História 6 é Demais (Paulicia) - Capítulo 26


Escrita por: ~ e ~AliceMendes

Postado
Categorias Carrossel
Tags Paulicia
Exibições 148
Palavras 965
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Universo Alternativo
Avisos: Bissexualidade, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Desculpeeem o atraso! Se não atrasar, não sou eu 😂 Espero que gostem desse capítulo mara! Bjjjjs 😙❤

Capítulo 26 - Quer dar uma volta comigo?


Ana's POV

O Santos estava com a Nanda, o Thom com a Lari, e o Nick com a Esther. E eu...chorando em meu quarto porquê A ÚLTIMA VEZ QUE EU BEIJEI ALGUÉM, FOI A UM MÊS ATRÁS COM UM POLICIAL IDIOTA DE 28 ANOS. EU TÔ NA SECA!!! Mas tudo bem, eu não vou entrar em desespero! Vou até a festa e volto ao meu trabalho de garçonete. Olho para um lado e vejo a Lari e o Thom dando um amasso. Olho para o outro lado, e vejo a Nanda e o Santos dando um beijo que parecia que ele estava enfiando a língua dentro da garganta dela. Então olho para trás, e vejo o Gustavo saindo da festa.

- Gustavo! - vou atrás dele

- Ana?

Ele para e olha para mim. Eu me aproximo.

- Onde você vai? - pergunto

- Embora! - diz ele revoltado - Eu vim aqui pela Nanda mas ela me trocou pelo...

- Meu irmão?

- É! - então ele repara minha cara vermelha e inchada - Pera aí...você estava chorando!

- Não! Acho que caiu alguma coisa no meu olho! Acho que foi lágrima! É, eu estava chorando.

- Algum garoto te magoou essa noite?

- Na verdade sim! Mas eu pegar o meu carro e vou dar uma volta pela cidade.

- Pra que? - eu pergunto

- Sei lá! Eu quero sair daqui. Mas se eu ficar em casa eu vou acabar pensando nela.

- Se quiser conversar comigo...eu sou uma boa piscicóloga! - brinco

- Então eu quero conversar com você! Mas dentro do carro!

- Que?

Lari's POV

O Thom interrompeu o discurso de agradecimento do Léo para se declarar para mim. Depois que terminou a declaração, eu e o Thom saímos da festa para amarrarmos o pobre burro em algum lugar seguro.

- Eu amei a declaração!

- Que bom que gostou amor! - diz ele - Quer dizer...eu posso te chamar assim, né?

- É claro que sim! Agora que somos namorados você pode me chamar do que quiser! Menos de gorda!

- E se eu disser que você ganhou uns quilinhos?

- Eu termino com nosso namoro agora! - fico furiosa - EXPERIMENTA FALAR ISSO PRA VER O QUE ACONTECE!

- Não, obrigado! - ele fica assustado

Ele amarra o burro em um tronco de uma árvore ao lado do prédio. Então passa uma menina. Ela saía da festa, vestida de presidiária. Um top listrado, e um short que mais parecia uma calcinha, realçando sua enorme bunda. Ela vai andando e o Thom seguindo o enorme bumbum da moça com os olhos, discretamente. Mas eu percebo.

- THOM!

- Oi amor! - ele se faz de sonso

- AMOR O CARALHO! Acha que pode ficar olhando pra bunda de qualquer vadia que passa por você?

- Não...

- ENTÃO POR QUÊ OLHOU PRA BUNDA DAQUELA PIRANHA?

- Eu...amor...eu só tenho olhos pra você!

- Aham, sei...

- Vem cá! - ele me puxa pra perto e me beija com as mãos em minha cintura - Eu te amo!

- Ama mesmo?

- Pergunta pro burro! Ele sabe o quanto eu te amo - ele ri

- Desculpa meus ataques, mas é que as vezes eu sou meia...

- Fresca?

- VOCÊ ME CHAMOU DE QUÊ? - começo a bater nele - EU NÃO SOU FRESCA!

Ana's POV

- Eu quero conversar com você, pra eu me desabafar! - diz o Gustavo

- Mas dentro do carro?

- A gente da uma volta pela cidade, e eu vou me desabafando!

- Mas eu estou trabalhando na festa, não posso sair agora!

- Tá, então eu vou sozinho!

Então eu penso: O meu Crush está me chamando pra andar de carro com ele e estou negando! Qual é o meu problema?

- Quer saber? Eu vou!

- Sério? - ele sorriu

- Sim, vamos entrar nesse carro porquê você vai ter uma consulta!

- Consulta?

- Sim, com a psicóloga Dr.Ana!

Santos's POV

As horas foram passando, a festa foi acabando e as pessoas foram indo embora pouco à pouco. Inclusive eu. Levo a Nanda em frente ao apartamento dela (fazendo papel de cavaleiro). Então o Thom chegou com a Lari.

- Olha que bonitinhos os dois pombinhos! - diz a Lari

- Olha quem fala! - diz a Nanda

- E aí? A festa foi boa pra vocês? - o Thom pergunta

- Foi muito boa! - diz a Nanda - Eu fui até o chão...

- Pegou geral! - eu a interrompi

- Ei, eu não peguei geral! Eu só fiquei com o Gustavo.

- Eu só fiquei com o Gustavo! - começei a imitar ela para tentar irrita-la

- Para o Thom a festa também deve ter sido maravilhosa! - a Lari fala com tom de ironia - Ficou olhando pra bunda dos outros.

- Eu não olhei pra bunda dos outros! Eu olhei pra bunda de uma menina! UMA!

- Então, você admite ter olhado? - ela pergunta

- TÁ, EU ADMITO!

- Gente, chega de discussão! - a Nanda tenta acalma los - Eu estou tão feliz que vocês dois tenham se acertado. E que eu e o Santos nos acertamos também.

- Verdade! Por que a gente não marca de sair? - a Lari pergunta - Para brindar...o amor!

- Eu não quero ir não! - digo desanimado

- Mas eu quero ir! - diz a Nanda

- Eu vou! - diz o Thom

- Sério que você vai brindar o amor! - começo rir

- Se eu disser que não vou a Lari vai me obrigar!

- Que bom que você sabe amor! - a Lari sorri

- Santos, por favor!

- Eu não quero ir!

- Se for eu faço um strip pra você amanhã mesmo! Com a melhor lingerie  que eu tiver.

- Gente, pensando bem essa idéia de brindar o amor é uma idéia muito boa! - digo completamente convencido


Notas Finais


Esse tal de Santos...😏 O que acharam? Deixem nos comentários 😉
Ps: A maratona sairá quando chegarmos à 90 favoritos 👊💕


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...