História 06 Reasons Why - Jikook -- Yoonseok -- Vkook -- Namjin - - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags 06 Reasons Why, Bts, Jikook, Namjin, Suícidio, Vkook, Yoonseok
Visualizações 70
Palavras 1.312
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Festa, Lemon, Mistério, Romance e Novela, Suspense, Terror e Horror, Violência, Yaoi
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Estupro, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Suicídio, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Ebaaa, continuei na mesma madrugada, COMO ASSIM MINHA GENTE, enfim, boa leitura e desculpe os erros.

Capítulo 2 - Min Yoongi


Fanfic / Fanfiction 06 Reasons Why - Jikook -- Yoonseok -- Vkook -- Namjin - - Capítulo 2 - Min Yoongi

                                              P.O.V JUNGKOOK:

Eu acordei com o barulho irritante do desperador, me levanto e pego minhas roupas, hoje eu iria igual você foi pra festa Jiminnie, uma calça de couro apertada e uma camisa social branca, com uma box preta e minhas timberlands, deixei tudo em cima da cama, fui para o banheiro, tomei um banho rápido mas relaxante, fiz minhas higienes e coloquei a toalha na cintura, sai do banheiro e me vesti, desci e tomei meu café, bom, não na mesa, já que estava atrasado só peguei o toca fitas, meus fones, minha mochila e sai para esperar o ônibus, enquanto eu esperava eu comia, Hobi, sempre me esperava no ponto de ônibus, quando o mesmo me viu ele abaixou a cabeça, talvez tenha percebido meu look Jimin, eu sentei ao seu lado.

- Percebeu meu look Jimin? - peguntei tentando parecer sarcástico, algo que funcionou, já que o mesmo sorriu.

- Percebi sim, você... não tá bravo comigo? - ele perguntou com medo da resposta.

- Naverdade, eu só escutei a sua fita - eu falei e ele pareceu relaxar mais - Você fez algo tão ruim para relaxar quando eu falei que só escutei sua fita? - pergunto já meio irritado.

- Naverdade sim Jungkook, eu fiz algo horrível, mas todos que estão nas fitas, inclusive você, fizeram coisas terríveis, então escute todas as fitas, e escolha oque você achar pior, não tire conclusões precipitadas - disse ele irritado, saindo do meu lado, logo o ônibus chega e eu sou o último a entrar, como sempre, me sento no fundo na janela, coloco meu fones e começo a segunda fita.

                                                        FITA 1 LADO B ON:

~~Olá, que bom que você ouvirá esta fita, espero que seja essa e as outras duas, bem, depois da uma semanda, eu comecei a ir novamente, recebendo muitos olhares de nojo, medo, sarcásticos, eu não entendi, mas logo me lembrei do que Hoseok disse, que eu estava me arrumando todo para ver Yoongi, oque não seria total mentira, mas enfim, vou para meu armário, quando abro o mesmo cai muitos papeis, em todos está escrito "PUTINHA" ou "VIADINHO DE MERDA", ou coisas do gênero, eu pego todos os papeis, eu tive uma ideia, como eram muitos, realmente muitos, eu tiva a brilhante ideia de escrever "AMOR" com essas cartas na parede, sabe, colando uma do lado da outra, então o sinal bateu, eu não entrei na sala, fui para o corredor de armários e  comecei, quando bateu o sinal, já estava pronto, todos se surpreenderam, algumas pessoas que não sabiam oque estava acontecendo ficaram indignadas, ma oque me surpreendeu foi uma menino, uma menino claro, como açúcar, muito bravo vinda em minha direção, então, seja bem vindo a sua fita, Min Yoongi, quando você chegou, estava muito bravo, você me bateu, não físicamente, essa foi a segunda dor, a dor mental, você começou a me humilhar, na frente de toda a escola, falando coisas do tipo " COMO VOCÊ PODE?" ou "VOCÊ NÃO LIGA PARA OS SENTIMENTOS DOS OUTROS" então Min Yoongi, eu acho que quem não liga para os sentimentos dos outros, é você, e não adianta negar, no fundo, você também sabe.

