História •• The Contract •• - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Andrew Garfield, Jamie Dornan, Marco Reus, Mats Hummels
Personagens Andrew Garfield, Jamie Dornan, Marco Reus, Mats Hummels
Tags Casamento, Marco Reus, Mats Hummels, Novela, O Contrato, Romance
Visualizações 143
Palavras 826
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Crossover, Romance e Novela
Avisos: Adultério, Álcool, Insinuação de sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oi amoras, tudo bem?
Boa leitura ❤☁

Capítulo 3 - •• Errei, Ou Acertei? ••


Fanfic / Fanfiction •• The Contract •• - Capítulo 3 - •• Errei, Ou Acertei? ••

Narrado por Marco


Quando chegamos em Mônaco, estava com um porre do cão, sabe?

Natasha me chamou para descer minha cabeca flutuava, e doía demais, ahhh, que dor!

Este casamento foi dos Melhores, bebi até fazer bico, não sei mais pra mim não importa, se estou ou não casado, dá no mesmo. Depois daquele tombo, daquele vexame na igreja, deve ter gerado bastante fofocas.

Ao chegarmos na recepção do hotel, já que a saída do aeroporto foi igual um relâmpago, passei meu cartão e digitei a senha.


-- A cobertura já está reservada em seu nome Marco -- a recepcionista, sorrindo disse e eu sorri pra ela


-- Entendi, obrigado, é bonita você --ela sorriu e eu sorri de volta, enquanto preparava pra ir subir, notei Natasha toda embaralhada, e um homem a ajudando


Simplesmente, fiz sinal quando ela me viu e ela veio, segui pra o elevador e ela também, era desconfortável ficar junto com ela, mais tenho que aturar por 5 anos. Ao chegarmos na cobertura o elevador se abriu larguei minhas bolsas sobre o chão ao sair do elevador.


-- JANA! -- grito chamando Janaina, minha empregada, não a trato como uma, aceito ela como tia, e ela resolveu me apoiar neste momento


-- Sim Marco? -- ela veio secando as mãos no pano de prato, e logo dobrei as mangas da camisa, peguei o blazer


-- Separa um quarto pra Natasha, dormiremos, separados -- digo subindo as escadas pra o quarto, Natasha ficou por lá


Ao subir, entrei no banho e retirei toda ressaca, tomei um remédio, e logo pensei em me deitar e mexer pra saber onde minhas mulheres andam.

Logo me deparei com a foto de ambas, Laura Watson e Luísa Watson. Minhas gêmeas favoritas na quais tenho relação as escondidas, elas sempre loiras e belas. Meu wpp apitou.


"Como ta a lua de mel, brother?" perguntou Auba.


Eu então respondi direto.


"Mal cheguei, mais vai ser barra ruim!" respondo em seguida.


Ele então botou carinha de riso, e logo respondeu.


"Mano, as gêmeas, tão pê da vida com esse casamento ai hein!" ele responde.


"Ata! logo vejo elas de novo, Natasha não é mulher pra mim" respondo irônico.


"Aham, não mesmo, ela é feita pra homem que presta" ele responde.


Nossa que baita patada, eu então logo respondo.


"Aff, vá tomar banho Auba!" respondo.


"Já tomei" respondeu com caras de risos


Joguei o celular no sofá que tinha no quarto e comecei a ver TV, estava assistindo, Mad Max - Estrada Da Fúria.

Logo Jana bateu na porta e eu olhei ela.


-- Marco, não vai comer meu filho? -- perguntou, e eu logo me levanto


-- Vou sim Jana -- digo pegando a camisa, desci correndo e Natasha estava vendo Chamado 3


Estava tão atenta, comendo pipoca, que eu me abaixei e fui até o sofá.


-- BUUHH -- ela pulou do sofá, me trazendo a risos e gargalhadas


-- ESTÚPIDO! IDIOTA! -- ela me jogou o balde de pipoca e depois os travesseiros


-- Hahah, Natasha! medrosa! vai jantar não? -- pergunto parando de rir, já estava vermelho


-- Não, irei sair depois, vou aos cassinos -- ela diz se levantando, e logo pega a bolsa


Entrou no elevador e ele se fechou. Me senti sozinho ali, por um momento.


-- Parece que ela, era sua companhia --ela diz e eu me ligo pro mundo


-- Não viaja Janaína! -- eu reviro os olhos saindo da sala indo a cozinha


Almoçar sozinho, Jana havia ido arrumar as coisas. Nem dormi, estou direto, que nem a ela.


' Será que foi certo eu ter aceito fazer esta loucura? ' penso sozinho.


-- Marco? -- Jana me chama meio alto, eu a olho -- ta bem desligado, tem duas moças na sala te esperando -- eu me levanto


Fui até a sala, ao chegar, me deparei com as gêmeas.


-- Oi Marcinho! -- juntas falaram em coral, eu não contive e sorri


Elas então me abraçaram juntas.


-- Saudades de vocês -- digo sorrindo, e beijando ambas


-- Eu que estava -- disse Laura, enquanto erguia as sobrancelhas


-- E o casamento? -- disse Luisa, me fazendo a olhar


-- Não existi -- respondo sincero


-- E a senhorita Natasha, Marco? -- Jana me chama a atenção, e eu me viro


-- Tanto faz -- subo as escadas com as gêmeas


Acabamos dormindo juntos. Que saudades estava delas, acordei com a bagunça sobre o quarto. Me levantei sem acorda-las, e vesti a roupa. Desci as escadas e me deparei com Jana limpando as coisas.


-- Foi bom, Marco? -- ela pergunta mexendo aos quadros


-- Recompôs a energia -- digo sorrindo, e logo Jana põe as coisas no lugar -- e a Natasha? -- pergunto sem preocupação


-- Ainda não chegou, coitada desta menina -- ela vai a cozinha, eu reviro os olhos


Jana voltou e logo me avisou que ia ao mercado, concordei e subi, as gêmeas dormiam fiquei olhando elas dormirem e comecei a do nada pensar na Natasha.


' Cabelos ruivos, boca rosada, olhos cor de mel, branquinha e perfeita, aquela mulher, não merece o que estou fazendo, não me merece, isso sim! ' Penso.


-- Eu pensando nela? que? -- eu digo sozinho, e indo até o banheiro


Notas Finais


É Marco, é..faz as burradas e depois se arrepende haha, espero que tenham gostado, beijos e até o próximo episódio 😘❤☁


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...