentei na cama dele e comecei a fazer um cafuné no mesmo que, pelo visto, estava gostando. Sem querer, comecei a cantar uma música calma e relaxante e, na mesma hora, me lembro do dia em que reencontrei Ash, que, no caso, foi antes de ontem, sexta-feira... Eu tinha feito a mesma coisa que estava fazendo com ele agora, quando o mesmo desmaiou pelo meu forte tapa em sua cabeça.

De repente, paro de cantar por ouvir Ash resmungar algumas coisas:

-Vem, sereia! Quero te abraçar e passar minha vida toda com você! Vem!

"Meu Deus! Ele está sonhando de novo com uma sereia! Quer dizer, eu acho, ér... eu!"

​-​Agora, quero beija você! Quero beijar todo o seu corpo! -Ele resmunga novamente.

Na mesma hora, me abraço tentando imaginar se realmente Ash irá beijar todo o corpo da sereia, que acho que sou eu, mesmo. Pelo menos, sereias têm caldas...

-Acalme-se... eu também quero você... Temos os mesmos desejos... e eles, felizmente, podem serem realizados...

Eu não me aguentei. Rapidamente, dei um tapa forte em Ash.

"O que ele tem de problema? Ele é um pervertido de primeira, mesmo..."

​-Ai! -O mesmo grita e começa a olhar para os lados e, ao mesmo tempo, limpando a baba de sua boca -O que que eu fiz para você ter que me bater?! Heim?!

-Você apenas começou a resmungar enquanto dormia quero te abraçar, ​sereia​, quero beijar todo o seu corpo, sereia e, por último, você disse que você e a sereia ​tinha o mesmos desejos e que eles poderiam ser realizados!

Ele corou e na mesma hora olhou para baixo. Ash disse:

-Ér... ér... sabe... ér... esqueça tudo o que eu disse!

-Ok, ok, conquistador de sereias... -eu disse rindo da cara dele e indo para o meu lado do quarto.

-O que você disse por último? -Ash falou com uma voz

-Eu disse "conquistador de sereias", seu surdo!

O chamei de surdo apenas para provocar ele, que, pelo visto, deu certo. Ash me puxou pelo braço, me fazendo ficar com meu rosto pertíssimo do dele e o mesmo disse:

-Sou conquistador de sereias e de ruivinhas nervosinhas...

▬▬▬▬▬▬▬▬ஜ۩۞۩ஜ▬▬▬▬▬▬▬▬

P.O.V  Ash

​Uns trinta segundos depois de eu ter falado aquilo com Misty e ela ter arregalado os olhos, é que eu percebo a burrice que tinha falado.

"Droga! Agora ela, provavelmente, irá me dar mais um tapa e pensar que eu gosto dela! Que droga!"

​Ela se afasta de mim e diz:

-Acho melhor esquecermos o que aconteceu...

-Tam-tam-também acho! -Eu digo com meu rosto totalmente corado.

Decidi ir tomar um banho para ver se eu esquecia o que aconteceu...

Quando eu estava prestes a abrir a porta do banheiro sinto uma mão tocando em meu ombro e, logo em seguida, ouço Misty dizer para mim:

-Ash, antes de entrar, quero te avisar que hoje Serena me disse que  irá fazer algo com você... Então... ér... tome cuidado! Só isso!

-Obrigado por me avisar... Misty...

Dei um leve sorriso a ela e entrei no banheiro para tomar meu banho.

▬▬▬▬▬▬▬▬ஜ۩۞۩ஜ▬▬▬▬▬▬▬▬

P.O.V  Narradora (_L0V3_)

Não muito longe do quarto de Misty e Ash, Serena e Dawn conversavam no quarto da neta da diretora.

-Danw, eu preciso separar Misty de Ash! -Diz Serena com raiva.

-Relaxa, Sereninha.... Esqueceu que você é a neta da diretora?! Você pode fazer tudo contra ela!

-É claro que eu não me esqueceria disso, Dawn! Eu apenas não sei o que fazer para que os dois se separem!

-Por quê você não~

-Por quê vocês duas estão fazendo aqui?! -Diz Gary nervoso.

-Nós estamos aqui por quê esse também é o meu quarto! Esqueceu?! -Retruca Serena.

-Infelizmente, você me lembrou! -Gary fala se jogando em sua cama.

-Serena, por quê você não vira a colega de quarto de Ash e Misty do Gary?! -Diz Dawn levantada na frente de Serena.

-Pera aí... as duas querem separar Ash de Misty e não me contaram? -Gary levanta de sua cama e começa a fitar Serena e Dawn surpreso.

-É a Serena que que~

-Sim! Por quê?! -Fala Serena levantada fitando Gary e interrompendo a fala de Dawn.

