História 50 tons de FeLica/ Um amor quase que impossível - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Malhação
Tags Felica, Felipe, Lica, Malhação
Visualizações 36
Palavras 1.272
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Comédia, Escolar, Ficção, Mistério, Suspense
Avisos: Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Spoilers, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 3 - Irmãs


Fanfic / Fanfiction 50 tons de FeLica/ Um amor quase que impossível - Capítulo 3 - Irmãs

Lica e Felipe se beijam com vontade em meio ao pátio da escola, quando Lica percebe a burrada que está fazendo e se afasta.

—Não, não tá certo isso—Fala Lica ofegante.

—Desculpa, desculpa—Fala Felipe​ desconcertado limpando a boca a encarando.

—Não precisa pedi desculpa—Fala Lica pegando os bolinhos—Eu, eu preciso ir.

—Espera Lica—Fala a segurando—Eu, eu quero fica com você, eu gosto de você.

—E, mais você é namorado dela e eu não quero ficar no meio desse enrosco.

—Você tá certa, eu tenho que fazer alguma coisa—Fala e Lica o encara.

—Você vai termina com ela?—E Felipe sorri sem jeito—Que dizer, deixa pra lá, se pá eu o MB volta e aí fica tudo como era.…deixa eu ir andando—Fala Lica saindo em seguida e Felipe fica pensativo.

Lica caminha com pressa em direção a saída quando Tina se aproxima.

—Ei, tá fugindo de quem?.

—Do meu pecado!.

—De quem?.

—De ninguém, eu só quero ir embora logo—Fala Lica.

—Não vai passar na lanchonete hoje?.

—Não vai dá, eu tenho que fazer mais bolinhos, manda um beijo pra meninas tá—Fala saindo em seguida quando Clara passa por Tina.

—Clara, clara espera—Grita Felipe indo atrás da Menina.

—Eitaaaa que o povo dessa escola hoje tá tudo estranho—Fala Tina caminhando em direção a Anderson.

CASA DA LICA……

Lica chega com a caixa jogando no sofá exausta se jogando também quando Leide saí da cozinha.

—Chegou menina?.

—Ate que fim, tô morta—Fala se levantando.

—E os bolinhos foram um sucesso?.

—Demais dona Leide, todo mundo gostou, olha essa sua receita e genial, uma delícia—Fala Lica orgulhosa.

—Mais a cozinheira que fez acertou.

—Mais o mérito é todo seu, aliás eu tenho que fazer mais—Fala Lica a abraçando.

—Mais antes almoça, já tá tudo feito.

—E cadê minha mãe?.

—Ela saiu, disse que ia resolver umas coisas.

—Ue, ela não disse nada—Fala pensativa—Então você almoça comigo, não quero comer sozinha—Fala abraçando Leide e indo pra cozinha.

Algumas horas depois, Lica tá assistindo tv na sala quando a campainha toca.

—Atende aí Lica, eu tô ocupada, pufavor—Fala Leide da cozinha.

—Ta bom dona Leide, tá bom—Fala rindo e se levantando e a campainha persiste—Já vai, que saco—Fala destravando a porta se deparando com um buquê de flores na sua frente—Desculpa e engano.

—Lica espera—Fala Felipe tirando as flores da cara e Lica desiste de fechar a porta.

—Felipe…o que você tá fazendo aqui?.

—Eu disse que eu ia tomar uma atitude, não disse?—Fala Felipe sorrindo.

—E o que significa isso?.

—Você não vai me convida pra entrar?—E Lica fica pensativa.

—Entra vai!—Fala dando passagem.

—Eu tava passando, aí eu resolvi dá um pulo aqui—Fala Felipe entrando na casa.

—Você mora do outro lado da cidade praticamente, o que você tava fazendo por aqui?.

—Ue dando uma uma volta.

—E as flores?.

—São pra você.

—Você sabe que eu detesto flores, não sabe?.

—Sei—Fala Felipe sorrindo—A vai aceita Lica, foi uma desculpa pra mim vim até aqui…nao vai fazer essa desfeita.

—Ta legal vai—Fala pegando o buquê—Poderia ter usado chocolate, seria melhor.

—Da próxima eu trago uma caixa de chocolate—Fala Felipe e Lica coloca as flores dentro do vaso na sala.

—Mais você não veio aqui, só pra isso né?.

—Não, eu vem pra dizer que eu terminei com a Clara—Fala Felipe sem jeito coçando a cabeça e Lica o encara.

—Você terminou com ela, tipo, terminou.

—É, terminei—Fala Felipe.

—E ela, fez showzinho né, como sempre.

—Não, eu até estranhei, ela tava estranha chorando, nervosa—Fala Felipe.

—Estranha?, Como assim?.…explica melhor isso Felipe—Fala Lica sentando ao lado de Felipe no sofá.

