História A aposta - Capítulo 7


Escrita por: ~

Postado
Categorias Justin Bieber
Personagens Justin Bieber
Tags Amor, Aposta, Colegial, Justin Bieber, Romance, Traição
Exibições 63
Palavras 2.562
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Escolar, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Eu sei que disse que ia postar ontem, mas acabou acontecendo uns imprevistos e não consegui. Mas está aqui lindas, espero que gostem! <3

Capítulo 7 - Eu não quero levar essa aposta pra frente


Acordei no terceiro dia da viagem, só tínhamos mais um dia naquele lugar, e eu não sabia se queria sair dali correndo ou se queria ficar mais o resto da minha vida ali. Olhei para o lado vendo que as meninas já tinham saído, me levantei e coloquei um vestido cinza curto cut out com um nó, deixei meu cabelo solto e liso, passei um delineador e pó e coloquei uma sandália nude de salto anabella.

Peguei uma bolsa pequena colocando meu celular e um pouco de dinheiro, desci sozinha pelo elevador até onde era servido o café da manhã, vi as meninas sentadas em uma das mesas, me sentei com elas:

- Bom dia bela adormecida! - Sorri olhando para a Zoe

- Bom dia bonitas. Já comeram?

- Já, só estávamos esperando você vir para irmos para a piscina, vão levar a gente em um shopping hoje, algo assim.

- Tour de compras, vocês não leram o roteiro não? - Olhei para a Rosie com a sobrancelha arqueada

- Não Rosie, ninguém lê aquilo

- Ótimo, coma logo, daqui uma meia hora a gente sai

Ri e fui até o buffet, peguei um waffles com manteiga e quando estava colocando o café na xícara senti duas mãos segurando minha cintura, dei um pulo de susto e ouvi a risada do Justin:

- Calma Lex, bom dia

Virei para ele que me olhava com um sorrisinho, sorri:

- Oi Justin - Ele segurou na minha cintura e senti um choque quando seus dedos encostaram na pele nua da minha cintura, ele se aproximou e beijou o canto da minha boca

- Vai fazer compras ou quer ficar aqui no hotel? - Ele beijou novamente no mesmo lugar

- Estou proibida de ficar no andar dos garotos porque senão vou ser mandada embora Justin, então não abusa

- Podemos usar o seu quarto dessa vez, não tenho preferência - Ele segurou na minha nuca, o empurrei

- Vai arrumar o que fazer

Ele deu risada, peguei o meu café e voltei para a mesa, Zoe não estava mais lá, mas Rosie me deu um sorrisinho malicioso:

- Eu vi o que aconteceu ali Lex, vocês dois vão demorar muito pra ficar juntos?

- Ele estava me provocando - Dei uma mordida no waffle - Só pra variar

- O que ele quer?

- Que eu não vá no shopping

- Entendi, garoto esperto

Dei risada e balancei a cabeça negando, terminei o café e fomos até onde a professora estava, parei do lado da Rosie e fomos de ônibus até o Kukulcán Plaza, saí e andei conversando com a Rosie entre as lojas, não vi o Justin em nenhuma parte do shopping durante o dia todo.

 

(...)

Coloquei um vestido de paetê dourado com mangas compridas e um decote grande na frente em forma de v, enrolei meu cabelo e já tinha feito uma maquiagem com o olho preto esfumado e um batom rosa clarinho, peguei minha bolsa preta e desci até o hall do hotel, Rosie já estava lá com a Claire, e como não gostava daquela menina sentei em um dos sofás que tinham lá, mexi no celular até a professora chamar, entrei no ônibus e sentei do lado da Rosie:

- Uau, está maravilhosa hein Lex? 

- Você e a Zoe somem!

- Desculpa, fui me arrumar no quarto da Claire. Sabe que festa vamos hoje?

- Não sei senhora li o roteiro da viagem 

Ela deu risada, chegamos na frente da boate, a professora avisou que tínhamos chego e nos entregou as pulseiras conforme descíamos do ônibus, entrei no clube e fui para o meio da pista com a Rosie, ela deu uma risadinha para alguém atrás de mim e quando me virei vi o Justin em uma camisa fúcsia e calça escura, com um sapato preto. Ele olhou para o meu corpo inteiro e depois para minha boca:

- Saiu de casa pronta pra matar hoje Lex? 

- Não Justin -ele olhou nos meus olhos- Sai de casa pronta pra beber - Ele deu risada

- Vem, vou te pagar uma bebida 

Ele estendeu a mão para mim, olhei para trás vendo que a Rosie tinha sumido e o Justin também estava sozinho, peguei na mão dele e ele me levou até o bar, pedindo duas doses de vodca com soda, ele entregou a identidade para o barman que afirmou e logo nos trouxe as doses, que pediu também minha identidade e afirmou quando a mostrei. Justin olhou para mim rindo:

- Tem desde quando essa identidade falsa?

- Desde quando queria entrar em uma festa que só entrava acima de dezoito com meu irmão. Ela é bem útil desde então- ele riu- e você? 

- Não faz pergunta difícil Lex

- Qual é!!! Responde!

