História 2 MOONS THE SERIES VOLUME 2 - Capítulo 4


Escrita por: ~

Visualizações 18
Palavras 4.088
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Ecchi, Ficção, Mistério, Romance e Novela, Saga, Violência, Visual Novel, Yaoi, Yuri
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Spoilers
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 4 - QUATRO


Fanfic / Fanfiction 2 MOONS THE SERIES VOLUME 2 - Capítulo 4 - QUATRO

 



  - WAYO -


 
- Yo! A tarde você não vai ter aula não é?
- Hã...não.
- Okay...então me espere que vou até aí te buscar.

 "Esse buro nem ao menos me deixou avisar que a Gangue dos Anjos de Fadas estão aqui ainda.
  Não temos aulas é verdade mas ainda assim temos um avaliação de química no laboratório 
  ainda hoje para prepararmos nosso material para as próximas aulas.

  Em poucos minutos ´Ming estacionou em frente ao edifício já vindo na minha direção sem
  nem se dar conta que agora ele era a presa para todos os demônios que existem aqui.

  Eu não me preocupava comigo já que praticamente passamos o dia inteiro juntos nas aulas. Bem,
  para ser honesto só o FA1 que de vez em quando tenta tocar o meu...amigão. Se não fosse por
  ele eu passaria praticamente despercebido por todo mundo do grupo."

- Os meus olhos estão me enganando ou, aquele é o ´Ming!?

 "E´Mon deu um aceno para E´Gordinho, seu rival. Droga, a última briga em que eles dois se
  envolveram foi justamente por causa de ´Ming e, agora ele estão outra vez aos tapas por 
  causa do meu amigo, sem que ninguém se atrevesse a tentar separar os dois. Por medo com 
  certeza de apanhar também."

- Só me diga que sou mais bonito! Prometo que vou te dar uma boa recompensa se você responder
  que sou.
 
 "Porque essa pergunta agora?"

- Eu não vou dizer nada.

  "´Ming não escolheu nenhum dois. Ele nem ao menos deu atenção aos meus dois colegas. Mas,
  isso não aplacou a briga entre os dois."

- É claro que ele não vai responder isso para você E´Gordinho e sabe porque? Por que apesar de
  eu ser menor e mais magrinho que você, eu sou o lindo, não é ´Ming!? Eu vou economizar muito
  para a minha cirurgia de silicone. Agora eu só tenho para os anticoncepcionais mas, espere
  e você vera.

- Você nunca vai ficar gostoso como eu. Nunca vai ter peitor bonitos e saltitantes como os meus 
  então, desista E´Mon!

- Eu vou dar na sua cara se você voltar a dizer isso para mim seu gordo!
- HÁ É!? Entao vêm! VÊM! PODE VIR!

 "Não se preocupem. Pode até parecer que eles saem no tapa de verdade mas, nunca passa de 
  
  uma brincadeira. Eles nunca se batem de verdade, nunca mesmo.
  
  Eu estava morrendo de rir da situação mas, ´Ming não sorriu uma única vez. Eu sei bem porque
  ele ainda esta assim. Talvez seja exatamente por isso que ele está aqui agora.
  Ele ainda esta mal por causa de P´Kit.

  Caralho...eu nunca o vi tão para baixo como ele está agora, nunca o vi assim por ninguém.
  Ele ficou com tantas garotas no ensino médio e eu sabia que era mais para se exibir para
  seus outros amigos. Inclusive muitos outros alunos diziam ter ficado com ele, tudo conversa
  fiada. Eram tantos boatos que eu já nem sabia o que era verdade e o que era mentira.

  Mas se têm uma coisa da qual tenho certeza é que ele nunca se importou com ninguém como ele
  se importa com P´Kit. Nem mesmo com suas exs-namoradas. Ele estava mais que triste, ele estava 
  a ponto de ficar deprimido.
  
