História 2 Moons - Jikook Version - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Jikook, Kookmin, Namjin, Seokjoon, Taeseok, Vhope
Visualizações 32
Palavras 1.555
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Fantasia, Ficção, Lemon, Romance e Novela, Saga, Slash, Universo Alternativo, Violência, Visual Novel, Yaoi
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Spoilers, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Olá sou eu de novo,
Queria deixar claro que talvez eu demore para postar pois adaptação é muito pesado. Optei por não mudar muito da história original, só algumas coisas mas em fim.

>Expressões Tailandesas<
Nong, para pessoas mais novas, sendo elas próximas ou não em sinal de respeito e consideração.
P', usado para pessoas mais velhas, sendo elas próximas ou não em sinal de respeito e consideração.
Resumindo é a relação Hyung(Oppa, Hunnie) e Dongsaeng tailandesa só que é usado para os dois sexos.

É isso boa leitura.

Capítulo 2 - 01 - Parte 1


Faltam  apenas duas semanas para as  aulas  começarem. Eu sou  um  calouro  do  curso  de  ciência.  Meu melhor amigo  Ai Hoseok é  calouro do  curso  de  engenharia.  Ele conseguiu  entrar por  uma admissão especial para  o  seu  curso,  enquanto  eu  entrei  com  o  sistema normal  de  admissão.

E o tal ele?  É  um veterano  do  curso  de  medicina. Estou  muito  animado  por ver  ele  novamente. Eu estou  apaixonado  por  ele  desde  o  ensino  médio  (eu sou  homem  suficiente  para admitir  que  gosto dele). Ele  é  um  ano  mais  velho  que  eu,  mas dificilmente  eu  o  chamo  de  P’,  na real  nós nunca conversamos.

O  que  eu  posso  dizer?  Ele  não  tem  nem  um  pouco  de  respeito. Ele  era um  estudante  mal, zoava  os  outros,  praticava  bullying. Mas ninguém  sabia que  ele  era  esperto  a  ponto  de  entrar  no  curso de  medicina. Ele  é  meu  crush desde  que  eu estava na  8º  ano  e  ele  no  9º. Agora  eu  sou  calouro  e  ele veterano.  Eu sou  um  dos  seus maiores  admiradores  e  esta  é  a  minha  missão,  estudar nesta universidade apenas para poder  vê-lo. Eu estou  tão  ansioso,  e  com  um  pouco  de  medo, pois  hoje  é  o  dia  da  minha  mudança para  o  meu novo apartamento,  perto  do  campus da universidade,  e  eu  ainda nem  o  vi. Você  se lembra do  seu  apelido,  Jungkook, significa  floresta, seu  nome  inteiro  é  Jeon  JungGuk .

- Obrigado,  eu  pego  isso. Eu  posso  cuidar disso.

Meu pai  mandou  alguns ajudantes, e  eles  foram  de  grande  auxílio,  mas agora tudo  o  que  resta  são  a minha  mochila  e  uma caixa  com  bonecos do  One  Piece. Eu  sou  um  homem  crescido,  mas parece  que meu pai não  concorda com  isso.

- Jovem  mestre,  se  você  precisar de  algo,  não  hesite  em  me  avisar  de  imediato,  me  ligue  a  qualquer hora, apenas  ligue!

- Muito  obrigado.

- E  por favor...

- Sim.

- Não  esqueça  de  ligar para  o  seu  pai - olho o ajudante falar enquanto pego a última caixa que levaria até  o  meu quarto.

- Obrigado,  mas não  se  preocupe. -- Meu pai  é  o  chefe  deles,  e  é  bem  sério  e  rigoroso,  por isso  toda  essa  preocupação  comigo  e  em  como ficarei aqui, assim  eles  estão  cuidando  b m de  mim.

