História A babá da minha irmã - Calum Hood - Capítulo 7


Escrita por: ~

Postado
Categorias 5 Seconds Of Summer
Personagens Calum Hood
Tags 5sos, Calum Hood
Exibições 28
Palavras 1.675
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Romance e Novela
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


oi oi amoras espero que gostem do cap.. só tem uma coisinha eu basei o niver da Lice como um aniversário americano e lá o ''baile debutante'' é com 16 não 15 mas espero que isso não mude nada... boa leitura beijos beijos

Capítulo 7 - Parabéns Lice


Acordei hoje com uma baita de dor de cabeça, não tinha dormido direito aquelas palavras que eu disse a Alice ficavam pesando em minha mente eu fui muito grosso com ela não deveria ter falado aquele modo estupido ela é só uma menina apaixonada. Só queria faze-lá entender que Ashton não é o que ela pensa , e isso me da raiva não dela mas sim dele, ele sabe como são meninas  nessa idade. Primeiro: ela é uma adolescente ela se apegou com o primeiro namorado, pra ela é como se eles fossem casar ter filhos ser felizes para sempre só pelo jeitinho que ela esta com ele e outra ash só quer come-lá quando isso acontecer ele vai dar um pé na bunda dela, eu só não queria que ela se machucasse com ele em vez disso ela se machucou comigo.

16 de Dezembro: Alice p.o.v

Acordei cedo e vi o ash na minha cama sorri largo ao vê-lo aqui comigo não que não confiasse no meu namorado mas ainda estou com as palavras duras do cal pregadas no meu coração. Ontem eu e o Ash ficamos, eu confiei nele porém eu ainda sou virgem.. como isso? simples eu não deixei que ele fosse pela frente preferir fazer anal, fora que ele disse que preferia também então não houve problema, me mexi de leve na cama meio dolorida, minha bunda doía e muito ash não era pequeno eu acho não sei foi o primeiro membro que vi na vida né...me sentei na cama e ash abriu os olhos.

- bom dia - disse sorrindo pra ele o mesmo sentou e passou a mão no cabelo.

- oi..-ela disse meio seco e eu direi o sorriso do meu rosto.

- tudo bem amor? - disse asilando seu braço.

- sim.. -ele disse e se levantou vestindo sua roupa eu fiz o mesmo sem falar nada. Ash saiu pela janela do meu quarto pelos meus pais não saberem que ele estava lá, porém ele não me falou nem tchau nem nada, será que calum estava certo? ash vai parar de ser como era agora? suspirei e olhei a janela a minha frente,a janela e a cortina do Calum estava fechada mas tinha uma folha  de sufit escrita ''parabéns'' eu sorri involuntariamente mesmo magoada com ele, ele foi o primeiro que me deu feliz aniversário desci e meus pais me esperavam com um café da manha digno de uma princesa os dois me cumprimentaram minha manha foi muito boa afinal meu niver né mas estava animada pra anoite mick e luke iriam dar uma festa pro meu niver e todo mundo da escola vai os meninos me ajudaram bastante a me enturmar fora as vezes que ash ia me buscar na escola e ficava me agarrando era desconfortante mas ele gostava. Almocei com minh família minha mãe fez um bolinho que só ela sabe tava tudo uma maravilha até a campainha tocar levantei pra ver quem era e abri a porta eu não queria mas forcei-me a sorrir pela pequena e linda menininha com um cabelinho roxo nas pontas como o meu só que o meu ta quase o cabelo inteiro.

- oi lice -disse Emy com uma voz docinha e me entregou uma caixa suponhei que era de bombons a peguei no colo e dei um beijo na sua bochecha. - parabéns.

- obrigada meu amor - sorri e olhei o falso asiático na minha frente.

- oi Alice - disse e ele e eu sorri sem mostrar os dentes. - parabéns.. 

- obrigada cal... e obrigada pelo papel na janela foi meu primeiro parabéns.. -eu falei e ele sorriu como ele sorria pra mim antigamente.

- bom.. não é muita coisa mas.. -ele me entregou uma caixinha linda branca com detalhes dourados abri a mesma ainda com a emy no colo e sorri largo era um cordão com um pingente com meu nome e um coração. - prometo que mais tarde o outro que eu queria te dar vai chegar. -ela disse e eu tirei o olhar da caixinha  e direcionei ao seus e quando nossos olhos se encontraram  eu não conseguia mais pensar e algo estava perdida no castanho escuros de seus olhos, por mais que o Ash tenha aqueles lindos olhos esverdeados... eu sempre amei os olhos de calum sempre me atrai por eles, ele não tinha mentiras comigo e eu via isso em seu olhar não importa as palavras dele se eu olhar em seus olhos eu vejo a verdade seja ela boa  ou não.

