História || Closer To You • Alec Lightwood || - Capítulo 15


Escrita por: ~

Postado
Categorias Os Instrumentos Mortais, Shadowhunters, Teen Wolf
Personagens Alan Deaton, Alexander "Alec" Lightwood, Allison Argent, Chris Argent, Clary Fairchild (Clary Fray), Derek Hale, Isaac Lahey, Isabelle Lightwood, Jace Herondale (Jace Wayland), Jackson Whittemore, Jocelyn Fairchild, Lydia Martin, Magnus Bane, Malia Tate, Melissa McCall, Mieczyslaw “Stiles” Stilinski, Natalie Martin, Personagens Originais, Peter Hale, Scott McCall, Sheriff Noah Stilinski, Simon Lewis, Valentim Morgenstern
Tags Aleclightwood, Lobisomem, Lydiamartin, Scottmccall, Shadowhunters, Teenwolf, Thehunterandthebanshee
Visualizações 44
Palavras 1.023
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Crossover, Drama (Tragédia), Fantasia, Ficção, Ficção Científica, Luta, Magia, Mistério, Romance e Novela, Sobrenatural, Suspense, Universo Alternativo
Avisos: Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Spoilers
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 15 - Capítulo 15 - The Lightwood.


Fanfic / Fanfiction || Closer To You • Alec Lightwood || - Capítulo 15 - Capítulo 15 - The Lightwood.

P.O.V.       L Y D I A    M A R T I N


- Hey, está tudo bem? - pergunto quando encontro Alec nervoso, andando pra lá e pra cá.

- Sim. - responde sendo rude e eu o encaro confusa.

- Não precisa ficar assim, não fiz nada com você. - me defendo.

- Desculpe. - pede - Jace só me mete em problemas.

-  O que aconteceu dessa vez? - pergunto revirando os olhos com a situação desses dois

- Pelo o que Jace me disse, Magnus precisar de mim.

- E por que? - pergunto confusa.

- Algo a ver com o fato de eu ser um Shadowhunter, acho. - arqueio uma sombrancelha, desconfiada - Eu não tenho certeza se eu realmente vou.

- Alec, não acha que essas discussões de vocês estão ficando sérias demais? Vocês são parabatai, não podem conviver assim por causa de uma garota. Talvez seja melhor você ir... - ele assente meio relutante - Certo, acho melhor você falar com ela. - pergunto indicando para Maryse que estava de costas olhando para a janela, enquanto passamos pela porta.

- Tudo bem.

- Vou atrás de Izzy. - beijo sua bochecha e ele vai em direção a mãe.

•°•


P.O.V.    N A R R A D O R A


Isabelle Lightwood, uma garota forte e destemida, mas no momento estava sentindo medo... Sim, medo. A Clave estava ficando contra a sua família, por todas as regras que foram quebrados por ela e seus irmãos para poder salvar Clary das garras de Valentine e de todos.

- Me promete que não vai fazer isso. Me promete que não vai aceitar. - declara Izzy assim que sobe no tatame onde seu irmão estava.

- Do que está falando? Não aceitar o que? - perguntou Alec confuso parando seu treinamento para escutar sua irmã.

- Eles vão fazer você se casar. - respondeu com o semblante sério.

- Eles quem? - perguntou Alec.

- Nossos pais estão fazendo planos para nós dois. - o encara.

- Não, você se enganou. - diz Alec relutante e volta a treinar.

- É verdade, Alec. - o para, segurando o bastão. - Eles precisam de uma aliança rápida para restaurada o nome da família e a influência com a Clave.

- Eu sabia que a Clary Gray voltaria para me dar uma rasteira. Espera, então eu vou me casar... - tais palavras saem de sua boca como uma facada em seu coração, enquanto em sua cabeça só vinham uma ruiva que fazia seu coração acelerar toda vez que a via. - E você vai fazer o que?

- Eles precisam que eu convença a Clave para acalmar os Seelies de alguma forma.

- Tá bancando a diplomata? De novo? - Izzy desvia o olhar - Esse é o meu trabalho. Eu que devia estar fazendo isso.

