História A Beautiful Mistake | Larry Stylinson - Capítulo 5


Escrita por: ~

Postado
Categorias One Direction
Personagens Harry Styles, Liam Payne, Louis Tomlinson, Niall Horan, Personagens Originais, Zayn Malik
Tags Alternative Universe, Gravidez Masculina, Larry, Larrystylinson, Mpreg
Exibições 191
Palavras 1.144
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Lemon, Musical (Songfic), Romance e Novela, Slash, Universo Alternativo, Yaoi
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Gravidez Masculina (MPreg), Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Caramba, me esqueci geral que tinha att hj 😂 foi quase

Cap curto mas importante

Espero que gostem e boa leitura

Capítulo 5 - Memories About a Ghostly Friend


Cap 5 – Memories About a Ghostly Friend


[Liam POV]

- Ok quem é o próximo? – Perguntou Lou, nossa stylist. Estávamos fazendo a prova de roupas para a 2ª parte da turnê e eventos da banda.

- Sou eu, lembra que você ficou de arrumar minha calça? – Disse Louis, pegando a peça.

- Ah sim, veste que vamos ver se precisa de ajuste – Ele tentou vestir a calça mas ela parecia extremamente apertada.

- Não é querendo falar nada, mas eu acho que alguém aqui andou exagerando no Big Mac – Niall ria do desespero do amigo.

- Acho que alguém aqui devia cuidar da própria vida! Lou, vou vestir outra, vai ver é o número – Quando ele puxou a etiqueta deu pra ver escrito "40", o nº normal do Louis. Estranho.

Ele foi buscar outra calça. E outra. E outra. Foram umas 7 calças e nenhuma lhe serviu. E cada troca era acompanhada pelas gargalhadas e piadas do Niall.

- Empurra Louis! Não é possível que nem 42 esteja te servindo!

- Eu to tentando Lou! – Ele deu um pulo e o som de algo se rasgando foi ouvido, fazendo o loiro se romper na risada mais histérica que ele já deu e até eu não resisti.

- Não acredito que estou vivo pra ver a cena mais engraçada do ano: Louis Tomlinson pulando que nem uma jamanta pra entrar numa calça e rasga-la! E ela parece ser caríssima... Se eu fosse você Louise sentava o cacete nele.

- E se eu fosse você querido Nialler revia sua sexualidade, porque falar "caríssima" e "sentar o cacete" na mesma frase...

- Bom se eu for dá ré no kibe pelo menos to em forma e do jeito que você tá maior que o Liam capaz do Harry te lagar ou pior, você esmagar ele – É claro que eu não gostei nem um pouco da piada mas apenas revirei os olhos. Já estava até esperando uma resposta daquelas do castanho mas incrivelmente ele não falou nada. Apenas foi cabisbaixo ao provador.

- Nossa Niall, meus parabéns, toma aqui seu prêmio de "maior babaca do mundo" – Disse ironicamente.

- Isso foi muito rude, agora você pegou pesado – Comentou Lou.

- Mas o que foi que eu fiz? Eu só tava brincando. Aliás, acho que ele anda muito sensível pro meu gosto.

- E em vez de ajudar você faz isso? Essas "brincadeiras" sem graça? Você sabe o quanto ele é inseguro com relação ao Harry.

- Ah Payno não vem tá? Primeiro: você tava rindo também e segundo: o Louis é o rei das shades e do veneno, vive zoando todo mundo e eu que to errado por fazer uma piada? Se não sabe brincar não desce pro play ué.

- Eu sei que eu errei em rir mas nunca falaria algo tão horrível pra ele. Você acha que esse tipo de coisa não chateia? Ah quer saber, eu não vou ficar perdendo meu tempo com você ok? Eu vou ver como ele tá, coisa que era VOCÊ quem deveria estar fazendo – Irritado, me levantei e fui ao vestiário. Ao entrar, vi Louis secando algumas lágrimas e tive a leve impressão que ele estava alisando a barriga.

