História " Namoro Arranjado " - Imagine Jeon Jungkook - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Bangtan Sonyeodan, Bts, Imagine Jungkook, Jungkook
Visualizações 423
Palavras 2.175
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Ecchi, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Hello genteeee

Me perdoem essa capa da Fanfic, minha amiga irá fazer uma final de semana, mas não aguentei esperar porque estou muito animado.
Muitas pessoas amam se imaginar com o bias ou utt, um romance, mas também existe pessoas que sonham em se tornar idols, então pensei: Que tal juntar o útil ao agradável não é mesmo?
Enfim, espero que gostem
Byeeee

Capítulo 1 - Interesses


Fanfic / Fanfiction " Namoro Arranjado " - Imagine Jeon Jungkook - Capítulo 1 - Interesses

Pov: Jungkook.

Ah! Mais um dia na Big Hit.

Bem que eu poderia estar feliz com isso, mas sinceramente, não. Sempre as mesmas coisas, treinos e mais treinos, sempre exigindo o nosso máximo. Somos Idols? Sim, bem famosos inclusive, mas isso não significa que somos felizes, na verdade muitas vezes somos infelizes, já que nunca podemos fazer o que queremos.

Nosso Manager não é tão amigável, todos tem medo dele, até Yoongi tem. Ele sempre nos vigia em tudo, e quando alguém erra um passo, grita e xinga nós, até nos da tapa as vezes. Mas ai você deve pensar: Ah, mas e as fãs?. Bom, todos do grupo são amados por ela... Menos eu.

Não que eu me importe, mas elas parecem querer me deixar triste. Por eu ser bem mal humorado, me chamam de arrogante e entre outras coisas do tipo. Fizeram um baixo-assinado para me tirarem do grupo, mas a empresa sempre rejeitou, afinal, não querem perder o vocal principal, ainda mais alguém que faz rap e dança muito.

- Estão liberados! - Exclamou o Manager. Hoseok se joga no chão ainda muito ofegante.

- Finalmente! Já não aguentava mais.

- Nem eu - Falou Namjoon e em seguida tenta recuperar o fôlego.

- Vocês são moles, isso não foi nada - Resmungo e todos reviram os olhos.

- Ah, claro Chuck Norris - Brinca Taehyung e todos começam a rir.

- Fracos - Murmuro caminhando até meu moletom que estava em cima do banco.

- Ah, para de mal humor Jungkook! Sabia que é por isso que as fãs do grupo te odeiam tanto - Ouço Jin.

- Não me importo se me odeiam ou não.

Apanho meu moletom e o coloco, quando olho para frente, os membros já estavam se direcionando até a saída, loucos para chegar em casa.

Confesso que as vezes me sinto mal por muitas pessoas me odiarem, mas isso nunca me afetou de uma forma grande, porém, meus pais as vezes me ligam perguntando se estou bem, quando grandes pessoas resolvem me atacar através de redes sociais, a resposta sempre é a mesma: " Não me importo ".

- Jungkook - Olho para a porta e vejo o Manager parado com sua mesma expressão brava de sempre - O presidente está te esperando no escritório.

O olho confuso pela chamada inesperada, mas ele somente ignora andando até a saída com os outros membros. Caminho para a direção oposta que ia, passando por extensos corredores onde muitas pessoas andava com papéis, organização de show ou até faxineiras, a coisa em comum desses 3 elementos, são que sempre me olham assustados. Ta legal que minha cara sempre não é das melhores, mas acho que o principal motivo disso, é quando grito com eles, eu não tenho culpa se não fazem seus trabalhos bem feitos.

- Pode entrar - Diz o senhor de idade após eu dar dois toques na porta.

- O que quer falar comigo? - Soo grosseiro e entediado enquanto me sento na poltrona em sua frente.

- Primeiramente, quero parabenizar suas últimas perfomances que foram ótimas, o prêmio de vocalista do ano e...

- Corta o papo furado e vai direto ao assunto - Ele me olha assustado e da um suspiro impaciente.

- O-Okay - Falou - Queremos fazer um namoro de mentira com você.

- O QUE? - Exclamo me levantando da cadeira.

- Senhor Jeon, se acalme

- Como assim? Por que isso?

- Todos te odeiam Jungkook, se arranjar um namoro com outra idol que todos amam, automaticamente irão te amar.

- Eu não me importo em me odiarem! - Bato na mesa e ele fecha os olhos tentando permanecer paciente.

- Não é questão de se importar ou não, é pela imagem do Bts. Estamos perdendo muitas fãs por sua causa, você não tem escolha - Disse sério me olhando nos olhos, vendo minha indignação - _____ já concordou em ajudar você a melhorar sua imagem e assim, dar lucros a empresa.

