História 50 TONS DE JIKOOK - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias 50 Tons de Cinza, Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags 50tonsdecinza, 50tonsdejikook, Btsjikook
Exibições 44
Palavras 788
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Fantasia, Ficção, Lemon, Violência, Yaoi
Avisos: Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sadomasoquismo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Annyeong ! 💕
Mais um capítulo !!!
Espero que gostem, BOA LEITURA!.
~FOTO ALEATÓRIA~

Capítulo 4 - MANÍACO POR CONTROLE


Fanfic / Fanfiction 50 TONS DE JIKOOK - Capítulo 4 - MANÍACO POR CONTROLE

-- Bem, -- eu engulo o seco nervosamente. -- Eu tenho algumas perguntas, Sr.Jungkook. -- Passo a mão pelos meus cabelos
-- Sim eu achei que você teria, -- ele diz, sem nenhuma reação. Minhas bochechas esquentam com a aquilo e enquadro meus ombros em uma tentativa de parecer mais alta e mais intimidante. Apertando o botão iniciar do gravador, eu tento parecer profissional. 
-- Você é muito jovem para ter acumulado tal império. Há que você deve seu sucesso? -- Eu olho para ele e seu sorriso, mas ele parece vagamente desapontado.
-- Negócios é tudo sobre pessoas, Senhor Park, e eu sou muito bom em julgar as pessoas. Eu sei como elas marcam, o que as faz florescer, o que não faz, o que as inspira, e como incentivá-las. Eu emprego um time excepcional, e eu os recompenso bem. -- Ele pausa e me fixa com seu olhar claro -- Minha convicção é de alcançar o sucesso em qualquer esquema, alguém tem que ser mestre deste esquema, conhecê-lo de dentro para fora, e saber todos os detalhes. Eu trabalho duro, muito duro para fazer isto. Eu tomo decisões baseadas em lógica e fatos. 
-- Talvez você seja apenas sortudo. -- Isto não está na lista de Jin, mas ele é tão arrogante. Seus olhos chamejam momentaneamente em surpresa. 
-- Eu não acredito em sorte ou azar, Senhor Park. Quanto mais duro eu trabalho mais sorte eu pareço ter. Realmente é tudo sobre ter as  pessoas certas em seu time e dirigindo suas energias neste sentido.
-- Você soa como um maníaco por controle. -- As palavras saíram de
minha boca antes que eu pudesse perceber
-- Oh, eu exerço controle em todas as coisas, Senhor Park, -- ele diz sem rastro de humor em seu sorriso. Eu olho para ele, e ele segura o meu olhar continuamente. Meu batimento cardíaco acelera, e meu rosto fica corado novamente.  Por que ele tem tal efeito irritante sobre mim? Sua beleza opressiva talvez? O modo como seus olhos brilham para mim? O modo como ele acaricia com o dedo indicador seu lábio inferior? Eu gostaria que ele parasse de fazer isto. 
-- Você sente que tem imenso poder? -- Maníaco por controle. 

— Eu emprego mais de quarenta mil pessoas, Senhor Park. Isso me dá certo sentido de responsabilidade.... poder, se assim prefere. Se decidisse que já não me interesso mais pelos negócios de telecomunicações e vendesse tudo, muitas pessoas teriam grandes dificuldades em pagar suas hipotecas no final do mês então.... Minha boca abriu. Eu estou espantada pela sua falta de humildade.

— Você não tem um grupo do conselho ao qual responder? — Eu pergunto,
repugnada.
— Eu possuo a minha empresa. Eu não tenho que responder para 
um conselho. — Ele levanta uma sobrancelha para mim.

Claro, eu saberia disto se eu tivesse feito alguma pesquisa. Mas puta merda, ele é tão arrogante. Eu mudo de rumo, tentando fugir da situação. 

— E você tem algum interesse fora de seu trabalho?

— Eu tenho interesses variados, Senhor Park. — A sombra de um sorriso toca seus lábios. — Muito variado.

E por alguma razão, eu estou confuso e inflamada por seu olhar firme. Seus olhos estão iluminados com algum pensamento mau. 

— Mas se você trabalha tão duro, o que você faz para relaxar?

— Relaxar? — Ele sorri, revelando dentes brancos perfeitos. Eu paro de respirar. Ele realmente é lindo. Ninguém devia ser tão bonito.

— Bem, para “relaxar” como você diz, eu velejo, eu vôo, eu desfruto de várias atividades físicas. Ele desloca-se em sua cadeira. — Eu sou um homem muito rico, Senhor Park e e tenho passatempos bem caros. Eu olho depressa as perguntas de Jin, querendo sair deste assunto.

— Você investe em fabricação. Por que, especificamente? — Eu pergunto. Por que ele me faz tão desconfortável?

— Eu gosto de construir coisas. Eu gosto de saber como as coisas funcionam: o que torna as coisas marcantes, como construir e destruir. O que eu posso dizer?

— Isso soa como seu coração falando, em lugar da lógica e fatos. Ele faz trejeitos com a boca, e olha de forma avaliadora para mim.

— Possivelmente. Embora existem pessoas que diriam que eu não
tenho coração.
— Por que eles diriam isto?

— Porque eles me conhecem bem. — Seu lábio enrola em um sorriso irônico.

— Seus amigos dizem que você é alguém fácil de conhecer? — E eu lamento a pergunta assim que eu falo. Não está na lista de Jin.

— Eu sou uma pessoa muito privada, Senhor Park. Eu percorro um caminho longo para proteger minha privacidade. Eu não costumo dar entrevistas, — ele começa a dar passos na sala quase que sem rumo.


Notas Finais


OBRIGADO!! POR LEREM, SE QUISEREM MUDANÇAS PODEM DIZER OQUE PODERIA MUDAR NA HISTÓRIA. 💕


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...