História 2 Months - (H.S) - Capítulo 150


Escrita por: ~

Postado
Categorias One Direction
Personagens Harry Styles
Tags Amor, Cameron Dallas, Cosmopolitan, Drama, Harry Styles, Liam, Louis, Niall, One Direction, Romance, Shawn Mendes, Zayn
Exibições 182
Palavras 1.658
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Famí­lia, Festa, Ficção, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oi gente.
Vamos usar Steal my girl - Landon Austin feat Megan Daves (acoustic cover)

Se alguém não tiver me chame no whats que eu passo (011 97538 8469).
Espero que gostem.

Boa leitura

Capítulo 150 - Eu disse te amo


Pov Harry

- Olha como as pessoas são pequenas daqui - ela diz sorrindo.

- Sim, minúsculas - digo acompanhando seu olhar para baixo.

- Eu não sei como agradecer, Hazz - ela fala - eu não sei como. Acho que nem fazendo sexo todo dia, consigo pagar tudo isso.

Ela diz e me faz sorrir.

- Eu tô feliz por ter realizado seu sonho, de verdade - falo - tô feliz porque... Te ver sorrir, muda meu dia, te ver sorrir me deixa feliz.

Você ja sentiu isso por alguém?  Já sentiu seu coração querer saltar do peito, as palavras faltarem e suas pernas ficarem bambas?

É assim, grande parte do tempo. É assim que esse amor me deixa. Desarmado.

Me dá força e segurança. E eu nunca pensei sentir algo assim,  nunca pensei que alguém pudesse mudar a minha vida por completo.

O medo que sentia de me entregar à alguém, foi embora.

- Você é sempre maravilhoso comigo Harry, eu jamais pensei que fosse sentir algo assim por alguém, em tão pouco tempo - ela fala - antes, eu teria medo disso tudo, mas hoje... eu não tenho mais medo... eu tenho você agora e eu sei que não existem mais medos. E eu só tenho a agradecer.

Ela se vira novamente, pra olhar a paisagem. Eu sinto tudo isso,  da mesma forma.

É agora.

- Você sabe porque eu te trouxe aqui?

Ela me olha, seus olhos castanhos iluminados por toda luz da torre. Liz se vira pra mim. Ainda mantenho minhas mãos no bolso do casaco.

- Não foi só pra ver as luzes de Paris, eu suponho - ela diz sorrindo.

Solto um suspiro, um sorriso ou dois, as palavras parecem querer sumir, aquela tremedeira interna aparece e você parece congelar. É involuntário.

(Coloquem a música, precisa ser essa tá? SE NÃO FOR ESSA, VOU BATER EM VOCÊS. Mentira. Se não for essa, em último caso, pode ser a sua música melosa favorita)

Respira, inspira e põe pra fora o que sente.

...

Pov Liz

- Liz - ele me chama e eu me aproximo.

- Sim Harry - eu digo me aproximando...

- Eu sei que começamos à pouco, mas que já nos conhecemos tanto e temos tanta química. - ele fala - A vida dá tanta volta, eu nem achava que ia me envolver com alguém... E sei que eu não sou o namorado mais perfeito ou até mesmo o melhor às vezes, que podíamos estar com outras pessoas...E até mesmo sozinhos.

Onde ele quer chegar? Será que ele me trouxe até aqui, pra poder terminar? Não, ele não faria isso..

- Você quer terminar comigo? - digo assustada.

- Não... Não é isso, eu tô um pouco nervoso... Vou começar de novo - ele ri me fazendo suspirar aliviada - O que quero dizer é que você foi de longe, a coisa mais linda que aconteceu na minha vida. Você me apresentou novos horizontes, me faz sorrir todos os dias e até mesmo sem motivos - ele sorri - antes de você, minha vida era tão monótona e eu vivia apenas para mim, eu não conseguia entender o porquê se importar com as pessoas, o porque se doar tanto à alguém... ou o porque se apaixonar.