  Ele ainda resistia à ideia de que P´Kit e P´Beam estão juntos. Ele não quer admitir isso
  de jeito algum.
  Eu não me atrevia a contraria-lo e nem deu minha opinão à respeito. Como um bom amigo, minha
  obrigação é estar ao lado dele, ouvi-lo e entende-lo. E eu o entendo de verdade porque ainda
  me lembro como ele estava ao meu lado quando era eu que vivia louco de ciúmes, pensando 
  com quem P´Pha poderia estar.
 
  Agora os papéis se inverteram e ele está no lugar que era meu. Eu sei como dói não saber 
  o que há no coração de quem amamos, não importa o que fassamos, a dor sempre nos acompanha."

- Você ainda vai demorar?
 "Finalmente ele mudou de assunto."
- Onde você quer ir?

- Faculdade de Medicina.

 "Eu fiquei emburrado no mesmo instante."

- Você sabe que eles têm aula o dia inteiro não é?
- Não me importo. Eu não tenho aula hoje.

- Okay eu entendi mas, porque você precisa me arrastar com você?
- Você é a desculpa perfeita. Eu posso dizer que você foi ver o P´Pha e que eu apenas te
  dei uma carona. Caso eu encontro com o "Casal de Namorados" P´Kit e P´Beam.

 "Porra! Esse..."

- Eu simplesmente não consigo aceitar isso Yo. Isso não pode ser verdade.
- Okay...então você vai perguntar na cara dele?

- Você poderia me dar uma ideia melhor droga! Você por acaso não é a Esposa de P´Pha?

 "Porra! Eu senti vontade de estrangular ´Ming por causa disso que ele disse."

- Só chegue e pergunte à P´Kit de uma vez. Você gosta dele e, se ele gosta de você
  também ele é a pessoa que deve dizer isso. Mas você têm certeza que quer ir lá agora?
  Ele está ocupado estudando.

- Sim, tenho certeza, quero ir agora.

 "Eu olhei para a Nova Lua da Universidade preocupado. Ele anda tão estressado que pode até
  fazer uma besteira. Eu sei perfeitamente o que uma pessoa ciumenta é capaz de fazer."

- Porra! O que eu faço da minha vida!

 "Eu continuei ouvindo os lamentos de ´Ming enquanto recebia meus livros para o laboratório.
  Andamos pelos corredores ainda conversando. A Gangue dos Anjos logo atrás de nós.
 
  Meus colegas da Faculdade que estavam no laboratório antes de nós ficaram surpresos ao dar
  de cara com ´Ming ali. Todos sabem que a nova Lua é da faculdade de Engenharia e a pergunta
  deles era "O QUE ´MING KUAN FAZ AQUI?" na faculdade de Ciências."

- Ele está a fim do Yo?

 "Eu ouvi esse comentário no meio do fluxo de alunos. Claro que alguém faria esse tipo de 
  pergunta."

- Você pirou!? Eu tenho certeza que eles são heteros.

 "Isso...ainda existem pessoas com pensamentos decentes sobre os outros."

- Okay...´Ming até pode ser hetero mas o Yo...nem pensar. Tá na cara que ele gosta de garotos.

 "Vão se foder porra! Por que as pessoas sempre acham que todo mundo assim é depravado? Eu só
 
  gosto de um cara apenas e não de todos os homens do mundo."

- Awnnn!

 "´Ming me puxou pelos braços a tempo de evitar que eu colidisse com outro aluno. Isso que
  dá por eu ficar tão preocupado com ele, a ponto de esquecer por onde piso. Mas o ponto
  mais importante de toda essa porra não é como ´Ming me salvou mas, de "Quêm" Ele me salvou.

  Era ele, o cara que encontrei no restaurante aquela noite. Sim, aquele mesmo que pediu meu
  número a poucos dias.
 
  Por quê eu sinto que de uma hora para outra nossos caminhos começaram a se cruzar com 
  frequência? 
  
  O jeito como ele olha para mim...me dá medo. Será mesmo que o número era para o amigo ou
  para ele mesmo?"

- Achei ele...!

