História •° My Lost Heaven °• - Capítulo 36


Escrita por: ~

Postado
Categorias Diabolik Lovers
Personagens Ayato Sakamaki, Azusa Mukami, Carla Tsukinami, Kanato Sakamaki, Kou Mukami, Laito Sakamaki, Personagens Originais, Reiji Sakamaki, Ruki Mukami, Shin Tsukinami, Shu Sakamaki, Subaru Sakamaki, Tougo Sakamaki "Karlheinz", Yui Komori, Yuma Mukami
Tags Ayato Sakamaki, Azusa Mukami, Diabolik Lovers, Drama, Ecchi, Hentai, Humor, Kanato Sakamaki, Kou Mukami, Laito Sakamaki, Lemon, Mukamis, Personagens Originais, Reiji Sakamaki, Romance, Ruki Mukami, Sakamakis, Shoujo (romance), Shu Sakamaki, Subaru Sakamaki, Suspense, Yaoi, Yui Komori, Yuma Mukami
Visualizações 57
Palavras 1.462
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Bishounen, Colegial, Drama (Tragédia), Ecchi, Escolar, Fantasia, Festa, Ficção, Harem, Hentai, Lemon, Mistério, Romance e Novela, Shonen-Ai, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Suspense, Terror e Horror, Universo Alternativo, Violência, Visual Novel, Yaoi
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Spoilers, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 36 - • Back To The Mansion•


Fanfic / Fanfiction •° My Lost Heaven °• - Capítulo 36 - • Back To The Mansion•

[De Noite…]

Todos estavam andando pelo festival, tranquilamente, exceto Ayato e Yui, que não apareceram durante a tarde inteira, e, consequentemente, à noite também.

-Onde estão aqueles dois? Eu procurei eles por todo canto! -Laito revira os olhos, apoiando seu braço no ombro de Mida.

-Ah, parem de se preocupar, talvez eles estejam naquele shopping ou algo assim. -Yuma põe sua mão direita em seus cabelos, soltando um suspiro.

-Bom, espero que eles voltem logo e...

-Até que enfim encontramos vocês! -Yui e Ayato aparecem no mesmo instante, sorridentes.

-Onde vocês estavam? -Reiji pergunta ajeitando seu óculos.

-Ué, nós estávamos andando por aqui. -Ayato diz olhando para Yui.

-E acham certo ficarem andando tão livremente? -Reiji cruza os braços, esperando uma explicação.

-Cale a boca, quatro olhos! Nós não somos crianças! -Ayato pôs-se diante de uma irritação tremenda.

-Ayato, acalme-se! -Yui dá um sermão em Ayato, de imediato.

-O que foi? Eu não estou afim de ficar aguentando as ordens dele e...

-Tudo bem, que tal pararmos com isso, não é? -Donna pergunta indignada com a situação.

-Uma ótima ideia.

[•••••°•••••]

Ayame, Yuma e Izumi estavam andando perto de um local que lhes deixaram bastante curiosos, era uma espécie de casa de banho.

-Ei, que tal darmos uma olhada? -Yuma pergunta já entrando na casa de banho.

-Yuma! Não! -Izumi falou levantando o tom de voz com Yuma.

-Ah, deixe de ser chata, vamos! -Yuma puxou Izumi pelo braço, indo até a casa de banho.

-Yuma, me solta!!!

Ayame acabou ficando sozinha, sem saber em qual direção seguir, então a jovem resolveu entrar na tal casa de banho.

Ayame notou que haviam vários tipos de "quartos" nesta casa de banho e acabou entrando em alguns. Mas um lhe chamou mais a atenção por conta dos gritos que ouvira, quando a mesmo adentrou no local, viu quase todos os garotos e garotas ali.

-O que estão fazendo aqui? -Ayame pergunta.

-Estamos nos divertindo, obviamente. -Mida acaba jogando água na cara do Laito, vendo-o em seu momento dw distração.

-Por que não fica conosco...Ayame-San...? -Azusa pergunta pegando na mão de Ayame.

-Primeiramente porque vocês estão fazendo uma zona e...Kyaa!

Sem ao menos esperar, Ayame acabou sendo puxada por Azusa, fazendo-a cair dentro da jacuzzi.

-Tadinha da Ayame, Azusa. -Ayato cai na risada, vendo a garota encharcada.

-Azusa!

-O que foi...Ayame-San...?

