História 10 Reasons Why - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias 2NE1, EXO, History, Red Velvet, SHINee, Super Junior
Personagens Chen, Choi Siwon, Cl, Do-kyun, Jae-ho, KiBum "Key" Kim, Kyung-il, Seulgi, Suho, Taemin Lee, Xiumin
Tags 2ne1, Abo, Abuso, Chenho, Chenjae, Chenkyung, Chenmin, Exo, Filha, Hentai, History, Incesto, Irmão Ciumento, Jaechen, Kyungchen, Lemon, Male Pregnant, Multi-fandom, Obsessão, Red Velvet, Shinee, Sofrimento, Suchen, Suícidio, Super Junior, Violência Sexual, Xiuchen, Yaoi
Visualizações 18
Palavras 1.075
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Hentai, Lemon, Mistério, Romance e Novela, Shonen-Ai, Slash, Suspense, Violência, Yaoi
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Cross-dresser, Drogas, Estupro, Gravidez Masculina (MPreg), Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


ta ai o capitulo da fanfic
(vai ter incesto sim, já to avisando)

Capítulo 2 - Carta 1 - Kim Min Seok


​POV'S MINSEOK
Logo, abri carta me deparando com um: "Querido MinSeok, se você estiver se perguntando se eu estou vivo, afirmo que não"
E logo me bateu uma tristeza...Lembrando de JongDae, dos momentos em que vivemos...E logo, me jogo no sofá, começando a ler a carta
"Se pergunta o porquê da minha morte, eu te digo
Tenho muitas razões, e sim
Você é uma delas
Mas, agora vou contar a história da minha vida
Ou melhor, porque ela chegou ao fim.
Tudo começou aos meus treze anos
Meus pais viajaram para um lugar bem longe, que agora eu nem lembro mais aonde era
Só sei que foram sequestrados e ficaram lá (eu ainda acho que eles ficaram lá porque quiseram) por muitos anos
Enquanto isso? Eu ficava sozinho com meu irmão JaeHo
Estranho, não?
Meus pais sabiam da condição de JaeHo
Sabiam que ele tinha uma estranha obsessão por mim
E mesmo assim me deixaram lá, com ele
E sabe o que ele fez?
Me prendeu no porão da minha casa
E ele sempre tentava algo comigo, mas nunca conseguia
Talvez ele fosse apenas um alfa precisando de um ômega para se satisfazer
Não quero te ofender, mas, alfas só querem ômegas como objeto sexual
Menos você, Minnie
Você sempre foi um alfa diferente dos outros, sempre querendo expressar todo o seu amor por mim, sempre me amando e me respeitando
Era tudo no meu tempo
E por isso eu te amava
Ainda te amo
Mesmo que seja provável que eu esteja no inferno
Mas enfim, por quê você também é um dos porquês?
Pelo simples fato de que mesmo que você fosse tudo que é
Você não era o "meu tipo ideal"
Talvez, por sofrer tanto na vida, eu acabei me acostumando
Eu realmente gostava de sofrer"
Eu li essa parte da carta, e senti um pouco de raiva
Eu fazia literalmente de tudo por JongDae, e ele escreve isto? Se eu soubesse antes, eu poderia fazê-lo feliz
Paro de ler a carta e subo para o meu quarto, indo tomar um banho e logo que termino, visto minhas roupas mais confortáveis e vou para a sala começando a ler a carta de novo
"Mas não foi só por isso que você é uma razão
Talvez você não lembre, mas você me humilhou muito quando éramos pequenos
Você me batia, me xingava"
Então, lágrimas começam a escorrer pelos meus olhos
Eu realmente havia feito aquilo tudo com JongDae, e este é um dos meus piores arrependimentos
Eu deveria ter dito que o amava
Mas eu fui tolo
Como eu fui tolo
Eu fazia coisas horríveis com JongDae porque eu o amava, desde que eu me conhecia por gente
Isso é estranho
Eu era estranho
Na verdade, eu sou estranho
E pelo fato de que ele era mais velho do que eu, eu nunca cheguei a chama-lo de Hyung
Eu não queria
Acho que eu também odiava JongDae...Mas por quê?
"Mas não se preocupe, meu amor
Você com certeza não foi a pior razão, acredite
Eu já sofri muito
E não foi por você
É que desde pequeno, meus pais queriam que eu fosse perfeito
Queriam que eu fosse o "aluno exemplar"
O "filho exemplar"
Queriam que eu fosse tudo o que eu não era
Não existem pessoas perfeitas
E eles achavam que por JaeHo ser "doente", era eu quem deveria ter todas as responsabilidades
Eles não compreendiam
Quando eles finalmente voltaram de viagem, eu não consegui contar tudo que eu havia passado
Eles acharam que era mentira
Que JaeHo era seu "filhinho perfeitinho" e por isso ele não podia ser cruel
Eles enganavam a si mesmos
Eu sempre saía como o errado
O filho mau
E por isso meus pais me batiam, eu berrava, eu chorava, eu perdia a respiração de tanto chorar.
Posso até dizer que JaeHo é uma pessoa boa, ele sempre cuidava de mim quando meus pais me espancavam
Ele sempre esteve ao meu lado.
Provavelmente ele devia ter sido a pessoa que mais chorou no meu velório.
Então, provavelmente você deve achar que JaeHo é um monstro, mas para mim, não
Se duvidar, eu tenho uma história para te contar:
Tudo começou no dia do meu décimo aniversário
Meus pais fizeram uma pequena festa na minha casa, e chamaram alguns vizinhos, alguns amigos meus
E até te chamaram, se lembra?
Naquele dia, eu mal conseguia andar
Sim, novamente meus pais me bateram de graça
Eu estava quase rastejando, quando JaeHo, na época com treze anos de idade, me ajudou a me levantar da minha cama e me ajudou a tomar um banho, logo me ajudando a me vestir.
Eu lembro de uma frase dita por ele pela qual eu nunca vou me esquecer
"Sempre quando você precisar, eu estarei lá por você, JongDae, para todo o sempre"
E dito isso, ele deixou um selar em minha boca e eu realmente fiquei surpreendido
Eu fiquei tipo: MEU IRMÃO ME BEIJOU?
Eu não acreditava.
E o resto da noite foi estranho
Foi até legal e tudo mais, mas JaeHo não soltava a minha mão, e toda vez que estávamos sozinhos, ele me beijava
E eu digo "Sim, o meu primeiro beijo foi com o meu irmão mais velho"
Na época eu não sabia direito o que era um beijo
Então, eu apenas deixei JaeHo me beijar, por muito tempo
Até que um dia, meus pais descobriram e colocaram cada um de nós em um quarto, porque antes nós dividíamos
Mas toda noite, Jaeho ia até o meu quarto e me beijava, às vezes ele até passava suas mãos por algumas partes do meu corpo, o que me fazia gemer
Aí, um dia, nossos pais descobriram, porque o "filhinho santo" deles tentou algo a mais comigo
Talvez eu soubesse o que era
Então, meus pais, pela primeira vez, bateram em JaeHo, eu fiquei com muito dó dele
Aí, eu entrei na frente e eu e JaeHo apanhamos juntos
Depois disso, nós criamos uma relação muito mais forte do que de irmãos
Nós éramos "namorados"
Se te contasse isso vivo, você diria "Incesto é errado!" e mais um monte de baboseiras
Meus pais me disseram que eu devia ficar com você, mas eu gostava de JaeHo
E foi por não me amar direito, que você foi uma das razões
Na próxima vida, seja como JaeHo"
Eu juro que se JongDae estivesse vivo, eu mesmo o mataria
Que tipo de gente namora o próprio irmão?
 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...