História ¤ FANTASY ¤ Imagine Park Jimin. - Capítulo 28


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), EXO, Got7
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Mark, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, Tao, V
Exibições 212
Palavras 1.763
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), Ecchi, Ficção, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência, Visual Novel
Avisos: Adultério, Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Amoras ♡ esse é o especial de 100 favoritos, obrigado pelo carinho, vai ser com o Jin pq um anjo que lê a fic quer ♡ ** ps: tenho vontade de te apertar**
Ps2: é bem porno.

E eu acredito com todas as forças em Akai Ito desde pequena ♡

Capítulo 28 - Imagine Rapidinho com o Jin ♡ especial de 100 favoritos


Fanfic / Fanfiction ¤ FANTASY ¤ Imagine Park Jimin. - Capítulo 28 - Imagine Rapidinho com o Jin ♡ especial de 100 favoritos

Você estava  na cozinha quando o Jin estava cozinhando, o cheiro invadia cada vez mais seu oufato. Você queria provar então começou a fazer sua melhor cara de cachorro pidão.

- nao olha assim não ta pronto.

- por favor hyung.

Você implorou e o mesmo soltou a colher na panela e te puxou te abraçando. Você corou levemente, mas escutou o coração dele acelerado.

- Hyung por que o seu coração esta tão descompassado?

- Na.. nada.

O memso te soltou rapido voltando a atenção na panela.

- Jiiiiin.

- olha eu sou o mais velho aqui não me chame so de Jin aish...

- eu doro te ver irritado assim.

Você sorriu largo e o mesmo corou se virando mais uma vez pra panela.

- por que você é assim?

- assim com hyung?

- assim, essas suas brincadeiras e logo depois pe deixa constrangido.

- oppa

Você o abraçou por tras fazendo o mesmo encostar a mão na panela quente e a sacodindo com dor.

- oppa me deixa ver... ai meu Deus me perdoa hyung deixa eu ver... deixa eu cuidar de voce.

- eu estou bem, só sai daqui.

Você se sentiu mau por ele ter sido um pouco grosso afinal não era do fetio dele ser assim, mas você não o culpa por causa da sua brincadeira ele queimou a mão, você abaixa a cabeça e vais saindo, quando escuta o Jin respirar fundo.

- s/n, espera, me desculpa eu não queria ser gorsso.

- ta tudo bem hyung eu sou a culpada aqui.

Mesmo sem você virar pra olhar pra ele você escuta ele se aproximar, por que seu peito está tão apertado? Por que doi? Sentiu seus olhos arderem, é serio que você quer chorar? aish... se controla é so o Jin... mas ele nunca brigou com você antes... Sentiu os braços do hyung sobre seu pescoço lhe abraçando. Você sentiu seu coração deparado, você amava o Jin desde sempre, desde que eram crianças mas sempre foi a irmãzinha que ele quis ter, isso lhe frustrava tanto que descidiu que deixaria de ama-lo, estava tentando sufocar o que sentia a algum tempo, mas esses contatos repentinos dele faziam seu coração voltar a despara feito louco. Voce estava corada por isso não queria olhar pra ele, mas o mesmo lhe virou, você olhava para o chão quando perceu a pequena queimadura em sua mão, segou a mesma e colocou em seus lábios dando um bequeno e suave beijo, o hyung não se mecheu então voce apenas soltou a mão dele e decidiu ir embora.

- hyung eu ja vou.

- você não precisa ir realmente, pode ficar eu gosto de ter voce por perto.

- ani... eu.. eu tenho um encontro.

- você o que?

Ele falou um pouco alto fazendo você se assustar, por que ele esta estranho hoje.

- eu.. eu... eu.. eu preciso ir.

Você virou as costas para ir embora mas sentiu ser puxada pelo mais velho, que selou os labios de vocês dois quando você veio de encontro ao corpo dele. Você se afastou assustada, ele.. ele tinha lhe beijado.. você deu alguns passos para trás caindo no chão.

- me perdoa eu não queria lhe beijar.