Eu  sou  filho  único,  e  faz  algum  tempo  que  somos apenas eu  e  meu pai, por isso  eu  acabo  entendo  o  porquê  da superproteção  que  ele  tem  sobre  mim. Eu fico  esperando  os  ajudantes irem  embora até  me  virar  e  olhar para a  minha nova  casa. Eu quase  derrubo  meu boneco colecionável do  One  Piece  no  chão  (ele  é  bem  caro,  além  de  ser  o  meu favorito). Mas eu  não  consigo  acreditar!  Jeon Jungkook está  saindo  do  prédio  com  uma garrafa  de água. Ele  parece  cansado. O  Kookie, o  Kookie real.  A  minha missão  já começou  bem no  primeiro  dia  da  minha nova  vida. Eu  esperei este momento por  muito  tempo. Ele  cresceu desde a última  vez que  eu  o  vi, talvez uns 10  ou  20  centímetros. Ele  está  mais  musculoso, e  isso  dá um  ar  de  masculinidade  nele. Ele  está  mais lindo  do  que  nunca. Eu  quase  desmaiei e  não  consigo  suportar.  To  chocado. Eu não  esperava  o vê mesmo prédio  que  eu.... Meu Deus! Eu  to  chorando.

- Que garoto  mimado, tendo  ajudantes  para  a mudança. - Ele  está  fingindo  que  ta  falando  sozinho,  mas  eu sei  que   não  está.  E  ele  mora  no mesmo prédio que eu ele  está  falando  de  mim. Eu sei que  ele  é  um idiota.....  Um  lindo  idiota,  e  charmoso. Eu  me  aproximo  dele  tentando  esconder  meus  sentimentos,  e minha alegria de  estar perto  dele  e  falando  com  ele.

- Você  está falando  de  mim? - eu queria conversar  calmamente  com ele,  mas isso  é  tudo  o  que  consigo.

- Eu não  sei.  De  um  gato?  O  que  você  acha? - ele  vira  aquela  cara  maravilhosa  para  mim.  Ele  é  mais alto,  mas fica  parado  bem  em  minha frente.  Eu possivelmente  seja  uns 20  centímetros  menor que  ele?  Eu  não  sei exatamente​,  mas  ele  é  muito  alto.

- Você  parece  ser  um  garoto  mimado. Estou  te  avisando  para  parar de  contar  com  a  sua  família de  agora em diante. Viva por  você  mesmo. - como você  sabe?  Eu  lembro  de  você  sendo  o  valentão  da  escola, jogador de  futebol  e  viciado  em  vídeo game. Como  se  atreve  a  me  dar um  sermão  desses?

- Não  é  da sua  conta. - ele  se  aproxima  muito  rápido  e  quase  derruba  meu  colecionável.

- O  que  você  disse?

- Eu disse  que  não  é  da sua  conta. - ele  é  um  idiota.  Então, também  serei  um  idiota.

- Você  é  corajoso  baixinho.  Como  um  calouro  fala  com  um  veterano  dessa  forma?  Onde  está o  respeito? Qual o  seu curso?  Eu  irei  visitar o  seu  curso.

Eu não  sei se  ele  está  brincando  ou  não,  mas  me  parece  bem  bravo.  Mas eu  não  estou  assustado, na real, estou  bem  feliz. E  me  arrependo  de  não  dizer  que  senti  sua falta.  Mas  ele  acabou  de  me  chamar de baixinho?

- Eu não  sou  baixinho,  tenho  1  metro  e  70  centímetros.

- Eu sou  mais alto  que  você.

- E  daí?  Eu  ainda posso  te  socar. - minha boca grande  está descontrolada novamente.

- Que? -  ele  coloca a  garrafa  de  água no  chão  e  se  aproxima  de  mim  novamente.  Meu  coração  está  batendo muito  rápido  mas  ainda sedento  de  vontade  de  desafiá-lo  mais.

- Me  bata. - ele diz.

Você  ta  brincando?  Te  bater?  Nem  pensar.  Ele  aproxima sua face  de  mim, e  isso  me  assusta.  Eu consigo ouvir  meu coração  pulsando  tão  rápido  e  alto. Eu não  quero  te  socar.  Minhas  mãos estão  um  pouco tremidas. Eu gosto  dele,  mas esse  não  foi  um  bom  começo  para  o  nosso  relacionamento... Mas  eu tenho  minhas próprias  razões.

- Sai fora , não  vou  te  bater. - eu o  empurrei do  caminho  para  o  apartamento.

- O  que? - eu o  ouvi falando  atrás de  mim.  Depois  disso  eu  não  sei o que  aconteceu, porque  eu praticamente corri  para  o  meu apartamento  e  gritei  com  a cabeça no  meu travesseiro. Eu falei  com o Jeon Jungkook!!!