 "Alguém gritou a poucos metros de distância atrás dele. Eram vários garotos. Todos alunos
  da Física."

- Hummm...então, você têm um novo "Guarda-Costas hã!?

 "Mas que...Ele sorriu para mim e...
  Nossa, ele é lindo demais e ainda mais gato quando sorri assim, todos os dentes brancos
  alinhados de forma perfeita. Mas ainda há algo sombrio nos traços perfeitos do rosto dele.
  Por quê sinto esse medo?"

- Nada mal hã? Você têm nada mais, nada menos que as duas Luas da Universidade para proteger
  você. Nada mal mesmo.

- Quêm é esse Yo?

 "´Ming perguntou atrás de mim."
- Eu...também não sei.

- Há! Sinto muito, deixe eu me apresentar. Eu sou Park, um dos estudantes de Física.
- Eu...vou indo ´Ming.

 "Eu empurrei o braço de ´Ming que estava agora na minha frente. Meu amigo ficou lá, parado,
  encarando esse cara estranho. Não poderia ser mais embaraçoso porque eles estavam 
  chamando a atenção na frente do elevador.
  
  Todos em volta, olhando curiosos para ´Ming e ´Park."

- YO!

 "A voz grave de Park atrás de mim provocou arrepios no meu corpo, petrificando meus passos."

- Eu já tenho...o seu número.
 
 "´Ming me encarou completamente confuso."
- Atenda quando eu ligar...entendeu?

 "Eu dei alguns passos para agarrar o braço de ´Ming para fugir dali o mais rápido possível.
  Eu estou certo. Esse cara é assustador.
  Eu não deveria julgar as pessoas de forma tão precipitada mas, o que acontenceu agora foi...

  Já deixei claro que não estou interessado nele. Que não quero ter nenhum tipo de contato mas
  ele continua me perseguindo. Se isso não é algo macabro eu não sei como chamar."

- MERDA!
 "Meu amigo quase gritou."

- Me diz...que porra foi aquilo!?
- Hã...eu não sei.

- Hahã! Eu vou vir aqui com um amigo para dar um jeito naquele cara.
- Cale a boca seu burro.

 "Eu repreendi ´Ming."

- Você pirou? Quer um motín entre as faculdade de Engenharia e Ciências agora. O quê? Você
  virou algum tipo de gangster, é isso? Não acontenceu nada, está tudo bem.

- "Esta tudo bem..." Espero que você tenha certeza disso porque,  sou apenas seu
  amigo e fiquei com ciúme...nem quero ver como vai ficar o seu P´Pha.

- Nossa! Isso foi lindo, estou tão comovido sabia? Eu vou ganhar um presente também?
- Hey! Não fique se achando demais, você não é lindo como meu KITKAT.
- Okay...já entendi.

 "Eu deveria me desculpa com ´Ming?"

- Então, o que vai fazer?
- Bom, eu...
  ***********
 
 "O celular de ´Ming tocou no bolso e ele atendeu no mesmo instante."

- Oi! Sim, pode falar. Hahã! Entendi...me perdoe eu, chego aí daqui a pouco. O nome é...
  Claro, P´Moowan.

 "Espere. Essa não é uma de suas exs? Tenho quase certeza que é ela. ´Ming vivia chamando ela
  de Teng."

- Okay, eu espero.
 "Ele desligou o celular respirando fundo."

- Estou ferrado!
- O quê foi?

- MooWan..ela está aqui.
- Têm certeza? Isso é sério?

- Sim, ela veio me ver, já esta aqui.
 
 "Porra, agora eu fiquei sem entender nada."

- Você fez algum plano com ela?
- NÃO!

- Okay então! Só vai atraz dela. Não deixe a garota de esperando.

 "Eu apressei ´Ming. Não é legal deixar uma mulher esperando."

- Não...não dá! Eu tenho uma gravação para a divulgação da Universidade. P´Forth vai acabar
  comigo se eu furar. Eu estou todo enrolado.

 "´Ming agarrou meus ombros para me obrigar à encara-lo."

