História 30 Segundos de Coragem


Escrita por: ~


Sinopse:
Após ser diagnosticada com câncer, Alexia se vê sozinha. Ela perdeu os pais, o namorado e a vida tranquila que levava. Com todo o desgaste do tratamento e assombrada pela solidão, Alexia resolveu vencer seus maiores temores. 30 segundos de coragem era tudo o que ela precisava naquele momento, e Justin foi capaz de dá-la.
Iniciado
Atualizada
Idioma Português
Categorias Justin Bieber
Personagens Justin Bieber, Personagens Originais
Exibições 169
Comentários 9
Palavras 773
Terminada Sim

Fanfic / Fanfiction 30 Segundos de Coragem
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Romance e Novela
Avisos: Suicídio
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Lista de Capítulos

Capítulo
Palavras
1.
Capitulo Único
9
169
773

Gostou da História? Compartilhe!

Comentários em Destaque

Postado por ~charlottez
Capítulo 1 - Capitulo Único
Usuário: ~charlottez
Usuário
30 segundos. Eu acho que se cada um de nós tivéssemos 30 segundos de coragem para que pudêssemos fazer uma loucura. O mundo não seria como é hoje. Trinta segundos a cada dia que se passa, todos os dias para ser mais exata. Trinta segundos para poder fazer uma loucura sem pensar nas consequências. Sem pensar no que poderá acontecer depois.

Eu acho que se a alguns anos atrás, lá para os meus dezessete anos. Se eu tivesse esses míseros trinta segundos de coragem, muita coisa seria diferente hoje. Muita coisa não seria como é hoje.

Eu nem vou dizer que o Justin foi um super cavaleiro nessa oneshot né? Mesmo que ele tenha ficado sem a garota no final, ele sabe que ela foi feliz e que (prefiro eu pensar) ela também o amava. Apesar da solidão, da angustia e da dor de se estar sozinha.

Eu não vou dizer sobre sua escrita, porque você escreve demasiadamente bem. Que chega a me deixar constrangida de te-la deixado que lesse MR! Você escreve com palavras tão simples, mas que tocam até o último fio de cabelo. A forma como ela se foi feliz, completa e realizada.

O que trinta segundos de coragem não fazem em nossa vida, não? rsrs.

Você é muito boa e como dizemos em Portugal: Eres bueno en lo que hagas, nunca deja de hacer este arte.

"Você é boa no que faz, jamais deixe de fazer essa arte."

Com amor;
Lotte. 💜