História 365 Days - Capítulo 8


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Suga
Tags 365 Days, Min Yoongi, Romance, Suga, Yoongi
Exibições 41
Palavras 1.350
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Romance e Novela
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


gente, alguém pode por favor me ensinar a não fazer o yoongi fofo nessa fanfic? porque eu fui brincar e agora não sei mais parar... mas enfim, espero que gostem <3

Capítulo 8 - Fogo


Fanfic / Fanfiction 365 Days - Capítulo 8 - Fogo

        
        – Eu gosto de você Maria – suas mãos passavam pelo meu rosto enquanto ele me encarava admirado.
        – Eu sei, e olha só onde eu vim parar por causa disso – disse com uma risada sarcástica, mas Yoongi ainda me encarava sério.
        – Me desculpe, eu quis consertar inventando aquelas coisas para o manager, mas você ouviu e entendeu tudo errado. – ele disse desviando um pouco seu olhar para baixo.
        – Ei, eu realmente estava brava com você, mas você não tem culpa tanto quanto eu, nós não mandamos em nossos corações. – eu disse querendo atenção de seus olhos, e não demorou muito para ser atendida.
        – Então você sente o mesmo por mim? – ele disse ansioso pela resposta.
        – Bem... É... – ele não me esperou dizer a resposta, porque já sabia, e em um piscar de olhos com sua mão que estava em meu rosto ele me puxou e me beijou, nosso beijo era intenso, parecia que o mundo tinha parado e só estava focado em nós dois, eu podia sentir os batimentos do meu coração se acelerar na medida em que eu ficava mais ofegante, com a mão que estava em minha cintura, Yoongi subia e descia me fazendo carinho leve, confesso que eu esperava por aquilo desde o dia em que ele se declarou para mim e pela intensidade do meu beijo, ele mais ainda... Ainda com nossas testas coladas e olhos fechados, apenas aproveitávamos aquele momento.
        – Eu esperei muito por isso – era como se ele lesse meus pensamentos.
        – Eu também. – abri meus olhos lentamente e apenas o observei, sua pele clara e seus olhos castanhos estavam mais brilhantes do que nunca, o deixando mais bonito, se isso ainda era possível. Com um barulho de estalo, as luzes do elevador se acenderam, olhei para um pequeno relógio digital que havia em cima dos botões do elevador e nem me dei conta que estávamos ali por trinta minutos. Sai de cima de Yoongi que se levantou e logo em seguida estendeu sua mão para que a pegasse e me levantasse também, não queríamos correr o risco da porta se abrir e estarmos daquela maneira, já havia problemas demais.
(...)
        – Então o manager não te despediu? – Jin me olhava e saltitava, demonstrando a felicidade que sentia através de seu corpo.
        – Eu sabia que o Yoongi iria dar um jeito – Yumi me apertava sem parar me fazendo até me faltar um pouco de ar, e logo em seguida foi para o rumo de Yoongi que recuou levantando os braços como se não gostasse de abraços.
        – Yoongi sendo ele mesmo. – Jimin sorria assistindo a cena que se tornava engraçada na medida em que Yumi sem se importar abraçou Yoongi mesmo assim, que revirava os olhos.
        – A verdade é que só com a Maria que ele é um amorzinho, com a gente é só grosseria. – Jungkook tomava mais um gole da sua água que parecia ter saído do refrigerador agora.
        – isso não é verdade – Yoongi tentava retrucar.
        – Vou ser obrigada a concordar com o Kook – Hoseok se sentava no chão ofegante limpando com uma toalha pequena, parecia que estava treinando antes de chegarmos à sala.
        – Você não vai embora, não é Maria? – Yumi mudava o clima do assunto ficando séria aguardando pela resposta.
        – Bem, eu conversei com o Yoongi – olhei para a sua direção – e decidi ficar. – Sorri.
        – Que bom que os pombinhos se entenderam – Rap Monster dizia modificando sua voz, fazendo com que todos em sua volta caíssem na gargalhada, naquele momento eu observei todos eles, em tão pouco tempo, Bangtan já tinha se tornado minha segunda casa, os meninos eram como irmãos para mim, Yumi minha melhor amiga e Yoongi... Bem... Ainda não sei o que somos ou seremos daqui para frente, acho melhor deixar o tempo decidir.
        – Bom, mas vamos logo começar o ensaio porque essa coreografia não vai ficar pronta sozinha, e ainda tem o novo MV que vai ser gravado daqui poucos dias. – Yumi falava animada, enquanto todos observavam a garota que parecia tão mandona naquele momento.