- No meu aniversario de 17 queria comemorar, eu e o Dean fizemos identidades falsas e entramos em um clube de strip - Dei risada 

- Quanto do seu passado não tem a ver com mulheres Justin?

- Bem pouco dele - Ele veio na minha frente e segurou minha cintura com a mão que não estava segurando um copo- Esse vestido não está fazendo bem pra mim Lex

- Ah é? - ele sorriu, passei a mão por seu tórax até chegar no cós da sua calça, ele se remexeu- Está mexendo nessa parte também? 

Fui com a mão mais para baixo e apertei seu pênis de leve, ele arfou e olhou com intensidade nos meus olhos:

- Droga Lex, não faz essas coisas aqui - Dei risada e tirei a mão lá de baixo, ele apertou minha cintura - Vamos lá pra cima? Acho que é mais calmo

Afirmei, ele sorriu e segurou minha cintura de lado andando comigo até a parte de cima, só tinham alguns casais se pegando. Ele se sentou em um sofá branco que tinha bem no canto final do cômodo, me sentei de seu lado, Justin colocou o braço por cima do meu ombro:

- Por que a parte de cima é sempre onde as pessoas se pegam? 

- É mais escondido Lex - Ele se aproximou de mim e sussurrou no meu ouvido- dá pra fazer umas sacanagens - Dei risada, ele deu uma risadinha- quer testar? 

- Adoraria testar

Ele sorriu e segurou na minha nuca me beijando, sua língua encostava na minha cada vez que ele me puxava para mais perto. 

Uma de suas mãos desceram até o meu quadril, ele o apertou e desceu a mão até a parte da frente do meu vestido, onde ele colocou a mão por baixo.

Seus dedos seguiram até o meio das minhas pernas enquanto ele me beijava, descruzei as pernas e seus dedos encontraram minha calcinha. 

Ele colocou os dedos no meu clítoris por cima da calcinha e eu dei um gemido em seus lábios, ele parou de me beijar e passou a beijar meu pescoço, quando começou a massagear meu clítoris com dois dedos. 

Gemi baixinho e ele mordeu meu pescoço, seus dedos trabalhavam com calma lá embaixo me dando grande prazer, sua boca voltou a beijar a minha, ele me massageou por mais alguns minutos e senti um prazer grande, arfei na sua boca e arqueei as costas para mais perto dele, ele sorriu na minha boca e mordeu meu lábio inferior com força, tirando a mão de baixo do meu vestido e a colocando no meu pescoço. 

Ele voltou a me beijar com sua língua encostada na minha, ele a chupou. Desci minhas mãos até a parte de frente da sua calça, ele arfou e eu massageei seu pênis por cima da calça. Eu sentia seu pênis ficando duro embaixo da minha mão, ele me beijou com mais intensidade, passei a mão devagar em toda a extensão do seu pênis e o apertei de leve, ele deu uma gemidinha e eu soltei voltando a puxar sua nuca contra mim. 

Ele foi parando de me beijar devagar e depois de olhar nos meus olhos durante alguns segundos com uma expressão que eu nunca tinha visto nele, ele falou:

- Lembrei de uma coisa

- O que? 

- Vi o Dean e a Zoe se pegando agora pouco, eles estavam na saída do clube 

- Eu sabia que a Zoe estava com aquele cara!- ele deu risada

- Aquele cara é meu melhor amigo Lex - Bebi um gole da bebida que ainda estava na minha mão 

- Eu sei! Estava brincando - Ele olhou nos meus olhos- quer ir lá pra baixo?

- Está tão bom aqui

- Se já não colocaram naquele maldito grupo do facebook 

- Ainda não perdi essa aposta maldita? Acho que estou meio cansado dela

- Quer desistir? Ainda dá tempo, vou levar uma grana e tanto 

- Ainda tenho esperanças de que você vai se apaixonar por mim Alexandra

- Boa sorte com isso - Ele riu

- Nem um pouquinho? Alguma coisa você deve sentir por mim, vai 

- Sinto- Ele olhou para meus olhos- Tesão

Ele gargalhou e depois beijou meu lábio rapidamente:

- Por isso gosto de você Lex. Vem, vamos dar uma volta lá embaixo

Afirmei, ele se levantou e estendeu a mão para mim, segurei na sua mão e descemos as escadas, na saída da escada encontramos a Daisy com uma amiga atrás de si:

- Ah, que casal lindo! - Ela tinha mesmo uma voz de vadia- já está quase perdendo a aposta Alexandra? 

- Na verdade, a gente só estava aproveitando um pouco- Ela me olhou e franziu o cenho, ela parecia querer me matar

- Aproveitando como? Dando beijinhos no rosto? - Justin riu e respondeu por mim

- Na verdade Daisy, estávamos nos beijando, e sabe como eu gosto de beijar no escuro né? - Ela fez uma careta 

- Vocês são nojentos. Quando perder a aposta me conta tá Alexandra? 

- Não vai acontecer, mas boa sorte Daisy

Ela deu um sorrisinho cínico e me empurrou pro lado subindo as escadas com sua amiga. Olhei para o Justin e ele deu de ombros me levando até o meio da pista, suas mãos seguraram com força no meu quadril e ele começou a dançar comigo. 