- _____? Do 21 Century Girls? - Arqueio a sobrancelha e ele assente, começo a rir - Você só pode estar de brincadeira - Volto a ficar sério.

- Não estou brincando garoto, é realmente necessário.

- Ela é totalmente o oposto de mim, mesmo que ela aceite não iremos nos dar bem.

- Irão sim.

- De qualquer forma, não aceito isso - Tento ficar calmo, já que não queria discutir outra vez - Eu não preciso da ajuda de ninguém - Dou de ombros.

- Ou é isso, ou você está na rua!

- O QUE? - Levanto novamente e ele abre um sorriso de lado, parecendo ter conseguido o que queria - VOCÊ NÃO PODE FAZER ISSO, TENHO 3 UTILIDADES NESTA MERDA, NUNCA IRÁ ENCONTRAR ALGUÉM MELHOR QUE EU!

- POSSO SIM! E SE NÃO ACEITAR ISSO, VOCÊ NÃO PISARA MAIS AQUI - Rebateu e fiquei em silêncio encarando aquele velho.

Como já disse, fas não gostam de mim, mas digamos que o presidente nem tanto. Vivemos discutindo e não me demitiram por causa do meu raro talento, então quando vi sua convicção na voz, estremeci por inteiro. Meu orgulho, como sempre, me dominava, e por isso ainda hesitava aceitar porque isso demonstrados fraqueza, não quero dar este prazer a ele.

- Ok - Digo após um longo suspiro. Ele me olha sorridente e satisfeito pela resposta.

- Amanhã ela estará aqui para se conhecerem - Avisou - Não se preocupe, o namoro durará 7 meses, o suficiente para sua popularidade aumentar e, mesmo que termine com ela após este prazo, ainda ter sua imagem positiva.

Assinto desinteressado e em seguida ele me dispensa. Caminha frustado e irritado por aquilo, realmente não queria, ainda mais com ela. _____ é uma pessoa que todos acham fofa e adorável, é a vocalista principal do grupo, a mais popular. Somente a vi no Mama do ano passado, que por sinal, ganhou de nós em muitas categorias, talvez eu tenha um ódio por isso. Nunca gostei de pessoas com esta imagem, doce, meiga, em minha mente elas são falsas, pessoas que atrás das câmeras são arrogantes, gosto do meu jeito, me sinto a vontade, apesar de ser o apagado do grupo, ninguém liga para mim.

Talvez eu também goste desta excluição, não traz olofotes grandes para mim, quando ouvem minha voz, automaticamente se desinteressam. Nos Fansigs então nem me fala, quando chega na minha vez, as garotas me olham com desprezo por algo que fiz ou faço, meu jeito também, minha cara de tédio também não ajuda muito.

- Achei que não viria mais - Resmungou Jimin que estava parado em frente a um carro sozinho.

- Deveria estar em casa - Murmuro desinteressado passando pelo outro lado e entrando no carro.

- Deveria, mas quis te esperar, quero saber sobre o que ele te falou - Entrou no banco do motorista.

- Vai ficar querendo.

- Aish! Qual é Jungkook, somos melhores amigos, diz ai - Empurrou meu ombro me fazendo sorrir minimamente.

- Eles querem falar para todos que estou namorando a ____ para aumentar minha popularidade e reputação - Jogo minha cabeça para trás e fecho meus olhos.

- E você não está feliz com isso? - Mesmo de olhos fechados, consegui perceber no seu tom de voz a surpresa - Cara, primeiro que ela é gostosa, segundo que finalmente as fãs irão te adorar.

- Pouco me importa se ela é gostosa ou não, gosto de ficar na minha sem pegar ninguém, você sabe disso - Digo baixo mostrando meu cansaço enquanto o menor dirigia - As fãs me odeiam pelo que eu sou, não será uma garota falsa como ela que irá mudar isso.

- As vezes você nem parece ser um idol - Resmungou - Não aproveita que é famoso e pega alguém, não se importa com fãs, somente quer saber de dinheiro.

- Garotas interesseiras são ruins de lidar.

- Como você fosse uma pessoa bem fácil para aturar - Debochou e fiquei em silêncio - Você sabe que sua personalidade não é das melhores.

- Yoongi tem quase as mesmas que a minha e não é odiado.

- Porque ele mostra afeto e carinho pelas fãs, da para ver em seus olhos a alegria, apesar de muitas vezes ser sério.

- Está dizendo para eu mudar minha personalidade? - Levanto minha cabeça e o olho arqueando a sobrancelha.