—Então, naquela hora logo depois que a gente terminou de conversa lá na escola…depois do…

—Do beijo!.

—E do beijo—Fala Felipe sorrindo—Eu fui atrás da Clara.

FLASHBACK ON

Lica caminha em direção a saída da escola e Felipe entra pra dentro da escola procurando por Clara nervoso quando avista Samantha no canto com Guto.

—Vocês viram a Clara?.

—Ela acabou de sair daqui, tava nervosa—Fala Samantha.

—Se você correr, você ainda pega ela na saída—Fala Guto.

—Ta bom, valeu em—Fala Felipe saindo correndo.

—Esses dois, sei não em—Fala Samantha e Guto fica mexendo no celular—Ta me ouvindo Guto?.

—Aham, desculpa é que eu tava falando com a Bene—Fala Guto e Samantha vida saindo em seguida.

Felipe corre no pátio da escola esbarrando nas pessoas quando avista Clara saindo no portão.

—Clara, clara espera—Grita Felipe esbarrando na Tina.

—Eitaaaa eu o povo dessa escola hoje tá tudo estranho—Fala Tina saindo em seguida.

Felipe corre até Clara parando em sua frente.

—Espera Clara, eu preciso falar com você—Fala com você.

—O que foi Felipe, eu não tô legal.

—O que aconteceu?, Você tava chorando?.

—Não importa, fala logo o que você quer—Fala Clara e Felipe fica com pena—Fala Felipe.

—Eu, eu queria…..

—Termina?, Olha Felipe.ja tá tudo terminado tá legal, não precisa se preocupar com isso, aliás, não precisa nem mais fala comigo—Fala Clara saindo em seguida chorando.

—Clara, Claraaa…..

FLASHBACK OFF…

—Ue, o que será que aconteceu com ela?—Fala Lica estranhando.

—Não sei, mais o pessoal disse que ela tinha brigado com o Edgar e a Malu na escola—Fala Felipe.

—Estranho…mais que saber, eu quero que eles se explodam, quero que eles morram.

—Nossa quero morre seu amigo em.

—Amigo você já é né, a gente podia ser um pouco mais—Fala Lica com sorriso malicioso no rosto e Felipe sorri.

—E, já gente pode tenta—Fala Felipe e Lica se aproxima o beijando.

—Que gosto bom tem seu beijo, Lica—Fala Felipe sorrindo e Lica sorri o beijando também.

—O seu também…será que eu poço provar mais um pouco—Fala Lica.

—Pode—Fala Felipe a beijando e o beijo começa a ficar mais quente, Felipe começa a se deitar por cima de Lica no sofá ficando entre suas pernas quando Marta entra na sala e os dois se levantam.

—Lica—Fala Marta e os dois ficam sem jeito—Felipe!.

—Oi tia, tudo bem?.

—Não era pra você tá com a clara?!.

—Eeee…

—Ele não tá mais com ah Clara mãe.

—Ae, você tá com quem Lica, porque até ontem você tava com MB.…..

—Mãe, vamo conversa outra hora, o Felipe já tá indo embora—Fala Lica se levantando indo até Marta e Felipe concorda e marta os encara.

—Tudo bem, vou tomar um banho, depois eu quero conversa com você em—Fala saindo em seguida e Felipe começa a rir.

—Que flagra—Fala Lica.

—Você não tem jeito em Lica—Fala Felipe Lica o beija de novo caindo no sofá por cima dele dessa vez—E melhor eu ir andando, até porque não vai dar certo a gente fica se beijando aqui né.

—Ta bom, eu te acompanho até a porta—Fala se levantando e Felipe se arruma caminhando até a porta e Lica abre Felipe saí em seguida voltando.

—Me liga?.

—Ligo—Fala o beijando e Felipe vai embora.

Lica fecha a porta pensativa indo pro quarto em seguida encontrando Marta sentada em sua cama.

—Ah senhora não ia tomar banho?.

—Sim, mais eu preciso falar com você antes, sério—Fala Marta nervosa e Lica desconfia.

—Ae, sobre o que, poço saber?—Fala se sentando na cama e Marta caminha de um lado pro outro no quarto tensa.

—Sobre a Clara.

—Olha mãe eu juro que eu não fez mais nada com essa garota, apesar deu achar que o murro ainda foi pouco……

—Lica, e sério e duro!.

—Não tô gostando disso…

—Ah Clara—Fala Lica travando.

—O que que tem a Clara mãe…o que foi que ela fez?—Fala Lica nervosa—Olha se essa garota fez alguma coisa eu juro quem……

—Ah Clara e filha do Edgar e da Malu—Marta corta Lica e Lica a encara assustada.

—Como e que é?.

—Ah Clara e sua Irmã, Lica. 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...