 

(...)

- Lex!!!! Acorda pelo amor de Deus! - Abri os olhos e olhei para a Zoe- Olha o que está escrito no grupo do facebook: Lex e Justin curtiram o escuro da festa ontem para uma pegação com direitos a mãos MUITO bobas. Qual vai perder a aposta primeiro? Só temos mais um dia! 

Franzi o cenho e coloquei o braço em cima do olho, estava claro demais. Ela tirou o braço de cima do meu olho e olhou nos meus olhos:

- Lex, me conta o que aconteceu 

- Nada Zoe, a gente só estava se beijando

- Não acha que essas sessões de pegação com o Justin já foram longes demais? 

- Eu não vou me apaixonar Zoe

- Você só tem mais hoje, por favor Lex, não perca essa aposta

- Não vou 

- Agora vem, estamos atrasadas, está tendo uma festinha na piscina

Franzi o cenho e me levantei, coloquei um biquíni preto de bojo que deixava meus seios bem juntos é uma parte de baixo não muito grande. Coloquei um óculos de sol e um shorts e fomos até a piscina, quando entramos na água depois de tirar o shorts me virei para a Zoe: 

- Ah, o Justin me contou que viu você se pegando com o Dean ontem na festa. Gosto de Dean, parabéns 

Ela deu uma risadinha:

- Desculpa por não contar, estava meio envergonhada 

- Relaxa, sei como é

Ela sorriu, ficamos conversando na piscina sobre o Dean, Justin, Rosie, Claire e Daisy até o Justin e o Dean chegarem do nosso lado. Dean abraçou a Zoe e eles começaram a conversar, Justin me olhou, olhou para meu decote e depois voltou a olhar nos meus olhos:

- Oi Lex

- Oi Justin. O que foi? Cansou dos joguinhos? 

- A gente pode conversar? 

Ergui as mãos me rendendo, ele deu uma risada e me levou até o lado da piscina, encostei na parede da piscina e ele parou na minha frente:

- Diga Justin 

- Lex eu não quero levar essa aposta pra frente 

- Não quer perder?

- Não é bem isso que eu não quero. Lex eu não quero mais esse tipo de apostas, eu gosto de você pra essas apostas idiotas 

Meu coração quase pulou pela boca. Gosto de você? Que raios era aquilo?

- Ok Justin, que tipo de jogo é esse?

- Não é jogo porra! - Ele olhou para minha boca e voltou para meus olhos- Você está vendo o que eu digo agora? Quero poder te beijar sem você achar que essa merda toda é um jogo, que eu estou fazendo isso pra te ganhar. Quer dizer, claro que eu quero te ganhar, mas não por causa dessa aposta, porque pra começo de história eu nem queria aceitar ela

- Quer cancelar a aposta? Só temos mais hoje Justin

- Ótimo, fique com o dinheiro, mas depois disso, chega de apostas ok? 

- Você quem sabe, eu nunca entrava em apostas mesmo - Ele riu e beijou meu lábio devagar 

- Posso ficar sem falar com você hoje? Não quero que por algum motivo você perca 

- Não precisa disso Justin

- Não tem nenhuma possibilidade de você se apaixonar por mim? 

- Não agora - Ele deu uma risadinha e beijou meus lábios de novo- Preciso falar com alguém, já volto

Ele afirmou e saiu da minha frente, subi a escada da piscina e andei até a frente do Troy, ele me olhou:

- Lex, último dia! Como vai o coração?

- É sobre isso que quero falar, posso falar com você em particular? - Ele afirmou e andou comigo até uma das partes onde tinham várias mesinhas, sentei em uma cadeira e ele na outra:

- O que quer me dizer? Não me diga que o Justin se apaixonou por você. 

- Não Troy. Na verdade eu queria dizer que vocês já podem pagar pro Justin

Ele arqueou a sobrancelha e tirou o óculos para me olhar:

- O que? Você se apaixonou por ele?

- Sim, prefiro falar com você porque odeio aquele grupo do facebook, mas dê seu jeito

- Você está falando sério Lex?

- Quero falar a verdade antes de sair daqui, dê um jeito nisso tá Troy?- ele afirmou, levantei da cadeira e quando fui sair ele me chamou

- Lex! - olhei para ele - Você sabe que tem que pagar o dobro pra ele né?

- Sei, quanto é?

- Apostamos três mil e meio

- Okay, providencio o dinheiro quando chegar em casa 

Ele afirmou, andei até a parte da piscina e o Justin me olhou com um sorrisinho:

- Volta aqui comigo Lex!

- Vou descansar, não consigo dormir em viagens 

Ele olhou nos meus olhos e franziu o cenho, dei de ombros e continuei andando até o hotel. Eu sabia que não estava apaixonada por ele, pelo menos não tanto, mas eu não queria que ele perdesse a fama que tinha no colégio, e não era tão ruim para mim quanto era pra ele. Subi até meu quarto e me tranquei lá dentro, eu não queria ver a reação dele quando descobrisse.

 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...