História A Aposta - Capítulo 11


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Girl's Day
Personagens Hyeri, J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Minah, Rap Monster, Sojin, Suga, V, Yura
Tags Jikook, Namjin, Vmin Brotp
Exibições 66
Palavras 893
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Escolar, Festa, Lemon, Poesias, Romance e Novela, Yaoi
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Suicídio
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Capítulo narrado pelo Jungkook.
Boa leitura! <3

Capítulo 11 - Te Sinto - Jungkook Version


Yura havia me visitado mais cedo, a odiei internamente por tentar me convencer de que Jimin me amava e não contara antes por medo de me perder. Mas, no fundo, bem no fundo, eu gostaria de acreditar. Eu acreditava.
Não pude deixar de me preocupar ao ouvi-la dizer que Jimin havia tentado suicídio. Meu coração apertou, e eu podia ouvi-lo palpitar, sussurrando para que eu seguisse o seu conselho e fosse até Jimin. Droga. Eu estava me saindo tão bem ao tentar ignorar qualquer coisa que me levasse à ele.

🌸 Flashback on 🌸

- Vá embora, Yura! Eu já disse que não quero ouvir, não me importo! - Gritei.
- Talvez você se importe ao saber que ele tentou se matar!
Minha voz se perdeu, era como se eu estivesse preso dentro de mim mesmo. Jimin tentara se matar, aquilo era demais para mim.
- O quê disse? - Perguntei, esperando que eu estivesse ouvindo errado.
- E você se importa?
- Claro que eu me importo!
- Ora, você acabou de me dizer que não se importa... - Sorriu, indo em direção à porta.
A puxei, a fazendo se sentar.
- Me conte tudo?

🌸 Flashback off 🌸

Eu precisava vê-lo, tocá-lo, senti-lo...
Hospital Velt Will, Rua 13 na Avenida Tokyo. Sim, eu iria.
[...]
Orei internamente durante todo o caminho, esperando que Jimin estivesse dormindo e, melhor ainda, sem visitas. Yura fez questão de me dar todos os horários de visita. Eu sentia que Jimin não estaria sozinho, visto que nossos amigos jamais o deixariam.
Estacionei o carro de meu pai em um dos estacionamentos que cercavam o hospital. Olhei ao redor, olhei para frente, esperei um pouco.
Não estava certo de que deveria entrar. Ah, que se dane!
Apesar de tudo, Jimin ainda era o único em meu coração. Se ele estivesse precisando de mim, eu iria, brigados ou não, jamais o deixaria sozinho em um momento como esse.
Desci do carro, respirando fundo. Caminhei até a entrada em passos leves.
- O-Oi. - Gaguejei ao me aproximar da recepção. - E-Eu gostaria de saber em que quarto está o paciente Park Jimin.
- Oh, sim. - Disse a secretária sorrindo. - Ele está no quarto 13, segundo andar. Ele me parece bastante querido, já perdi as contas de quantas pessoas o visitaram somente hoje.
- Obrigado. - Falei sorrindo.
Minha mãos suavam, minhas pernas tremiam e parecia como se fosse a primeira vez em que Jimin me beijou. Tentei limpar minha mente e focar no que eu estava prestes a fazer.
Entrei no elevador e apertei no botão de número dois. Certo. Quarto número treze.
Procurei pelos corredores, até avistar o quarto número treze.
Me escondi ao ver Hyeri e Taehyung ao longe.
Como eu pensei, todos haviam ido visitá-lo.
[...]
Esperei até que todos fossem embora, o que me pareceu ser logo.
- Psiu. - Sussurrei ao ver Yura. A puxei discretamente - talvez, nem tanto assim - pelo braço, tapando sua boca. - Sou eu.
- J-Jungkook? Quer me matar do coração? - Disse após eu soltá-la.
- Eu vim ver Jimin.
- Eu sabia que você se importava. - Sorriu.
- Não se gabe. Me diga, ele está bem?
- Por que você mesmo não vê? - Disse com aquele tipíco sorriso de canto que diz "eu sabia".
- Ele está sozinho?
- Não. Yoongi está com ele, mas acho que virá embora logo.
- Obrigado, sua doidinha. - Falei apertando a ponta de seu nariz.
- Aish... Tchauzinho. - Disse me dando um beijo no rosto e saindo de cena.
Me aproximei mais do quarto onde Jimin estava, pude ouvir as vozes dele e Yoongi conversando.
Eles estavam falando de mim... Oh, Jimin... Ainda nesse estado, se fazia presente ao perguntar como eu estava. Como eu pude ser tão tosco ao dizer aquelas coisas horríveis à ele? Senti um peso enorme tomar conta de meu corpo ao ouvir, da boca de Yoongi, palavras que eu havia dito. Eu não desejava a morte de Jimin, não agora. Nem nunca.
- Eu sinto muito. Mas, veja, tenho certeza de que isso é passageiro. O amor que vocês sentem um pelo outro é maior do que qualquer orgulho ou obstáculo. - Disse Yoongi.
- É, talvez. - Finalizou Jimin.
Yoongi saiu do quarto logo em seguida, se despedindo de Jimin com um beijo em sua testa. Me escondi em um corredor até que ele passasse, ansioso para ver Jimin. Uma mulher entrou no quarto logo depois - a enfermeira, imagino - a observei injetar algo em Jimin, logo após dizer que o mesmo precisava descansar. Descansar, injeção... Era dopante. Jimin dormiria por tempo indeterminado, eu precisava falar com ele. Agora.
Esperei a enfermeira sair so quarto para poder entrar. Jimin me parecia sonolento e desconexo.
- Jiminnie, eu sinto muito. - Disse me ajoelhando ao seu lado e segurando sua mão. - Me perdoe, eu juro que nunca quis que você estivesse aqui. - Acariciei seu rosto. Seus olhos se fecharam e, naquele momento, eu soube que ele não havia ouvido uma palavra minha sequer. - Eu te amo. - Disse beijando seus lábios.
Eu me levantei e sai, esperando que internamente, Jimin soubesse da minha presença.
Eu voltarei dia após dia, esperando o dia em que ele sairá dali para que eu possa beijá-lo como nunca.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...