História 10 Things I Hate About You - Capítulo 8


Escrita por: ~

Postado
Categorias Fifth Harmony, Justin Bieber, One Direction, Shawn Mendes
Personagens Camila Cabello, Dinah Jane Hansen, Harry Styles, Justin Bieber, Lauren Jauregui, Louis Tomlinson, Shawn Mendes
Tags Camren, Larry, Vercy
Exibições 53
Palavras 1.915
Terminada Sim
LIVRE PARA TODOS OS PÚBLICOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Crossover, Romance e Novela
Avisos: Bissexualidade, Homossexualidade, Intersexualidade (G!P)
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


VOLTEIII, EEEE

não tão nem ai né? eu sei

Bom gente esse é o ultimo cap, então boa leitura.

Capítulo 8 - Eu odeio não conseguir te odiar.


Fanfic / Fanfiction 10 Things I Hate About You - Capítulo 8 - Eu odeio não conseguir te odiar.

~Noite do baile~

 

~Pov Alejandro~

 

Estava na sala assistindo TV e decidi subir pro meu quarto mas quando chego na escada o Louis esta descendo todo arrumado.

-O que é isso?

-Um terno de baile. *engraçadinho* 

-Ando ouvindo muito isso nos últimos tempos. *ouço a campainha tocar e o Louis atende, na porta esta parado um menino meio cabeludo.

-Oii *o meu filho diz e o outro responde o cumprimentando*

-Tchau pai *o Louis diz e quando os dois se viram pra sair eu digo*

-Parem.. virem, expliquem *digo, os dois se viram e me olham*

-Ta legal, você lembra que disse que eu podia sair com alguém se a Mila também saísse.. Então ela encontrou uma pessoa que é perfeita pra ela, o que é perfeito pra mim já que o Harry me convidou a ir ao baile e eu quero muito, muito ir.. E já que a Mila vai, também tenho permissão pra ir, baseado no que foi estipulado na super mencionada regra *ele diz tudo e antes de eu responder ele se vira e puxa o tal do Harry junto, bom infelizmente eu nem podia reclamar por que essa sempre foi a regra*

 

~Pov Camila~

 

Estava parada na frente do local do baile e procurava pela Lauren, ta vocês devem ta se perguntando como assim baile, bom depois da discussão minha e do Louis de ontem, eu fiquei com um pouco de dó dele e não queria ouvir reclamação depois o resto do ano de eu ser a culpada dele não ter ido no baile, então eu decidi vir e ele pode vir também.

-Uau.. *ouço uma voz inconfundível falar, me viro, vejo a Lauren a olho bem*

-Pra você também.

Entrelaço meu braço no dela e vamos andando, até que falo.

-Olha, sinto muito por ter questionado seus motivos. *ela me olha* -Estava errada.

-Humm.. ta perdoada.

-Ta legal *sorrio* -Pronta pro baile?

-Sim madame. *ela sorri e entramos no local, onde estava tocando uma musica bem alta.

 

~Pov Shawn~

 

Cheguei na frente da casa do Louis, já estava pronto, toquei a campainha e vi o pai dele atender.

-Oi Sr. Cabello, eu sou o Shawn, eu vim buscar o Louis. *ele me olha com uma cara feia e fecha a porta, fico olhando sem entender.*

 

~Pov Lauren~

 

Estávamos na pista de dança, um pouco distante de nós estava o irmão da Camila e o Harry e logo apareceu do nosso lado aquela amiga da Camila.

-Você viu se ela já ta aqui? *a menina pergunta pra Camila*

-Quem?

-A Vero.. *ela diz sorridente, aponto pra onde a Vero estava e logo a tal da Lucy vai pra perto dela, logo começou a tocar a musica favorita da Camila, ela ficou toda animada, sorri dei um selinho nela e começamos a dançar.*

 

~Pov Louis~

 

Tinha deixado o Harry na pista de dança porque precisava ir no banheiro, mas no meio do caminho apareceu a falsa da Dinah, que já foi minha melhor amiga.

-O que ta fazendo aqui?

-Ué, você não é único da nossa série aqui no baile. *sínica* -Shawn foi me pegar *ela diz sorridente*

-Ah, bom.. meus parabéns ele é todo seu.

