História A Águia e o Pégaso - Capítulo 11


Escrita por: ~

Postado
Categorias Saint Seiya
Personagens Aiolia de Leão, Aria, Camus de Aquário, Eden de Órion, Freya, Hilda de Polaris, Hyoga de Cisne, June de Camaleão, Kouga de Pégaso, Marin de Águia, Pallas, Personagens Originais, Ryuho de Dragão, Saori Kido (Athena), Seiya de Pégaso, Shun de Andrômeda, Sonia de Escorpião, Souma de Leão Menor, Yuna de Águia
Tags Kouga, Yuna
Exibições 56
Palavras 1.003
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Famí­lia, Romance e Novela
Avisos: Linguagem Imprópria
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Oiii, Gente no próximo cap eu queria fazer um talkshow, por isso deixem perguntas(podem ser perguntas diretamente para mim sobre a fanfic ou para os personagens, vcs escolhem) nos comentários ou mandem mensagens para mim, eu vou selecionar o maximo de perguntas para para responder. MAS se não houver no minimo 5 perguntas, eu não faço o talkshow.

Capítulo 11 - Ciúmes


Leiam as notas finais ou as iniciais

*Kouga*

Eu estou treinando com a Yuna até Hyoga chegar, mas somos interrompidos pela minha mãe e pelo Harbinger que entram no coliseu acompanhados por alguns jovens. Eles se posicionam em fileira e minha mãe começa à falar.
- Cavaleiros, tivemos muitas perdas durante as guerras de Marte, Pallas e Saturno. A consequência dessas perdas é o grande número de armaduras inutilizadas, por causa disso Eu, o Grande Mestre e os Cavaleiros de Ouro saimos pelo mundo buscando jovens para ocupar essas armaduras. Como podem ver achamos muitos, por isso hoje 7 cavaleiros de bronze foram convocados para treinar 7 desses jovens. O cavaleiros escolhidos são:
Kouga de Pégaso
Yuna de Águia
Éden de Órion
Gina de Ursa Menor
Ryuho de Dragão
Souma de Leão Menor
Haruto de Lobo.
Nós fomos mais para frente assim que ouvimos nossos nomes, eu olhei para os novatos e vi uma menina familiar.
- Athena - Yuna começou - Não são apenas os cavaleiros de Prata e de Ouro que podem ter discipulos?
- Sim, mas vocês são um caso especial, vocês conseguem ser mais poderosos que a maioria dos cavaleiros de Ouro.
- Então quem treinará quem? - pergunta Éden.
- Vocês vão escolher.
- Nós?
- Sim.
- Agora?
- Sim.
- Eu começo então. - Souma apressado como sempre.
- Espere Souma - Aiolia entra acompanhado dos outros dourados - Vocês não são os únicos que vão treinar alguém.
- Você sempre corta meu barato né pai?
- Quer que eu chame a sua mãe?
- Não.
- Nós escolhemos primeiro, depois são vocês.
Depois que todos os dourados ecolheram seus novos discipulos, chegou a nossa vez.
Entre os novatos que sobraram estava aquela menina.
- Kouga sua vez, quem você escolhe?
Não pensei duas vezes e escolhi ela.
- A garota ali do canto.
Ela veio até mim e me comprimentou.
- Há quanto tempo Kouga.
- Nós nos conhecemos?
- Não se lembra de mim?
- Não.
- Você me salvou de ser atropelada quando estava no Japão, lembra?
- K-Kira!?
- Sim, sou eu.
- M-mas como?
- Longa história.

*Yuna*

Quem é aquela garota? como ela conhece o Kouga? eles são amigos?
Essas perguntas estão rodeando minha cabeça, se eu estou com ciúmes? É claro que estou.
- Com liçensa?
- Hum? Ah sim me desculpe, eu estava prestando atenção em outra coisa.
- Tudo bem, meu nome é Thomas.
- Sou Yuna.
- Espero que a gente se de bem, afinal você vai me treinar a partir de agora.
- Não se preucupe, que eu não sou tão rigida mas, se você tivesse sido escolhido pelo meu pai, o cavaleiro de Aquário, você tava lascado.
- Ele tem cara de ser meio frio.
- Meio frio? querido ele é o zero absoluto em pessoa.
Nós ficamos conversando por mais um tempo até sermos dispensados, claro que eu aproveitei essa chance para ir falar com o Kouga.
- Oi
- Oi, tudo bem?
- Tudo.
- Tem certeza?
- Por que eu não estaria bem?
- Hoje você tava com cara de poucos amigos.
- Sério? por que será? - eu finjo não saber de nada - mudando de assunto, quem era aquela menina com quem você estava conversando?
- A Kira? Ela é uma amiga, eu a conheci no Japão quando estava viajando com o Éden.
- Kouga!
- Oi Kira, o que foi?
- Eu sou nova aqui então, eu queria saber se você pode me mostrar o Santuário?
ALERTA, ALERTA, ALERTA PIRIGA À VISTA! Ela chamou ela para ficar sozinho com ela!? Assim na maior cara de pau!? Kouga Kido se você aceitar...
- Claro que posso - ...e ele aceitou, a mais isso vai ter retorno.
- Então Yuna, acho que acho não vao dar para a gente passar a tarde juntos e... que cara é essa?
- Essa é a minha cara, agora se me da linçensa eu tenho alguns assuntos para resolver.
Eu saio dali com uma carranca.

*Kouga*

O que será que deu nela? Nunca vi a Yuna agir assim e ela nunca foi grossa assim comigo.(Autora- por que será que ela ta assim né Kouga?)
- Vamos Kouga?
- Sim vamos.
Depois de mostrar os dormitórios para Kira, eu decidi mostrar as doze casas.
Estamos passando por Aquário, quando eu ouço barulhos vindos da sala de treinamento.

*Yuna*

Eu estou na sala de treinamento espancando o saco de pancadas quando sim um cosmo extremamente familiar se aproximando.
- Você não ia mostrar o Santuário para a sua amiguinha?
- Estou mostrando as doze casas para ela.
- Ótimo, meu pai não está mas eu dou permissão para vocês passarem, agora vaza.
- O que foi que eu fiz pra você me tratar assim?
- NADA Kouga, você não fez NADA.
- Então por que você está assim?
- Por que? eu vou te falar por que, eu estou com ciúmes, eu não gosto de ver você tão próximo assim dela.
- Yuna...
- E você pode até falar que ela é só uma amiga, mas eu ainda vou ficar com ciúmes - eu digo já com lágrimas nos olhos - eu te amo Kouga, e por isso vou continuar não gostando de ver você próximo de outras garotas.
Ele me abraçou.
- Yuna, é normal sentir ciúmes ainda mais quando não contamos pra ninguém que estamos namorando, eu sinto muito se te magoei hoje, prometo que não vai se repetir.
- Promete mesmo?
- Sim.
- Então eu ta desculpado
- Sabe, eu também não gosteide ver você conversando com aquele tal de Thomas.
- Sério?
- Sim, eu quase fui separar vocês dois.
- Seu bobo, você sabe que eu só tenho olhos para você. - eu beijo ele.
- E eu só penso em você, minha ciumentinha.
Ele levou a pirig- quero dizer Kira até os dormitórios e depois voltou e nós ficamos assintindo TV abraçados no sofá até pegarmos no sono.

Continua...


Notas Finais


Se você já leu as notas iniciais não precisa ler aqui por que eu vou dizer a mesma coisa.
Eu quero fazer um talkshow no próximo cap por isso deixem perguntas nos comentários, mas tem que ter pelo menos 5 perguntas ou eu não faço.
Bjsss.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...