-Por quê eu quero separar os dois também!  -Diz Gary animado.

-Ótimo! Mas eu não preciso de você, já que irei pedir a minha vó me mudar de quarto!

-Você irá ficar com quem agora? -Pergunta Gary curioso.

-Com Ash! Óbvio! -Responde Serena sem nenhuma paciência.

-E a Misty? Irá ficar com quem? Por favor, a coloque junto comig~

-Sim, sim, sim, romeu! Você irá ficar com aquela ruivinha! -Serena fala interrompe Gary com a mínima paciência -E, se me dão licença, irei falar agora com minha avó.

Serena se retira do quarto e vai se direcionando a sala de sua avó. A neta da diretora abriu lentamente a porta de onde sua avó se encontrava e começou a dizer:

-Vovó...

-Entre minha querida! - Diz a diretora entusiasmada pela visita da adolescente. -O que faz aqui em minha sala a essas horas?

-Sabe, vovó... -Fala Serena já se assentando no sofá que tinha no lugar. -É que tem uma garota que está atormentando o colega de quarto dela e o coitado não aguenta mais ela! Ele me pediu para tentar troca-lo de quarto, já que você, a diretora dessa faculdade incrível, é minha linda e amada avó!

-Olha, meu docinho, para eu poder trocar de quarto uma pessoa, ela tem que concordar em trocar de quarto com a outra...

-Mas ele quer trocar de quarto para ficar comigo! E eu também quero! -Grita Serena já fazendo o drama fingindo estar prestes a chorar.

-Ok, ok, minha flor... mas, antes de te trocar de quarto, tenho que saber o nome da garota que atormenta esse menino e o nome do próprio.

-A garota se chama Misty, e o garoto, Ash!

-Misty... Misty.... -A diretora começa  a falar sozinha olhando a lista dos alunos da faculdade. - A sim! Misty Waterflower! E... Ash... Ash... a! Ash Ketchum! -A vó de Serena começa a ler a ficha dos dois. -Nossa! Os dois tem um ótimo histórico! Aqui está dizendo que eles tiram ótimas notas! Isso é muito bom...

-Fico feliz, vó! Agora... A senhora poderia trocar os dois de quarto?!
          
-Claro! Meu doce de mel! Bom... Você quer ficar com Ash, não é mesmo?

-Sim! Sim! -Responde Serena sem paciência.

-Bom... Você poderá ficar no quarto de Ash e Misty... No seu quarto com seu colega de quarto... A propósito... Como seu colega se chama?

-Hm... Ele se chama Gary... Gary Carvalho!

-Ok!

A diretora começa a procurar as chaves dos dormitórios e quando ela acaba achando, diz para sua neta:

-Princesa, aqui está as chaves! -A mesma entrega as chaves para Serena- Espero que esse Ash goste de sua companhia, ao contrário do que você me disse do que ele acha dessa Misty...

-Obrigada, vó do meu coração!

Serena abraça a mulher e sai correndo para o seu dormitório que já já seria de Misty e Gary.

A adolescente mimada entrou no quarto em que estava Gary super animada. Ela começou a saltitar até sua malas e começar a guarda suas roupas nelas.

-Por quê está arrumando as malas? -Pergunta Gary curioso.

-Pelo simples fato de que, apartir de agora, serei colega de quarto de Ash! E você... De Misty! -Responde Serena.

-É sério?! Eu não estou sonhando?! Que ótimo! Ér... Tem jeito de fazer um quarto ter apenas uma cama de casal?

-Ah, Gary! Uma coisa de cada vez! Pelo menos, eu consegui fazer você mudar de colega de quarto!

-Ok, ok... -Resmunga Gary.

UMA HORA DEPOIS...

Serena já estava com suas malas na porta do quarto de Ash. Ela pegou as chaves que estavam em sua bolsinha e abriu a porta.

    ▬▬▬▬▬▬▬▬ஜ۩۞۩ஜ▬▬▬▬▬▬▬▬


P.O.V  Ash

Eu estava mexendo em meu celular de boas em minha cama e Misty estava brincando e fazendo carinho com Pikachu na cama dela.

De repente, ouço a porta abrindo. Olho para o lado e vejo Misty escondendo meu amigão debaixo de seu edredom. Novamente olho para a porta e começo a ver malas surgindo no quarto e a figura de Serena vindo para cima de mim.

-Fofinho, tenho ótimas novidades! Sabe quem será sua colega de quarto agora?! Sim, sim! Eu mesma!
Serena me presciona mais e mais contra o seu corpo e começa a se      esfregar em mim, fazendo com que seus peitos se amassasem em meu peitoral.
               
