História ¡ Ma little boy ! - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias EXO
Tags Chanbaek, Chankaisoo, Chansoo, Escolar, Exo, Kaisoo
Exibições 184
Palavras 1.131
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Escolar, Lemon, Romance e Novela, Yaoi
Avisos: Homossexualidade
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Obrigada pelos 24 Favoritos!

Pessoas hoje teremos interações novas como a de ChanYeol e BaekHyun. Lembrando que não necessariamente eles ficaram juntos só por isso. Okay? Só tô panfletando esse foto do Yeol dando uma "cheiradinha no dedo"

Capítulo 3 - Intercâmbio?


Fanfic / Fanfiction ¡ Ma little boy ! - Capítulo 3 - Intercâmbio?

ChanYeol acordou pensando no que deveria fazer quando se encontrasse com o KyungSoo novamente. Fez tudo pensando nele. Tomou banho pensando nele. Tomou café pensando nele. Foi para a escola pensando nele. Alguns planos como se esconder dele e também fugir dele foram pensando mas nenhum foi mais forte do que ficar com ele.

     O tempo parecia que parava quando o ChanYeol atravessou o portão da escola. Não havia ninguém no patio ainda. Foi subindo devagar os degraus da escada como o primeiro dia. Chegou na sala que estava vazia. Se sentou no mesmo lugar de ontem. Respirou fundo e abaixou a cabeça. Sem ele se dar conta , ChanYeol estava mais que 30 minutos adiantado para a aula. A ansiedade o comia por dentro. Parecia que o seu peito iria começar a pegar fogo. Sera que isso era uma abstinência já? Espero que não seja isso.

     Talvez, para sua sorte ou azar, o famoso BaekHyun chegou, Chan ficou sabendo disso por ter que ouvir um "BOOOM DIA YEOL" alto. Não bastava ter que chegar berrando , ele teve que se sentar ao seu lado e também começou a fazer várias perguntas.

— Ei! Ei! Você quem eu sou? Quantos anos você tem? Você estudava a onde? Quer me ouvir cantar? Se quiser que eu fique quieto é só pedir mas mesmo que você peça , eu irei continuar fazendo perguntas.

— ...

     Foi então que BaekHyun decidiu apelar e foi o que fez. Antes de começar a falar ou fazer algo, se levantou e encostou a porta. Se sentou na mesa em que ChanYeol se debruçava e fez questão de fazer-lo ficar o olhando.

— Você e o KyungSoo são amiguinhos. Não são?

— Somos amigos. Por que?

— Já que são tão amigos ele deve ter contado sobre a declaração dele para o JongIn. Né?

— Declaração ? Está falando sério? Bem , eu não quero saber. Mentira. Eu quero sim.

— Calma aí Yeollie. Calma aí.

— Fala logo..

— Okay. Bem ,um dia o KyungSoo se declarou para ele, eles se pegaram forte mesmo e..

— "E.." o quê?

— E só ué. Pelo jeito o NerdSoo pegou ele no flagra com a Krystal. Sabe o que isso quer dizer?

— Que o Soo foi usado?

— E que ele é fácil demais. Tem graça ficar com alguém tão fácil assim?

     A conversa acabou por mais alguns alunos terem entrado na sala. Dentre eles , estava s Krystal. BaekHyun apenas se afastou de ChanYeol, piscou para ele e voltou a berrar:

— Motorista, motorista, olha a pista , olha a pista. Não é de borracha , não é de borracha — Cantava

— Cala boca Byun Baek Hyun. — Falou Krystal

— É que eu tava avisando para as pessoas que a perua chegou chegando. Perdão. Está de tão mau-humor por que?

— O JongIn não me responde mais desde que eu contei sobre o intercâmbio.

— Intercâmbio? Vai estudar a onde? Quer dizer , você vai estudar?

— Fica quieto. Depois eu te falo.

— Mas e o Kai? Ele vai te esperar? Ele odeia que você atrase. Imagina se você for embora 1 ano

— Nós vamos dar um tempo.. Vamos conversar fora daqui.

