História 50 tons de cinza(kaisoo) - Capítulo 9


Escrita por: ~

Postado
Categorias EXO
Personagens Baekhyun, Chanyeol, D.O, Kai
Tags Kaisoo
Exibições 110
Palavras 2.771
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Yaoi
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Me Desculpem pela demora ,minhas escola esta fechando as notas e quase não estou tento tempo, me desculpem mais uma vez mais aqui esta mais um cap

Capítulo 9 - Não toque em mim


Fanfic / Fanfiction 50 tons de cinza(kaisoo) - Capítulo 9 - Não toque em mim

-POV KYUNGSOO-ON

 

-Você não pode me tocar-diz Jongin com um sorriso malicioso se retirando da sala de Kyungsoo e deixando menor completamente ofegante e com certo calor por conta do que acabará de acontecer em sua minúscula sala o que fez o ar ficar rarefeito.

´´Logo após Jongin sair de minha sala me deixando completamente ofegando com que acabará de acontecer ,fico perdido em meus pensamentos lembrando de seus toques e de seus olhares cheios de malícia, suas mãos deslizando sob minhas coxas , me arrepio ao recordar. Sou tirado de meus pensamentos quando alguém passa em frente a minha sala.
- você esta bem ? . –diz a secretaria.

- S-Sim, estou bem  obrigado por perguntar-diz kyungsoo ainda ofegante.

Demoro um pouco para voltar a me concentrar no trabalho, a cada leitura não fazia ideia do que estava lendo , pois não conseguia parar de pensar em meu chefe. Felizmente , notei que isso me ajudaria na composição do livro, algo que não me fez reclamar , pois se ele fizesse isso com mais frequência iria me ajudar mais ainda, não e mesmo? Que ajuda eu teria não reclamaria nunca mas da minha vida de escritos de livros eróticos  e acho que meus leitores iriam gostar ,e eu de sentir seus toques sobre minhas coxas, minha ereção era visível ,meu membro pulsava, e já esta me tocando e sem perceber .

 Em minha mente só me vinha seus olhares , eu já estava me tocando , já estava começando a gemer mais alto , não me deu conta de que já  estava segurando meu membro em minhas mãos , a cada movimento era um suspiro com um (aah) , não demorou muito ate que senti um meu pré-gozo escorrendo por minhas mãos aquele liquido branco , eu sei que o que eu estou fazendo e errado , mas aquilo é tão gostoso. Fiquei um tempo fazendo o mesmo movimento, até que me senti um pouco satisfeito porem, seria bem melhor se não fossem as minhas mãos e sim as dele , seria mais prazeroso se fosse ele quem me fizesse gemer me fundendo nessa mesa de escritório e os funcionários escutando meus gemidos causados pelo nosso querido diretor Kim jongin realmente seria mas interessante se ele me visitasse assim mais vezes. Recuperei minha compostura , limpei o liquido de minhas  mãos e logo tratei de arrumar . Estava abotoando minha camisa quando a porta e aberta e vejo meu chefe parado olhando para mim novamente com aquele seu olhar malicioso, fiquei realmente aliviado por ele não ter visto tal cena .Notei que ele estava observando minha camisa , que ainda não estava completamente abotoada.´´
- Você quer ir agora tomar um café comigo ?Precisamos conversar em particular- diz Jongin serio

-Sim senhor Kim –diz kyungsoo abotoando a camisa e sorrindo .

 

´´Notei que quando estávamos a caminho da cafeteria Jongin estava serio , não de seu modo habitual mas serio como se fosse termos uma confessa realmente profissional , o que me deixou um pouco intimidado. Ao chegarmos a cafeteria , ele puxa uma cadeira para mim sentar e logo se senta a minha frente.´´
- Tenho que perguntar , como ou quando começou a se interessar por Literatura ?-diz  jongin com um sorriso forçado

´´Percebi que essa não era de fato a conversa que iriamos  ter , também notei que seu sorriso era forçado , entretanto eu respondi sua pergunta.´´
 

- Desde de que aprendi a ler , pois meus pais achavam importante eu ter noção sobre a nossa Literatura .

- Isso e ótimo, pois afinal são poucas as pessoas que interessam sobre o assunto –diz jongin.
 

- Por favor senhor Kim , vá direto ao assunto , pois sei que não estamos aqui para falar sobre mim.-diz Kyungsoo sério.