- YO! EU TE AMO SABIA!?

 "Mais que porra esse têm? Minha nossa, o que eu senti ao ouvir isso do meu melhor amigo
  não chegou nem perto do que sinto quando ouço o mesmo dos lábios de P´Pha. Ele quer alguma
  coisa de mim, com certeza."

- Vêm comigo até a minha faculdade, eu te suplico!

  "Merda..."

 
               ....................................................................................................................................................................................


  "Assim que ´Ming estacionou o carro em frente a sua faculdade uma bela garota acenou de longe
  para ele. Caralho! Depois que MooWan entrou da Universidade ela ficou ainda mais linda.

  Um penteado bem feito preso em um rabo de cavalo combinava de forma perfeita com seu 
  uniforme elitista. Os cara da Engenharia estavam babando por ela, bom, a maioria dos caras
  menos ´Ming que já havia a alcançado.

  O contraste entre eles não poderia ser mais gritante. Ele parecia abatido mesmo olhando de 
  longe e ela no entanto, estava feliz e contente ao ve-lo. 
  Estava na cara dessa garota que ela ainda é caidinha por ele mas, ´Ming ainda era indiferente
  aos sentimentos dela."

- Por quê você não avisou antes que viria?
- Sinto muito...Eu já avisei à Wave que vou ficar em seu lugar hoje.

- Okay...bom, você lembra do Yo?

 "´Ming apontou para mim e eu apenas sorri para ela."
- YO!? Minha nossa senhora...você está tão lindo! Você é o Wayo mesmo?

 "Ela me fitou da cabeça aos pés, totalmente chocada. Ela parecia não crêr ainda que era mesmo
  eu."

- Hã...Sim, sou eu mesmo.

 "Eu apenas sorria achando sua atitude estranha."

- MooWan, fique um tempo com Yo, eu tenho que gravar um material para a faculdade agora.

 "Para isso que ele me arrasou até aqui? Fazer o quê...ele está tão deprimido que me
  recuso a brigar com ele. Isso não vai sair de graça. Ele vai ter que me levar ao
  Shabu mais tarde."

- Mas Tang! Eu não posso ir com você?

 "´Ming perguntou igual uma menina birrenta."

- Por facor ´Ming! Eu até matei aula para vir até aqui ver você.
- Bom, eu...
 
 "Ele estava queimando todos os seus neurônios para decidir."

- Então você vai me levar para jantar depois que você terminar certo?

 "Lá se vai o plano de ´Ming para ver seu P´Kit, coitado. Ele olhou para mim pedindo
  ajuda para decidir o que fazer. Eu apenas dei de ombros, deixando bem claro que era
  problema dele e não meu."

- Certo...acho que sim.
- Okay então! Nós vamos jantar!

 "MooWan agarrou o braço de ´Ming, atraindo ainda mais olhares curiosos agora. Que diabos eu
  estou fazendo aqui se, ela veio por ele apenas? Eu só coçei a cabeça tentando encontrar
  uma resposta enquanto olho ´Ming ser sacudido por sua ex-namorada e...espere!
  E o meu namorado!? Droga! Será que P´Pha já saiu da aula?
  .....
  Nada, ele não atende minhas ligações. Ele deve estar em sala de aula ainda.

- Hey...que bom te ver! Nem passou por minha cabeça que você viria aqui hoje.

 "P´Forth se aproximou de mim de repente."

- E quem é essa gatinha?

 "P´Forth olhou curioso para MooWan que está sentada não muito longe de mim. Ela só tinha
  olhos para ´Ming e nem se deu conta de que P´Forth disse isso."

- Amiga do ´Ming.

 "Eu disse enquanto ´Ming posava para a câmera.

- Ela é ex-namorada dele.
  
 "Isso eu precisei sussurar no ouvido de P´Forth."

- Caralho! Se a ex-namorada dele é essa, eu quero realmente ver quem é a atual. Deve ser ainda
  mais linda.

