História - Text Me, Daddy (Short Fic) - Capítulo 7


Escrita por: ~

Postado
Categorias Fifth Harmony
Personagens Ally Brooke, Camila Cabello, Dinah Jane Hansen, Lauren Jauregui, Normani Hamilton
Tags Camren, Daddy, Lauren Camila, Short Fic, Texting
Exibições 744
Palavras 568
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Escolar, FemmeSlash, Festa, Orange, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo, Visual Novel, Yuri
Avisos: Álcool, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Me desculpem a demora, mas prometi que quando atingisse 100 seguidores atualizaria todas as minhas fics no mesmo dia (eu invento cada uma viu) então está aqui
boa leitura

Capítulo 7 - - Pare de Resistir


Fanfic / Fanfiction - Text Me, Daddy (Short Fic) - Capítulo 7 - - Pare de Resistir

Senti os olhares sob meu corpo enquanto ouvia os barulhos de meus saltos ecoando por todo o chão de madeira.

Olhares de admiração, olhares de um desejo proibido por uma garota de 16 anos.

Olhares que eu já estava acostumada, mas antes me agradavam, agora me enojam.

Isso, admirem a mulher da chefe de todos vocês, ela que se foda, ou me foda.

- Quero falar com Lauren Jauregui - Me inclinei sob a mesa da recepção

- A senhorita tem horário marcado? - A mulher me olhou desconfiada e eu abri um sorriso

- Não preciso de horário marcado, com licença 


Eu: Lauren, melhor você liberar a minha entrada nessa merda de escritório, ou eu faço uma besteira // Enviada as 16:30


Lauren: Por que eu faria isso? Você não me ameace, Garotinha // Recebida as 16:32


Eu: eu mostro todas as mensagens que você me mandou para o meu pai, eu me ferro, mas você vem comigo, amorzinho. // Enviada as 16:32


Imediatamente a mulher recebeu uma ligação liberando minha entrada, ótimo. 

Sorri, agradeci e entrei, Lauren me esperava de braços cruzados

- O que quer, Camila? - Murmurou e eu sorri caminhando até ela em passos lentos

- Você não vai me usar e jogar fora, Lauren.

- O que você achou que aconteceria? Hein, Camila? - Ela levantou rapidamente e parou em minha frente, encarei seus lábios vermelhos enquanto ela falava - Que nos iamos ficar juntas quando eu descobrisse?! Você é uma criança, Camila!

- Eu não sou criança, e você sabe muito bem disso.

- Porra, Garota, você já não conseguiu o que queria? - Sentou de volta e afundou a cabeça nas mãos, e eu suprimi uma risada caminhando até ela e sentando em seu colo

- Eu quero mais. - Lhe dei um beijo nos lábios e ela correspondeu inicialmente, mas logo me afastou

- Para de resistir, Empresária! - Falei sem paciência e me levantei - Você não me quer?! - A perguntei e ela não disse nada, então mordi meu lábio - Já que a chefe não quer, eu vou procurar algum dos empregados que queiram, e olha, tem varios - Ela me olhou interrogativa e eu sai da sua sala lentamente, olhando ao redor e vendo o garoto que vivia babando em minhas pernas quando eu passava

Ouvi passos atrás de mim e sabia que Lauren estava parada encostada na porta, sem nem mesmo olhar

eu a conhecia muito bem e ao mesmo tempo não a conhecia, engraçado.

Caminhei até o garoto e sorri, ele sorriu de volta pra mim e lhe dei um beijo nos lábios que ele prontamente correspondeu, mexi meus lábios de leve, não cedi passagem a sua língua, mas logo Lauren puxou meu braço

- Senhorita. - Ela falou entre os dentes e sua mandíbula estava trancada, todos olhavam para nós - Não é permitido beijar aqui, por favor.

- Sim, senhora eu entendi - Falei usando a mesma voz formal que ela usava - Mas não consegui evitar, ele é muito lindo, e eu sou uma criança - Frisei o criança e se os olhos dela atirassem, eu estaria metralhada. - Tudo pra mim é diferente. - Olhei para o garoto em minha frente, pegando uma caneta do meio de meus seios e escrevi meu número em sua mão - Qual seu nome?

- Ehr.. Shawn - Murmurou e eu assenti, sorrindo de lado

- Me liga, vou adorar fazer um..joguinho com você - Mandei dois beijos para Lauren e sai sem olhar pra trás. 


Notas Finais


Tretaaaaa


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...