- Ei, tá tudo bem?

- Sim eu só... Desculpa, eu...

- Você não tem que pedir desculpas de nada, na verdade quem deveria era aquele retardado do Niall.

- Mas o que ele disse até que não foi tão errado, eu realmente to gordo. E se o Harry me largar vai ser com razão.

- Pelo amor de Deus, você acredita nas bobagens que aquela gazela fala? Bota uma coisa nessa sua cabeça: O Harry jamais vai te largar! Ele é louco por você e nunca te trocaria, nem se fosse o Brad Pitt ou aquele carinha lá, o Matthew Daddario – nós rimos – E convenhamos, se ele não te deixou nem naquela época bem capenga sua do começo de banda você acha que ele ia te deixar agora que você tá rico e gostoso pra caramba?

- Não tenta adoçar o remédio pra mim, eu sei que não sou nenhum galã de cinema. Mas você tem razão, nem eu namoraria comigo naquela época, eu tinha muita cara de gay virgem – Soltei uma gargalhada, batendo palmas que nem uma foca com epilepsia. Agora entendo quando alguém me chama de algum animal marinho.

- Mas eu também não ficava atrás, sério, eu tenho tanta vergonha alheia daquele meu cabelo de cumbuca a lá Justin Bieber.

- E o Niall com aquela cara de quem treinava beijo no espelho, cruzes!

- O melhorzinho era o Harry mesmo, mas confesso que ele era bem cafona antes, não que ele não seja agora mas é que agora ele tem dinheiro.

- E o Zayn que tinha cara de maloqueiro e...

De repente, silêncio. Pela primeira vez em meses tínhamos tocado no nome dele; até então era como se fosse um palavrão, uma maldição que em hipótese alguma podia ser dita. Ficamos nos encarando, o clima voltou a ficar pesado.

- Detesto dizer isso, mas eu sinto saudades dele. Às vezes eu me pergunto o que será que ele tá fazendo agora.

- E porque isso importa Louis?

- Olha, eu sei que eu não deveria me importar. Eu ainda to com vontade de socar a cara dele por todas as coisas que ele me disse mas... Eu sinto a falta dele, das zoeiras, das besteiras que falávamos e fazíamos, nós éramos como irmãos! E foram quase 5 anos Liam, eu não posso simplesmente apagar ou fingir que ele não era meu amigo e você não pode fingir que não era seu... Afinal, o que vocês tinham mesmo?

- Se eu te disser que nem mesmo sei... Quero dizer, eu gostava dele mas era uma coisa meio estranha sabe? Não sei se era como amigo ou se era algo mais. A gente até deu um selinho uma vez... Olha vamos mudar de assunto tá legal, eu não quero falar sobre isso, ele saiu da banda, saiu das nossas vidas e não tem mais porque ficar vivendo de passado né?

- Então só me responde uma coisa: você sente saudades do Zayn?

E então tudo me veio à mente: os olhos, o sorriso, o jeito meio bicho do mato mas carinhoso, a forma como ele desenhava, compunha as musicas, a vaidade exagerada, a maneira como ele observava as pessoas e tudo ao seu redor. O modo como me tratava, me abraçava, me olhava...

- NÃO! – Soltei de repente – Eu.. . Não sinto a menor falta dele! Vem, eu preciso voltar porque eu ainda tenho que provar meus ternos de gala – Finalizei me levantando do chão, onde estava sentado ao lado do Tommo e sai, sendo seguido por ele.

Eu sei que estava mentindo mas aquele assunto ainda me doía. E quanto menos eu lembrasse, mais iria esquecer.


Notas Finais


Esse cap não estava em meus planejamentos mas serviu pra dar algumas pistas mais pra frente.

Aliás as coisas vão começar a ficar mais complicadas daqui pra frente...

Até a próxima att!

E sigam-me os bons no twitter: @Krla_Barbosa


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...