História I'm Your Baby Bad Girl — Imagine Park Jimin - Capítulo 5


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Bangtan Boys, Bts, Jimin, Park Jimin
Visualizações 76
Palavras 234
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Romance e Novela, Shoujo (Romântico)

Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 5 - Pare! Por favor...


Fanfic / Fanfiction I'm Your Baby Bad Girl — Imagine Park Jimin - Capítulo 5 - Pare! Por favor...

Eu tente afasta-lo várias vezes, dava tapas em seu peitoral e até mesmo tentava separar nossos lábios, se conseguia, ele me beijava novamente, um beijo calmo se não fosse por mim que me debatia. 


— Jimin... — Falei com a voz chorosa, queria que parace, mas cada vez que conseguia afasta-lo ele tomava meus lábios novamente, não conseguia ao menos falar, apenas me debatia, mas uma hora cansei. 


Quando separou nossos lábios algumas lágrimas percorreram pelas minhas bochechas rosadas pela vergonha; me encontrava chorando de raiva, queria bater nele o máximo que conseguisse, mas por algum motivo só conseguia chorar, vi ele arregalar seus olhos e soltar meus pulsos que tinha agarrado quando tentava bater nele. Dei um tapa em seu rosto, por um impulso, ele abaixou sua cabeça passando sua mão no local onde havia batido, coloquei minhas mãos na frente da boca, assustada, por muitos motivos. Levantei seu rosto e percebi que estava levemente vermelho com a marca da minha mão. 


— S/N...eu...


— Me desculpa! — Falei e tentei correr porém ele segurou meu braço e me abraçou. Arregalei os olhos, sem reação alguma além de assustada. 


— Eu...me desculpa, eu só...


— Eu já sei oque quer falar. Eu não queria ter batido em você, eu queria na verdade, mas não queria ao mesmo tempo; entende? — Rimos baixinho.


— A sua bipolaridade me surpreende, eu tento entender, mas creio que não conseguirei. 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...