"Ela é maluca!"

Olho para o lado novamente e vejo Misty escondendo, dessa vez, em meu banheiro Pikachu.

"Ainda bem que ela o escondeu..."

Serena desfaz o abraço e diz para Misty, que já estava novamente em sua cama:

-Agora, Misty, você será colega de quarto de Gary! Dê adeus para o meu Ash e vaza!                        

-Quem disse isso, sua mimada?! -Misty a retruca.

-Minha avó! Quer dizer.... A própria diretora!

"Que droga! Como eu irei conseguir esconder Pikachu apartir de hoje?! Se Serena descobrir dele, ela pode me ameaçar!"

-Saia agora do quarto meu e do de Ash, Misty! Esse lugar não pertence mais a você! -Diz Serena ainda em cima de minha cama.

-Tudo bem, mimada. Cuide bem de Ash! E eu não quero o ver maluco que nem você! -Misty fala já começando a arrumar suas coisas.

"Ela realmente não irá falar nada para impedir que Serena vire minha colega de quarto?! Hmp! Por quê também Misty irá virar colega de quarto de Gary?! Por quê isso está acontecendo comigo?!"       

▬▬▬▬▬▬▬▬ஜ۩۞۩ஜ▬▬▬▬▬▬▬▬


P.O.V. Misty

"Eu ainda estou em choque! Aquela garota irá se ver comigo se encostar um dedo em Ash! O pior, também, é que irei virar colega de quarto de um cara que tem uma queda por mim e que, pelo visto, tem coragem de fazer tudo comigo! Incluindo... Incluindo... Ah! Não vou falar!"

Comecei a guardar minhas roupas em minha mala de qualquer jeito.

Enquanto guardava, apenas escutava Serena tentando dar umas "pegadas" em Ash. Aquilo me deixava desanimada...

UMA HORA DEPOIS...

Eu já estava saindo do quarto quando sinto uma mão me puxando pelo braço. Em poucos instantes, sinto alguém me abraçando. Era Ash. Eu o abracei de volta e ele sussurrou para mim:

-Pode deixar que eu não irei pegar a Serena... E, me prometa que, você não irá pegar Gary...
                                 
Eu tinha ficado muito corada com a fala dele. Na mesma hora, o empurrei para frente e resmunguei em um tom em que ele pudesse escutar:

-Idiota!

E sai andando em direção ao meu novo quarto...

"Será que Gary poderá me agarrar a força? Será que ele é tão malicioso? Aff!"

Eu já estava em pé, parada em frente a porta do quarto com medo de abri-la.

Fiquei um teminho tentando me acalmar e abri a porta.

A primeira coisa em que meus olhos se direcionaram foi para a imagem de Gary sem camisa vindo em minha direção.

"É agora que será o meu fim! É agora!"

Ele pegou minha mala, parou em na minha frente com a mala na mão e disse:

-Bem vinda, minha linda ruivinha...

E Gary foi colocar minha mala do lado de minha nova cama.

Eu fiquei um tempo parada na porta até voltar ao mundo real, fechar a porta e agradecer Gary.

Enquanto guardava minhas roupas no meu novo guarda roupas, a cada vez que meus olhos se encontravam com Gary, eu balançava minha cabeça. Em uma hora, ele perguntou a mim:

-Misty, por quê você está assim? É que quando você me olha, você balança sua cabeça...

-Ér... É que é desconfortável  te ver sem camisa em um quarto em que só tem nós dois...

-Ah, sim... - Gary levanta, pega uma camisa em seu guarda roupas e a veste- Melhor, flor?

-Si-si-sim...

Gary deita novamente em sua cama e diz para mim:

-Que bom...

"Será que ele será apenas gentil comigo ou irá tentar me forçar a fazer algo malicioso? Estou com medo... Com receio... Isso é desconfortável..."

▬▬▬▬▬▬▬▬ஜ۩۞۩ஜ▬▬▬▬▬▬▬▬
P.O.V  Narradora (_L0V3_)

Misty já estava adormecida em seu novo quarto, já Gary, apenas observava a ruivinha dormindo.

O de cabelos espetados chegou perto dela, a abrçou delicadamente e sussurrou no ouvido dela:

-Ainda nesses meses, irei te fazer minha... Apenas minha...

...

O mesmo acontecia no quarto de Ash.

Serena estava a milímetros da boca do moreno e sussurrou para ele:

-Daqui a um tempinho, você será apenas meu lindo Ash... Apenas meu...


Notas Finais


Gente, até o próximo!
Me desculpem a qualquer erro de ortografia! Estava escrevendo pelo celular...
Bjs,
_L0V3_ <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...