História 6 é Demais (Paulicia) - Capítulo 23


Escrita por: ~ e ~AliceMendes

Postado
Categorias Carrossel
Tags Paulicia
Exibições 208
Palavras 833
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Universo Alternativo
Avisos: Bissexualidade, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Olaaa galeraaa!!! Eu sei que demorei mais uma vez postar!! Mas aí está mais um capítulo pra vocês! Espero que gostem 😍❤

Capítulo 23 - A transformação da Ana


Thom's POV

Sábado, 12:20, eu estava indo pra lanchonete com o Nick, chegando lá vimos a Lari sentada em uma mesa com um garoto (bonito por sinal) e aquilo já não me cheirou muito bem.
- huuuum! Tô sentindo um cheiro de treta - disse o Nick
- Cala a boca! - eu ri
  Assim que a Lari nos viu ela se levantou e nós fomos até ela.
- Oi meninos!
- E aí? Quem é o seu amigo? - o Nick perguntou afim de treta
- Prazer eu sou o neto do dono do prédio - ele se levantou - Eu me chamo Léo.
- Prazer, eu me chamo Thom, e sou o namorado dela - eu peguei na cintura da Lari
- Namorado? - ela perguntou - Tem certeza?
- Bem que eu disse que tava sentido cheiro de treta. Meu faro nunca falha.
- Bom, por quê vocês não almoçam aqui com nós dois? - disse o Léo
Todos nós então nos sentamos e lá almoçamos.

Ana's POV

A noite, já pronta para servir com minha roupa de serva, fui até o apartamento da Lari pedir ajuda a ela. Chegando lá, bati na porta do quarto e ela me atendeu.
- Preciso da sua ajuda! - disse eu entrando dentro do quarto
- Agora não dá, eu tô me arrumando pra festa.
- Mas é urgente! Eu preciso conquistar o Gustavo, e com essa roupa aqui não dá!
- Não seja por isso - ela pegou uma enorme maleta de maquiagem dentro de seu enorme  guarda roupas - Nada que uma maquiagem bem feita não resolva.
- Acha que só uma maquiagem vai resolver tudo?
- Bom, eu posso fazer cachos no seu cabelo!
- Cachos? - eu me espantei
- Sim!
- Não sei se vai dar certo.
- Eu sou a Lari Medsen monamour! Deixa comigo.

Nanda's POV

- Não gostei da fantasia! - Santos se incomodou com minha fantasia de havaiana
- Só por quê minha barriga tá de fora?
- Barriga, seios, pernas...
Estávamos na sala do meu apartamento esperando a Ana e a Lari acabarem de se arrumar para irmos todos juntos.
- Olha aqui Santos você não tem o direito de ficar com ciúmes de mim.
- É claro que tenho. Eu sou seu namorado.
- Namorado sem compromisso. Ou seja, eu sou livre.
- Então se eu ficar com a Esther, não vai ter problema pra você?
- Não! - eu disfarcei - Mas, qual é da sua roupa de Batman.
- Eu quis homenagear nós dois - ele sorriu - Não é assim que você me chama? Batman?
- Não. Na verdade é Superman. Mas tudo bem, achei sexy essa fantasia.
- Desculpa interromper o casalzinho - a Lari saiu do quarto e foi até nós - Mas se preparem para ver a maravilhosa, diva, arrasando e divando...ANAAA!!!
  Não sei como a Lari consegui fazer a Ana ficar tão bonita naquela fantasia de serva, ela estava com os cabelos  cacheados, uma maquiagem sútil e bonita, batom vinho escuro, quase roxo, e um salto alto, muito alto. Me pergunto pra que ela quer se arrumar toda pra uma festa.
- Vai encontrar alguém na festa Ana? - o Santos perguntou - Alguém especial?
- Não - ela respondeu
- Acho bom mesmo! - disse ele
Fomos para festa, decoração legal, pista de dança, Dj, muita gente (muito menino bonito pra eu aproveitar meu namoro sem compromisso) e eu já fui logo para pista.
- Eu não aguento essa garota! - disse o Santos para a Lari - Não pode ver uma pista de dança.
- E por quê você não vai lá dançar com ela? - A Lari perguntou
- Eu não. Se ela quisesse minha companhia, ela tinha me chamado pra ir pra pista com ela.
- Para de bobeira Santos.
Ele se sentou em uma mesa em direção a mim e ficou me encarando.
- Senta Lari! - disse ele
- Não, eu tô procurando o Thom. Você sabe se ele vai vir?
- Ele é seu namorado, você que tem que saber!
- Namorado? Quem dera!
  Eu estava lá, me soltando sem me importar com nada. Então derrepente, alguém se aproximou de mim, segurou em meu ombro. Eu olhei para trás e vi que era o Gustavo.
- O QUE VOCÊ TÁ FAZENDO AQUI? - eu gritei pra ele conseguir me ouvir (já que o som estava muito alto)
- EU VIM FALAR COM VOCÊ! 
- QUE? - eu não tinha entendido
Então ele se aproximou e falou no meu ouvido:
- Você ainda está com o Santos?
- Como você sabe do Santos? - eu perguntei no ouvido dele
- Eu tenho os meus contatos - ele sorriu
  Lá da mesa que o Santos estava, ele e a Lari observavam eu e o Gustavo.
- Essa eu quero ver - a Lari se sentou
- Eu não! - ele se levantou bravo e saiu
- Santos onde você vai?


Notas Finais


Que aí apóia uma marota de 3 capítulos? 😌


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...