História 50 tons de intenções - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias 50 Tons de Cinza, Amizade Colorida, Originais
Tags 50tons, Amigos, Drama, Gays, Hot, Lapdance, Lesbicas, Namorados, Sexo, Sexy
Visualizações 66
Palavras 599
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Escolar, Orange, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Yaoi, Yuri
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Pansexualidade, Sadomasoquismo, Sexo, Transsexualidade, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 2 - O escuro do cinema


Fanfic / Fanfiction 50 tons de intenções - Capítulo 2 - O escuro do cinema

Meu namorado e eu estavamos na fila do cinema para assistir um filme de ação, ele tinha chegado de viajem, não via ele a um mês entao decidimos sair juntos coisa que não faziamos a muito tempo, pegamos pipoca e refrigerante e entramos na sala, por ser uma terça feira tinha poucas pessoas na sala onde o filme seria reproduzido.

Caminhamos ate o fim da sala, sentamos no meio da ultima fileira proximo ao projetor.Até ai estava tudo normal, era só um filme.

Ele apoiou a sua mão quente em minha coxa e ficou ali por alguns instantes, ele lentamente subia passando seus dedos no interior da minha coxa me deixando molhada. Isso não poderia acontecer ali, mas eu rapidamente senti uma enorme vontade de ter ele dentro de mim, ali mesmo em ‘’publico’’, no escuro do cinema.

Resistindo retirei a mão dele que estava proxima  da minha vagina.

Ele acabou desistindo e continuamos a assistir o filme, temp depois ele veio novamente com a sua mão.

Me acareciava levemente e eu tentava concentrar na tela, suas mão subiram para os botões do meu short, ergui a cintura para que ele pudesse deslizar o jeans pelas minhas pernas. Estava so de calcinha, nos dois focados na tela, ele puxou a minha calcinha para o lado e fazia movimentos circulares em meu clitoris e eu segurava para não gemer ele rodeava toda a area com seus dedos, introduziu dois dedos e movimentava os mesmos dentro de mim.

 

Minha vez de brincar com seu corpo, ainda por cima da calça passei a mão em seu membro ereto e desabotoei sua calça. Tiro seu membro para fora e com minha mão faço movimentos de vai e vem, ele pulsava em minha mão e eu aumentava o ritmo.

Virei de lado ficando de frente para ele e abaixei minha cabeça e comecei a passar minha lingua pela sua glande, cinco pinceladas ao todo eu começo a chupa-lo por inteiro, chupava ao maximo que conseguia,nos intervalos eu batia para ele com minha mão.Ele impulsionava minha cabeça para baixo e para cima.

A única prova que que isso aconteceu, foi a mancha no carpete preto

Voltamos para casa, antes mesmo de passar pela porta ele me pegou no colo e me pois contra a parede e me beija loucamente, ele me conduz ate a sala e me joga no meu enorme sofá,tira minha camisa lentamente e começa a beijar meu pescoço passando pelos meus peitos e barriga oque me fa ter um tremendo arrepio.

Novamente desabotoa meu shorts e o tira de mim junto a minha calcinha. Ele passa a lingua em meu clitoris em movimentos circulares enquanto coloc seus dedos em mim.

-Dessa vez não sera só os dedos.-Diz ele sorrindo maliciosamente para mim enquanto tira sua calça

deixa seu penis a mostra, se encaixa em mim e começa a me penetrar, ele entrava e saia de dentro de mim com rapidez enquando eu gemia.

Me virou de quatro e continuou a me fuder enquanto dava fortes tapas na minha bunda me fazendo gemer loucamente.

Eu o sentia cada vez mais fundo dentro de mim dele foi acelerando mais e mais até anunciar que estaria prestes a atingir o seu apcie,ele tira de dentro de mim e começa os movimentos de vai e vem com a sua mão até ele soltar um gemido e eu sentir minha bunda molhar.Não demorou muito para eu tambem atingir meu apcie.

Nos deitamos no sofa e ficamos olhando para o teto pensando no que havia acontecido mais cedo enquanto riamos sem graça da situação que tinhamos nos colocado


Notas Finais


Oiiih, espero que tenha gostado
Nao esquece de favoritar comentar
e me seguir <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...