História - Dissolver Love - Capítulo 24


Escrita por: ~

Postado
Categorias Justin Bieber, Ryan Butler, Zayn Malik
Personagens Jaxon Bieber, Justin Bieber, Lily Collins, Ryan Butler, Zayn Malik
Tags Drama, Segredos, Violencia
Exibições 5
Palavras 2.189
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Crossover, Drama (Tragédia), Mistério, Romance e Novela, Sobrenatural, Terror e Horror, Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 24 - A shadow, but who or better ? .


O clima estava quieto, eu estava odiando este silêncio todo e ainda mais este quarto senti algo estranho passando pelo o meu estômago virei o meu rosto para fora da cama e do nada me vejo vomitando e tossindo um pouco, Justin que estava deitado levanta e vê o que tinha ocorrido ele olha com cara de nojo, e eu olho para o teto a tontura estava vindo, não senti mais a presença de Justin, resolvi descer minha cabeça e vê James e Patty me olhando.

- O que estão olhando ? - digo Simples -

- Nada Babi, apenas estamos observando o liquido fedorento que você soltou - diz James -

- Queridos toda grávida vomita, e desmaia parem de olhar pra isso - Fiz cara de nojo -

- Com uma exceção, grávidas normais e Babi você não é uma grávida normal - diz Patty -

- O que quer dizer com isto mãe, Babi é humana e com certeza nosso filho também é - diz Justin preocupado -

- Filho ela é humana, mas o filho que vocês vão ter juntos não é totalmente humano - diz Patty -

- Patty você quer dizer que o nosso filho é humano como eu, mas por dentro é como o Justin ? - digo passando a mão na barriga -

- Sim Babi, filho ele é um herdeiro e ele será como você - diz Patty aflita -

Ela ao falar isso fico em choque, Justin começa a chorar eu também quero chorar mas não vou e Justin temos que ser forte para o nosso filho, eu sei mais sobre você e sei que está lendo meus pensamentos precisamos ser fortes porque anjos e demônios irão entrar em uma guerra, mas em uma guerra que eles podem me matar ou matar o nosso filho mas Justin estou viva por conta de você, e por conta do nosso amor, tanto amor que estou esperando um Bieber.

- Babi, está certa vocês precisam ser fortes - diz James -

- Obri ...- Antes que eu termina-se de falar tudo fica preto -

A escuridão estava ali a horas, ou até mesmo dias, está é a impressão de que tinha em minha cabeça, o meu corpo doía, senti algo entrando em minhas veias e acordei com o incomodo e levei um susto, um homem estava aplicando soro em mim, por um momento o alívio percorreu o meu corpo, encostei minha cabeça no travesseiro me fazendo olhar para o teto, estava concentrada nos detalhes... O silêncio percorria aquelas paredes, e por um momento senti meu corpo se arrepiar, quando em segundo um par de olhos entra em minha frente mais um susto, fecho os olhos e os abro vendo Justin rindo da situação .

- Do que você está rindo ? Não tem graça ! - digo irritada -

- Oh tem graça sim, e como tem, deveria ver sua cara - diz Justin rindo -

- Deveria ver se o seu pau, estará no seu devido lugar amanhã - digo irônica -

- Você não ousaria corta-lo Babi, se corta-lo quem vai te fazer g- antes que Justin termina-se a palavra um mulher entra no quarto -

- Que bom que alguém chegou, não estava aguentando a companhia dele - digo revirando os olhos -

- Parecia estar gostando, ouvi gargalhadas bem altas - diz a mulher -

- Certamente não eram minhas e sim dele - digo simples -

- Ah claro, mas sem muita demora você está melhor ? - diz a mulher -

- Sim me minto bem, mas o que houve ? o porque de eu estar com tantas dores ? - digo fazendo cara de dor -

- Você ficou 3 dias sem acordar, pensamos que tinha entrado em coma, a ador que sente é pelo o fato de você estar nessa posição durante este período - diz a mulher arrumando meu travesseiro -

- Fiquei 3 dias sem falar ? - digo assustada -

- Ainda bem, sua voz é tão horrível - diz Justin rindo -

- Ainda bem ? senhor cuidado com o que diz, em fim tenho muito o que fazer - diz a mulher dando sermão e saindo -

A mulher saiu do quarto deixando eu e Justin apenas, ele estava totalmente puto por conta do sermão, achei a situação engraçada, novamente o silêncio percorre o quarto, até que a porta abre era James e Patty, James segurava uma bandeja com três sanduíches e com um copo enorme de suco.