 "P´Forth respondeu se sentando ao meu lado.
  Eu imaginei o que P´Forth vai dizer quando P´Kit aceitar namorar com meu amigo. Será que a 
  definição de "Lindo" seria a mesma para ele?"

- O que houve ontem a noite? Seu celular estava sem rede?

 "Como eu vou responder isso à P´Forth? Não posso dizer que eu estava aos beijos com P´Pha na
  minha cama. Não posso dizer isso."

- É...mais ou menos isso.
- Têm certeza? Você parecia tão ofegante.

 "Droga! O que eu digo? O que eu poderia fazer se naquele momento minha boca estava sendo
  atacada? Beijo atrás de beijo, por todas as partes. Eu só baixei a cabeça evitando os 
  olhos de P´Forth."

- Esqueça...eu não deveria ter ligado para te incomodar.
- Não é nada disso P´Forth, eu só...
- Não precisa se sentir assim. O que posso fazer se ainda eu...

 "Ele ficou tão triste de repente. Droga eu me sinto péssimo agora. Eu não posso fazer nada
  para faze-lo se sentir melhor."

- Eu entendo ele...Eu faria o mesmo se estivesse lá.
- Ele...? Faria o quê?
- Marcar território.

 "Cada pelo do meu corpo se arrepiou com o que ele disse, todos mesmo."

- Quêm pode condenar o P´Pha? Olha para você...pele clarinha, esbelto. Seu corpo...nossa,
  é tão...sexy.

- SÓ EU POSSO DIZER ESSAS COISAS PARA O YO, SEU IDIOTA!

 "Me sobresaltei ao ouvir a voz de alguém atrás de nós. Quem mais seria se não P´Pha?
  Porra! Ele está tão furioso que sinto medo por qualquer pessoa que se aproxime dele
  agora."

- Como você ...alías, porque você está aqui P´Pha!?

 "Eu gritei para chamar sua atenção."

- O QUÊ!? PORQUE ESTÁ ASSUSTADO HÃ!? POR ACASO VOCÊ PLANEJOU TUDO ISSO? SE ENCONTRAR COM
  O FORTH ESCONDIDO!? FALE!

 "O olhar afiado de P´Pha estava na cara de P´Forth."

- Eu só estou, surpreso. Como você soube que eu estari aqui? Nem nos falamos por celular nem
  nada.
 
 "A expressão de P´Pha ficou estranha."

- Eu perguntei para um de seus amigos mas, por acaso você é assim com todos os seus amigos,
  como é com esse aí?

- Você foi mesmo atrás de mim na minha faculdade?
- Claro! Eu esqueci de levar meu celular para a aula de manhã. Fui atrás de você, te preocurei
  e olha que lindo, olha onde eu te encontro...todo atirado com Forth!

- Hey! Eu acho melhor você medir bem as palavras que saem dessa sua boca!

 "Porra! Agora foi P´Forth que abriu a boca."

- Eu queria com todas as minhas forças que Yo se joga-se em cima de mim mas, isso não acontenceu.
- O QUE FOI QUE VOCÊ DISSE!?

 "Eu precisei dar alguns passos e agarrar o braço de P´Pha. Ele avançou em direção à
 
  P´Forth com os punhos fechados. Deus...o que foi que ele comeu para estar tão forte e 
  irritado?"

- Por favor...se acalme P´.
  "Eu tentei acabar com sua raiva."

- Eu confio em você Yo mas...eu já disse que fico louco de ciúmes, não consigo
  evitar.  

- HAAA! Está com ciúminhos é?

 "P´Forth respirava ofegante como se fosse quebrar a cara de qualquer um também. Mais 
  que droga."

- Seu filho da...!!!
 "P´Pha quase escapou do meu aperto ao tentar avançar outra vez contra P´Forth mas..."
- VOCÊS DOIS! PAREM COM ESSA PORRA!

 "P´Kit surgiu de repente e se colocou entre os dois, apartando a briga."

- Olhem para si mesmo droga! Vocês dois sempre se deram tão bem e agora querem sair na
  pancada um com o outro por causa de mulher, aishiii...quero dizer, por causa de um cara.