Você continuou me humilhando, as pessoas riam, tiravam fotos, e gravavam videos para mandar aos seus amigos que não presenciaram a briga, depois de longos três minutos, o sinal toca, eu já tinha cachoeiras nos olhos novamente. Nessa época, suicídio nem se passava em minha mente, e agora, olha onde estou, exato, no momento para mim, estou gravando as fitas, e para vocês, estou morto, mas espero estar em algum lugar no coração de vocês, nem que seja me odiando~~

A Jiminnie, você está em um lugar muito bom no meu coração, masi infelizmente terei que pausar a fita, pois já cheguei na escola, depois de pausada, eu desco do ônibus e entro na escola, recebendo vários olhares pelas minhas vestimentas, logo encontro meu namorado, vulgo Kim Taehyung, no ármario, virado olhando para o nada, então as pessoas me olham e começam a falar, "OLHA O CORNO", "CUIDADO SEU CHIFRE VAI BATER NO TETO", "VOCÊ PODE MATAR PESSOAS COM UM NEGÓCIO DESSE TAMANHO", ou coisas do tipo, então eu ntendo, Taehyung tinha me traido, eu o olho, seu olhar está feliz, mas sua expressão facial está triste, eu chego perto do mesmo e falo.

- Você podia ter falado que não era feliz comigo, eu terminava com você, não precisa ficar com essa cara de culpado e triste, eu conheço seu olhar Taehyung, pois diferente de você, eu adimirei oque eu tinha, por dois longos meses, eu já aprendi a decifrar seu olhar, e você? Nada, nem minha expressão facial, Kim Taehyung, agora sim acabou, e nunca mais olhe na minha cara - eu falo já saindo de lá enquanto Taehyung me olhava chorando, talvez agora, a culpa que ele sente seja maior, eu espero que seja mesmo.

Eu já tinha perdido toda a vontade de assistir as aulas, então, só peguei o toca fitas, os fones, e sai da escola, como eu já disse, era primavera, então fui para uma praça que tinha perto da escola, passei em uma sorveteria e pedi um milkshake de chocolate, ele veio enfeitado com chantilly, com raspas de chocolate em cima, uma cereja em seu topo e um canudo rosa, que me fez lembrar o cabelo do Jiminnie.

Chegando na praça eu me sentei em baixo de uma cerejeira, coloquei os fones e dei play.

~~Então, quando a aula acabou, eu estava indo normalmente para casa, até aquele garoto que me salvou na festa apareceu, nós começamos a conversar, então foi ai que eu soube seu lindo nome, que me marcou profundamente, "Jeon Jungkook", *suspiro*, ai, quando tempo que eu não falava esse nome, KK, eu estou com saudades Kookie, mas voltando, ele transformou meu dia, e foi incrivel, ele é incrivel, depois eu cheguei em casa, quase não dormi, fiquei pensando em Jungkook, e durante todos os dias restantes de minha curta vida, Yoongi, não parou de me humilhar, sempre me chamando de coisas horriveis, ele e Hoseok, e mais um, que logo estará aqui nas fitas, mas então Min Yoongi, é com o maior prazer, que eu lhe apresento a sua fita, fim da fita 1 lado b, espero vocês na proxima~~

AAAA EU NUNCA SENTI TANTA RAIVA DE ALGUÉM, como Yoongi, Hoseok, e... esse "desconhecido" puderam fazer isso com alguém tão incocente como meu Jiminnie.

Entçao eu me levantei e comecei a andar para casa, eu vi Yoongi e Hoseok na saída, olhei para os dois que conversavam, mas logo desviaram o olhar para mim, eu encarei eles com raiva, Hoseok abaixou a cabeça, Yoongi não, ele começou à vir até mim, ele chegou do meu lado e me socou na cara, foi ai que eu perdi minha sanidade, eu sorri feito um psicopata, oque assustou Yoongi, mas logo o peguei pela gola da camisa e o prensei na parede, comecei a soca-lo e à falar.

- COMO VOC~E PODE? - ou - ELE ERA UM MENINO INOCENTE - ou - MEU JIMINNIE NÃO MERECIA ISSO - então ele percebeu que eu havia ouvido as fitas, ele abaixou se olhar e disse.

- D-desculpa, e-eu, não foi m-minha intenção, d-desculpa - ele repetia isso diversas vezes até Hoseok chegar e nos separar, eu apenas me virei e falei.

- Sorte sua Hoseok, que eu ainda não ouvi todas as fitas, quando eu souber sobre você, não pense que ira sair ileso, nem que eu morra, você levará um soco ao menos - eu disse e Hoseok abaixou o olhar, ao longe eu vi Taehyung, me olhando com pena e medo, eu apenas ignorei e fui para casa, não jantei, não tinha paciência, apenas tomei um banho de cinco minutos no mínimo e deitei para dormir, amanhã será um longo dia.


Notas Finais


Então, foi isso, eu n sei se saiu como o esperado, mais se acalmem, pode não parecer muito sério, mas tudo será explicado com o tempo, aliás, se vocês lerem com atenção, perceberão que saiu mais uma coisa sobre Hoseok e uma outra pessoa que será citanda mais afrente, bj amo vcs, desculpa os erros de ortografia.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...