História - Psycho 2: A Hora da Diversão - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Drama, Morte, Romance, Suspense
Exibições 16
Palavras 841
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Luta, Romance e Novela, Survival, Suspense, Terror e Horror, Violência
Avisos: Álcool, Linguagem Imprópria, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 1 - " - Novo Caso, Novas surpresas."


~ Narradora/Autora ~

Augustus caminhava tranquilamente pelos corredores da escola, os dias tem ficados tranqüilos desde o caso de Barry Walker, na verdade Washington anda bem calma!!

Em quanto ele caminhava pronto pra sair da escola, foi puxado de repente por Valentina que riu da cara de espantado dele.

Augustus - .. Caramba! O que foi?
Valentina – Nakous trouxe um caso para nós!!
Augustus – Ele estuda aqui?
Valentina – Hã.. ele entrou pela janela do clube.
Augustus – Ah sim.. acho que isso já era esperado dele..
Valentina – E daí? VAMOS LOGO!!

Logos os dois chegaram na sala do clube de mistério, todos já estavam lá sentados na mesa de “reunião” deles..

Augustus se sentou assim como Valentina, Nakous tirou de uma mochila um jornal e entregou para Amy que começou a ler em voz alta..

Amy – “Urgente, garotinha de 14 anos é morta esfaqueada 10 vezes por um palhaço, fiquem atentos, o corpo da menina foi encontrado perto da floresta local!”
Yumi – Palhaço.. sempre soube que eram sinistros.
Amy – Que horror.
Drake – Então basicamente precisamos ir a floresta local?
Sean – Sim..
Mayu – Espera!! Vamos ver se tem algo a mais sobre ele no Jornal desse horário!

Sugar ligou a pequena TV que eles tinham, e colocou no Jornal.

+ Jornal: “" Últimamente, um palhaço especifico anda atraindo crianças querendo da um balão ou um doce para elas, e acaba as sequestrando, alguns corpos nunca foram encontrados, já outros foram achados até mesmo esquartejados! Os pais estão revoltados e com medo de deixar os filhos brincarem na rua ou saírem sozinho, se virem um palhaço suspeito por favor, avisem a policia, únidos para uma cidade melhor."

Victoria – Nossa!! Que palhaço filho de uma...
Augustus – Vamos para a floresta agora?
Edward – Partiu.
Kim – Ela é perto então vamos a pé mesmo.
Valentina – Vou levar lanternas para caso anoiteça rápido.
Augustus – Ok vamos!! Yumi ligue pro Harry e mande ele ir pra lá.
Yumi – Ok!!

Todos saíram da escola e andaram até chegarem na floresta local, estavam na frente dela, logo viram Harry chegando e se aproximando deles.

Harry – Então vamos cuidar de um palhaço?
Yumi – Sim!! Ué como sabe?
Harry – Nakous me mandou a noticia por mensagem.
Augustus – Bom trabalho Nakous.

Nakous apenas assentiu com um gesto de cabeça, afinal, ninguém nunca viu ele falar qualquer palavra.

Logos ele adentraram na floresta e viram uma placa que dizia que ali era um local de um crime, logo viram desenhado no chão como foi encontrado o corpo da tal menininha, eles se aproximaram e viram que ainda tinha sangue dela pelo chão, e era bastante sangue.

Sugar – No Jornal diziam o nome da garotinha?
Kim – Não..
Sean – Isso não é problema, eu e a Mayu podemos pegar um pouco desse sangue..
Harry – Ainda está fresco...
Edward – Calma, calma, por que vamos pegar o sangue da menina?
Mayu – Eu e o Sean somos do clube de jornal e noticias da escola, e para sabermos de tudo, absolutamente tudo, temos amizades, um amigo nosso pode fazer um exame e descobri pelo DNA do sangue quem é a menina.
Victoria – Ah sim..

Em quanto Sugar, Sean e Mayu cuidavam do sangue da menina, o resto do grupo começou a se espalhar mais pela floresta, mas ainda estavam mantendo um ao outro de vista, Yumi viu algo estranho e andou mais rápido para poder chegar aonde estava a coisa estranha, quando ela chegou lá, ficou paralisada..

A ponta de um arame estava amarrado no tronco de uma árvore, e a outra ponta estava amarrada no tronco de outra árvores, e cabeças decepadas estavam amarradas pelos cabelos no arame.

Dava para se perceber que tinha jovens de 5 a 16 anos pelo rosto pálido e sem vida..

Yumi gritou chamando a atenção de todos, Nakous foi o primeiro a chegar correndo e quando viu aquilo ficou parado observando..

Logo todos chegaram e viram aquele show de horrores, decidiram chamar a policia para identificar as cabeças, até por que.. como deve estar a família daquelas pessoas?

Augustus – Estamos lidando com algo bem pior do que o Barry...
Harry – Com certeza.
Drake – Que merda..

Logo todos voltaram para suas casas assim que os policias chegaram no local.

= Lugar desconhecido, 20:00 horas da noite, Naquele mesmo dia. =

A Menina de 15 anos estava presa dentro de uma jaula, ao seu redor era tudo escuro, as luzes estavam apagadas, de repente um melodia estranha começou a tocar e as luzes se abriram, a mesma entrou em desespero e olhou ao redor, nas paredes daquele enorme lugar havia vários tipos de facas, a mesma começou a tremer.

Ela olhou para o lado e viu o palhaço de pé na frente da jaula, ele tinha um sorriso perverso, pego ela a força e a amarrou com correntes, se aproximou dela e falou animado.

?? – Hora da diversão!

= Dia seguinte.. Jornal das 10 da manhã.. =

- “ Garota de 15 anos e encontrada morta com sinais de torturas, machucados fortes e teve os seios arrancados, seria mais uma obra do palhaço?”

-> Continua..



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...