História A babá da minha irmã - Calum Hood - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias 5 Seconds Of Summer
Personagens Calum Hood
Tags 5sos, Calum Hood
Exibições 92
Palavras 1.223
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Romance e Novela
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


oi oi amoras.. pra quem já leu minha outra fanfic sabe que eu chamo elas assim rsrs... primeiro essa fanfic calum vai ter 22 e Alice 15 porem pedofilia é crime não estou influenciando ninguém, segundo pode ser considerado pedofilia quando o menor tiver menos de 14 anos.... bom é isso boa leitura

Capítulo 1 - De volta pra casa


Calum Hood

Tínhamos acabado de pousar desci com os meninos e nos despedimos, 9 meses de turnê eu não via a hora de ver minha família principalmente a Emyli minha irmãzinha, ela tem sete anos e é só ela fazer a carinha de anjinho de anjo dela que é capaz deu dar até um carro pra ela. Nós somos muitos apegados então eu estou morrendo de saudades dela, segui pra fora do aeroporto e fiquei lá esperando com as malas por algum sinal dos meus pais mas nada, fiquei lá  por uns 50 minutos e nada dos meus pais, não entendi eu sei que um sábado anoite mas eles não iriam me esquecer, suspirei e  peguei as duas malas em minhas mão com a mochila nas costas e comecei a caminhar até em casa, até que foi bom, rever minha querida Sydney  onde cresci, eu me vi  criança correndo por ai com os meninos na época de moleques.

Cheguei em casa depois de uma longa caminhada estava irritado a menos que meus pais tivessem um bom motivo, toquei a campainha de cara fechada e escutei a risada da minha irmã alta correndo ela deveria estar na sala brincando só de escutar aquela risada eu soltei um sorriso. E do nada uma menina adolescente com certeza, cabelos longos até as cintura o que me chamou bem atenção foi a cor seu cabelo era azul não tudo mas dos ombros pra baixo, e um piercing no nariz,estava com calça jeans rasgada e uma blusa do grean day... 

- Haaam? Calum? - ela chamou e eu a olhei como ela sabia meu nome? ela é uma fã?..

- ha oi eu mesmo.. - disse sorrindo e ela sorrio pra mim também. 

- Emy vem ver quem chegou.. - ela disse alto olhando pra sala.

- Queem Licee? - minha disse correndo pra porta e gritou ao me ver pulando no meu colo que quase me fez cair pra trás a segurei e ela me enchia de beijos sorri e beijei sua testa coloquei no chão, ela foi até  a menina e pediu colo a mesma a pegou. - lice esse é o meu irmão ele é lindo né? - ela sussurrou no ouvido da mais velha como se fosse segredo eu que escutei correi e ri fraco, a menina rio baixinho e concordou com a cabeça ela a desceu.

- vai lá terminar de assistir dance mons amore.. - ela disse pra minha irmã que sorriu e foi correndo pra sala se sentando no colchão depois que ela saiu da minha vista olhei a menina novamente.

- ham só por curiosidade meus pais não tão em casa né? 

- não..- ela disse e eu bufei =  mas ela continuou - sua tia passou mal e seus pais tiveram que leva-lá pro hospital por que seu tio esta trabalhando. -ela disse e eu assenti. - sua mãe me chamou de ultima hora e não conseguiu te avisar ela pediu desculpas..

- não ta tudo bem se for pela saúde da minha tia tudo bem.. - e disse e ela sorriu. 

- quer uma ajuda? - ela disse se aproximando mais e eu me atrapalhei, tá eu não sei por que fiz isso, não vou negar ela é bonito e muito mesmo sendo adolescente ela tem um corpo bom, lindo pra falar bem.. Meu Deus Calum o que vocês tá pensando ela é de menor seu idiota. Sai do meus pensamentos quando ela se aproximou mais e eu deixei a mala cair a mesma abriu por já estar mesmo aberta caindo todos aqueles presentes das fãs que eu tanto amo.

-ai.. - eu disse me abaixando catar e ela me ajudou logo me entregando..

- então se não quer ajuda tudo bem - ela sorriu sem mostrar os dentes e eu ri fraco - qualquer coisa eu estou na sala com a Emy.. - ela disse indo pra sala se sentando do lado da Emy que assistia um programa de dança Eu me ajeitei fechei a porta e subi pro meu quarto há como eu queria minha cama de volta, quando cheguei  no meu quarto fechei a porta e me joguei na cama me ajeitando estava tão cansado não gosto de dormir no avião, me levantei e desfiz as malas peguei uma box e fui pro banheiro depois de um tempo sai enxugando o cabelo só de box. Quando escutei baterem na porta.

- Entra! - falei indo até as roupas que se encontravam na cama a menina de cabelos azuis entrou.

- ai meu Deus.. - ela disse tampando os olhos e eu ri baixo de sua reação.

- eu to de box - disse colocando a  calça.-  pronto - eu disse e ela separou os dedos que cobriam um dos olhos e logo viu que eu tava mesmo  vestido descobriu o rosto com um sorriso sem destes no rosto. 

- bom eu to indo  a Emy ta dormindo, tem pizza na cozinha e eu já avisei sua mãe que você já chegou ela me liberou então é isso.. - ela sorriu simpática - tchau calum.. - ela disse começando a sair.

- ei.. - eu a chamei e ela me olhou - eu nem seu nome.. - disse meio sem graça e ela sorriu.

- Alice, Alice Campbell... - ela disse e eu sorri.

- ok, Campbell, tchau - disse meio fazendo graça e ela riu baixo.

- tchau hood..

- você é fã? sabe até meu sobrenome - perguntei e ela me olhou confusa mas logo pareceu  lembrar de algo. fazendo um baixo ''ah''.

- na verdade.. não conhecia suua banda até sua mãe falar de você, mas escutei algumas músicas suas são legais.. - uou tá bom eu me gabei um pouquinho né.

- ha ta.. - ela sorriu  envergonhada bem sem graça colocando uma mecha do cabelo pra trás.

- ate sexta... - ela disse logo saindo eu a acompanhei até a porta,e de fato seu cabelo era azul um azul escuro quase preto mas muito lindo... MEU DEUS CALUM PARA, sai dos meus pensamentos e me despedi dela novamente fechei a porta quando ela saio e subi pro quarto e não estava com fome se não até comia a pizza, comecei a desenhar, é eu gosto de desenhar desde pequeno e quando fiz treze anos eu comecei a fazer grafite também hoje sou perferquicionista  desenho de tudo pra ser bem sincero desenho muito bem. Olhei de relânci pra janela aberta aqui da frente e encontrei  uma menina de cabelos azuis até a cintura,  era a Alice, minha vizinha? é serio isso? Ela estava de costas, ela tirou aquela blusa e eu arregalei os olhos eu não queria parar de olhar confesso mas quando ela foi tirar a calça eu fechei com tudo a cortina... me levantei e apaguei a luz ligando o ventilador, e deitei na cama meus pais ainda não haviam chego mais eu estava tão cansado, fechei meus olhos e por um minuto a imagem que eu tinha acabado de ver veio em minha mente. - merda! - falei pra mim mesmo, por que eu sou tão escroto ao ponto de achar uma menina com pelo menos 7 anos mais nova que eu? Suspirei fundo e tornei a fechar os olhos tentando não pensar nisso demorou um pouco mas dormi.


Notas Finais


bom é isso :) espero que tenham gostado, e pra minha antigas leitoras eu espero que vocês gostem tanto dessa fic quando da Danguer boy até o proximo cap amoras S2 beijos


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...