História 1 mês antes do meu suicídio. - Capítulo 10


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Visualizações 99
Palavras 1.177
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Romance e Novela, Violência
Avisos: Álcool, Mutilação, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


📚annyeonghaseyo amorecos, turu bom?
como prometido voltei aqui com o segundo capítulo de hoje...espero que gostem e
Boa leitura📚

Capítulo 10 - Capítulo 10: estava errada!


Fanfic / Fanfiction 1 mês antes do meu suicídio. - Capítulo 10 - Capítulo 10: estava errada!

anteriormente...

maya: então...eu queria denunciar a Raissa aluna da turma 2001 por agressão verbal, física e mental...-digo séria

agora...

diretora: Maya...por favor pare de inventar mentiras...uma aluna tão Boa como você fica mentindo? -ela pergunta incrédula 

maya: mas estou dizendo a verdade...me escuta a Raissa ela me maltrata todos os dias...eu apanho todos os dias e...-ela me interrompe 

diretora: Maya vai pra sua sala agora é pare de inventar mentiras...-suspiro e saio da sala dela 

como de se esperar a diretora não ia acreditar em mim, sem saber o que fazer fui ate o banheiro e lavei meu rosto, me olhei no espelho pensei um pouco e decidi procurar por Marcos...por sorte sei que ele estuda no terceiro grau então com certeza ele estaria na sala 3002.

Vou até a sala e vejo ele la, bato na porta umas duas vezes e por sorte era a professora de história e ela é bem querida:

professora: oi maya querida, o que foi? -ela pergunta fazendo todos os alunos me olharem...

maya: eu posso falar com o Marcos rapidinho...-pergunto fazendo todos da sala soltarem um "huuummm" 

professora: pode sim, Marcos venha aqui! -ele se levanta e vai até a porta- 5 minutos! -ela sorri e fecha a porta 

marcos: o que houve? 

maya: Marcos a diretora não acreditou em mim, ela disse que eu só podia estar mentindo...-digo triste por conta disso (T_T) 

marcos: aish...nós poderíamos tentar falar com algum professor...

maya: Marcos esquece...deixa isso pra lá...

marcos: mas você vai continuar apanhando? -ele diz colocando a mao em meus ombros -não vou deixar isso acontecer...

maya: Marcos por favor, eu já machuquei gente o suficiente por conta dessa história, não quero que você seja mais um -digo já chorando e tapando meu rosto, adivinha de quem que eu lembrei? se voce disse Felipe acertou.

marcos: ta bem mas não chore -ele me abraça e começa a acariciar meus cabelos...-nós vamos achar um jeito, mas agora va pra sua sala já esta atrasada -ele beija a minha testa e sorri

maya: eu já vou ir -me solto do abraço e saio dali indo para a minha sala, seco meu rosto e adivinha? aula de português...aish que desgraça...-professor com licença...

professor de português: não, ninguém. mandou voce chegar atrasada agora fique ai fora...

maya: eu estava resolvendo um problema...

?: o seu problema se chama Marcos? -ela pergunta olhando para o celular e todos começam a rir...raissa rapidamente pega o celular e mostra para o professor 

professor de português: então o motivo de você chegar atrasada é a conversa com seu namorado? -ele pergunta sarcástico me mostrando uma foto minha e do Marcos abraçados...

Essa gente é muito fofoqueira com certeza foi alguém da sala do Marcos que bateu a foto

maya: não é isso...eu não tenho namorado...

professor de português: já chega maya vá pra  diretoria agora...

maya: AI QUER SABER VAI PRA PUTA QUE PARIU SEU DESGRAÇADO, FILHO DA PUTA, VOCÊ É UM PROFESSOR MUITO MERDA SEU IDIOTA! -digo gritando aquelas palavras, os alunos da sala se assustam e ficam olhando eu dizer tudo aquilo.

professor de português: DIRETORIA AGORA! -ele grita e eu saio bufando indo em direção a diretoria...

na diretoria 

a diretora caminhava de um lado pro outro...

