História 4Ever - Jin (BTS) - Capítulo 11


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jin, Personagens Originais, V
Tags Bangtan Boys, Bts, Imagine, Jin, Kim Seokjin, Shoujo
Exibições 99
Palavras 1.072
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Ficção, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Insinuação de sexo, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Leia ouvindo Butterfly

Capítulo 11 - Fim...


Fanfic / Fanfiction 4Ever - Jin (BTS) - Capítulo 11 - Fim...

= 3 anos depois =

Já se passaram 3 anos des do nascimento da Soljie, amanhã será o aniverário dela. Você e Soljie estão vendo pela TV um show do BTS, ao vivo. Soljie deita a cabeça no seu colo.

-- Omma, quando o Appa vai chegar? Estou com saudade já... - Disse Soljie.

-- Quando o show terminar ele vem. Não se preocupe ele já está chegando. - Você diz.

Soljie sorri e adormece com você fazendo carinho nos cabelos castanho claro dela. Você a pega no colo e a leva para a cama dela. Depois desliga a TV, deita no sofá e coloca "Awake" para tocar enquanto espera Jin chegar. Você acaba adormecendo. Depois de um tempo você sente um beijo na sua testa, é Jin.

-- Oi meu amor. - Você diz, sorrindo.

-- Oi Pequena, não queria te acordar. - Diz Jin.

-- Appa? - Diz Soljie, escorada na porta da sala de estar, esfregando o olho.

-- Oi minha Princesa! - Ele diz, pegando Soljie no colo, ambos sorrindo.

-- Eu já estava com saudade! - Diz Soljie.

-- Eu também Princesa! - Diz Jin.

Você se levanta e vai até os dois.

-- Soljie, eu sei que queria ficar mais tempo com seu Appa mas já passou da hora de ir pra cama! - Você diz.

-- Eu levo ela pode deixar. - Diz Jin.

Você vai pra sala de estar, guardar a mochila de Jin, depois vai ao quato de Soljie e vê Jin deitado ao lado dela, cantando Just One Day. Você sorri ao ver a cena, Jin levanta com cuidado para não acordar Soljie e vai até você, pegando você no colo de um modo com que você fique com a barriga no ombro dele.

-- Jin! - Você diz, sussurrando.

Ele leva você até o quarto de vocês e a joga na cama.

-- Vamos dormir ou você quer se divertir um pouco? - Ele diz com um sorriso malicioso.

-- A Soljie pode acordar. Vamos dormir. - Você diz se ajeitando na cama.

Ele deita a seu lado, fazendo biquinho, o que faz você sorrir. Vocês adormecem. O despertador toca e você acorda, faz sua higiene, e só então percebe que Jin não está na cama. Você vai proculá-lo no quarto de Soljie e não encontra nem ele, nem ela. Você vai para a cozinha vê os dois fazendo um guerra de farinha. Aquilo lembrou você do dia que vocês se conheceram e você sorriu. Ao ver você Jin para o que está fazendo.

-- A Soljie que começou! - Ele diz.

-- Foi o Appa que jogou farinha em mim primeiro! - Diz Soljie.

-- Não interessa quem foi! - Você diz, fingindo estar brava.

-- Soljie... Corre! DASHI RUN RUN RUN! - Diz Jin.

Eles começam a correr e você vai atrás deles. Você consegue pegar Soljie e começa a fazer cócegas nela. Depois ela te ajuda a pegar Jin. Vocês o derrubam no chão.

-- Você que vai limpar a cozinha! - Você diz.

Você sem perceber, está sentada no membro de Jin, que agora está ereto. Fazendo ambos corarem.

-- T-tá! E-eu posso ir agora? - Ele diz envergonhado.

-- P-pode! - Você diz, saindo de cima dele.

= Horas Depois =

Vocês estão arrumando as coisas para o aniversário da Soljie. Será em casa mesmo e vários familiares vão ir. Jin está fazendo o bolo e você e Soljie estão arrumando a casa. Vocês terminam, as pessoas começam a chegar e a festa começa. Foi uma festa divertida. Você e Jin se despedem do último familiar a a sair. Jin arruma a casa enquanto você ajuda Soljie no banho. Quando terminam, Soljie já está na cama dormindo e você vai até Jin, abraçando ele por trás.

-- Foi uma ótima festa... - Você diz.

-- É... - Diz Jin, com voz de choro.

-- Jin, você está bem? - Você diz, indo para a frente dele.

JIn está chorando.

-- O que aconteceu? - Você diz, preocupada.

-- Lembra daquele dia, que eu estava em Nova Iorque, numa chamada de vídeo com você? - Ele diz.

-- Sim, o que tem esse dia? 

-- Naquele dia eu tinha recebido uma notícia. Disseram que esse ano eu vou para o exército... Uma guerra estourou e eu vou ter que ir mais cedo...(Autora: Pra quem não sabe: o Jin vai ir para o exército em 2020. Se ele morrer lá eu vou nadar até a Coréia do Sul e bater tanto nele que ele vai ressucitar u-u)

-- Mas... Por que está chorando agora? Você vai no fim do ano não?

-- Não... Era para eu ter ido hoje mais cedo, mas queria comemorar o aniversário da Soljie...

-- Ai meu deus...

Você começa chorar e abraça Jin.

-- Eu não sei o que eu faria se você morrer lá! - Você diz.

-- Eu não sei o que eu faria se eu nunca mais pudesse te ver, te tocar, sentir o gosto dos seus lábios outra vez! - Ele diz.

-- Por favor não morra! Se você morrer eu te mato! 

-- Eu não vou morrer!

-- Espero mesmo que não!

Vocês se beijam.

-- Eu tenho que ir...

-- A-agora?! O que eu vou falar para a Soljie?  

-- Fala pra ela que eu a amo e que o Appa vai ser um herói. Eu te amo S/N, sempre vou te amar. 

-- Eu também te amo Jin! 

= Um Tempo Depois = 

A guerra terminou e a Coréia do Sul saiu vitoriosa. Você está com Soljie, vendo um filme até que a campainha toca. Você sai correndo para abrir a porta na esperança de ver Jin, mas quando abre, está dois homens fardados.

-- Senhora Kim? Esposa de Kim Seokjin? - Diz um deles.

-- Sim, sou eu... - Você responde.

-- Sentimos muito pela sua perda... - Eles dizem, tirando o chapéu depois indo embora.

Você cai no chão, chorando. Soljie corre até você.

-- Omma! Por que está chorando? - Ela diz.

-- S-seu Appa... Ele... Ele... Ele não vai mais voltar... - Você diz.

-- Não... Não! - Ela diz e logo começa a chorar em seus braços.

Vocês ficam ali, no chão, com a porta aberta, chorando. Jin foi um  ótimo amigo, namorado, marido e pai. Maa infelizmente, a vida não foi boa com ele, nem com você e sua filha...

 


Notas Finais


Desculpem por fazer pequeno ;-;
Gentee o fim dessa história linda q eu amei fazer ;-; Desculpem o fim triste ;-; Mano eu chorei escrevendo isso ;-; Slk até eu to me odiando agora... Desculpem mesmo meus Liendos ;-;
E me desculpem pela demora também...
E muito obrigado pelos 53 favoritos <3
Amo muito todos vocês <3
Fiquem com minha fic nova com o JoãoCu <3
https://spiritfanfics.com/historia/a-psycopath-love--jungkook-bts-6796250

Bjs meus Liendos <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...