-Por que me puxou?! -Ayame estava com as bochechas levemente rosadas, enquanto os outros olhavam para os dois, rindo.

-Porque eu sei que você não iria aceitar...

-Está certo, Azusa! Concordo com você! -Mida exclama rindo de sua irmã.

-Mida!

-O que foi, Ayame? É a verdade. -Mida bufa.

-Para de ser tão engessada, se divirta! -Mida tenta animar a irmã.

-Mas eu nem estou com roupa de banho.

-Não sei se notou, mas nem todo mundo aqui está com roupa de banho, gatinha. -Kou soltou uma risada, admirando a vista do local.

-Exatamente, porque certas pessoas puxaram-nos na água. -Reiji desvia o olhar justamente para Shu e Donna.

-Ué, a culpa é sua, pai. -Donna pega um pouco de água em suas mãos, logo em seguida jogando em Reiji.

-Devo concordar com Donna, aliás, você prefere ficar aqui ou com os fantasmas? -Shu solta uma risada debochada.

-Idiota...

-Ah, tudo bem! Aliás, onde estão Megumi e Ruki? -Ayame olha para todos os lados, curiosa. -Eu só sei que Yuma e Izumi estão por aqui, mas tem pessoas faltando...

-Bom, Megumi e Ruki saíram agora pouco. -Subaru responde.

-Ah, entendi...

-Vamos acabar com esse clima chato! Vamos fazer alguma coisa. -Mida e Laito começam a esguichar água no rosto de Ayame e Azusa.

-P-Parem com isso! -Ayame se irrita com o modo como sua irmã estava levando a brincadeira.

-AHH!

Todos se assustam imediatamente ao escutarem Reiji gritando.

-O-O que houve? -Ayame se assusta.

-Seu idiota! Nunca mais faça isso! -Reiji dá um soco no braço de Shu, totalmente furioso.

-Desculpa, mas eu não resisti. -Shu ri da expressão de Reiji, juntamente com Donna.

-Não consigo acreditar, isto é hilário. -Donna puxa Reiji pela perna, rindo prolongadamente.

-Podem nos dizer o que houve? -Ayame pergunta com os olhos arregalados.

-Reiji está com medo dos fantasmas debaixo d'água. -Shu passa a mão nos cabelos, olhando fixamente para Reiji.

-Estão de brincadeira, sério? -Subaru segura a risada, diante da situação.

-Isto não tem graça nenhuma! Somente me assustei, porque o Shu puxou o meu pé!

-Ah, Reiji. Admite que você tem medo. -Kou puxou o cabelo de Reiji, fazendo o mesmo ficar mais irritado ainda.

-Já chega! Parem com isso!

-É...Vamos parar, ou então o Reiji vai querer punir todo mundo. -Ayato gargalhou vendo a raiva predominante no rosto do irmão mais velho.

-Imbecis...

-Vamos terminar esse clima de enterro, vamos nos divertir!

-Já vi que muita gente vai sair gripada... -Ayame revirou os olhos.

-Que nada, somos todos fortes! -Ayato disse jogando água no rosto de Yui, inesperadamente.

-Ah é?!

-Vamos nos divertir!

[•••••°•••••]

Depois de um longo tempo na água, todos saíram da sala de banho, a maioria encharcados, já que foram empurrados propositalmente por outros.

Enquanto andavam pelos corredores do local, avistaram Yuma e Izumi, que estavam totalmente encharcados.

-Onde vocês estavam? -Mida pergunta curiosa.

-Naquela sala de banho ali. -Izumi mostra em que sala ficaram, enquanto a maioria os olhavam com sorrisos pervertidos.

-O que estavam fazendo lá? -Laito pergunta.

-Estávamos conversando, obviamente. -Yuma revira os olhos, ao ver como estavam os olhando.

-Só isso?

-Lógico, o que mais iríamos fazer?

-Quer mesmo que eu responda? -Laito provoca Yuma, com um sorriso malicioso.

-Eu vou quebrar a sua cara se continuar com isso. -Yuma cerrou um dos punhos, apontando em direção a Laito.

-Ei, ei, Yuma-Kun. Não precisa se irritar, se bem que isso está bem suspeito. -Kou sorri olhando para Izumi.

-Agh!

-Tudo bem, que tal voltarmos? -Izumi pergunta desviando o oljar de todos.

-Sim, aliás, é melhor voltarmos amanhã. -Reiji sai em frente da porta da casa de banho, seguido dos outros.