diretora: não sei o que está acontecendo com você Maya...-ela diz me encarando séria -você sempre foi tão quieta, dedicada, comportada, sincera, honesta...agora esta sendo muito mal educada, notas não muito boas e ainda por cima é mentirosa? você mudou maya...eu vou ligar pros seus pais e...-interrompi ela 

maya: já te falei o que ta acontecendo comigo, mas só porque a Raissa é uma rica do caralho você acredita nela, e outra minhas notas só estão ruins em português, por conta daquele professor filho da puta que me odeia, ah pode chamar meu pai ele nem lembra que tem uma filha, aposto que quando voce ligar pra ele ele vai dizer "Maya? maya? a claro minha filha eu tinha me esquecido" -viro as costas e saio dali deixando a diretora falar sozinha, aquela mulher era muito boca aberta então não ia fazer nada eu sei, fiquei sentada no pátio até bater o sinal pro Recreio, não pego lanche pois estava sem fome, vejo Raissa se aproximar...

Raissa: além de querer o Felipe, quer o Marcos também? -ela diz e eu apenas fico quieta, mas dessa vez eu pensei e pensei. Se eu sempre ficar calada e nao fazer nada a Raissa sempre vai me bater e eu sempre vou apanhar...

maya: me deixa em paz...-digo olhando para ela comendo o seu lanche, ela pega o seu refrigerante e joga em cima da minha cabeça fazendo todos me olharem e baterem fotos de mim...

me levanto devagar e saio andando, vejo Marcos se aproximar...

marcos: não vai fazer nada -nego com a cabeça -mas eu vou -ele sai em direção a Raissa...

Raissa: que fofo, vai defender a namoradinha, muito lindo da sua parte  -ela faz voz enjoada e Marcos suspira e olha pra ela 

marcos: quer saber Raissa, eu tenho nojo de você! -ele diz e ela da um tapa na cara dele...

Raissa: e eu me arrependo de um dia ter namorado você -ela cospe no chão e sai andando...passa por mim e me empurra no chao, mas dessa vez eu nao ia deixar limpo nao, vou ate ela e puxo seu cabelo...-ta louca garota? -ela da um tapa na minha cara e eu parto pra cima dela, dou vários tapas em sua cara e socos também

maya: é bom apanhar não é, é bom? -pergunto e paro de bater nela vendo no que me transformei...estava fazendo com ela o que ela fazia comigo, esse tempo foi suficiente para ela começar a me bater e em minutos arrebentar meu rosto, e eu nao faço nada apenas apanho...

ela termina de me bater pois Marcos tira ela de cima de mim...

****bate o sinal****

todos vão pra aula inclusive Raissa, todos aplaudiam ela, pois ela havia batido tão bem  mim...fico ali deitada no chao...

Marcos: tá tudo bem? -ele pergunta se deitando ali comigo...

maya: não...nao tá tudo bem! -ele me olha preocupado...

Marcos: vamos lá na enfermaria...-eu nego com a cabeça e fecho os olhos...

Maya: nao quero ir, nessa escola ninguém se importa se eu tô bem ou não! -olho pra ele e me levanto...

Marcos: Maya...vem! -ele me pega no colo e me leva até a enfermaria...

na enfermaria:

enfermeira: eu vi a briga de vocês, a Raissa tava toda acabada tambem -ela termina de passar remédios e de fazer curativos..-pronto!

maya: obrigada -digo séria e me levAnto com a ajuda de Marcos, eu nao estava conseguindo andar direito não sei porquê...

Marcos: maya você anda comendo? -ele pergunta me olhando sério e foi aí que lembrei que estou sem comer faz 2 dias 

maya: sim, sim...-minto pra ele e chego na minha sala, bato na porta  por sorte era a professora de história, sabe a de antes...

professora: pode entrar Maya...

maya: licença -entro na classe e sinto tudo girar, me escoro na mesa de alguém...

professora: ta tudo bem? - ela pergunta preocupada me olhando.

?: isso deve ser efeito da gravidez dela com o Marcos...-todos começam a rir

maya: hora sua...-sem forças por ficar 2 dias sem comer, desmaio e só escuto a professora me chamando...


CONTINUA...





Notas Finais


desculpem pelos erros de português...
obrigada por lerem e até o próximo capítulo😘


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...