     Dito e feito. Ambos os dois saíram da sala. Em questão de segundos , KyungSoo entrou na sala de aula. Estava com a cabeça baixa e com bico nos lábios. ChanYeol deu um sorriso vendo o garoto se aproximar dele. Parecia até que o sol voltou a brilhar de novo. KyungSoo se sentou ao seu lado de novo , no mesmo assento do que no dia anterior. Chan , arrastou a sua cadeira para perto da dele um pouco. Kyung nem fez questão de conversar , apenas abaixou a cabeça e se encolheu todo envergonhado pelo o que fez.

— Chan. Me desculpa por ontem. Eu não sei o que estava fazendo direito. Eu estou muito confuso sobre os meus sentimentos ultimamente.

— Não tem problema. Eu também me sinto assim. — Automaticamente , Chan lembrou da declaração de JongIn. O seu coração todo se encheu de piedade e ele começou a fazer carinho nos fios de cabelo do menor. — Dormiu bem?

    Tinha uma "Fucking" mão na cabeça de Soo. Era um carinho bom, gostoso mesmo. Parecia que eram mãos feitas para aquela função apenas. Era bom. Aos poucos, Kyung foi reagindo sobre os cuidados de Chan , se aproximando dele e dando um sorrisinho. Infelizmente, estava tudo indo bem até demais. JongIn chega com tudo na sala.

           Ele parecia estar triste e meio puto por causa da saída de Krystal e não triste. Enquanto ele procurava uma maneira de acabar com a sua raiva , ChanYeol procurava deixar KyungSoo o mais calmo possível. Todas as pessoas olhavam para eles juntos , achavam que eram um casal já.      Ele parecia estar triste e meio puto por causa da saída de Krystal e não triste. Enquanto ele procurava uma maneira de acabar com a sua raiva , ChanYeol procurava deixar KyungSoo o mais calmo possível. Todas as pessoas olhavam para eles juntos , achavam que eram um casal já.

     JongIn , estava pensando em ter a sua "Ex-Propriedade" de volta já que a sua atual estava indo. Agora as coisas ficariam mais complicadas mesmo. KyungSoo realmente o odiava do fundo de seu coração. ChanYeol não era uma das pessoas que mais se dava bem. É , realmente seria difícil se dar bem com ele.

     Enquanto ChanYeol acariciava a cabeça de Soo com carinho e atenção , JongIn se aproximou deles e pegou a mochila do KyungSoo. A reação dos dois foram apenas observar , nenhum deles era de brigar feio. Em seguida , JongIn pegou no pulso de KyungSoo e fez ele levantar a sua cabeça. O garoto o puxava querendo o tirar do local

— Vamos KyungSoo! Hoje você vai sentar comigo! Você sempre quis isso. Não é? Fala pro ChanYeol o que você disse pra mimna alguns dias atrás!

— Me larga , seu saco de pão vazio! Eu não quero ficar com você mais! Panaca

     "Que , como?", "JongIn é viado?", "ChanYeol corno" eram as coisas que os alunos ao redor ficavam falando. Bem , agora a bosta já estava feita. Mesmo Kai continuando com aquilo , KyungSoo se recusava a ir com ele. ChanYeol ficava olhando para o seu (futuro) baixinho e por não aguentar mais acabou se metendo onde não devia. O mais alto se levantou, tomou a mala do menor das mãos de kai e o seu pulso também.

— Não vê que ele não quer ir com você? Deixa ele quieto aqui, comigo

— Cala a boca seu poste! Não se mete! - Disse Kai

— Você vai super conseguir que ele fique com você o forçando. Esperto.

     Sem mais argumentos , JongIn soltou o pulso do menor. Respirou fundo e falou em um tom baixo para o ChanYeol

— Você ainda vai se ver comigo. Idiota


Notas Finais


O que acham da história? Quem deveria ficar com quem? Perdoe pelo capítulo menor


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...