-Concordo. Porque não quero aquele velho maldito perto da chichinashi. -Ayato bufa.

-Do que está falando?

-Ah, é. Depois conto a vocês, vamos logo.

[No Dia Seguinte…]

Todos já estavam preparados para retornar novamente à mansão.

-Vamos avisar a Karlheinz? -Laito pergunta.

-Não, vamos deixar esse velho para lá. -Ayato revira os olhos.

-Ótimo, então vamos chamar duas das limousines por aqui, depois aviso a Karlheinz que houve um imprevisto. -Reiji pega uma de suas bagagens, levando até a saída.

-Sim.

[X Quebra De Tempo X]

As duas limousines já haviam chegado e a divisão para entrarem nas limousines, foi exatamente como a de quando chegaram.

-Vamos entrar logo.

-Sim.

[•••••°•••••]

Na primeira limousine, tudo estava totalmente bem. A conversa paralela era predominante, mas foram interrompidos por um único detalhe.

-Atchim! -Shu deu um espirro inesperado.

-Tudo bem, Shu? -Reiji pergunta com um sorriso falso.

-Claro, por que eu não estaria e...Atchim!

-Parece que alguém está gripado, certo? -Reiji provoca Shu, dando uma risada.

-Atchim! -Ayame também solta um espirro, juntamente com Shu.

-É...Dois gripados... -Donna suspira.

-Realmente...

-Ah, nós vamos acabar nos contaminando também. -Yuma bufa.

-Provável, mas, teremos que aguentar os espirros enquanto não chegamos à mansão.

-É...Atchim!

-Saúde.

[•••••°•••••]

Na outra limousine, não foi diferente, alguns espirravam demasiadamente, o que fez outros se irritarem.

-Tudo bem. Acho que já deu, não é? -Megumi suspira.

-Não tem como! Atchim! E-Eu vou morrer de gripe! -Laito espirrava sem parar.

-Nem vem ficar perto de mim, não quero ficar gripada! -Mida se afastava aos poucos de Laito.

-Atchim! Atchim! Não tem como segurar! -Ayato dava muitos espirros, até mesmo bastante exagerados.

-Não exagere, Ayato. -Yui revira os olhos, vendo o exagero do ruivo.

-Chichinashi, você deve me apoiar na saúde ou na doença. -Ayato abraçou Yui, sorrindo falsamente.

-Me solta! Eu não quero ficar gripada! -Yui empurrou Ayato, se soltando e se afastando.

-Ainda bem que já estamos chegando. -Megumi diz olhando para fora, pela janela do carro.

-Graças a Deus. -Yui suspirou aliviada.

-Cuidado com a gripe, chichinashi. A gripe de vampiro é mais fácil de contaminar. -Ayato abraçou Yui novamente, fazendo a loira ficar irritada.

-Me solta, Ayato!

-Já chega os dois, já estamos chegando!

-Ainda bem!

[•••••°•••••]

Minutos depois, as limousines já haviam chegado em frente à mansão, uma atrás da outra.

Todos saíram das limousines e entraram na mansão, a maioria espirrando.

-Chegamos! -Reiji pôs-se sorridente.

-É...Pelo visto só você está animado, Reiji. -Shu revirou os olhos, com um pano branco em seu nariz.

-Claro, lar doce lar.

-Eu não diria...Doce.

-Bom, vamos nos estabilizar.

[X Quebra De Tempo X]

Depois de um longo tempo, todos se estabilizaram. Alguns estavam de cama, recebendo cuidados, já que estavam doentes.

-Isso está ruim, você está pior da gripe. -Reiji disse dando um medicamento a Shu.

-Não, eu vou ficar melhor logo.

-Espero.

-Ei, está melhor? -Mida pergunta a Laito.

-Com uma linda garota como você em minha frente, não há como eu não ficar melhor.

-Imbecil...

-Ei, Megumi. Venha comigo, preciso falar com você. -Ruki disse puxando a morena pelo braço.

-Ah, tudo bem.

Ruki e Megumi seguiram até o jardim, onde Megumi ficou bastante confusa.

-Então, Ruki. O que queria?

-Megumi, eu...Estou cada vez mais atraído por você, sabia? -Ruki segura no queixo da garota, num gesto carinhoso.

-Hein?

-Eu, queria ter te perguntado bem antes, mas...Aceita namorar comigo?

-Ruki.

-E então?

-Minha resposta é não. -Megumi responde friamente.

-O que?!

Continua...



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...