História ... Tão falsa. - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Visualizações 21
Palavras 384
Terminada Sim
LIVRE PARA TODOS OS PÚBLICOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Poesias

Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Não irei me matar, só deixando claro.
Leiam isso e, por favor, esqueçam em seguida.

Boa leitura.

Capítulo 1 - Sou hipócrita. Falsa. Como quiser chamar.


 

Eu sou a pessoa que você gosta, talvez?

Mas sou o tipo de pessoa que você odeia.

 

Coloco curativos nos corações de uns...

Destruo, sem dó ou culpa, o de outros.

 

Me importo se você está bem.

Não me importo se outra pessoa está morrendo.

 

Já perdi muita gente, para a morte.

Vai ser só mais um tempo chorando, logo passa.

Já abandonei muita gente.

Já fui abandonada por muitos.

 

Amo meus amigos. Não os abandonaria.

Odeio facilmente. Abandono as pessoas sem dizer adeus.

Se eu sumir sem dizer adeus, por mais de 1 mês...

Me esqueça. Me odeie. Me exclua de tudo na sua vida.

 

Confio após um tempo de convivência. Isso é ruim.

Decepciono frequentemente. É assim que sou.

Algumas decepções são intencionais.

Não irei me desculpar. Irá doer.

 

Desculpe não poder lhe ajudar em seus problemas.

Confesse, sou inútil.

 

Posso lhe amar, e lhe abandonar. Já fiz isso.

Posso lhe odiar, e lhe matar em minha mente; excluir sua existência. Já aconteceu.

 

Se você quiser se afastar... O faça. Mas, rápido, antes que meu coração me obrigue a dizer: "Fique."

Eu não hesitarei. Se quiser que me afaste, o farei. Ignorarei toda a dor que isso causará a todos, principalmente à mim, e à você.

 

Não me provoque, não sei reagir às suas provocações.

Nunca sei o que quer.

Não se aproxime, não quero me iludir.

Mas, ao mesmo tempo... Não quero que vá embora.

 

Não se menospreze... Dói.

Não esconda de mim que está mal, dói como um corte com um veneno, uma morte lenta...

Você não confia em mim? Conte-me tudo...

Não esconda nada de mim...

Me faça sentir importante.

 

Faça-me sentir viva, afinal: Eu apenas existo.

Eu gosto quando diz que me ama. Gosto quando diz que sou importante.

Eu gosto quando me trata diferentemente. Gosto de ser relevante.

 

Por favor, sinta minha falta quando estiver fora.

Diga-me o quanto sou importante para você, mesmo que eu não toque no assunto.

Pelo menos, me considere algo.

 

Sou hipócrita. Falsa. Como quiser chamar.

Não hesitaria para sair de sua vida, mas não quero que saia da minha.

 

Nunca menti ao dizer que amo alguém, mas...

Sinto que muitos mentiram para mim ao dizer isso.

Afinal, sou tão facilmente trocada.

Tão irrelevante.

Tão bipolar num mesmo texto.

... Tão falsa.


Notas Finais


Relembrando: Apenas esqueça-se disso após ler. Não vai fazer diferença em sua vida.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...