- James, você me salvou - digo sorrindo -

- Alguém tem que se preocupar com você né Justin ! - diz James chamando a atenção de Justin -

- Hoje, tiraram o dia pra me darem sermão, primeiro foi uma enfermeira e agora você James - diz Justin nervoso -

- Mentira, Babi é sério isso ? - diz Patty incrédula -

- Sim, mas não fica assim xuxu - digo rindo -

- Xuxu é meu pau, Babi - diz Justin nervoso -

- Justin ! olha o que diz - diz Patty -

- Será que posso comer agora, ou vão brigar ? - digo simples -

- Ah sim claro, vocês dois vem comigo e Justin nem vem ficar nervosinho - diz Patty autoritária -

- Alguém se ferrou - digo pegando um guardanapo -

Patty, James e Justin saíram do quarto Justin foi bufando, James muito obrigado ... peguei um dos três sanduíches que estava ali, alguém contou para James que meu sanduíche preferido é os que sempre faço em casa com presunto e muçarela, terminei o primeiro e tomei um pouco do suco que veio junto, e peguei o segundo este demorei pra comer pois era um sabor novo é posso dizer que amei, mais uma vez tomei o suco (...) terminei de comer, peguei um guardanapo e limpei a boca, chamei por James, Justin e Patty mas não ouviram, ué estranho, me levanto da cama seguro nela pois estava um pouco zonza, mas consegui ficar de pé abri a porta e não vê ninguém no corredor, então saí procurando pelo os três, era só o que faltava uma grávida procurar pela a sogra, pelo o amigo da família e pelo o futuro marido, estava distraída com meus pensamentos até que algo encosta em mim, olho e era um homem alto e moreno, vestido dos pés a cabeça de branco sorrindo.

- Está sorrindo porque ? - digo nervosa -

- Sempre ando sorrindo, e você pelo o visto anda nervosa - disse o homem -

- Mas é claro, estou grávida e estou procurando pela a minha sogra, pelo o amigo da família dela e pelo o meu namorado era pra mim estar calma ? - digo impaciente -

- Um momento, você não era para estar andando pelos os corredores era pra estar ... - antes que o homem termina-se ouvi um Babi e quando me dou conta é Justin, Deus ajude pra que ele não agrida ninguém -

- Babi, o que você faz aqui com este homem ? - disse Justin o olhando de cima abaixo -

- Eu não estou fazendo nada, ao contrário de você Justin que olha para a bunda da primeira mulher que aparece em sua frente - digo impaciente -

- Senhor, eu não fiz nada com ela ao contrário ela estava procurando por você - disse o homem sem jeito -

- Ah sim claro, foi apenas um contra-tempo - disse Justin irônico - 

- Em fim, com licença tenho muito trabalho - disse o homem saindo -

- Está satisfeito ? Justin Bieber - digo alterada -

- Você não tinha que está aqui Babi - disse Justin impaciente -

- Ah não ? E vai fazer o que me bater ? - digo irônica -

- Não mas devia, dar umas palmadas nessa sua bunda gostosa - disse Justin, me pegando no colo -

- Me solta agora - digo nervosa -

- Pode me bater, arranhar mas você vai para aquele quarto e agora - disse Justin simples -

Sem me deixar falar, Justin saiu andando pelo o hospital comigo no colo o mais rápido possível isso me deixou com muita raiva até que ele encontrou o quarto onde estava abriu a porta sem me colocar no chão, e fechou a mesma com o pé, ele me colocou na cama .