        – Pode deixar baby – com uma piscada para Yumi, Jimin passava perto dela finalizando a frase, deixando ela sem reação, ela não era de ficar tímida tão facilmente, mas Jimin conseguia arrancar isso dela.
        – Ela gosta dele – cochichei baixinho no ouvido de Yoongi que tentou não se mostrar surpreso pelo o que eu havia dito, mas foi sem sucesso.
        – Olhando agora, dá para perceber mesmo – ele me dizia sem tirar seus olhos de Yumi, que atraiu a minha atenção curiosa, fazendo com que eu notasse suas bochechas vermelhas.
        – Eu quero fazer uma operação cupido, você me ajuda? – eu disse ansiosa pela resposta
        – Claro! – Yoongi disse com um olhar animado.
        – Operação cupido – eu disse em meio a risadas.
        – Mas vamos logo ensaiar antes que... – olhei para Yoongi
        – Antes que eu te beije de novo – ele disse olhando em meus olhos, me deixando um pouco surpresa e corada.
        – Bom, vamos... – tomei um gole de água da garrafa que em segundos veio parar em minhas mãos, o nervosismo contou um pouco com isso então eu apenas tentei disfarçar minha surpresa.
        Ensaiamos como sempre fazíamos. Essa era a ultima semana para a gravação do MV e estávamos correndo a todo o vapor, em uma semana vamos pegar fogo, literalmente, o nome da musica se chama “Fire” e está simplesmente de arrepiar.
        – E cinco, seis, sete e oito... – concentrada eu tentava organizar os passos em minha mente e representando em meu corpo.
        – Chega Maria, você já repetiu isso milhões de vezes. – Taehyung dizia ofegante deitado no chão junto com os outros que estavam cansados devido ao ensaio que já havia terminado, mas eu precisava praticar mais e mais, eu quero apresentar algo bom, algo que eu me orgulhe. Eles me observavam enquanto eu repetia os passos mais e mais vezes, todos já estavam esgotados, não conseguiam me acompanhar, então eu continuei sozinha, e em meio aos meus passos, senti algo molhado escorrendo do meu nariz, automaticamente tentei limpar e quando percebia, era sangue, minha vontade de melhorar cada vez mais é forte, mas meu corpo tem limites e nesse momento minhas vistas se escureceram. 
        – MARIA! – já no chão, consegui ver Yoongi correndo em minha direção e simplesmente tudo ficou escuro. 
(...)
        Acordei e bem lentamente consegui abrir os olhos, olhei ao redor e consegui ver que estava no dormitório, como eu havia parado ali, não me pergunte, também estava tentando lembrar a resposta, mas minha cabeça estava doendo tanto e meu corpo estava cansado, podia sentir minhas pernas agradecerem por estar deitada naquele momento então não conseguia me lembrar, escutei o barulho da maçaneta girando que atraiu minha atenção para a porta e Yoongi cuidadosamente a abriu.
        – Até que enfim você acordou. – Yoongi dizia se movendo até perto de mim.
        – O que aconteceu? – eu perguntei ainda meio confusa, apesar de já estar me lembrando.
        – Você desmaiou e então te trouxemos para o seu dormitório, já chamamos o médico e ele disse que foi devido ao ensaio intenso de hoje, você exagerou Maria, eu fiquei preocupado. – pegando em minha mão, ele falava sério olhando em meus olhos.
        – Acho que exagerei um pouco – elevei minha mão até minha cabeça que ainda doía um pouco. – Mas eu precisava melhorar. O MV está chegando Yoongi, é muita preção, não quero desapontar vocês e muito menos a empresa, preciso fazer um bom trabalho e além do mais... – Yoongi me interrompeu segurando meu rosto com suas mãos.
        – Você é incrível Maria, não se preocupe você vai conseguir, eu estou aqui com você – e sem pensar duas vezes, eu simplesmente o abracei e pude perceber lágrimas caindo do meu rosto, devido à gravação do MV estar chegando, eu estava me sentindo muito pressionada, precisava desabafar com tudo isso e tentei fazer isso com meu corpo, mas ele não é de ferro, e isso resultou em um desmaio por exagerar demais, e nesse momento, nesse exato momento eu precisava desabafar com alguém, e como se Yoongi lesse meus pensamentos, ele estava aqui, estava se mostrando estar comigo, isso significou muito para mim e não sei se é cedo demais para dizer isso, mas eu acho que estou me apaixonando por ele.


Notas Finais


pois é minha gente, Maria está começando assumir que realmente gosta de yoongi, mas algo me diz que a empresa não vai aceitar isso muito bem.
beijos
e até o próximo capitulo.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...