- obrigada cal eu, eu amei - falei descendo a Emy de meu colo e abraçando ele pelo pescoço, se fosse ash tenho certeza que abraçaria minha cintura e me puxaria pra perto, mas calum ele apenas me abraçou passando a mão nas minhas costas e beijando minha cabeça era incrível que até nisso eles são diferentes. - por que vocês não entram? já estava com saudades da pequeninha aqui..- falei logo apertando o nariz da menor que sorriu e me abraçou de novo, ah como eu amo essa menina e  que eu mais me sinto digamos honrada é ela ter admiração, tanto pelo meu cabelo, ou meu estilo... eu quero que ela tenha seu próprio estilo e acho que ela esta se descobrindo aos poucos. - quer ficar emy?

- eu posso lice?

-claro que pode meu amor -ela sorriu e me abraçou mais forte.

-bom então eu vou deixa-lá aqui depois eu voltou busca-lá..

- não fica.. -falei e ele me olhou. - eu estou sozinha queria ficar com um amigo no meu aniversário.. -sorri fraco sentindo de leve minhas bochechas esquentarem.

- ok.. - ele sorriu e assentiu tornei a pegar a emy no colo e peguei em sua mão o puxando pra dentro.

- pai, mãe eu estou lá no quarto...  - gritei puxando o cal ainda com a emy no colo,quando entrei no quarto e a coloquei na cama olhei calum o mesmo olhava meu quarto. - que foi?

- você é uma caixinha cheia de surpresa hein, uma menina delicada por dentro com um estilo único que ama games,seris de terror porém com um quarto de princesa -ele disse e eu corei é meu quarto era mesmo um quarto de crianças era rosa mas nada muito menininha como o dá emy tinha cd's espalhados todos das minhas bandas favoritas meu vídeo-game estava instalado eu amo meu cantinho.

-é eu gosto assim - olhei ele sorrindo e ele sorriu pra mim também estava com tanta saudades dele sorrindo pra mim assim..- vem vamaos jogar mortal kombat...

- vamos.. to louco pra ganhar de você novamente.

- vai nessa.. -rimos e ele  se sentou na minha cama e eu liguei o vídeo-game peguei os controles e o entrei um  me sentando emy se sentou no meu colo e ficamos o dia lá nos gritávamos, riamos, foi o melhor aniversário que poderia querer mesmo que não esteja com  meu namorado..calum estava comigo e com ele eu era verdadeira não precisava fingir ser o que não sou como faço com o Ash infelizmente. Emy tinha dormido era umas quatro horas decidimos assistir The Walking Dead, eu coloquei e nos sentamos no chão pela emy na cama, olhei a caixinha que o cal tinha me dado e peguei o colar de dentro. 

- cal poe pra mim? - perguntei e ele assentiu sorrindo sem mostrar os dentes me sentei e segurei o cabelo pra cima ele colocou o  colar e eu soltei o cabelo sentindo um beijo depositado em meu ombro o olhei sorrindo e ele sorriu pra mim. 

- vamos assistir? - ele falou e eu assenti dei o play e me deitei no seu colo achei que ele iria resmungar mas ele só me fez cafuné era uma delicia seu cafuné.- senti sua falta lice...- ele disse e eu sorriu o olhei.

- também senti a sua cal..

- eu sinto muito pelo que fiz com você..-ele disse decepcionado mas eu sorri e bei um beijo em seu queixo por ser onde consegui alcançar. 

- tudo bem cal... acho que você estava certo. - disse e ele me olhou confuso eu me levantei e sentei do seu lado abraçando meio joelho.

-como assim lice?

- você estava certo, foi eu só dar pro ash e ele simplesmente me esqueceu... hoje ele estava aqui,nos dois  ele dormiu comigo quando acordou,ele foi grosso acho que nem se lembrou do meu aniversário, eu, eu fui tão idiota.. -sussurrei pra mim mesma sentindo minha face molhar com as lagrimas calum suspiro bem baixo mas eu escutei ele trouxe as mão pra minha face e limpou minhas lagrimas eu sorri e ri fraco e ele me deu um beijo na testa.

- não chora, ninguém merece suas lagrimas Lice nem mesmo ele, Ash é meu amigo meu melhor amigo assim como Luke e Mick, ele é um burro e idiota por fazer isso com você... - ele disse e eu ri fraco.

- achei que iria falar ''eu te avisei alice'' - ele negou e beijo minha cabeça me deitando em seu colo.

- eu seria muito cruel com você e eu não quero ser mais cruel do que já fui...

- você não foi cruel cal você só quis me alertar e hoje eu sei. - eu disse e fechei os olhos sentindo o cafuné. 

- esquece isso, hoje é seu aniversario e os meninos planejaram tanta coisa..

- nem me fala mick fez o favor de me dar aqueles vestidos rodados de princesas - disse e ri com ele. - só esta faltando meu parceiro pra dança.. 

- pensei que iria com ash. 

- Ash não quis e agora  eu também não quero - eu diz e ele assentiu. - vai comigo..? -perguntei sentindo minhas bochechas esquentarem ele me olhou e sorriuo.

- com prazer. - ele disse e eu sorri largo me levantei e o abracei forte nos dois caimos no chão e começamos a rir.Tenho certeza que se depender do cal minha noite será perfeita.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...