- ahh.

Por que aquilo ainda doia? Por que por um unico instante você pensou que o Jin podia ter feito aquilo de proposito. Você tentou segurar as lagrimas mas elas sairam mesmo sem permissão.

- S/n por favor me.. me perdoa eu.. eu não sabia que você ia ficar assim... ai meu Jesuis o que eu faço agora?

- para Jin sai de prrto de mim.

- me desculpa s/n esse era seu primeiro beijo tinha que ser especial.

- esse não é o meu primeiro beijo.

Aquilo pareceu feri-lo profundamente e o mesmo abaixou a cabeça perto de você.

- o encontro que você vai é com ele? O cara que você deu o seu primeiro beijo.

- ani, eu desisti dele a muito tempo, eu cansei de nunca ser notada cansei de sempre amar sozinha.

- ahh, ele é um idiota então.

- sim ele é.

- você deveria dizer isso na cara dele.

- ok.

- você vai mesmo fazer isso?

- vou, o que eu tenho a perder.

- você tem razão, quer que eu vá com você? 

- não precisa eu não vou longe.

- ele é um dos meninos? o Jimin? o JungKook ?  o Nam....

- HYUNG VOCÊ É UM GRANDE IDIOTA.

Ele pareceu entrar em choque, quando você simplesmente cansou e decidiu levantar ele te segurou na cintura e te puxou pra ele fazendo você ficar em cima dele e puxando su cabeça para beija-lo, o beijo do Jin era calmo e doce, ele pediu passagem com a lingua e você cedeu, a lingua do mesmo encontrou a minha que estava quieta e timida, a tocando e a fazendo entrar em contato com a sua, você parou o beijo e disse com vergonha.

- eu.. eu nunca beijei assim hyung.. eu.. eu não sei fazer isso.

O mesmo sorriu largo mostrando toda a sua felicidade.

- só deixa a sua se mecher sozinha e segue a minha.

Ele voltou o beijo e pediu passagem novamente e você cedeu, mas dessa vez fez o que ele havia pedido, a lingua de vocês estava em um ritmo lento mas constante, o mesmo posicionou o corpo para que ele ficasse por cima. Quando o beijo acabou ele abriu um sorriso largo, contudo logo desapareceu e ficou te olhando.

- quando foi que você me beijou se não agora?

- vocês estava dormindo quando eu vim estudar e eu te beijei esse foi o meu primeiro beijo.

- aiish... e eu esse tempo todo sem saber se podia te beijar quando eu quisesse.

- você gostava de mim hyung?

- a mais de dois anos eu te amo.

- eu sempre te amei.

Sentimos o cheiro de algo queimando e ele saiu de cima de você.

- acho que queimou.

Ele sorria completamente bobo, o que lhe fazia sorrir também, seu celular tocou e vc atende.

Chamada Onn_

Oi?

Oi.

Você vem para o encontro comigo certo?

Sobre isso, eu.. eu não sei aconteceu uma coisa.

O que???

_o Jin  tomou o meu telefone_

Aqui éo namorado dela, quem ta falando?

Namorado?

Sim, sou namorado dela.

Então ela não vem para o nosso encontro?

É  claro que não, ela pertence a mim, ela é minha e não vai ter encontros com outros homens alem de mim.

LIGAÇÃO OFF_


- hyung você é muito ciumento.

- você é minha e eu não vou te dividir com ninguém só isso.

- seu bobo.

- eu não sou tão bobo assim.

O mesmo sorriu te precionando no balcão e levantando sua perna, você lembrou que estava de saia e tentou baixar a perna mas ele não deixou.

- vou fazer você ser completamente minha, agora e sempre.

- Hyung

Sua voz saiu rouca.

- você quer isso?

- quero.

Então ele começou beijar o seu pescoço e tirando sua blusa, ele te olhou por auguns segundos lhe fazendo corar e te abraça.

- eu te amo tanto obrigado por ser minha, por favor seja minha para sempre.

