História A Babá - Capítulo 37


Escrita por: ~

Postado
Categorias A Feia Mais Bela
Personagens Fernando Mendiola, Letícia "Lety" Padilha Solís, Personagens Originais
Tags Ababá, Amor, Criança, Drama, Ellynblu, Família, Ferlety, Mundoblu, Romance, Tristeza
Visualizações 327
Palavras 684
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Ficção, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 37 - O que?


Fanfic / Fanfiction A Babá - Capítulo 37 - O que?

Fernando e Omar estavam na presidência vendo alguns trabalhos, quando escutaram a euforia das meninas.

 

(F)Mais o que esta havendo lá fora?

 

(O)Eu não sei, eu estou aqui.

 

(F)Disso eu sei, imbécil...(impaciente)

 

Fernando se levantou e Omar o seguiu, saíram da presidência e viram as meninas reunidas, mais não viu Lety e Cristal.

 

(F)Mais o que esta havendo aqui?

 

Falou alto, fazendo a pequena chorar por causa do susto, Fernando ao ouviu o choro da filha se aproximou, vendo Lety e a cadeirinha da filha que estava em cima da mesa.

 

(F)Lety... Não sabia que vinha.

 

(L)Desculpa por não ter avisado, seu Fernando.

 

(F)Não faz mal.

 

Ele olhou para a filha.

 

(F)Desculpa por ter te assustado, princesa.

 

A pegou da cadeirinha, mais a mesma não cessou o choro.

 

(F)Faz ela parar, Lety.

 

Falou com os olhos cheios de lágrimas, Lety sorriu de lado por causa do drama e pegou a pequena, que foi se acalmando mais.

 

(F)Viu, suas bagunceiras, assustaram minha filha.

 

(Sa)Mais foi o senhor, seu Fernando.

 

Lety riu, Omar se aproximou assim que viu Lety.

 

(F)Vamos para a presidência, Lety.

 

(L)Esta bem, foi um prazer meninas.

 

(Tdos)Também, Lety.

 

Fernando pegou a cadeirinha e seguiu com Lety para a presidência, Omar os seguiu, eles foram até o sofá e Lety se sentou com a pequena ainda soluçando em seus braços.

 

(L)Seu papai é mal, não é, princesa, te assustou.

 

Ela falou olhando para a pequena e a colocando apoiada em seu peito.

 

(O)Como vai, Lety?

 

(L)Bem e me chame de Letícia, por favor.

 

Ela falou isso porque não queria dar liberdade a ele, depois de tudo que Fernando havia lhe contado e segundo porque não queria outra briga com Fernando... Fernando segurou o riso, enquanto Omar ficou sem graça.

 

(F)Omar, você não tinha que ir falar com o Luigi?

 

(O)S-sim, com licença.

 

Omar saiu da presidência e Fernando se aproximou se sentando ao lado de Lety e acariciando as costas da filha.

 

(F)Desculpa princesa.

 

Cristal o olhava enquanto tinha a mão na boca, ele a beijou onde acariciava e Lety inalou aquele perfume bom, Fernando a olhou.

 

(F)Senti sua falta.

 

(L)Também.

 

Ele se aproximou a beijando de leve nos lábios e Cristal reclamou, fazendo-o se afastar, Lety riu.

 

(F)Princesa, você tem que reclamar quando outra pessoa se aproximar e não eu.

 

Lety gargalhou.

 

(L)Muito bonito isso.

 

Fernando fez cara de anjo e lhe deu um selinho.

 

(F)Esta tudo bem?

 

(L)Sim, apenas queríamos fazer uma surpresa.

 

(F)Que não deu muito certo como surpresa, por causa do quartel.

 

Lety riu.

 

(L)Sim.

 

Nesse momento a porta se abriu com rapidez, fazendo Cristal chorar.

 

(Lui)Cadê? Onde esta a minha princesinha, Lagartixa?

 

(F)Para de escândalo Luigi, assustou minha filha, sua mariposa desvairada.

 

Lety tentou acalmar a pequena, Luigi se aproximou.

 

(L)Passou, meu amor, calma...(sussurrando)...Não chora princesa.

 

Falava bem próximo ao ouvido de Cristal, a pequena começou a soluçar, acalmando o choro.

 

(Lui)Quem é a diva, encantadora de bebês?

 

(F)É a Lety, ela que cuida da Cristal.

 

(Lui)Que diva, divine, eu quero ela em um comercial.

 

(F)O QUE!

 

Falou alto, Cristal voltou a chorar.

 

(L)Seu Fernando...(o repreende)

 

Fernando a olhou.

 

(F)Desculpa.

 

(L)Não chora princesa, você esta com fome?

 

(F)Luigi vai passear vai.

 

(Lui)Primeiro eu vou vê a lindinha da titia.

 

Fernando revirou os olhos e Luigi se aproximou mais de Lety e de Cristal.

 

(Lui)Oi princesa, você é linda, mesmo parecendo com o lagartixa do seu pai.

 

Luigi olhou para o decote do vestido que Lety usava.

 

(Lui)Diva, que peitos em.

 

Fernando o fuzilou com os olhos e Lety corou.

 

(F)Luigi, deixa minha filha em paz e deixa a Lety, que falta de educação, que isso...(enciumado)

 

Luigi o olhou.

 

(Lui)Você esta com ciúmes Chiquinha, já não basta a Chaves, chegar lá dizendo que você não o deixava chegar perto da diva, agora você, credo, eu já vou porque eu vou almoçar, Chiquinha mal amado.

 

Olhou para Cristal e para Lety.

 

(Lui)Tchau, princesa... Tchau, diva.

 

(L)Tchau...(sorrindo)

 

Luigi saiu da presidência, Fernando olhou para Lety.

 

(F)Vamos almoçar?

 

(L)Deixa eu dar de mamar para a Cristal primeiro.

 

(F)Esta bem, por enquanto eu vou arrumar alguns papeis, não volto mais hoje.

 

(L)Esta bem.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...