- Tudo bem , vamos direto ao ponto . De fato , não estamos aqui para falar sobre você ou sobre mim e sim sobre nosso relacionamento .- diz jongin.

- Re-relacionamento senhor Kim?-diz Kyungsoo gaguejando.


-Sim, creio que o que o que aconteceu hoje não deve se repetir . Devemos ter um relacionamento profissional , você consegue entender isso ? Eu não faço bem pra você –diz Jongin.

- Eu entendo senhor , o que não entendo e que mal e esse que você me faria . – diz Kyungsoo colocando suas mãos em cima das de Jongin , o que o faz recuar.


- E a ultima vez que lhe aviso , não me toque . – diz Jongin se levantando e Kyungsoo faz o mesmo.

- Eu não entendo o porque se aproximou se não queria nada,esse foi meu ultimo erro SR KIM .- diz Kyungsoo serio .
 

´´ Após dar a ultima palavra , me viro rapidamente  sem permitir que Jongin respondesse . Saio do estabelecimento indo em direção a rua , quando ouço um forte apito de buzina e sinto algo rapidamente puxar   minha cintura . Aconteceu rápido de mais não tinha noção que sair tão rápido da cafetaria que não vi um carro em minha direção. Ao me vira percebo que é  Jongin que me puxou rapidamente ´´

 

-Não seja tão descuidado –diz jongin irritado

 

-Por que você se importa , afinal que se ver longe de mim,realmente você me causa o mal –diz Kyungsoo tremendo e irritado

 

-Não faça isso de novo ,não quero que você se machuque –diz Jongin mostrando preocupação .

 

-Agora você esta preocupado com meu bem esta –diz Kyungsoo ainda irritado.

 

-Pare com isso , pois já esta ficando ridículo –diz Jongin perdendo a paciência com o menor ainda em seus braços.

 

- O único ridículo é você e esse seu comportamento esta me deixando louco e confuso ao mesmo tempo-diz Kyungsoo virando – se e indo embora até sair da vista de Jongin.

 

´´ volto com muita raiva do que  acabara de acontecer com o ´´Sr não me toque ´´  e caminho ate a  empresa e na qual eu entro  e subo pelo elevador, caminho ate minha sala e bato minha porta com toda a minha raiva que estou sentindo . Esqueço tudo que aconteceu e me foco em meu trabalho ate o anoitecer e estou sozinho no escritório, quando Baekhyun me liga avisando de uma festa que ira acontecer essa noite e que ele e Chanyeol irão me buscar na empresa e vou ao banheiro tirando meu camisa para pegar outra que esta na minha sala para  me deixar mas apresentável  e volto a minha sala ,sem camisa pois a mesma estava em minhas mãos e sinto alguém me olhando mas não vejo ninguém  entro na minha pego minha outra camisa que tinha levando e começo a vestir quando vejo que Chanyeol já chegou . Ainda estava abotoando a camisa quando Chanyeol se oferece para me ajudar.

 

-Quer ajuda Soo?- diz Chanyeol sorrindo

 

-Aceito sim –diz Kyungsoo retribuindo o sorriso

 

- então vem aqui –Diz Chanyeol puxando Kyungsoo pela cola da camisa ,fazendo o menor se aproximar do mais alto.

 

-Obrigado pelo ajuda Channy – diz Kyungsoo sorrido

 

-Vamos então ?-diz Chanyeol pegando na mão de Kyungsoo o levando para o elevador  e o abraçando por traz .

 

-Parece nervoso-Diz Kyungsoo para o maior e o maior inclinando a cabeça para o ombro de Kyungsoo e diz no ouvido do menor .

 

-Baek esta me deixando muito nervoso Soo,o que eu faço?-diz o maior um pouco corado

 

-Seja você mesmo ele gosta de você –diz kyungsoo inclinado a cabeça para traz colocando no ombro do maior e diz no ouvido do maior e as portas do elevador se fecham .