Ele me olhava fixamente e eu atenta às palavras.

-Eu era apenas um cara sem expectativa pro amor. Eu ia à bares ou qualquer outro lugar,  buscava me preencher no momento, com coisas e normalmente pessoas vazias. - Harry falou e soltou uma risada baixa - mas no fundo, sempre quis alguém que não tivesse motivos pra querer ir embora, que não buscasse lá fora o que sempre vai ter do meu lado. Eu já me apaixonei uma vez, me apaixonei e tive todos os medos possíveis. Porque sou do tipo que quando gosta, se entrega de verdade. Se entrega e deixa viver.

Fico ali olhando Harry dizendo isso tudo, olhando suas mãos ainda no bolso e seus olhos me encarando firmemente.

- É você quem eu sempre quis, Liz. E ao mesmo tempo quem eu menos esperava em ter, porque... quando eu entrei naquele bar, mal imaginava que ia conhecer alguém como você.... É estranho... - ele diz - Mas, já me imagino com você... viajando, curtindo muito, fazendo milhares de coisas, não tendo rotina ou então sendo monótono... Eu quero isso, todos os dias algo novo.

Harry tira as maos do bolso e segura a minha.

Minhas pernas estão bambas, meu coração à mil e eu não sei o que fazer com as mãos. Então, seguro as mãos dele, de um jeito firme.

- E é você, Liz - ele fala - Aquela que quero me esperando pra um abraço apaixonado. Aquela que me espera e sempre conta os minutos dos meus atrasos sentada, lendo um daqueles seus livros que ficam na estante e você mal toca, esperando no nosso lugar... Na nossa casa. - eu só consigo sorrir, devo estar com meus olhos cheio de lágrima - você quem tem feito meu sorriso se abrir em dias nublados. Você, que invade meu sonho pra me fazer lembrar o porque de tanto te querer. Com você não farei promessas, e sim, planos... Aqueles planos de uma vida inteira ao teu lado. É com você, que eu quero passar o resto da minha vida. Na verdade uma vida que idealizo todos os dias de forma diferente. É com você, que eu imagino ter uma família, jantar com mesa cheia, no futuro você me fazendo lavar a louça ao terminar, enquanto você coloca as crianças pra dormir e depois ter uma noite inteira de amor do seu lado, com nosso jeito doido de viajar em pensamentos, deitados no chão da sala. - ele fala - E tantas outras coisas Liz...

Ele então, tira um saquinho de veludo vinho do bolso. A minha mão livre, vai até minha boca. E eu não consigo acreditar, meus olhos começam a deixar escorregar algumas lágrimas.

E de repente, tudo o que eu um dia soube sobre o amor, se desfez e algo novo teve espaço. Uma nova emoção, o algo que acendeu o meu coração de uma forma inexplicável.

Tudo o que eu sabia sobre amor, o que vivi com Shawn, o que aprendi até Harry aparecer na minha vida... Ficou pra trás, em um lugar ao qual eu mal sabia. Nesse momento, eu não lembrava de nada, muito menos que estava na tão sonhada torre Eiffel... Eu apenas enxergava ele.

Harry está me olhando, seus olhos verdes brilhando como duas esmeraldas iluminadas. Ele segurando minha mão e meus olhos ainda não acreditando no que vêem, mesmo que ele não tenha feito nada além de me mostrar o pequeno embrulho.

Ele seca uma lágrima que insistia cair.

- Isso pertenceu a minha avó e veio de geração em geração - ele fala abrindo o saquinho de veludo - Pode parecer meio cliché... Mas... Eu um dia, fiquei encarregado de passar ela adiante, passar pra alguém que fosse tão incrível em minha vida... Quanto a maioria das mulheres da minha família são. E claro que... na vida toda, achei que não ia conseguir passar adiante...

Ele então pega a aliança e me mostra, um lindo anel prata, polido, brilhante, com uma pedrinha de cristal delicada em cima.

