História A aposta - Capítulo 31


Escrita por: ~

Postado
Categorias Cúmplices de um Resgate
Personagens Clara Jardim, Dóris Jardim, Felipe Vaz, Fortunato Meneses, Frederico Pereira, Geraldo Saldanha, Helena Agnes, Isabela Junqueira, Joaquim Vaz, Julia Vaz, Laura Antunes, Letícia Flores, Lola Alencar, Manuela Agnes, Marina Lopes, Mateus Jardim, Omar Ferraz, Orlando Junqueira, Otávio Neto, Priscila Meneses, Raul Fernandes, Rebeca Agnes, Regina Junqueira, Sabrina, Safira Meneses, Sandro Cavanhaque, Téo Cavichioli
Tags Refira, Refiraéopoder
Exibições 99
Palavras 1.257
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Famí­lia, Ficção, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Boa leitura !🤗

Capítulo 31 - É de você que eu gosto !


Fanfic / Fanfiction A aposta - Capítulo 31 - É de você que eu gosto !

Amanheceu e logo Paola acordou .

Pa- Ai ! Por que eu fui beber ontem hein ? 

 Estefânia acordou 

E- Paola ? 

Pa- O que aconteceu ?

E- Você foi para a balada com as suas amigas e depois não queria vir embora , então eu tive que ir te buscar . E me parece que você bateu em uma tal de Suzana ...

Pa- Mas por que ?

E- Aí eu não entendi direito , pergunte a ela !

Pa- Se não for abusar da sua boa vontade será que você pode pegar um copo de água para mim e um remédio ? 

E- Ah Paola ! 

Pa- Tá bom deixa que eu pego ! - Levantou mas Estefânia a fez sentar de novo -

E- Deixa que eu pego !

Pa- Obrigada !

 Estefânia foi para a cozinha e a campainha tocou . Paola levantou e foi atender .

Pa- Suzana ?

Sz- Paola sua vaca ! - saiu entrando na casa - 

Pa- O que você está fazendo aqui ? 

S- Você me bateu , não lembra ? 

Pa- Eu ? Por que ?

Sz- Por causa da Estefânia ...

Pa- Ah , me desculpa Suzana , eu estava bêbada ! 

Sz- Isso não é desculpa ! 

Pa- Tá bom Suzana , mas fala baixo porque tem gente dormindo e minha cabeça está estourando ! - Suzana puxou Paola e a beijou -

E- Aqui está a su... - parou ao se deparar com a cena - 

Sz- Estefânia ...

E- Desculpa , eu ... Vou para o meu quarto . - Estefânia estava quase chorando . - 

Pa- Espera ! Não é nada disso que você está pensando !

E- Eu não estou pensando ... Eu vi!

Pa- Ela me beijou ! Estefânia por favor acredita em mim !

E- Por que você quer tanto que eu acredite em você?

Pa- Porque... Porque... - Estefânia começou a subir as escadas - É de você que eu gosto ! - confessou de uma vez -

E- O que ?

Pa- Eu gosto de você Estefânia ... Sempre gostei ! - Estefânia sorriu - 

 Regina e Safira descem para ver o que estava acontecendo.

R- Que gritaria é essa ? Dá para ouvir lá do quarto ! 

S- As meninas estão dormindo !

Pa- Desculpa , foi a Suzana !

Sz- Olha , que ruiva linda ... - se aproximou de Regina - e nervosinha... Adoro ! 

S- VOCÊ VAI ADORAR É A MINHA MÃO NA SUA CARA SE VOCÊ NÃO SAIR DE PERTO DA MINHA MULHER AGORA ! - gritou nervosa e puxou Suzana para longe - 

S- Ui , fiquei exitada ! 

Pa- Suzana vai embora !

Sz- Não tem ninguém na sua família disponível não ? 

Pa- Por que tem que ser da minha família ?

Sz- Porque só tem gente bonita !

R- Isso é verdade !

S- Regina ! 

R- O que?

 Geraldo chega do treino de boxe.

G- Bom dia família !

Sz- Oi delícia ! Disponível ?

G- Sempre !

 Suzana beijou Geraldo e eles foram andando para o quarto .

G- É hoje !

 Todas se olharam e riram 

E- Bom , Dona Paola ... Você me deve explicações .

Pa- Eu ...

R- Ah fala logo garota ! 

Pa- Tá bom . Estefânia eu não te contei nada antes porque eu estava com medo .