♠♠♠♠♠JK&JM♠♠♠♠♠






Em uma  cafeteria  no  campus:

- Eu não  sei  o  que  aconteceu. Você  me  conhece. Eu  sempre  fui um  idiota  com  ele  e  sempre  fofoquei muito  sobre  ele. Como  por  exemplo,  eu  lembro  de  um  dia  que  ele  não  lavou  o  cabelo,  e  estava  me deixando  lou co  por  que  eu  amava ele  daquele  jeito. Um  cabelo  tão  perfeito.  Um  dia ele  chegou  atrasado na escola e  eu  falei  mal dele  pelo  atraso,  mas  na  verdade  ele  estava  tão  sexy  correndo  daquele  jeito para a escola.  Eu o  achei fofo. Eu sinto  que  o  conheço  o  suficien te  para  falar daquele  jeito  com  ele.

- Cara,  você  ta tão  morto.

Ai Hoseok não  fala nada depois de  ouvir a  minha história. Meu  melhor amigo  é  quieto  e  um  imã de mulheres.  Muitas  delas  estão  vindo  direto  para  essa cafeteria  apenas para  poder  ficar  olhando  para  ele.

-Droga..... Eu não  sei.

Eu fico o tempo todo com meu rosto  em minhas  mãos. Eu arruinei  a  primeira  impressão  dele  sobre  mim  certo? Ninguém  faz isso. Ser  um  idiota  com  alguém  que  realmente  gosta. Que  merda  eu  estava pensando?

- Talvez tenha sido  uma  boa ideia. - meu amigo  fala  enquanto  beberica sua  bebida. Eu levanto  a  minha cabeça.

- Como  assim?

- Agora  ele  lembra de  você.  Você  pode  continuar com  esse  relacionamento.

- Que  merda  você  ta  falando?

- Você  é  esquentado,  nunca vai  conseguir falar docemente. Então  por ele  me  explica. Com o que  se  preocupar?

- O  que  ele  esperava  que  você  dissesse?  Sim  Kookie. Eu realmente  gosto  de  você. Vamos sair  juntos?  Boa noite  Kookie. Nem  mesmo  na  sua  próxima  vida. E  mesmo  que  você  seja  louco  para  fazer,  levaria três  dias para você  saber  o  que  falar. Não  estou  certo?

- Eu...

- Conversando  daquele  jeito,  você  conseguirá  falar com ele  tranquilamente.  Mesmo  que  ele  pense  que você  é  um  calouro  maldito.  Confia  em  mim Eventualmente,  ele  vai te  enxergar  do  jeito  que  você  é.  Ta me  ouvindo? - continua dizendo Ai Hobie.

- Que merda  de  lógica  é  essa?

- Se  você  acabar se  casando  com  ele,  me  compre  um  presente  de  agradecimento.- como esse  idiota  consegue  ser  tão  confiante? 

Eu  estou  balançando  minha cabeça, lembrando  da conversa que  eu  tive  com  Kookie mais  cedo. Não  me  importa  o  quão ruim  foi, eu  o  vi novamente,  e  isso  é  o que  importa certo?  O  que  eu deveria falar  para  ele  na  próxima  vez que  eu  o  vir no  prédio?  E  ai!?  Altão, estudando  muito?  Algo  do  gênero?  Não  é  uma boa ideia.

A tarde,  eu  me  juntei com  os  outros calouros do  meu  curso.  Eu lembro  de  alguns amigos,  mas  não  de todos. Dá  para  ver  claramente  que  mais da  metade  dos estudantes  são  meninas  na minha classe. E  a maioria  dos meninos são  afeminados. Eu  estou  sentado  na  área de  biologia,  que  é  a  minha favorita.  Nosso  curso  é realmente  grande .  Nós  estamos  ocupando  quase  todos  os assentos do  ginásio. Está  é  uma reunião  de  emergência.  Nada formal.  Então,  muitos de  nós  estão  vestindo  roupas confortáveis. Eu  vi alguém  usando  um  short  e  uma  camisa sem  manga.

- Boa tarde  calouros  de ciências.

- Boa tarde. - todos nós estudantes respondemos. 


Notas Finais


Digam o que estam achando nos comentários Nong's e P's, Unnie's, Oppa's, Saeng's...


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...