História PaixoTweet I|I Vkook I|I - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags Vkook Taekook
Visualizações 111
Palavras 1.236
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Famí­lia, Fluffy, Lemon, Romance e Novela, Yaoi
Avisos: Álcool, Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Olá!

Sim, eu mudei de idéia e resolvi reescrever a história. Não estava conseguindo continuar com o antigo contexto e sinto que este está melhor. Me desculpem por "desaparecer".

Espero que gostem desse novo modelo de PT <3 Vou me empenhar muito nele. As atualizações infelizmente, serão demoradas, assim como da outra fic (vou deixar o link nas notas finais- também Vkook) me perdoem. Eu quero mostrar o meu melhor para vocês e peço paciência.

Obrigado...

Capítulo 1 - Added to favorites


PaixõesTweet

Capítulo 1 – Adicionado aos favoritos

 

~*~

 

 

 Taehyung havia acabado de ser acordado por seu despertador que, o avisava que mais um dia de aula o esperava. Afastou – a contragosto – o cobertor macio de seu corpo e sentou-se na beirada da cama, ainda de olhos fechados. Arrastou seus pés pelo chão frio, procurando por seus calçados e, assim que os encontrou se pôs de pé, não tardando em ir de encontro a seu guarda-roupa e trocar seu pijama por seu uniforme escolar. Prosseguiu com seus atos monótonos até estar de boa aparência e devidamente arrumado. Bom, era o que ele achava, já que uma pessoa completamente sonolenta não é capaz de opinar sobre sua aparência.

 Antes de deixar seu quarto, pegou sua mochila que se encontrava em cima da cadeira próxima a mesa do computador e seu celular ao lado da tela da máquina. Desceu as poucas escadas que davam acesso a sala da casa, deixando sua bolsa no sofá e continuando seu caminho até a cozinha, da onde um cheiro extremamente bom de Kimchi, pairava por todo o cômodo.

 – Annyeong, omma. - Curvou-se para a mais velha, que estava diante do fogão terminando de preparar deonjang jjigae (sopa de soja fermentada), antes de se sentar à mesa e coçar seus olhos infantilmente com o dorso da mão a fim de manter-los abertos.

 – Annyeong, Taetae. - A senhora Kim correspondeu-o rapidamente sem tirar os olhos do que fazia. – Eu não poderei te levar para a aula hoje. - Tirou a panela do fogo, colocando o conteúdo que estava nela em uma tigela maior, a qual posicionou sobre a mesa no suporte de madeira. – Então, seu pai vai te levar. - Sorriu para o filho que não tardou em retribuir o gesto e manear positivamente com a cabeça, levando um pedaço de Kimchi para boca. – Eu preciso ir. - Se aproximou do mais jovem, deixando um beijo estalado em sua testa e logo saindo apressada da cozinha.

 Taehyung desbloqueou o celular quando ouviu o mesmo bipar, avisando que uma nova mensagem havia chegado para si. Pode ver que se tratava do Twitter, após ver o símbolo de um pássaro no canto superior da tela. Clicou na notificação descobrindo que Teen Cheol – uma conta que programou para ser notificado quando tweetasse algo, já que apreciava os tweets daquela pessoa – havia twittado.

 

 

 

Teen Cheol @JsibdaeK • agora mesmo V

 

 O negócio é: Parar, respirar, abrir um sorriso e fingir que está afim de ir para escola e aguentar aquelas pessoas que se sentem superior à si, mesmo que seja difícil ~.~

←               ↑↓               ❤               ✉

 

 

 Um riso contido saiu de sua boca. Aquele tweet era mais que uma verdade diante de seus olhos. Realmente haviam aqueles tipos de pessoas que se achavam superiores aos dê mais, mas que não passavam de meros estudantes de rostinhos bonitos e um boletim de matar os pais de vergonha.

 – O que têm de beleza, têm de burrice. - Pensou o garoto soltando uma baixa gargalhada. Ele não podia se gabar, afinal, não era um aluno de constantes 10 no boletim, mas também não se achava um rostinho bonito, para poder sair andando pelos corredores da escola rebaixando os demais alunos.

 Terminou seu café da manhã e foi para pia lavar a tigela que havia sujado. Não estava com pressa, pois sempre acordava uma hora antes do horário de ir para escola, assim como também ia se deitar cedo. Secou o objeto e o guardou no armário.