- Eu sei disso, mas sou eu que tenho laços com os Seelies.

- É assim que você chama agora? - sorrir irônico enquanto virava de costas guardando o bastão.

- Alec, eu estou do seu lado. - diz a irmã.

- Sério? - vira-se para ela e a olha diretamente em seus olhos - Eu segui toda as regras. Eu abri mão de tudo!

- Vamos achar uma saída pra isso. - diz e como uma forma de o acalmar direciona sua mão para o ombro do mais velho. Ele olha e empurra, tirando a mão de sua irmã do seu ombro.

- Dane-se as regras. Dane-se todos. Dane-se tudo isso. - e sai do local ignorando o chamado de sua irmã.

•°•


Sorrio quando encontro Izzy em uma das salas conversando entre risos, com um garoto que aparentava ter 9 a 10 anos. Desde que Maryse chegou, Izzy não tem a mesma alegria de antes. Dou uma leve batida na porta fazendo eles me olharem.

- Estou atrapalhando? - pergunto sorrindo.

- Você nunca está, ruivinha. - ela sorrir e me chama com a mão.

- E quem é esse principe? - pergunto o olhando, vendo o ficar envergonhado.

- Max, essa é a Lydia, minha melhor amiga. Lydia, esse é o Max, meu irmão mais novo. - nos apresenta.

- Oi. - fala baixinho um pouco corado. Uma fofura.

- Oi, Max. O que estavam fazendo de tão divertido?

- Sabia que Max começou um incêndio em Mumbai? - pergunta Izzy o olhando.

- Foi um acidente, eu tava com fome. - tenta se defender, nos fazendo rir.

- As runas são completamente diferentes, Max. - eu e Izzy nos entreolhamos cúmplices e o atacamos, o enchendo de cócegas.

- Max, Lydia, pode nos dar um segundo? - pergunta Maryse parada na porta.

- Eu nunca posso ouvir as coisas boas. - reclama o pequeno.

- Que tal eu fazer um lanche pra você? Está com fome? - ele assente - Vamos. - faço cócegas fazendo ele correr em direção a saída enquanto eu o seguia. Suspiro lembrando que Maryse e Izzy não tinham uma relação muito boa.


•°•


Depois de fazer um pequeno lanche para mim e o pequeno Lightwood, e o deixando com seu pai, caminho em direção ao quarto de Izzy, tentando a encontrar.

- Quer ajudar? - pergunto quando entro em seu quarto a vendo com roupas totalmente diferentes das habituais.

- Por favor. - e sorrir fraco me entregando um elástico para prender seus longos cabelos e é o que eu faço.

- Por que, Isabelle? - pergunto a olhando - Mudanças de roupas não vão mudar o seu interior.  Você não deveria seguir a sua mãe. Você deve seguir a si mesma. Veja o que sua mãe se tornou, ela está amargurada com a própria vida. É rígida com os próprios filhos, sei que está assim por causa da conversas entre vocês duas, que os Lightwood estam com problemas com a Clave por causa de Clary e Valentim. Mas a pergunta, é se isso que você quer realmente ser? Não quero que você se arrependa no futuro. - Izzy abaixa a cabeça - Tudo bem. - suspiro - Como sua melhor amiga eu não irei ficar contra você, o contrário sempre que você precisar de mim, eu estarei aqui pra você e por você, mas que fique bem claro, eu não aceito essa sua mudança repentina. Essa não é você, Izzy. - término e ela me abraça fortemente.


Notas Finais


Ei, ShadowHunters, desculpem a demora do capítulo, tava vendo aqui, e sei lá não estou gostando muito dos capítulos anteriores, talvez quando eu concluir ou quando eu tiver coragem eu melhore, mas até lá é isso aí.

Só eu que odeio a Maryse por ser assim com a nossa Izzy

Espero que tenham gostado do capítulo, quero ler os comentários de vocês e desculpe-me qualquer erros. Beijinhos, fique com esse vídeo que tem várias cenas do capítulo e do episódio.❤

Link: https://youtu.be/Ql5ysmU2rwI


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...