História 365 days of fucks - Capítulo 3


Escrita por: ~ e ~magpulta

Postado
Categorias Cameron Dallas, Magcon, Nate Maloley, Vanessa Hudgens
Personagens Cameron Dallas, Personagens Originais, Vanessa Hudgens
Tags Cameron Dallas, Drama, Magcon, Romance
Exibições 182
Palavras 740
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Crossover, Drama (Tragédia), Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oi gnt, voltei com mais um capítulo.
Muito obrigado por todos os favoritos, estamos muito felizes com o resultado ❤

É a Mel (magpulta)

Boa leitura!

Capítulo 3 - Chapter three


– Maya, minha vida não é fácil. Eu convivo com gente falsa todos os dias, e eu tenho que fingir sorriso para as câmeras, pois não posso aparecer mal diante as câmeras. Estou ganhando um monte de inimigos e para piorar, estou sendo traído da pior forma pelo meu "melhor amigo". - Cameron disse.

– Acho que você não deveria ligar para o que as pessoas dizem e sobre seu amigo, se está te traindo É porque ele nunca foi seu amigo. E porque você voltou? Achei que nunca mais iria ver você. - eu disse.

– Não deveria ter voltado? - respondeu.

– Se você não quiser uma boa noite de sexo comigo, você não deveria ter voltado. - sorri de um jeito safado e o encarei.

Ele sorriu de um jeito bem mais safado, me deu um envelope que havia mil dólares, disse que voltaria depois e como sempre eu esperaria e estaria aqui quando retornasse. Mesmo não tendo rolado nada entre mim e Cameron, ele fazia questão de me pagar só pela nossa conversa. Ele dizia que eu precisava daquele dinheiro e estava perdendo clientes bons por causa dele. 

Levantei da cama e fui tomar banho, quando saí do banho, só de toalha, avistei Nate deitado na cama só de cueca.

 – Está fazendo o que aqui? - perguntei retirando a toalha do meu corpo.

– Vim brincar, loirinha. Está disposta? - ele disse me puxando em direção ao seu corpo.

Começamos a nós beijar e ele abaixou minha cabeça em direção ao seu pau e rapidamente comecei a chupá-lo. Em seguida, Nate me pôs deitada e começou um belo oral em mim. Eu levantei e fiquei de quatro. Ele rapidamente enfiou o seu pau de uma forma violenta, me causando altos gemidos. Os movimentos estavam ficando mais rápidos até que ouvimos o som da porta abrindo e quando nós viramos para olhar, estava Nina para com uma cara de puta da vida. Nate levantou e Nina começou a gritar.

– Que porra é essa? - Nina gritou, furiosa.

– Sai daqui! - Nate gritou.

– Não vou sair. - Nina retrucou, chorando.

– Se situa, Nina. Você é apenas mais uma puta, eu que mando nessa porra! - disse Nate, expulsando Nina do quarto.

Confesso que a vontade de rir era mais forte que eu, mas me segurei ao máximo. Nate veio em minha direção, deu um tapa em minha bunda, sorriu e disse...

– Depois eu volto, loirinha. - Nate disse e saiu.

P.O.V NINA

  Maya me paga, eu juro que vou me vingar! Aquela bacia dando pro cara que eu quero e sabe que eu gosto dele. Ela vai me pagar! Eu odeio essa vadia! Demore o tempo que for, eu vou me vingar!

P.O.V MAYA 

    Levantei, me vesti e voltei para o bar. Avistei Nate sentado e me sentei em seu colo fazendo um leve lap dance.

– Vai com calma, loirinha. Tá querendo segundo round? - disse sorrindo maliciosamente.

    Eu apenas sorri e o beijei.

Levantei e fui em direção a um dos quartos, quando esbarrei com Lauren e Jade.

Lauren é loira, tem seios enormes, branquinha. Tem 19 anos, uma das mais velhas do grupo. Jade é a mais exótica, tem o cabelo rosa chamativo, e por incrível que pareça, os clientes gostam. Tem 20 anos, a mais velha. Nós éramos muito amigas e aliadas, confiávamos muito uma nas outras. Jade, mesmo com poucos anos de diferença, nos tratava como filhas. Ela era a mais responsável.

– Meninas, amanhã é dia de folga. Vão para casa descansar! - disse Nate com um tom de cansado.

Fomos para casa e fomos direto para o banho, todas juntas. As vezes, eu e as meninas nos pegamos e hoje foi um desses dias. Eu e Lauren fomos para o banheiro primeiro e eu senti no seu olhar a maldade, mas estávamos em silêncio. Fui chegando mais perto dela e senti seu corpo quente. Começamos a nós beijar intensamente e senti seu corpo arrepiado, penetrei dois dedos em sua vagina e o silêncio foi interrompido.

– Chupa! - ela disse já gemendo.

Nesse momento, Jade entrou no banheiro e viu aquela cela, tirou a roupa e entrou na brincadeira. Ela deu um beijo empolgado em Lauren e eu fiquei com tesão só de olhar. Enquanto eu chupava e estimulava o clitóris de Lauren, Jade lambia os enormes peitos dela com uma vontade indescritível. Lauren gozou bem gostoso na minha língua e então, tomamos um banho e dormimos todas juntas.


Notas Finais


Esperamos que tenham gostado, bjs e até mais...


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...