-Nosso como você é generoso *ela diz de forma sarcástica* -Você quer saber de uma coisa, Shawn só queria você por um motivo, ele apostou com os amigos que ia seduzir você esta noite *a vaca da Dinah diz tudo sorrindo, saio de perto dela nervoso.*

 

~Pov Camila~

 

Ainda estou na pista de dança com a Lauren, já dançamos varias musicas e agora estamos dançando uma bem animada enquanto conversamos, mais logo o Shawn puxa a Lauren.

 

~Pov Lauren~

 

Fui separada com tudo da Camila quando o ridículo do Shawn me puxou, o que esse cara quer agora em.

-O que você pensa que ta fazendo em.. Eu paguei pra você sair com a Camila, pra eu poder sair com o Louis, não pra aquele pentelho do Harry tirar ele de mim. *ele diz irritado, olho por cima do ombro dele vendo a Camila que estava logo atrás que antes estava sorrindo, agora com uma cara de surpresa.*

-Não ia ganhar nada com isso né *ela diz me olhando e sai dali, olho pro Shawn nervosa, minha vontade era de socar a cara dele, mas fui atrás da Camila.*

 

~Pov Harry~

 

Estava na pista de dança esperando o Louis, que tinha ido no banheiro e até agora não voltou, logo a Vero parou perto de mim com a Lucy e falou.

-A casa caiu *ela diz e aponta na direção onde estava o Shawn e um amigo dele, vou caminhando junto com as duas até perto dele a Vero o chama e quando ele a olha a empurra, a ajudo a levantar e o idiota do Shawn começa a falar.*

-Vocês mexeram com o cara errado e agora vocês vão pagar, você e aquele vagabundinho. *me viro pra ele nervoso*

-Agora chega, você exagerou cara. *ele sorri e me da um soco no rosto, inesperado, caio no chão e ele diz*

-Qual é levanta ai o fedelho *tava com a mão no meu rosto e antes de levantar ou dizer algo o Louis apareceu atrás dele e cutuca seu ombro, assim que ele vira o Louis da um soco no seu nariz o pegando de surpresa.* -Qual é Louis você sabe que eu tenho um comercial de spray pra nariz amanhã *o mauricinho diz e o Louis responde com raiva*

-Isso foi por bater no meu namorado *ele da mais um soco no seu nariz e diz* -Isso foi pela minha irmã *depois que termina ele da uma joelhada no meio das pernas do Shawn e eu não to falando do joelho, e diz por ultimo.* –E isso foi por mim.

Ele cai do meu lado gemendo de dor, o Louis para na minha frente e da a mão pra mim levantar, levanto e o olho surpreso ainda com tudo o que ele fez.

-Você esta bem? *ele pergunta sorrindo, voltando a ser doce, nem parece a mesma pessoa de uns segundos atrás. Sorrio e digo*

-Nunca estive melhor *me aproximo mais e o beijo*

 

~Pov Lauren~

 

-Me da uma chance de explicar. *eu consegui alcançar a Camila e nesse momento estávamos discutindo no estacionamento*

-Foi paga pra sair comigo, pelo cara que eu mais odeio. Eu sabia que isso era uma armação *ela diz e passa por mim, indo na direção do seu carro, vou atrás dela.*

-Camila, não foi bem assim.

-A e como foi *ela diz se virando pra mim* -Parte do pagamento agora e o resto pra dormir comigo?

-Eu nem me importei pelo dinheiro ta legal, eu.. eu me importei com você.

-Você não é nada do que eu pendei que fosse *ela diz um pouco mais calma e se vira de novo, mais antes dela começar a andar a puxo, fazendo se virar de novo pra mim e a beijo, mais logo ela me empurra, me da um tapa e sai dali, fico parada vendo ela ir embora.*

 

~Manhã seguinte~

 

~Pov Camila~

 

-Ei você quer? *estava sentada na varanda de casa quando o Louis apareceu me oferecendo um copo com suco, pego*

-Obrigada..

-Tem certeza que você não quer ir velejar com a gente? Vai ser divertido. *ele diz e respondo*

-Não, eu to legal.

-Olha, eu não sei se te agradeci por ter ido ontem mas, significou muito pra mim *ele diz feliz, abro um pequeno sorriso*

-Fico feliz. *logo somos interrompidos quando o Harry aparece*

-Ei, esta pronto?