 – Annyeong, Taehyung. - Seu pai apareceu bocejando no cômodo. – Já está pronto, quer que eu te leve agora? - Questionou se sentado à mesa e puxando uma vasilha para perto de si.

 – Annyeong, appa. - Puxou o guardanapo pendurado no suporte à cima da torneira da pia e secou suas mãos logo se virando para o mais velho. – Ah, não! Os portões da escola ainda não abriram, pode tomar seu café à vontade. - Sorriu mínimo para seu progenitor e pegou seu celular que estava sobre a mesa, seguindo caminho até a sala.

 Sentou-se no sofá do lado de sua mochila e ao desbloquear mais uma vez a tela de seu aparelho, viu que a aba do tweet do Teen ainda estava aberta e resolveu comentar. Abriu o teclado e posicionou seus polegares para digitar; ficou um minuto pensando no que poderia deixar alí, até que por fim decidiu comentar algo bobo, ao seu ver.

 

 

 

Young Boy @ktTeen • agora mesmo V

  

 Não passam de rostinhos bonitos querendo descontar a frustação por serem imbecis.

←               ↑↓               ❤              ✉

 

 

 Assim que o ‘’twitt enviando com sucesso!’’ apareceu na tela o senhor Hoogyeom - pai do garoto - apareceu na sala com a chave do carro na mão e fez sinal com a cabeça para que o filho o acompanhasse para fora da casa. O Kim mais novo não contrariou, se pondo de pé e seguindo seu pai. Porém antes que pudesse passar pela porta, lembrou-se de algo.

 – Pai, hoje eu tenho aula de música! Não posso esquecer meu instrumento. - Atravessou a sala correndo, do mesmo modo passando pelas escadas e assim seguindo pelo corredor até seu quarto. Agachou ao lado de sua cama e puxou de lá de baixo a caixa preta e pesada, onde estava guardado seu saxofone. Voltou às pressas para onde seu pai estava. 

 – Podemos ir agora? - O mais velho perguntou enquanto desligava o alarme do carro e já caminhava calmo para perto do automóvel. Viu o menino concordar com a cabeça e assim entrou no veículo. Taehyung fez o mesmo, sentando no banco da frente e já colocando o cinto de segurança. – Não está esquecendo nada, não é? - Perguntou já dando partida no motor.

 – Não, podemos ir. - Arrumou a mochila sobre suas pernas, posicionou a caixa onde estava seu instrumento entre suas pernas e passou a mão sobre a insistente mecha de cabelo que cobria sua visão.

 Logo sentiu seu celular vibrar em sua bolso da calça. Pegou o mesmo e assim que viu do que se tratava arregalou seus pequenos olhos puxados. Não conseguia acreditar no que estava diante de seus olhos.

 – Pai, me belisca. - O homem olhou confuso para o filho. – Só belisca, pai, por favor! - Taehyung fechou os olhos esperando sentir a dor, o que não demorou para acontecer. Olhou mais uma vez para tela de seu celular. – Ah, eu não acredito!

 – O que Taehyung? - Olhou de soslaio para o outro, já que não podia desviar sua atenção da estrada.

 O Kim olhou todo sorridente para seu progenitor e virou a tela do celular para que ele avistasse do que o filho estava falando. Ele havia recebido mais uma notificação do Twitter, o avisando que alguém tinha favoritado um de seus twitts e para o surto de Kim Taehyung, Teen Cheol havia favoritado a resposta que mandou para o mesmo.

 – Só você mesmo Kim Taehyung. - Senhor Kim balanço a cabeça em negativa e sorriu. Seu filho surtava por coisas bobas.

 E assim o percurso até a escola, foi com um Kim todo eufórico deixando o pai quase surdo após gritar aos quatro ventos que o Teen havia o notado e favoritado seu comentário. Quando o carro estacionou na rua da escola, o garoto pegou seus pertences e entrou todo animado, seguindo assim até a sala de música, onde sempre combinava com os amigos de se encontrarem.

 

 Tinha uma novidade para contar aos outros.


Notas Finais


I Did Not Forget You| Vkook ~
[ https://spiritfanfics.com/historia/i-did-not-forget-you-vkook--taekook-7991104 ]

Foi isso :)

Comentário estão sendo aceitos de bom agrado <3

~ Bye!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...