História A Bateria Está Muito Fraca - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Suga
Tags Drama, Hoseok, Huga, Sobi, Suga, Termino, Texting, Tristeza, Yoongi, Yoonseok
Exibições 242
Palavras 605
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 12 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Slash
Avisos: Homossexualidade, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


EU TAVA ESCREVENDO UMA JIKOOK VHOPE YOONSEOK NAMJIN AQUI DE BRUXINHOS QUANDO ACHEI ESSE ARQUIVO ENTÃO EU TERMINEI DE ESCREVER ELE E JOGUEI NA RODA, BRODERES
BOA LEITURA AMO VCS

Capítulo 1 - Recarregue o celular.


Sempre acreditei que o nosso relacionamento duraria para sempre.

Sim, eu era ingênuo a este ponto. Eu dizia a todos que me mudaria para um trailer com você, te levando para conhecer todos os cantos de todo o mundo. Contava também que, com você, queria ter mais de dois filhos. Queria encher uma casa com nossos filhos e o nosso amor. Até mesmo apostava que nós nos tornaríamos o casal idoso mais divertido de todo o grupo, sabia? Jeongguk achava que não.

E é até mesmo engraçado ver tudo isso, Hoseok. É bizarro. Porque eu fazia tantos planos para uma relação que acabou juntamente com a bateria do meu celular, como se tudo fosse frágil a este ponto. Eu esperava que você tivesse me parado, que você esperasse minha bateria recarregar ou que, no mínimo, nós nos encontrássemos pessoalmente para resolver tudo.

Eu esperava que você relutasse mais para terminar o nosso namoro.

Até porque, nossa! Foi uma briga tão boba... Não deveria ter acabado daquele jeito.

20%, Hoseok, nós ainda tínhamos tempo.

Nós nos amávamos, eu sabia pelo modo como você me deixava argumentar, me esperava digitar para responder de forma brava. Você ainda era o cara com quem eu namorei durante anos, o cara que só de abrir um sorriso gigantesco poderia me fazer não falar palavrões durante meses. Você ainda se lembra do cofrinho onde eu tinha que colocar dinheiro sempre que falava alguma merda?

Droga, eu já estaria te devendo duas notas agora.

15%, Hobi, você poderia ter esperado.

Você me amava, e eu tinha plena certeza disso depois de tanto tempo juntos, depois de tantos sorrisos e beijos na nuca. Meu coração poderia morrer só de imaginar um mundo onde você não sentisse por mim tudo o que eu sentia por você. Porra. Era tão estúpido, era tão idiota! Nós poderíamos ter esperado e resolvido depois, você sabe disso. Você sempre foi tão paciente... Por que não dessa vez, Hobi, por que não?

10%... Eu te amava muito, Jung.

Eu te amava mais do que minha própria mãe me amava. Eu te amava mais do que Jimin amava dançar, Taehyung amava ser estranho. Te amava com mais força do que as mãos de Namjoon, com mais amor do que Jin fazendo comida. Caralho, Hoseok. Eu te amava tanto... E, mesmo com todas as centenas de palavras que nosso vocabulário tem, eu não consegui me expressar.

E, bem, quase sempre foi assim, não é?

5%. Mas você já não me amava mais.

Infelizmente, eu sabia pelo jeito como sua demora em me responder resultava em curtas palavras e lágrimas grossas. Eu sabia pelo modo como só eu tentava argumentar, só eu tentava te ligar, te fazer sorrir. Porque tudo o que eu precisava, naquele dia, naquela hora, era do seu sorriso. Quer dizer... É dele que eu preciso o tempo todo, ainda.

É do seu sorriso que eu preciso, dos seus abraços. Da sua gritaria nas segundas-feiras de manhã, ou do seu macarrão seco e sem muito gosto. Preciso do seu apoio quando escuta as melodias das minhas canções, dizendo que ficou ótimo. Preciso da sua baba no meu ombro quando cochila deitado comigo no sofá... Preciso das suas piadas quando a semana foi uma bosta e só me restou a sua alegria no final da tarde, embaixo do céu alaranjado que você tanto gosta. Sabe, eu precisava muito de você e acho que ainda preciso, porque mesmo que eu quisesse mentir, eu não conseguiria: você era tudo pra mim.

Sempre foi.

1%, Jung Hoseok, nós acabamos.

E tudo o que sobrou em mim foi você. Ou a lembrança vaga disso.


Notas Finais


BEIJO BEIJO NÃO TERMINEM NAMOROS POR MENSAGENS CAUSE ITS SUCKS TCHAU


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...