 

´´Quando chegamos ao carro Baek já estava nos esperando. Não demorou muito para chegarmos a festa , era como muitas , varias pessoas embriagadas dançando , musica alto e um forte odor de bebida . Tentei não dar devida atenção para isso , já que não era meu estilo , entretanto, percebi que meus amigos estavam empolgados bebendo e dançando juntos no meio daquelas pessoas, , o que me fez esquecer o assunto , fazendo com que eu voltasse minha atenção para uma garrafa de bebida que havia ali. Entenda, eu não sou de beber , ou beber muito como naquela noite , so queria realmente descontar minhas aflições daquele dia naquela garrafa de Soju. Eu realmente não lembro de ter tirado o celular do bolso , muito menos de ter ligado para Jongin, fiquei paralisado ao ouvir sua voz´´

- Alo?-diz Jongin.

-Ola senhor não me toque , porque você esta sendo tao provocante você disse , vou punir você , fique longe de mim , nosso relacionamento tem que ser profissional você disse. Aaah, como eu gemi naquela sala quando você saio e como eu me toquei.- diz Kyungsoo com uma risada descontrolada e um leve gemido .

-Você bebeu?-diz Jongin

-Não senhor  não me toque , eu estou sóbrio –diz Kyungsoo

- Oi gracinha , boa noite –diz alguém se aproximando .

- Onde você esta e quem esta ai com você ?- diz Jongin .

- Alguém que vai se divertir muito com ele hoje a noite ...e que coxas maravilhosas você tem gracinha – diz a pessoa desconhecida desligando o celular .

- Devolva o celular do ... Droga!- diz Jongin ligando novamente para o menor .
 

´´Eu não estava muito bem , nunca me senti tao embriagado  como naquela noite . Imagino que você não deve estar pensando coisas boas de mim , mas não sou o tipo de garoto que faz essas coisas. Estava tonto e não estava em mim , não conhecia aquela pessoa que se aproximou de mim ´´

- Me devolva meu celular ! – diz Kyungsoo irritado com o estranho.

- Calma gracinha , estou aqui para cuidar de você – diz o desconhecido tentando beijar o menor ,  mas o menor o empurra para longe , fazendo com que o homem caísse de costas no chão.
 

- Fique longe de mim- diz Kyungsoo. Quando de repente o celular toca.

-Porque ainda esta me ligando?-diz Kyungsoo

- Já estou indo te buscar!-diz Jongin.

 

´´Não sabia como reagir aquilo porque eu estava mais preocupado em manter aquele louco longe de mim. Dei vários socos e empurrões  nele , mas nada adiantou , a cada vez que eu fazia isso ele logo se recuperava e voltava a tentar me agarrar. Ficamos fazendo isso por algum tempo , ele tentava algo e eu o empurrava , então ele voltava. Já estava cansado daquele  maluco e eu já estava  tonto a ponto de desmaiar ,mas aguentei firme , não sabia o que aquele louco  faria comigo enquanto estava apagado , ou para onde me levaria.  Quando ele voltou a tentar algo eu o soquei o vento , pois alguém finalmente o puxou dando lhe socos tao fortes que o fez cair inconsciente .´´

-Obrigado senhor.- diz Kyungsoo se direcionando ao homem que o ajudou .

-Você esta bem Kyungsoo?- diz Jongin .

-Como você sabe meu nome ... Jongin?-diz Kyungsoo olhando para o mais alto.

-Com quem você esta aqui? Porque deixaram você sozinho com esse homem?-diz Jongin mostrando preocupação


´´Confesso que me senti muito melhor ao ver que Jongin estava preocupado. Eu ira responder todas as suas perguntas, mas infelizmente, só lembro de ter visto tudo escurecer e de meu corpo pesadamente cair nos braços de Jongin, lembro também de ter ouvido sua voz ,mas ela parecia estar tão distante de mim, então eu apaguei.

´´Acordo no dia seguinte em um  quarto de hotel , com um ressaca horrível , ao me levantar noto que há uma cabeceira ao meu lado, e  copo de suco de laranja com um bilhete escrito : Me beba . Ao lado do copo tinha mais um bilhete com uma pílula a sua frente, no bilhete dizia : Me engula . Por impulso eu obedeci aos recados, não pensei se aquilo iria me fazer mal, então me lembrei de quem havia me tirado daquela festa... Meu chefe que entra no quarto na mesma  hora no qual o mesmo entra´´

                                                                                                           

- pedi ao motorista que comprasse uma roupa para você ,espero que sirva em você , e agora vou tomar um banho como pode ver estou suado da minha corrida matinal espere só mas um pouco- diz jongin tirando a blusa em minha frente