E- Medo ?

Pa- Eu nunca fiquei com uma mulher .

E- A Regina e a Safira também não tinham e olha aonde estão .

Pa- Mas é diferente !

R- Diferente por que ?

Pa- Eu nunca me envolvi com mulheres ... Mas a Estefânia ...

E- Ah então é isso ? Não precisa se preocupar ... Eu não tinha encontrado a metade da minha laranja não . 

Pa- O que ?

E- Eu nunca passei dos amassos ... Se é esse o seu medo .

Pa- Sério ?

E- Sim . Mas com você é diferente .

Pa- Por que diferente ? 

E- Você me fez esperar por 3 anos , e eu continuo com aquela vontade . - Paola se lembrou da frase e corou -

S- O que você disse para ela?

R- Eu sempre quis saber !

Pa- É segredo !

E- Eu disse que ... - foi interrompida por um selinho - 

Pa- Fica quieta que você ganha mais !

E- Desculpa não posso contar ! 

 Regina e Safira riram

R- As meninas vão ficar felizes quando descobrirem .

S- Que barulho é esse ?

 Elas ficaram quietas e escutaram os gemidos vindo do quarto de Geraldo .

R- Eita porra ! 

S- Vem amor , isso me deixou com uma vontade ... - Regina pulou no colo de Safira , que a carregou no colo até o quarto .

E- Um dia será nós duas ! - puxou Paola pela cintura colando os corpos - Eu sei que pra você está cedo , mas eu sempre tive certeza de uma coisa - 

Pa- De que ?

E- Eu te amo ! - Paola se emocionou - O que foi ? Eu disse alguma coisa errada ?

Pa- Não é isso .

E- Então?

Pa- É que ... Nenhuma das pessoas que eu me envolvi me disse isso .

E- Mas eu disse , e é verdade ! - Estefânia pegou a mão de Paola e levou até seu peito , Paola pode sentir o coração de Estefânia acelerar - Ele só fica assim quando estou perto de você ! - Paola a beijou - Eu vou cuidar de você para sempre Paola ! - Paola sorriu - 

 As meninas desceram as escadas.

I- Pelo visto vocês finalmente se acertaram né ?

P- Já era hora !

M- Mais enroladas do que as nossas mães ! 

Ma- Beija ! Beija ! Beija ! 

 Estefânia deu um selinho em Paola.

 AEEEEEEE ! - Elas comemoraram

 Regina e Safira chegam na sala .

R- O que perdemos ?

I- Pelo visto nada ! - riu e apontou para as costas de Safira que estava toda arranhada - 

R- Desculpa amor ! - Safira estava vermelha de vergonha - Não fica assim mozão ! - deu beijinhos nas costas de Safira - Depois sara ! 

Ma- Mami ! 

S- Oi meu amor ! 

Ma- O que a mamãe falou é verdade , ela sempre dá beijo nos meus machucados e eles saram rapidinho .

I- Ai meu Deus ! Que irmã fofa que eu tenho ! - Pegou a menina no colo - 

 Dani se aproximou de Regina e ela a pegou no colo .

D- Ma... Mamãe ! 

R- O que ?

D- Mamãe ! - abraçou Regina e a ruiva começou a chorar - 

R- Meu amor você falou !

D- Sim. 

R- Espera... Você sabia falar esse tempo todo ? 

D- Não !

 Regina ficava mais emocionada a cada palavra da menina .

I- Na verdade , Eu as meninas e a Tia Perucas já estávamos a ensinando algumas palavras . Era para ser uma surpresa para o dia das mães , mas alguém se adiantou . - riu - 

R- Obrigada meninas ! Obrigada Estefânia ! 

E- Não precisa agradecer , até porque ela é minha sobrinha né  ? - Paola sorriu - E eu sou a melhor Tia do mundo ! - Paola deu um tapa em seu ombro - Depois da Paola é claro !

R- Você concorda com elas Priscila ?

P- Sim .

R- Como assim ? E eu ?

P- Você não é mais minha tia , é a minha mãe ! - Regina sorriu e Priscila deu um beijo em sua bochecha , mas foi afastada por Dani - 

M- Parece que temos outra Isa na família !

I- O que ?

M- Nada não ! 

Ma- Mami ! - Esticou os bracinhos e Safira a pegou do colo de Isabela - 

P- Outra ciumenta !

S- Tô ferrada !

  Todas riram



Notas Finais


Comentários 👇😘💕


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...