Ele segura a mesma numa mão e a minha mão com a outra.

O sorriso do Harry, era maravilhoso, a cada palavra... seu olhar iluminando tudo. Eu não conseguia conter as lágrimas silenciosas que insistiam em descer.

- Algumas coisas podem ser incertas ainda. Mas você... É a certeza que eu tenho no meu coração. - ele então ajoelha na minha frente e de sua boca saem as palavras que eu nunca imaginei ouvir de alguém, pelo menos não agora - Liz Miller, você quer ser a certeza de toda uma vida juntos?

Meu coração travou, o mundo parou, meus olhos se inundaram de lágrimas, mas eu não me importava, tudo o que eu tinha, eram os olhos dele sob os meus.

Os olhos que aguardavam a minha resposta.

- Sim... Sim... Sim... Mil vezes sim! - digo e as lágrimas vem a tona.

Harry coloca a aliança em meu dedo, se levanta com o sorriso mais lindo do mundo.

Foi então, que meu coração não parou de bater, se duvidar, estava mais rápido que o trem que havia nos deixado em Paris.

- Eu te amo - ele diz e beija meus lábios.

Suas palavras ecoam em minha mente, seu beijo quente e calmo, ao mesmo tempo avassalador.

Suas mãos me ajuntam cada vez mais ao seu corpo, uma de suas mãos segura meu cabelo e meus braços se entrelaçam em seu pescoço.

Afasto meus lábios dos dele, deixando nossas testas grudadas.
- Eu te amo - digo sorrindo e ele aperta meus braços - Eu te amo, Harry.

Ele ergue meu queixo, arruma um fio que estava a frente do meu rosto, e limpa minhas lágrimas de felicidade.

- Ela é linda - digo olhando a aliança brilhante - obrigada por isso...

- Você merece o mundo Liz - ele diz - isso não é nada, comparado ao que você merece.

Dou um selinho em seus lábios e ele sorri.

- Eu esperei tanto tempo por isso - ele diz - pode parecer loucura ou... Eu não sei, eu só... Eu te amo, Liz.

- Eu te amo, Harry - digo e o beijo novamente.

Para muitos, são apenas palavras. Para outras, são as mais esperadas.

Mas essas, são as três palavras que podem mudar muita coisa.

O que no caso aconteceu comigo.

E mesmo que tenha demorado, entendo que nós não devemos nos preciptar em dizê-las ou simplesmente "dizer por dizer".

Elas vieram no momento certo, nesse momento, elas vieram carregadas de uma forma singela, carregadas do mais puro e sincero sentimento.

Três palavras. Um sentimento. Tudo isso, no tempo exato, mudando a vida de duas pessoas.

---


Notas Finais


Me belisquem! O primeiro eu te amo do casal Hiz, veio com um pedido delicado de casamento.

Amores, espero que tenham gostado. Eu custei à terminar, porque fiquei pensando em como fazer tudo isso ser simples, delicado, como um sonho  se realizar.

Espero que tenha conseguido.

Os comentários de vocês, são sempre muito fofos. Eu agradeço de coração. Agradeço o imenso carinho de vocês.

Essa semana, vou começar a ver como faço pra publicar o livro fisico, assim que eu terminar a fic.

Mas fiquem calmas, não vai acabar agora. Ainda tem umas coisas pra acontecer.

E antes de mais nada, obrigada de coração pelos 300 fav no Social Spirit. Eu quase desmaio vendo o número triplicar... porque eu mal esperava que pidesse chegar ao 100. E vocês fazem isso... meu sonho se realizar a cada dia.

Um passo de cada vez, em breve, seremos muito mais pessoas.

Ah... gostaram da versão de steal my girl? (Pra quem ouviu ne?) Eu estupro o play. Kkk porque ficou linda demais.


Espero que não sejam diabéticos, porque aqui veio um capítulo mais doce que La creme da cacau show.

Beijos e eu amo vocês!

Marea


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...