´´O mesmo estava com uma blusa cinza  molhada de suor e colocada ao seu tronco mostrando seu corpo definido não musculoso mas sim definido e uma calça de moletom preta pelo que vi o mesmo acaba de chegar de uma corrida, o mesmo se aproxima de mim subindo na cama e me encarrando , bom eu estava com o copo de laranja e um pão que veio junto  , o mesmo chega me olhando e morde um pedaço do pão, com os olhos ainda sobre mim e saía de cima da cama indo para o banheiro e tenho a visão de suas costas desnudas com o suor percorrendo seu tronco ,com aqueles músculos brilhando pelo suor do corpo do mesmo ,me veio uma vontade de arranhar a mesma e deixa as marcas da minhas unhas,o mesmo entra para tomar seu banho ,logo após 20min  o mesmo sai do banho com uma tolha branca envolta da sua cintura com seu corpo ainda molhado e gotas ainda passeando em direção a sua pélvis, que continha um certo volume que não pude não deixar de olhar  seu corpo meio que desnudo e bronzeado sua pele é  tão linda e tão sexy    ´´

 

- Voce pode ir agora pequeno!- diz Jongin sorrindo .

´´Me levanto e vejo que estou apenas de blusa branca e cueca box  , fiquei um pouco sem graça ao notar que o mesmo me olhava dos pés a cabeça com um certo olhar de desejo , vou em direção ao banheiro , levo uns 15min para tomar meu banho, quando noto que me esqueci de levar uma toalha , não vejo outra opção a não ser pedir uma a Jongin´´
 

-Jongin?-diz Kyungsoo.

- Que foi meu pequeno ? Quer ajuda? – diz Jongin com um certo sorriso estampado na face .

- Você poderia me trazer uma toalha ? Pois eu esqueci , desculpa ! – diz Kyungsoo com uma voz manhosa.
 

-Claro !- diz Jongin pegando uma toalha e levando para o menor  e batendo na porta avisando que iria entra .

 

-pode entra- diz Kyungsoo

 

- Aqui esta ,pegue –diz jongin

 

- Ah,Obrigado – diz Kyungsoo abrindo um pouco o box ,colocando a penas sua cabeça para fora cobrindo seu corpo nu.


´´Ao Jongin chegar no banheiro , fiz com que apenas minha cabeça ficasse fora do box , mas tive que me esticar um pouco mais fazendo com que minhas coxas também ficassem a mostra, ergui uma das mãos para tentar pegar a toalha que estava a mostra , e o mesmo me fita dos pés a cabeça ainda insistindo´´

- Você tem certeza de que não quer mesmo ajuda ?

- Sim eu tenho!-diz Kyungsoo puxando a toalha para si.

- E realmente uma pena !- diz Jongin com um sorriso malicioso para o menor saindo do banheiro.

 

-POV KYUNGSOO –ON-

 

 

-POV JONGIN
 

´´  Saio do banheiro a pois deixar a toalha para Kyungsoo ,no qual eu tive que me controlar para não fuder o menor com toda minha vontade , quer por sinal ainda estava todo molhado com a água do chuveiro ainda percorrendo seu corpo branquinho e com aquelas coxas a mostra provocando meu membro já pulsante afim de penetra-lo ali durante o banho do mesmo (ahh) suspiro mas AINDA não posso ,não por agora . O mesmo sai do banho e logo me viro para não velo , pois sei o que faria , mas não resisto e acabo olhando , o mesmo estava com a cabeça inclinada para trás passando a mão e sua em seus cabelos a vermelhados e quando percebo já estou com minhas mãos envolta de sua cintura desnudas pois o mesmo  estava ainda de toalha enrolada em sua cintura e ainda molhado , o que o deixava mais sexy . Não resisto e acabo inclinando minha cabeça e mordendo o lombo de sua orelha o fazendo salta um leve gemido que me fez aperta sua cintura ,e meu membro acaba roçando em sua  bunda  e o mesmo inclina seu tronco para baixo e rosando-se ainda mais em meu membro que já pulsava loucamente em minha box, quando o agarro com mais força ainda e o mesmo se levanta rápida fazendo nossos corpos se chocarem  ´´

 

- Você pode sair do quarto para que eu vista a roupa ,uh?- diz kyungsoo basicamente me expulsando do quarto .

 

 

Continua............................

 

 

 


Notas Finais


me desculpem qualquer erro.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...