- Digo isso des de quando éramos pequenos - Respondeu não tirando a atenção da direção - Apesar de você ser uma pessoa legal e importante para mim e os membros, não é para as fãs, elas que te dão dinheiro, deveria agradece-las uma vez na vida.

- Sabe que não vai me convencer, não é?

- Sim, sei - Reviro os olhos e começo a rir voltando a posição em que estava há minutos atrás.

Jimin e eu entramos na empresa juntos. Nos conhecemos des dos meus 7 anos e, para falar a verdade, foi meu primeiro amigo até entrar na Big Hit. Assim como hoje, não era uma criança fácil de lidar, para ser bem sincero era totalmente diferente de meus colegas. Gostava de ficar calado, o silêncio era a música que eu tanto amava, se é que da para entender. Sofri Bullying até o ensino médio, depois foi mais fácil as coisas, as vezes Jimin me protegia, mas o porte físico dele é inferior ao meu, então muitas vezes nós dois apanhavamos.

Quando finalmente chegamos, havia alguns repórteres na porta do prédio, quando nos viu, já esperava que todos fossem para cima do Chim, mas surpreendentemente avançaram em cima de mim.

- É verdade que você é _____ realmente estão namorando? - Encaro o repórter que perguntou bem surpreso por já ter sido espalhado.

- Vi no meu celular que ele acabou de dar uma entrevista anunciando - Sussurrou Jimin em meu ouvido.

- Sim - Digo baixo passando por todos eles ignorando o resto das perguntas.

- Odeio repórteres - Reclamo apertando o botão chamando o elevador.

- E quem você não odeia? - Perguntou em meio a uma risada.

- Não odeio os membros, vocês são minha família.

- Ui, de repente se tornou sentimental? - Debochou mais uma vez resultando em minha revirada de olhos.

- Sentimental é quando eu avançar na sua casa mostrando meu ódio.

- Ai! - Gritou depois que dei um soco em seu braço.

Quando o elevador finalmente chegou, entramos ficando em silêncio, me encosto no vidro que estava atrás e jogo minha cabeça para trás novamente e fecho meus olhos, até sentir um flash em meus olhos e o abro rapidamente.

- Droga... - Jimin sussurra colocando o celular abaixo dele.

- Você não serve nem para tirar fotos minhas escondido, incrível - Debocho rindo enquanto ele bufou.

- Saiba que tirei a foto mesmo assim, e essa vai pro Twitter do Bangtan.

- Nem pense nisso!

- Ah se vou - Sorriu provocador tocando na tela do celular - Postei!

- FILHO DA... - Quando iria falar, uma senhora entra no elevador e me olha assustada - Miane - Sorri sem graça.

Ela fica entre eu e Jimin, ele estava no canto rindo da vergonha que acabei de passar. A senhora parecia não se importar mais com o ocorrido, mas eu ainda me corroia de vergonha. Quando nosso andar chegou, saímos e, logo depois que a porta fechou, Jimin começou a gargalhar alto, quase caindo no chão.

- Idiota - Murmuro entrando no apartamento, vendo Hoseok gritar com Taehyung.

- O que está acontecendo - Sussurro para Jin.

- Hoseok ganhou do Tae no vídeo game e o Tae, com sua mentalidade infantil não aceita perder.

- Ah - Assinto meio devagar - Não sei como são melhores amigos.

Caminho até a sala onde estão discutindo e me sento no sofá de frente para a discussão, eles não notam minha presença, então somente assisto com um sorriso no rosto.

- Veio assistir a discussão também? - Pergunta Yoongi sorrindo enquanto se sentava ao meu lado.

- É sempre bom ver um da Maknae line e outro da Hyung Line agindo como crianças - Ele começa a rir.

- Cala a boca vocês dois! - Ordenou Namjoon entrando na sala e os dois se sentam - Presidente falou com você sobre aquilo?

- Você sabia.

- Todos nós sabíamos - Disse Hoseok.

- Mas que...

- Isso será bom para sua reputação, será temporário Jungkook, não se preocupe - Confortou Namjoon colocando a mão em meu ombro.

- Espero que seja mesmo - Murmuro me levantando e caminhando até meu quarto - Vou me deitar porque estou muito cansado, se continuarem brigando me levanto só pra arrancar o pescoço de vocês - Ameaço e todos se entreolham e dao de ombros em seguida.

Quando entrei, me deparei com o aquecedor, tiro minha camisa ficando somente com minha calça moletom que usava para dormir, é uma mania, mas não estou a fim de mudar. Não demorou muito até eu cair no sono


Notas Finais


Espero que tenham gosta do :D


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...