-Sim *meu irmão diz sorridente, eles se despedem de mim e vão pro carro do Harry. Assim que eles saem o papai aparece.*

-Oi.

-Oi..

-Como foi o baile? Foi divertido?

-Alguns lances.

-E que lances?

-Aquele quando Louis desceu a porrada em um cara *digo simples*

-Louis fez o que? *o papai diz sem entender*

-Chateado porque eu o influenciei? *digo sarcástica*

-Não, impressionado. *o papai diz e olho pra ele surpresa, ele se senta do meu lado.*

-Sabe os pais odeiam quando os filhos passam a dirigir a própria vida, isso por que nos tornamos expectadores. Louis ainda me deixa marcar alguns pontos, mais você me deixou na reserva já a alguns anos. E quando for para Sarah Lawrence nem o jogo eu vou assistir.

-Quando eu for? *pergunto sem entender*

-Ah poxa, não me diga que mudou de ideia *papai me olha* -Eu já mandei o cheque *abro um sorriso e abraço o papai, não acredito que ele vai deixar eu ir pra faculdade que eu sempre quis.*

 

~Segunda feira~        -        ~Colégio~

 

~Pov Camila~

 

-Muito bem, eu presumo que todos tenham terminado os poemas *estava na sala de aula e quem estava falando era o professor, sobre o poema que ele havia pedido a um tempo atrás* -Muito bem, alguém com coragem o bastante para ler o seu? *ele pergunta, ninguém se manifesta, olho na direção da Lauren que estava um pouco cabisbaixa e levanto a mão.*

-Eu leio.

O professor me chama pra frente da sala, me levanto pego meu caderno onde estava escrito meu poema, vou até lá e começo a ler.

 

-Eu odeio o jeito que você fala comigo, e eu odeio o jeito que você corta seu cabelo.

-Eu odeio o jeito que você dirige meu carro.

-Eu odeio quando você me encara.

-Eu odeio suas grandes e idiotas botas de combate, e o jeito que você lê minha mente.

-Eu te odeio tanto, que me faz ficar doente, e até me faz rimar.

-Eu odeio que você está sempre certa.

-Eu odeio quando você mente.

-Eu odeio quando você me faz rir, até mais quando você me faz chorar. *não consegui me segurar e comecei a chorar nessa parte, mas continuei.*

-Eu odeio quando você não está por perto, e o fato que você não me ligou...

-Mas eu odeio principalmente não conseguir te odiar, nem um pouco, nem mesmo por um segundo, nem mesmo só por te odiar.

*Eu li essa ultima parte ainda chorando e olhando pra Lauren, mas assim que terminei, peguei minhas coisas e sai da sala.*

 

                                                             ----------------------------------------

 

Quando deu a hora de ir embora, já tinha me recuperado da minha crise de choro, fui pro estacionamento onde tava o meu carro e quando abri a porta tinha uma guitarra branca, exatamente da que eu queria, no banco da frente, olhei de boca aberta sem entender até que ouvi alguém falando atrás de mim.

-Legal né?

Olhei, era a Lauren, falei surpresa.

-Uma Fender Strat, é pra mim?

-É, você pode usa-la quando iniciar a sua banda *ela diz me olhando, não digo nada e ela continua.* -Além disso eu tinha uma grana a mais sabe, um idiota me pagou pra eu sair com uma garota incrível.

-Isso é verdade?

-É, mas eu estraguei tudo. *ela diz abaixa a cabeça depois me olha* -Eu me apaixonei.

-Sério? *sorrio*

-Não é todo dia que uma garota mostra os peitos pra me tirar do castigo.

Fico com vergonha e ela da risada, se aproxima mais de mim e me beija, mas logo me separo dela.

-Ah não pode me comprar uma guitarra toda vez que der uma mancada. *digo apontando o dedo pra ela*

-É eu sei *ela diz e continua* -Mas sempre existe também os tambores, baixos e até os tamborins. *ela diz fazendo graça.*

Me seguro pra não rir, ela sorri, coloca a mão na minha cintura me puxando pra mais perto dela e me beijando de novo.


Notas Finais


Eita acabou, bom outra fic que vai me deixar saudades.
Mas obrigada a todos que tiraram um tempinho e leram ela.

Fic nova: https://spiritfanfics.com/historia/the-proposal-7255729


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...