- Ele fica dando em cima...
 "P´Pha guspiu aquela acusação encarando P´Forth."

- Ele que está sendo um babaca com o Yo.
 "Agora a acusação veio de P´Forth.

- Eu disse JÁ BASTA VOCÊS DOIS!

 "P´Kit tentava a todo custo fazer os dois pensarem racionalmente."

- ´Pha! Eu entendo que você está doido de cíumes mas, ´Forth não é do tipo que crava uma faca
  em alguém pelas costas e você sabe disso! E você Forth...
  
  Eu peço por favor que você tente se segurar quando estiver perto do N´Yo. Ele já têm dono ouviu?
  Ele é namorado do meu amigo então segura a onda.

 "Todo mundo ao redor estava em silêncio com o discurso de P´Kit. Eu me sentia um anão no meio
  do dois. Eu me sentia pequeno por ver dois cara que se davam bem, agora querendo acabar
  um com o outro por causa de mim. Eu me sinto mal e responsável por isso.

  Mesmo assim P´Kit estava certo em tudo que disse aos dois.
  ´Ming se aproximou. Sua sessão de fotos já havia terminado. Hvia várias pessoas onde estavamos
  mas ele só conseguia olhar para P´Kit.

  Estava estampado na cara dele a vontade de ficar a sós com P´Kit. Só MooWan que não estava
  entendo o clima entre os dois."

- Teng...você está bem? Você está cansado não é mesmo? Tome, beba um pouquinho de água.
 
 "Ela abriu a garrafa entragando a ´Ming.
  Os movimentos dela marcados agora pelos olhos de P´Kit. Eu podia ler nos olhos de ´Ming
  a expressão "MERDAAAA!

  P´Pha agarrou meu braço me puxando para longe do triângulo amoroso de ´Ming. Eu não tirei
  os olhos do meu amigo enquanto sou arrastado pelo meu namorado. Coitado de ´Ming. 
  Agora está em um dilema horrível.

  Eu desejei boa sorte balbuciando com os lábios. Eu também iria precisar já que estou em
  uma situação tão comlicada quanto a dele. 
  P´Pha soltou meu braço, respirando fundo, as mãos na cintura ao se virar para mim. Agora
  cara a cara comigo.
 
  Sozinhos, em uma varanda do edifício, sem ninguém para testemunhar. Não era exatamente uma
  briga entre dois caras que se odeiam mas, uma conversa séria entre um casal que se ama.
  Será que é menos perigoso?

- Olhe para nós dois agora hum...? Outra vez discutindo a mesma coisa, está vendo? Faz
  poucos dias que conversamos sobre tudo isso não foi? Mas olhe nós aqui outra vez YO!

 "P´Pha respirou de forma pesada, uma das mãos agora na teste, olhos apertados."

- Isso tudo é porque você é gostoso demais ou porque eu sou loucamente possessivo com você?
- Hã...eu não sei.
 "Eu realmentei não sabia o que dizer."

- P´Forth disse a verdade. Não fiz nada com ele. Nada mesmo. Eu nunca dei motivos para ele
  achar que...

- Exatamente por isso. É por isso que eu sou tão possessivo com você.
  ...
- Você não percebe? Olhe como você é atraente Yo! De uma hora para outra um monte de gente
  começou a se aproximar, a...dar em cima de você. Como eu não vou ficar doente de tanto
  cíume? Como eu não vou me sentir possessivo com você?

 "P´Pha se aproximou, deslizando seus dedos longos entre as mechas do meu cabelo."

- Ouça...quero que você use seus óculos amanhã ouviu!?
- COMO É!? NÃÃÃO! ELES SÃO FEIOS DE MAIS!

 "Eu cortei P´Pha no mesmo instante."

- Lembra que fui o único que olhou para você primeiro? Mesmo você usando óculos.

 "Eu não tinha argumentos fortes o bastante contra isso."