- Babi, nem adianta gritar comigo porque você estava errada e sobre aquele cara senti ciúmes mesmo - disse Justin simples -

- Ah, você pode olhar para a bundas das enfermeiras e eu não posso olhar para outro homem - digo nervosa -

- Babi, nem começa tá ? Que porra eu não quero te perder - disse Justin nervoso -

- Mas tem hora que parece que v ... - Justin nem me deixou terminar a frase e me beijou -

- Que eu, quero te perder ? você ia dizer uma mentira, por mais que você seja impaciente, marrenta eu não quero te perder - diz Justin -

- Tá, Justin me desculpa fiquei nervosa atoa - digo simples -

- Babi, grávidas são assim, nervosas, impacientes mas não vou te deixar e outra tu é gostosa nervosa - diz Justin mordendo os lábios -

- Justin !  - dou um tapa em seu braço -

- Que é ? disse a verdade Babi - diz Justin piscando o olho -

- Babi, não faz mas isso de sair por ai - diz Justin preocupado -

- Tá bom, prometo não fazer isso - digo simples -

- Agora fica aqui, vou procurar minha mãe e James - diz Justin -

Antes que eu o responde-se ele saiu, do quarto ... E lá vamos nós estou esperando eles a mais de uma hora e nada foram fazer uma orgia né ? só podem, fico olhando para o relógio do quarto até que alguém abre a porta deixando uma luz forte entrar quase me cegando, fecho os olhos rapidamente e depois de um tempo os abro.

- Até que em fim os três apareceram, estavam fazendo o que ? - digo simples -

- Desculpa, Babi estávamos ligando para nossos homens caso Ariel e Ryan tentem se meter com você e o nosso filho a morte é um presente dado a eles - diz Justin firme -

- Babi, sei que a ligação entre você e Ryan são fortes - diz James -

- E eu odeio admitir, isso mas sei que Ryan ama Babi, e acho que ele não mataria a Babi nem o nosso filho - diz Justin -

- Por mais que nossa ligação seja forte, se ele tentar algo creio que vai ter quer ser isso mesmo - digo firme -

- Mas mudando de assunto, a senhorita vai voltar para a casa depois de ficar um tempo aqui mas vai ter que repousar, Babi nada de esforço - diz Patty -

- Vou ter que só ficar deitada ? qual é odeio ficar parada - digo revirando os olhos -

- Babi, nem começa é para o seu bem e para o bem do Bieber que está vindo ai - diz Justin orgulhoso -

 - Finalmente vou sair daqui né - digo simples -

- Sim, e vem aqui - diz Justin me pegando no colo -

Justin não me soltou se quer um momento, dessa vez ele não andou rápido e sim devagar o que deu nele ? andar devagar nunca é com ele, com a minha cabeça encostada saímos finalmente do hospital, era de noite e nevava e eu não vejo a hora do pequeno ou pequena Bieber brincar na neve, James abre a porta de trás do carro e Justin me coloca devagar no branco, e fecha a porta, coloco o sinto e quando olho pro lado ele já estava do meu lado segurando minha mão, James e Patty logo entram no carro e James da a partida saindo daquele lugar, a um determinado local vejo um carro nós seguindo .

- James porque tem um carro nós seguindo ? - digo simples -

- Babi, o carro que está nós seguindo é dos homens que contratamos pode ficar tranquila - diz James prestando atenção na estrada -

- Ah fico mais aliviada, obrigado - digo simples -

James continua o caminho, eu e Justin trocávamos beijos (...) 2 Horas depois chegamos em frente a casa onde Justin comprou, ela está arrumada e com as luzes apagadas ela é tão linda, o carro que estava nós seguindo para ao lado do carro de James um portão se abre só agora notei que a casa tinha uma garagem e uma enorme garagem, mas antes de entramos vejo uma sombra .

- James o que é aquilo ? - digo apontando -

- Não sei, mas vamos descobrir mãe fica aqui com a Babi e James vamos logo - diz Justin saindo do carro -

- Cuidado amor - digo aflita -

O QUE É ISSO ? OU MELHOR QUEM É ? ...



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...