Você o abraça de volta e enrola as pernas na cintura dele, ele vai te levando assim pro quarto dele, te dando muitos beijos suaves, quando vocês chegam no quarto ele fecha a porta e a tranca sem te deixar se desprender dele, ele te leva até a cama e te coloca com toda delicadeza, o mesmo levanta e tira a propria camisa revelando o seu corpo magro que você tanto amava apertar, o mesmo te deu um beijo suave e se direcionou ao seu seio direito o colocando na boca fzndo você gemer e tampar a boca, o mesmo sorriu e voltou a chupa-lo enquanto massageava o outro , depois de um tempo ele trocou e fez o mesmo processo com o outro, você sentia sua intimidade úmida e levou um susto quando o Jin introduziu um dedo lhe fazendo soltar o um " aah" o mesmo te olhou e sorriu logo lhe dando um beijo calmo e enfiando ainda mais o dedo em movimemtos lentos de entrar e sair, céus aqui era bom. O mesmo abaixou-se tirando seu dedo, ele tirou a sua saia e a calcinha fazendo você parecer um pimentão de tão vermelha.

- eu vou fazer você me amar de todas as formas possíveis.

Ele colocou a boca na sua intimidade fazendo você gemer quando ele chupou seu clitóris, aquela tortura maravilhosa durou ate o momento que você sentiu seu corpo tremer. Viu o hyung com o maior sorriso que você ja viu, ele tirou a calça que vestia junto com a cueca.

- eu vou colocar dentro de você ok?

- pa..pararec gra.. grande, vai caber?

Você estava assustada, ele soltou uma gargalhada.

- voce confia em mim?

- com a minha vida hyung.

Ele te beijou e colocou a cabecinha sa sua entrada precionando devagar, você sentiu uma certa dor, que logo virou muito mesmo ele estando sendo todo cuidadoso, ele parou um pouco e ficou la dentro depois que estava todo.

- esta doendo muito?

- sim.

- me desculpa prometo que vai melhorar.

- se é com você está tudo bem hyungo.

A dor ja estava passando, o Jin fazia carinho no seu cabelo enquanto te beijava e olhava com carinho pro seu rosto.

- eu te amo.

- eu também te amo.

- eu posso me mecher? Ja estou ficando louca aqui dentro me desculpa

- sim hyung.

O mesmo começou a se mover, eu sentia um pouco a dor mas eu sentia algo muito melho, eu estava sendido muito prazer casa vez que ele estocava, ele começou a ficar mais rapido. tudo que você conseguia era gemer, ele te beijou quando você sentiu seu corpo tremer denovo com mais intensidade, depoissentiu algo lhe preencher.

Ele ficou em cima de você por mais um tempo de olhos fechados, você não conseguia acreditar em como ele tinha ficado mais lindo ainda com o cabelo bagunçado e alguns fios apregados nos rosto os olhos fechados e a boca levemente aberta. Você passou a mão no rosto dele, ele te olhou sorrindo e deitando do seu lado lhe puxando pra ele.

- eu te amo.

- eu também te amo.

Ele disse selando nossos labios e eu dormi depois disso.

   quebra de tempo...


Acordei com o Jin me olhando, ja estava de noite, eu precisava voltar pra minha casa. Quando fui levantar senti todo o meu corpo doer parecia que eu tinha me quebrado toda, então fiz uma careta e o Jin notou.

- você esta bem?

- to com o corpo doendo.

- quer ajuda pra se vestir?

- não.

Sorriu largo pra ele, mesmo com dor vc se vestiu, quando olhou pra cama viu uma pequena marca de sangue no lençou, o Jin ja vestido lhe abraçou por trás.

- amor você vai ter que lavar.

- eu não vou lavar vou guardar pra lembrar sempre que você é minha.

- aish... idiota eu sou sua você não precisa daquilo.

Ele sorriu largo lhe beijando.

- vamos preciso pedir seus pais para me casar com você.


Notas Finais


E o especial é isso ♡
Amo vocês espero que gostem.
Mas tarde tem capítulo normal da fic beijus♡


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...