- Se você for fofo só para mim, já é o bastante. Não quero outro cara com os olhos em cima
  de você, okay?

 "Eu mal pude responder porque ouvi as vozes de alguém se aproximando. Eram P´Kit e ´Ming.
  Sem nem pensar duas vezes arrastei P´Pha para nos escondermos atrás de um armários 
  abandonado no terraço."

- O quê foi!?
 "P´Pha estava confuso."
- Eu quero ouvi-los P´Pha agora, fique quieto.
- Você gosta mesmo de se meter nas coisas dos outros não acha?

  "Mais que porra."

- Você não quer saber no que vai dar P´Pha?
- Claro que quero, ´Kit também é meu amigo.

 "Resolvido então, P´Pha não é tão diferente de mim, pelo menos nisso. 
  Eu estava tão atento na conversa alheia que fui pego de surpresa com o beijo de P´Pha na
  minha bochecha. Eu encarei ele naquele espaço apertado, levantando a mão em punho para
  soca-lo mas ele apenas deu de ombros como se não estivesse com medo de nada."

- A culpa é sua...Quêm mandou ser tão cheiroso?
 "Esse cara vai mesmo me provocar justo agora?"

- Eu não tenho nada para conversar com você!
 
 "Pelos deuses! P´Kit está furioso. O rosto dele era tenebroso como nunca vi antes. Ele sempre
  foi frio e desinteressado nos outros. Sempre tão, seguro em qualquer assunto. Mas agora, 
  não parece ele mesmo."

- Mas eu tenho muito o que dizer para você P´Kit!

 "´Ming respondeu de forma segura. Eu conheço bem meu amigo e, os olhos dele diziam
 
  tudo. O quanto o cara na frente dele era importante."

- P´Kit...
 
 "Ele segurou P´Kit pelo braço mas...meeeu Deus! P´Kit jogou o braço de ´Ming para longe
  de forma violenta. 
  Eu só fiquei de boca aberta...porra, esse cara é cruel.
  P´Pha ao invés de prestar atenção está...usando os dedos brincando com meu lábio inferior.
  Mais que porra...isso é hora para joguinhos?"

- Saía da minha frente...
 "P´Kit tentava fugir de ´Ming"
- Não, espere...onde você vai?

- Eu estou com pressa, saí!
- Pressa não é!? VOCÊ ESTÁ INDO VER O P´BEAM?

 "P´Kit ficou em silêncio. E o clima ficou tão estranho que até P´Pha largou seu joguinho com
  meus lábios para observar."

- SIM! EU VOU VE-LO!

 "A respota de P´Kit acabou com ´Ming. Coitado do meu amigo."

- Então...é verdade essa porra toda não é? Vocês estão mesmo namorando? Anda, me diz!?
  
 "Eu conseguia ver apenas o rosto de ´Ming. P´PKit estava de costas para nós, era 
  impossível ver suas expressões."

- SIMMMM!!! ELE É MEU NAMORADO!!!

 "´Aquilo foi como se um raio tivesse consumido a vida de ´Ming."
- Agora que você sabe a verdade, me esqueça! Pare de me incomodar.

 "Eu coloquei as mãos na minha própria cabeça, arracando alguns fios de cabelo. Eu não
  acredito. 

  P´Kit se foi, deixando para trás a linda Lua da Universidade, ainda 
  podiamos ouvir suas últimas palavras antes de desaparecer de vista."

- SUA LINDA NAMORADA ESTÁ TE ESPERANDO! VAI LÁ ANDA!

 "P´Pha segurou minha mão dando um suspiro profundo. Ele parece entender tudo que sinto
  sobre ´Ming, enquanto o observamos. Eu não posso sair daqui agora. Se ele souber que 
  ouvimos tudo assim, só vai se sentir pior.
 
  Será que os pecados dele são tão grandes para ser punido assim? Eu só conseguia sentir a
  dor do meu amigo. A tristeza dele.

- O QUE VOU FAZER AGORA? EU NÃO POSSO EVITAR ISSO.
 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...